Revista GGN

Assine

Marceline, por Ana Muller: Como não apaixonar?

Enviado por Almeida

Quando eu vi você chegando perto
E lhe vi sorrindo
Juro, eu já sabia, que você seria
A minha menina
Minha bailarina
Toda essa rima
Toda minha sina
Todo meu penar
Talvez meu lugar
A minha ruína mais bonita
Ai, ai, meu Deus
Como não apaixonar?
Pelo cheiro dela, pelo beijo dela
Pelo jeito dela de me abraçar

Ai, ai, meu Deus do céu
Onde é que eu vou parar?
Se eu só penso nela, nesses olhos dela
E a saudade dela... um dia vai matar

Fragmentar

Marinheiro

Ah, morena
espera a minha volta, amor
prometo não demorar
prometo lhe abraçar
como a sua pele o sol

Ah..
o mar já não me faz bem
me lembro que lhe deixei
você deitou mais alguém
o mar tirou-me você
o barco me fez refém
o vento sul me virou, morena
então eu me naufraguei

prometo não demorar...

Ah, morena
prefiro morrer no mar
do que de novo encontrar
sua pele morena sem mim
amorenando em outro sol
amorenando em outro sol
morena, prometo não demorar

Média: 5 (1 voto)
9 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Aviso

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O macho adulto branco sempre no comando
E o resto ao resto, o sexo é o corte, o sexo
Reconhecer o valor necessário do ato hipócrita
Riscar os índios, nada esperar dos pretos ♪♫

Leveza

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Leve

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O macho adulto branco sempre no comando
E o resto ao resto, o sexo é o corte, o sexo
Reconhecer o valor necessário do ato hipócrita
Riscar os índios, nada esperar dos pretos ♪♫

Quando Bate Aquela Saudade

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Partilhar

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O macho adulto branco sempre no comando
E o resto ao resto, o sexo é o corte, o sexo
Reconhecer o valor necessário do ato hipócrita
Riscar os índios, nada esperar dos pretos ♪♫

Mobem

...

Quero ser o teu amor
Mais manso, mais denso
Mais santo, mais intenso
Mais bonito...

Diz que vai ficar, meu bem
Que eu vou ficar tão bem
Que eu vou gritar pro mundo
O meu amor

Quero ser teu porto
Ser tua jangada
Quero ser teu coração
Te fazer morada

Meu Amor

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Olha só, moreno do cabelo grisalhinho

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O macho adulto branco sempre no comando
E o resto ao resto, o sexo é o corte, o sexo
Reconhecer o valor necessário do ato hipócrita
Riscar os índios, nada esperar dos pretos ♪♫

Saturno

Vou mais uma vez
Arrastando esses passos tortos
Morto de saudades de você
Louco de vontade de lhe ver

Ah
Se você soubesse
Como o meu coração padece
Não se desfaria assim de mim
Não se desfaria assim

Eu remo contra a maré
Pra ver se afogo essa dor
E vou perdendo a fé
E esquecendo quem sou eu
Remo contra a maré
Pra ver se afogo essa dor
E vou perdendo a fé

As estrelas vão me levar
Para algum lugar seguro
De onde eu possa ver
Os aneis de Saturno

E o anel que eu lhe dei,
Onde está? Se desfez de nós
Meu Deus, me dá a mão
Que dói demais!
Como pode alguém ser tão cruel assim?

Eu remo contra a maré
Pra ver se afogo essa dor
E vou perdendo a fé
E esquecendo quem sou eu
Remo contra a maré
Pra ver se afogo essa dor
E vou perdendo a fé

Vai embora
Deixa a maré subir
E afogar os nossos sonhos

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Adeus

Fiz oração mais bonita
Fiz promessa infinita
Só pra você ficar
Dei o meu peito cansado
Tudo cicatrizado, pra você fazer lar, diz
Diz se não existe carinho
Meu amor faz de ninho o seu próprio lugar
Ah mais se existe saudade
Meu amor já é tarde
Vamos deixar pra lá

Dei meu amor mais bonito
Eu me calei no seu grito
E lhe escrevi uma canção
Bem nessa vida se espera
Todas as coisas belas
Também decepção, sei
Sei que por tudo que existe

Eu lhe faço um convite meu amor deixa estar
Pensa se essa sua verdade
For inteira verdade
E então vá descansar
Sei que por tudo que existe
Eu lhe faço um convite, meu amor deixa estar
Pensa se essa sua verdade for inteira verdade então pode esperar
Um outro amor, um outro amor

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Pão ☭ Paz ✮ Terra ☀

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.