newsletter

Assinar

Comunicação do Governo Federal é uma tragédia, por Augusto Diniz

No período eleitoral, como jornalista, recebia até dez e-mails/dia com iniciativas do Governo Federal e respostas da presidenta Dilma às acusações de opositores. Hoje, no máximo, vem um ou outro release de um ministério, com a lenga-lenga de sempre. Por que o governo não ressuscita a estratégia de comunicação da campanha?

A comunicação do governo é uma tragédia. Foca em responder as acusações pela mídia tradicional que trabalha para o outro lado e tem boas chances de distorcer os fatos na cessão de um espaço que seja à situação. Não faz sentido algum insistir nessa única ação.

Lembro-me bem quando Sarney foi quase derrubado da presidência do Senado, em 2009. Contratou uma tropa de assessores de imprensa, criou uma ação de comunicação contra a crise para responder às acusações e deu certo, a despeito do que estava sendo incriminado.

A Petrobras já foi melhor de comunicação no passado. Criou um blog para se antecipar a possíveis calúnias da grande imprensa. Usava-o a todo tempo. Funcionou e ganhou vários prêmios pela proposta criada – embora carregada de questionamentos no meio porque, por vezes, informava ao internauta o que havia passado a um veículo antes mesmo da matéria sair. Hoje, a empresa encontra-se absolutamente acuada – embora gaste um bom dinheiro mensalmente com assessorias de imprensa terceirizadas em todas as suas áreas.

O Governo Federal usa como porta-voz para responder às calúnias o desacreditado (até pelos seus colegas, que ele mesmo afirma receber “fogo amigo”) ministro José Eduardo Cardozo. É patético!

Também posicionar somente o presidente nacional do PT, Rui Falcão, para se pronunciar sobre as ações contra os incautos, é subestimar a importância da comunicação nessas horas. Os índices elevados de antipetismo não favorecem a réplica pelo partido.

Pior é que há semanas leio em blogs e sites progressistas alertas ao Governo Federal para essa imensa falha. No entanto, não há um sinal de que algo vá mudar.

A atividade dentro do governo chegou ao limite da inoperância. Pode-se alegar que estão esperando os ânimos serenarem na oposição, mas está claro que isso não vai acontecer.

É muita inércia em uma era marcada pelo comunicação estruturada. Daqui a pouco a mentira irá prevalecer.

Vivi 15 anos no mundo da comunicação corporativa (hoje trabalho do outro lado do balcão, como se diz na imprensa), dirigi assessorias e nunca presencie tanto desleixo com a comunicação em um governo, estando certo ou errado.

www.augustodiniz.com.br

Média: 4.3 (16 votos)

Recomendamos para você

45 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Renato Cortez
Renato Cortez

Se algo não for feito

Se algo não for feito urgentemente em relação a Comunicação, o PT não precisa se preocupar com as eleições de 2018 porque Dilma não conseguirá completar o mandato. Carlos Lacerda fez história e parece que nossos dirigentes não aprenderam com os diversos exemplos de ojeriza a Democracia apresentado ao longo dos anos pela nossa imprensa corporativa. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

POR QUE SE COMUNICAR?

Os conservadores já demonstraram o estrago, que a mídia paga pode fazer, quando não se tem uma segunda opinião. Temos cobrado do governo, até o uso dos movimentos sociais, para responder e até se previnir às manipulações da extrema direita. Quando não se ouve um outro ponto de vista, fica difícil; porque quem se cala numa discussão, é visto com o rabo preso. Infelizmente, nem 10% do povão vê a mídia alternativa. A maioria não tem internet, perde o dia inteiro com o trabalho e transporte, e não acompanha a política. Ou seja, o que a globo diz, se não tiver resposta...

Só responder, também não resolve. Porque a mídia oficial dá mais ênfase aos conservadores. Se eles têm as TVs, jornais, e revistas, veículos que chegam diretamente ao cidadão comum, nós temos os movimentos sociais, que não foram usados por esse governo. Se, por exemplo, quando derrubaram o voto impresso, movimentos como a UNE, MST, CUT, etc, fossem reclamar no STF; além de desgastar o judiciário, deixariam muito claro ao povo, a posição do governo. Com o engavetamento do processo sobre o financiamento privado de campanha, ocorre o mesmo.

O PT tem a melhor proposta no Congresso contra a corrupção, o REFERENDO REVOCATÓRIO DE MANDATO. Quantos brasileiros sabem disso? Por que esses movimentos não foram exigir sua aprovação na frente do Congresso? Existe comunicação mais eficiente que essa? Manifestações assim, bem objetivas, não tem como esconder na mídia oficial, deixando bem claro a posição do governo. Se tivessem feito isso, o Suplicy não teria perdido a eleição, e a Dilma engoliria o Aécio Neves, quando foi chamada de leviana. Pois quem diz uma coisa no papel, mas não luta por aquilo, passa a impressão de apenas fingir defender o que propõe. Depois não adianta reclamar, quando é jogado na vala comum, e vira farinha do mesmo saco. 

Sra. Presidenta, o Chaves só não foi deposto, porque o povo foi pras ruas em peso e furioso... 

Seu voto: Nenhum

DEMOCRACIA DIRETA
Porque o Brasil é de todos os brasileiros.
http://democraciadiretabrasileira.blogspot.com.br/
 

Meu caro. Voce está enganado.

Meu caro. Voce está enganado. Tudo neste governo é uma tragédia. Pode pegar qualquer métrica e verás que o país piorou muito com este governo incopetente.

Seu voto: Nenhum

Carlos Batista

imagem de janes salete
janes salete

Marly e Alexandre: penso como

Marly e Alexandre: penso como vocês! O confronto é fatal e  é tudo o que os golpistas querem. Mas, tem horas que bate um desespero que dá vontade de tocar fogo na cautela e partir pra cima. Mas, perderíamos, porque a máfia midi[atica e seus crápulas desvirtuariam tudo, como sempre, e a Dilma, como o PT, estariam quase que sozinhos contra essa corja de larápios que querem "governar" o "paí$" deles. Mais socialistas que esses capitalistas quando os cofres públicos ficam aos "cuidados" de seus "eleito$", não conheço. Tudo vai para seus cofrinhos privados. Mais provas de que o PT não roubou muito, é que eles não conseguem participar do balcão de negócios que é nossa justiciaria. Por isso, sem muita grana, cadeia.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Se eles têm a mídia oficial, nós temos os movimentos sociais...

O governo tem apoio de inúmeras ONGs, associações, e movimentos como a UNE, o MST, a CUT, etc. O não uso deles, fez com que nada fosse oposto ao que a mídia oficial publicava, e quase perdemos a eleição. Isso é fato, e precisamos aprender com nossos erros. Caso contrário, a partir de 2016 esse aprendizado se tornará ainda mais urgente...

 

Seu voto: Nenhum

DEMOCRACIA DIRETA
Porque o Brasil é de todos os brasileiros.
http://democraciadiretabrasileira.blogspot.com.br/
 

imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Vai ficar dormindo?

Ou se mexe ou morre

http://tijolaco.com.br/blog/?p=23489

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de ana s.
ana s.

SEÇÃO DE ESPAÇO?

A comunicação do governo é uma tragédia. Foca em responder as acusações pela mídia tradicional que trabalha para o outro lado e tem boas chances de distorcer os fatos na seção de uma espaço que seja à situação.

Acho que o autor quis dizer (ou escrever) cessão.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Tem razão

Tem razão Ana. Eu quis dizer cessão ao invés de seção. Obrigado pelo aviso. Acertarei isso. Um abraço. Augusto

Seu voto: Nenhum

Augusto Diniz

imagem de Wong
Wong

Comunicação Social: Um momento de Transição

Eu também compartilhei as "verdades" apontadas pelo Augusto Diniz.

Porém, notícias esparsas dão conta de que Dilma, como todos,também ficou "estarrecida" com a própria reação do PT, feita através de "lacônica" notinha de desmentido à Impresa, no recente episódio em que se denuncia que as Propinas Empresariais eram "lavadas" via Doações Partidárias Legais.

Ora, se tais Doações "entraram" por vias legais vigentes, e sendo público que a maioria dos Partidos se beneficiou desse Mecanismo, como entender a acanhada reação do PT?

Está ocorrendo um Fenômeno com a Esquerda.

É a Síndrome do "Ótimo é Inimigo do Bom".

Enquanto a Direita fica esbravejando "nonsenses" (que, de forma coordenada, é repercutida, sempre positivamente, pela Mídia em uníssono),a Esquerda só se manifesta quando tem TODOS os dados nas mãos.

Veja o caso de hoje com relação a divulgação do IPCA.

Enquanto a Mídia massacra e berra uma bobagem Estatística (que se saiu da Meta pela Quarta vez), a Esquerda precisa ficar levantando Dados e Tabelas para responder:

http://www.ocafezinho.com/2014/12/05/inflacao-de-novembro-e-a-menor-em-4...

Com tantos escândalos e denúncias (Verdadeiras ou Falsas), e, a falta de um "carinho" por parte da nossa "Grande Líder" Dilma, está se estabelecendo um sentimento de Viralatas na Esquerda.

Isso se manifesta através de outra Síndrome, o da Ofélia:

http://globotv.globo.com/rede-globo/zorra-total/v/ela-so-abre-a-boca-qua...

Acabaram-se as certezas, a fé, a emoção...

Daí, quando ofendidos, incessantemente pela Direita/Mídia, a Esquerda voltar-se para a segurança dos Dados e Tabelas, antes de se responder ao caluniador.

Aí será tarde, pois a Massa já leu a Manchete da Veja...

 

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Rogerio0512
Rogerio0512

Turbulencia

Parece que o governo e o PT sabem que, se a situação deles é ruim a dos opositores e PSDB é pior porque perderam as eleições e governos importantes. Então o governo deve estar a contra-gosto de muita gente esperando a hora certa de reagir, até porque mais a frente vai haver uma fadiga nos noticiarios por conta da mesmice e dos desgaste de imagens negativistas dos opositores.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de El Bartho
El Bartho

ou...

Ou a SECOM é composta por idiotas ou é mal intencionada, só que foi nomeada pela Dilma, então ela é RESPONSÁVEL. Só voto no pt (minusculo mesmo) por falta de opção, se aparecer uma terceira via de verdade já era.....

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Franbeze
Franbeze

Faz muito tempo que muitos de nós

aqui já falávamos da incompetência do Governo Federal na comunicação. Esse marasmo vem desde o Lula. Por causa disso chego a conclusão que o PT foi totalmente desconstruído. O PT já vai virar um partido nanico a partir das eleições de 2016. E o que vai irritar é a choradeira geral no PT. Vão falar para os quatro cantos que deveriam ter feito isso, ter feito aquilo e o leite já foi derramado. Enquanto isso o partido dos tuCANALHAS vai agradecer muito e o PIG vai manipular como nuca o povo brasileiro. Eu pensava que o Lula e a Dilma fossem mais inteligentes. Me enganei. Em suma: estamos presenciando o fim de um governo trabalhista e o surgimento do retorno de um país que pertence a poucos. A América Latina também vai junta com o Brasil para o buraco com retorno da direita nazista ao poder.

Seu voto: Nenhum

Cabível o alerta do

Cabível o alerta do jornalista. Só que no âmbito do antigo blog e agora Portal GGN nunca faltaram comentários e sugestões acerca do que foi, é o maior problema dos governos petistas: a inexcedível preguiça ou covardia ou incompetência ou tudo isso somado no que diz respeito à Comunicação. Um caso já para ser servir de tema para pesquisas acadêmicas. Ou, no limite, de psiquiatria mesmo. Esse escriba do alto da sua insignificância já bateu tanto nessa tecla que o teclado quebrou.

Patéticas, para sermos generosos, as pontuais aparições do ministro da Apatia, digo Justiça, com ar "indignado" para rebater a midiazona. As notinhas, quando saem, são cheias de dedos para não confrontar os detratores e tãom inofensivas quanto um gatinho com as unhas aparadas. 

Coloca o senador Requião um mes como responsável pela área que a coisa muda de figura. 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Jackson Barreto
Jackson Barreto

Fórum Interconselhos reunirá representantes da sociedade civil

http://www.planejamento.gov.br/conteudo.asp?p=noticia&ler=11834

 

Planejamento e InvestimentosFórum Interconselhos reunirá representantes da sociedade civil para debater políticas públicas Publicado: 4-12-2014

Na próxima segunda-feira (8), será realizada a 5ª edição do Fórum Interconselhos, no auditório do Anexo I do Palácio do Planalto. O encontro discutirá políticas públicas como parte do processo de monitoramento participativo do Plano Plurianual (2012-2015) do governo brasileiro.

O Fórum reunirá representantes do governo federal, membros da sociedade civil nos conselhos nacionais, entidades e movimentos sociais. Será apresentado balanço da dimensão estratégica do Plano Plurianual (PPA) para políticas de promoção a igualdade racial, comunidades quilombolas e tradicionais, indígenas, políticas para mulheres, crianças e adolescente, juventude, idosos, pessoas com deficiência, população em situação de rua e LGBT.

Os participantes terão a oportunidade de debater a elaboração e o monitoramento do Plano Plurianual (PPA) para o novo ciclo de planejamento (2016-2019). Além disso, será apresentada experiência inédita de cooperação federativa, estabelecida entre o Ministério do Planejamento e a Coordenadoria de Políticas de Juventude da Prefeitura de São Paulo, para elaboração de políticas públicas voltadas a juventude. O processo faz parte da territorialização das Agendas Transversais.

Durante o Fórum, serão entregues ao governo federal oito Planos Plurianuais Territoriais Participativos (PTPs), projeto realizado em conjunto com a Frente Nacional de Prefeitos, que busca estruturar, juntamente com os consórcios públicos intermunicipais, um sistema nacional de planejamento baseado na articulação dos PPAs federal, estadual e municipal.

PRÊMIO

Em maio deste ano, o Fórum foi premiado pela Rede de Administração Pública das Nações Unidas (UNSPA) como uma das melhores práticas inovadoras internacionais de participação social. O prêmio internacional é considerado um dos mais importantes na área de gestão pública.

O encontro é organizado pelo Ministério do Planejamento em parceria com a Secretaria Geral da Presidência da República.

Saiba mais sobre o Fórum Interconselhos.

Serviço
Data: 8/11/2014
Horário: 9h30 as 18h00
Local: Anexo I do Palácio do Planalto

 

Seu voto: Nenhum

A Lei de Médios, o PT e a oposição:

A Lei de Médios, o PT e a oposição: caminhos para uma nova realidade.

 

Existe no Governo Federal um claro posicionamento pelo não enfrentamento direto com a velha mídia e a oposição política por ela financiada, que hoje, é praticamente, a única oposição em visibilidade de votos significativos no Brasil. 

Tenta o Governo Federal e o PT vencer esta disputa com a velha mídia e sua oposição política, deixando exposta aos brasileiros à radicalidade dos políticos da direita midiática e o partidarismo da mídia hegemônica. 

É a tática do Governo, queiramos ou não. Vencer pelo cansaço, pela ficção que se enredaram estes dois grupos e pelo caricato, se me entendem.

O Governo não tem uma política de comunicação mais eficaz e de enfrentamento ao noticiário da velha mídia porque se crê, ainda possível, uma mudança de rota dos agentes da "desinformação - a velha mídia" por uma atitude e necessidade de "sobrevivência".  A credibilidade da mídia hegemônica no Brasil só tem lugar nos incautos. 

A sociedade mais organizada e letrada sabe, em sua grande maioria, do partidarismo da mídia e se ela fica do lado do PSDB numa eleição, nada tem de moralismo ou por querer “mudanças”, é por "ideologia" e defesa de classe social. 

O PT é um partido que vivenciou o Poder de maneira acomodada, a partir da credibilidade crescente de LULA, referendada por pesquisas de opinião. O PT se valeu delas nos trackins diários e lá se baseou a conduta diária do partido, que não quis ser revolucionário e sim: conciliador de classes. 

Não nos esqueçamos de que o PT é Partido dos Trabalhadores e não um Partido Socialista ou Comunista, estes querendo romper com os pilares do Sistema capitalista. Sejamos realistas. E foi muito bem em defesa da classe trabalhadora gerando milhões de empregos, formalização de muitos trabalhadores com aumento de renda e novas leis trabalhistas desde que assumiu o Poder em 2002. O PT, recapitulando, é trabalhista não é socialista ou comunista.

Ele fez do cálculo dos votos e da aprovação em pesquisas a sua forma de manutenção no Poder. Sempre esteve em vantagem contra aqueles que se fizeram oposição ao partido. A conta dava positiva e assim, pelas beiradas, foi colocando os pés no seio da sociedade, melhorando paulatinamente, mas sem pressa e radicalidade, os índices sociais e econômicos do Brasil sem se contrapor ao Sistema, porque ele não quer romper com o Capitalismo.

Não há interesse em radicalizar. 

Porém, parte do outro lado radicaliza o tempo todo. E, quer cada vez mais solucionar suas derrotas através da destruição da imagem do PT perante a sociedade. Crê até em não diplomação da Presidenta, em impeachment, etc.  

É uma disputa em que existe a situação de que a chave do cofre está com o PT, sem que ele tenha as chaves do Poder, estas ainda, se dividem entre diferentes agentes, muitos deles de uma "elite retrograda": antinacionalista, privatista e neoliberal. Como é o caso de um dos seus porta-vozes, o ex-presidente FHC que é capaz de falar mal do Brasil pelo Mundo afora.

A oposição e a velha mídia creram na derrubada do PT do Poder em 2014, tudo fizeram de 2013 para cá, aproveitando-se das jornadas de junho, das notícias de apagões que não vieram, do “suposto” fracasso que seria a Copa do Mundo no Brasil, das delações premiadas e dos vazamentos seletivos da Operação Lava-Jato, da Petrobrás, etc. E mesmo assim perderam a Eleição com o "bom moço" e galã de novelas mexicanas: o Senador Aécio Neves!

Era a cartada perfeita: um galã, o Collor mais simpático, a saída para a vitória eleitoral e restituição da chave do cofre. Mesmo com todas as armações eleitorais e a tática de rebaixamento do PT ao lixo, perderam. Talvez, escolheram o personagem errado para vencer a trama, porque o filme do Político Honesto não se casou com Aécio, era preciso casar personagem com mundo real e esqueceram-se disto! 

E essa Internet furando o bloqueio da mídia, que sacana que ela é!

O galã Aécio perdeu no fogo amigo, também! O que seria um alerta para ele saber que o PSDB de São Paulo é quem manda, ajudou a derrubá-lo, via Aeroportos de Cláudio e Montezuma. 

Hoje, a disputa é esta, o PT crendo que a radicalidade perderá espaço. Os Pitbulls da Mídia e do PSDB “incivilizado” crendo que a radicalidade vai derrubar o PT. 

Cada um joga as suas fichas de olho no Poder central. Um para mantê-lo sem radicalizar e parte do outro lado para recuperá-lo radicalizando. (Hoje se tem uma situação dividida na Direita, parte querendo civilizar-se para de fato vencer em 2018).

Estamos querendo do PT o que ele não está disposto a nos oferecer de imediato. O PT continua em seu caminho de não confrontação com as elites, sua mídia e seus políticos de aluguel.

Uma regulação econômica da mídia poderá ser buscada, porém, o embate se dará em condições normais de temperatura e pressão. A sociedade organizada é quem precisa estar alinhada com esta luta, o PT é a síntese da conciliação de classes. Nesta linha se mantém, nesta linha atuará.

Quando se buscam alternativas para a mídia brasileira é preciso que nós, enquanto sociedade nos posicionemos e saiamos para a luta. O PT recebe o sinal, não avança o sinal verde se não tiver respaldo social.

A tática do cálculo eleitoral está mais forte do que nunca. Com a radicalidade da conduta de um Senador da República como é Aécio Neves, que aceita apoios para lá da extrema-direita, quase certo, acarreta no PT o movimento da calmaria, novamente.

Deixa o outro perder o controle. O cofre nós temos. A Revista Veja já pagou o pato e ficou sem verbas publicitárias. O próximo veículo de comunicação a perdê-las quem será?

Dos dois lados existe receio, só perderão os políticos radicais se a poeira da velha mídia baixar por um corte substancial das receitas publicitárias governamentais. Dilma e os marinhos conversaram. Publicidade governamental: Esta foi a pedra de toque, o fulcro da conversa.

O perdedor, se for a mídia tradicional, não se recupera. O PT tem a chave do cofre e calcula. A Lei de Médios pode nascer do simples corte das verbas publicitárias do Governo Federal nas mídias hegemônicas. E todos nós sabemos que hoje não se perde nada ao não anunciar na velha mídia. A audiência e leitores dela estão diminuindo a cada dia e perdendo espaço para o mundo digital, a Internet está comendo pelas beiradas e cresce sua participação, irrefreável na divisão do “bolo” publicitário.

Anuncia-se apenas o estritamente necessário e veja o que acontece.

Certamente, alas da Direita, com penetração na velha mídia se aperceberam de que não é garantida a vitória em 2018 da forma como agem. Se não deu com Jornadas de Junho, Apagão, suposto fracasso da Copa do Mundo, “Petrolão”, capa criminosa da Veja é sinal de que a tática é arriscada e pode colocar mais uma vez o PT no Poder em 2018, mesmo não sendo Lula o candidato. E estar associado ao impedimento da candidatura Lula pode não trazer dividendos eleitorais, digamos a verdade.  

Uns ainda se valem da tática do anti-petismo e radicalização do discurso: Aécio e Cia. Outros querem o caminho da Política tradicional com ajuda da mídia, como tem feito Alckmin, colocado na imagem de conciliador e de sujeito que está buscando soluções administrativas para a questão da água no Estado de São Paulo. Imagem do bom administrador sem a violência nas palavras e atos. Ele será o candidato da oposição via política tradicional em 2018, e digamos a verdade, sua imagem tem passado ao largo da Revista Veja. E, ele, espertamente, não tem se valido da extrema-direita e das montagens midiáticas com seus simpatizantes na sociedade para sua autopromoção.

A radicalidade não vai vencer no Brasil. E por quê? Porque a sociedade não quer. E o Brasil quer se movimentar para frente, girar a roda. A vitória da LDO do Superávit Primário de Dilma foi uma vitória do empresariado, do agronegócio e da classe trabalhadora, também. A turma do quanto pior melhor não tem mais vez. Temos é visões distintas de desenvolvimento e do papel do Estado, aqui a luta renhida entre as forças do capital e dos trabalhadores.

Traduzindo os passos deste final de ano eleitoral e o filme se repete na tela dos cinemas e TVS do Brasil (metaforicamente):

Aécio perdeu. Dilma ganhou. O PT espera a poeira baixar. O Governo Federal faz a tática da ameaça do corte de publicidade idêntico à Veja para a Rede Globo e se acomodam as coisas.

Isto não significa trégua. Apenas, que se fará oposição ferrenha sem golpismo. Hoje, não é certo o lado que vencerá, mas a Democracia é certa que prevalecerá. A Rede Globo sabe que não pode atravessar este sinal, só numa conjuntura muito específica e improvável. O Senador Aécio atravessou o sinal vermelho e virará pó.

2018 será a Eleição em que o candidato da Direita virá travestido de Político com propostas, novamente, bom administrador e competente. A imagem a ser criada será esta. O PT vai enfrentar uma Direita outra, com candidato propositivo, não, apenas anti-PT. Um candidato que se mostrará mais capacitado administrativamente que o do PT, com sua mídia o tornando mais capacitado do que é e incapacitando o candidato petista.

O Governador Alckmin já está em campanha via imagens subliminares: trabalhando em prol do Estado de São Paulo. Vai ser assim até 2018.

Não fujamos da realidade. A Lei de Médios somos nós, enquanto sociedade organizada, nós é que poderemos realiza-la nos mobilizando e pressionando as autoridades competentes. O PT desde sempre reage aos impulsos externos. Se quem tiver mais força forem os Pitbulls da extrema-direita ela não sai, se for a sociedade organizada sai.

Não queiramos exigir do PT o confronto. Ele vai pelo caminho que a sociedade desejar, mas nós precisamos ser a voz da sociedade para ele nos acompanhar.

Nas jornadas de junho de 2013 a Presidenta Dilma caminhou de encontro com as reivindicações da sociedade naquele tempo. Se as esquerdas tiverem uma conduta de união e de pressão social suas demandas serão atendidas, porque não se questiona a legitimidade de milhões de democratas em busca de uma Imprensa melhor, de um Brasil desenvolvido, certo?

Vencer é continuar a batalha pela vitória para além da Eleição. Só não pode é cada um da esquerda querer o seu ponto de vista depois do resultado. Não é com desorganização e brigas internas intermináveis nas esquerdas que uma Mídia democrática surgirá no Brasil, e sim da união e organização de frentes de batalha em que se deixem as questões pessoais e partidárias num patamar abaixo da agenda principal.

Como vamos nos unir em torno de uma Lei de Médios? Esta a pergunta diária que deve ser feita pelas esquerdas. Que vençamos pela união, esta a maneira prática de se melhorar a qualidade da Imprensa no Brasil, sem nos esquecermos de que o Governo Dilma é um Governo de coalizão, venceu com apoios de diferentes partidos à esquerda, ao centro e à direita no espectro político. Venceu com seus 12 minutos de TV, não nos esqueçamos disto. E, sendo assim, o Governo Federal vai para além dos desejos de um esquerdista convicto, certo?

A coalizão e a conciliação de classes devem ser pesadas nas críticas ao PT e o Governo Federal. Democratizemos nós a Mídia. Lutemos em uma frente única em prol da Lei de Médios e venceremos.

Lei de Médios: a derrota dos Pitbulls aecistas e a vitória de nós democratas se confirmará da organização, união e luta numa mesma direção, sem isto, perderemos todos nós brasileiros e patriotas. Temos um Governo de centro-esquerda no Poder, já é meio caminho andado, não é verdade?

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de mauro silva 1
mauro silva 1

pontos discordantes

caro alexandre

o pt em nenhum momento "vivenciou o poder" de maneira tranquila. isso jamais aconteceu com governos trabalhistas no brasil.

a questão colocada pelo augusto é a absurda falta de comunicação do governo federal.

breno altman, sobre o mesmo assunto, faz uma indagação interessante e proponho-a a vc: em qual 'manual', o melhor remédio contra os fascistas seria a "politização da direita frente a despolitização da esquerda"?

os eleitores de dilma são filhotes de pelicano sem capacidade de digerir por completo a realidade política? "confiem em nós porque estamos dando cordas para os fascistas se enforcarem"? é isso?

esse raciocínio não é um tanto piegas na medida em que tal estratágia foi tentada, há 90 anos, junto a um povo muito mais sofisticado politicamente que o nosso, o alemão?

deu no que deu!

o que, ou quem garante que a "radicalidade (de direita) não vai vencer no brasil"?

dilma foi escolhida pela esquerda para liderá-la pois a direita não votou nela: a maioria dos votos que a reelegeu, e elegeu em 2010, vieram da maioria progressista que é a maioria do povo brasileiro.

é a mesma maioria que apoiava jango quando, mais uma vez, deu no que deu: a radicalidade de direita.

a tal tática de "vencer pelo cansaço" só teve um efeito: cansou aqueles que reelegeram dilma e que se dão conta do passa-moleque recebido dela em troca: kátia abreu ministra da agricultura e os comandos da economia e banco central nas mãos de tecnocratas "com trânsito" junto ao "mercado".

enfim: como se fosse um violino, seguraram o poder com a esquerda e tocam-no com a direita.

essa tática só desnuda um fato: a esquerda brasileira foi vítima de um estelionato eleitoral.

o povo brasileiro não tem tempo para dançar valsa: '1 prá lá, 2 prá cá': as políticas públicas devem ser cada vez mais ousadas se se pretende dar um mínimo de dignidade a todos porque muita coisa tem que ser feita para atingir-se esse objetivo.

Seu voto: Nenhum

Mauro Silva

Claro que não vivenciou. 

Porém, a tática do PT foi a da conciliação, de não bater de frente com a velha mídia e a oposição.

Venceu 4 eleições neste caminho. Na terceira vitória tentou uma aproximação mais direta com a velha mídia, até com Dilma indo na Ana Maria Braga e saindo na Capa da Veja.

Hoje, parece que não dá mais para ser assim. Ou, talvez, a radicalidade da Direita via Aécio possa estar dando um tiro no pé e colocando o PT com força para continuar no Poder mais a frente sem grande enfrentamento com a Mídia. 

Alckmin é quem está mais esperto. A quase totalidade das pessoas tem aversão ao radicalismo seja de esquerda ou direita. O mundo deve ser visto com olhar na realidade. 

Será que vai vingar a bravata do Aécio ou a cordialidade de Dilma? Não sei responder. 

Se vão tentar um golpe? Existe conjuntura favorável? Creio que não! 

Só sei que não me surpreende as escolhas de Ministros de Dilma.

A Kátia Abreu não foi nomeada ainda, pelo que lemos.

O Governo foi eleito a partir de uma aliança de partidos da esquerda até a direita. Não se teve 12 minutos no harário eleitoral de graça. Foram costuradas alianças políticas e que deram sustentabilidade ao Governo em muitas de suas conquistas e no período eleitoral. Não se pode dar as costas a estes aliados, eles, também, ajudaram na Eleição de Dilma.

As esquerdas não tem toda essa capacidade de angariar votos, vide o parlamento conservador. 

Um dia quem sabe poderemos ter esquerda no Poder com apoio político de esquerda apenas numa Eleição. Hoje, não é assim. Vencer foi além da esquerda. 

Eu, de minha parte, sabia em que conjuntura estava votando. Não sinto ser um estelionato eleitoral. Os votos de Dilma estão para além das esquerdas, penso eu.

Um abraço,

Alexandre!

Seu voto: Nenhum
imagem de mauro silva 1
mauro silva 1

usando o velho chavão, não se

usando o velho chavão, não se faz uma omeleta sem ...

os fascistas; os nazi-udenistas empurraram o governo trabalhista para a defensiva no momento que este venceu as eleições presidenciais por total incompetência de comunicação.

de fato, essa mesma incompetência diminuiu a representação parlamentar das esquerdas no próximo congresso.

por que? porque, há 8 meses o sr gilmar mendes, vulgo gilmar dantas, numa chicana ridícula, 'pediu vistas' em processo que acaba com o financiamento privado.

e o congresso eleito é o mais conservador desde as eleições de 1970 as custas do financiamento privado que a maioria do supremo já decidiu que é inconstitucional mas a decisão está impedida pelas vistas do sr grampo sem audio.

onde está o ministro da justiça?

e mais: o sr sérgio moro negou ao congresso nacional; aos representantes eleitos pelo povo, acesso às tais 'delações premiadas'.

o que acontece?

o congresso nacional fica sabendo aquilo que o sr sérgio moro e seus parceiros na operação lava-jato deixam vasar para a mídia corporativa, pela mídia corporativa.

onde está o ministro da justiça?

onde está a chefe do executivo quer não dá um basta a essa palhaçada golpista?

como um chefe pode levantar o moral dos comandados se não se manifesta às contestações daqueles que pretendem tirar-lhe a chefia?

a tropa está perdida; acéfala; sem comando, e nessas condições é presa fácil da derrota.

o problema está nessa inação injustificável ou estão com medo do blefe de 64?

se for isso, está na hora de pagar para ver o que o império tem a mostrar.

... ou renuncia.

Seu voto: Nenhum

Sem confronto em Sem Confronto, o PT Vai Perdendo Liga e Ponto

Tudo muito bem, tudo muito bom, mas em quatro anos de mutismo e saco de pancadas para toda e qualquer freguesia que se habilite a tanto, conseguimos como grande resultados, ver afastados da política, condenados e presos, Zé Dirceu, Genoíno, João Paulo e Delúbio e com isso o partido esgarçar-se, reelegermos a presidenta Dilma contra o cheiroso candidato dandi e contumaz construtor de aeroportos com dinheiro público, próximos as fazendas da família, no "foto-chart" e sabe-se lá como, tendo Mercadante como primeiro conselheiro, reduzir a bancada federal em 14 deputados, com a proeza de não eleger um único em Pernambuco, e sem esquecer da grande façanha, de ter deixado jogarem na lama, sobretudo em São Paulo, o nome do partido construído pelos esforços e dedicação da abnegada militância, por décadas, como sendo uma reles organização criminosa e partido da corrupção, graças ao "silêncio dos inteligentes", enquanto a grande parcela de brasileiros beneficiada pelas políticas públicas, por falta de formação política conjunta, votavam contra a presidenta, obsequiosamente muda, e ladravam como papagaios rolabostas, mantras contra o PT.   

Não apenas levamos e continuamos levando bordoadas e bordões, exatamente dos reais reis da corrupçao e seus fiéis comparsas, como ainda temos que aguentar a reiteração burra da tese de "não cutucar-se a onça com vara curta", sem ao menos notar que a tal da onça anda banguela, há muito, mas logo, logo, esses inteligentes do silêncio obsequioso e do culpado por qualquer obra, como estratégia política, irão conseguir dotar a onça de dentes e aí finalmente despertos, virão pedir socorro para essa mesma militância que hoje insistem em não notar, quanto mais ouvir.        

Seu voto: Nenhum

Fr@ncisco!

Tomara que mude a Política de comunicação. Foi a tática da conciliação (mesmo que de forma desigual) e das pesquisas diárias o caminho até aqui. O PT não quis um enfrentamento direto com a questão da Mídia e dos monopólios, da propriedade cruzada, etc. 

Discutamos caminhos para mudar este quadro. Precisamos modernizar a oposição, ou seja, a velha mídia. 

Nós das esquerdas temos que nos mobilizar para isto acontecer. Somos milhões e muito mais conscientes que os grupos minoritários da extrema-direita. Saiamos às ruas, também, a reivindicar uma outra mídia e um Governo mais progressista.

Só que não adianta, penso eu, acuar o Governo e só criticá-lo, precisamos é colaborar para que se possa haver progressos sociais e consolidação da vitória das esquerdas, 

Esta vitória no Executivo precisa ser capaz de criar mecanismos de vitórias no Parlamento, que sabemos, o eleito, é bem conservador.

As esquerdas precisam, também, se unir para criar condições de eleger mais deputados e senadores. E, não se dividir em grupos que se digladiam entre si.

Veja se a Direita se divide. 

Proponhamos uma agenda conjunta para os partidos de esquerda. Ai teremos mais forças e menos composições com a Direita pela governabilidade. 

Só culpar a velha mídia ou a falta de comunicação do PT pela ausência de parlamentares de esquerda no Congresso é muito fácil para nós, certo?

Abraço,

Alexandre!

Seu voto: Nenhum
imagem de mauro silva 1
mauro silva 1

sem provas

com um detalhe: zé dirceu "foi condenado sem provas" (ives gandra martins), mas agora pouco este sítio mostrou uma "defesa informal" das condutas do sérgio moro, pelo próprio, que se apresenta "professor de direito penal" (ele deveria revisitar o 5 primeiros artigos da carta antes de ministrar aulas de um código de 1941).

o tal "mensalão", ou melhor, farsalhão, ou mentirão foi apresentado como um caso emblemático e esses crimes de corrupção estão sendo descobertos, segundo um dos juízes da corporação, porque "o judiciário está mais atuante".

como diz o wilson ferreira: mais uma bomba semiótica foi detonada, dessa vez no blog do nassif.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Mais que perfeito!

Esse comentário do Alexandre é muito mias que perfeito, na minha opinião. Deveria ser elevado!  Esclareceria a muitos que, indignados se posicionam contra o partido. Há muitos parágrafos nesse comentário a serem destacados. Mas escolhi um que me calou fundo: "Não queiramos exigir do PT o confronto; ele vai pelo caminho que a sociedade desejar, mas NÓS precisamos ser a voz da sociedade para ele NOS ACOMPANHAR".  É isso:  Mais que nunca a guerra continua e o momento é de agregar, apoiando como pudermos, o governo que elegemos!  Não o deixemos sozinho!

Parabéns, Alexandre! 

  

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Abraço, Marly!

Valeu por gostar do comentário!

Eu acredito que é mais importante as esquerdas se organizarem para além das eleições em prol de seus ideais, conjuntamente e reivindicar o que se considerar justo. É mais proveitoso do que a gente ficar falando mal do Governo.

Quanto a comunicação do Governo é falha, este ponto não se discute.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Caro Alexandre Tambelli

A sua análise é boa, profunda, tem total coerência. Não tenho dúvidas de que devemos ser cautelosos. Porém, o que vejo são erros básicos de comunicação, parte relatados em meu breve texto-alerta. É visível a falta de estratégia. Situações que aos olhos do público soam muito mal, sem solução, sem futuro. Enfim, dá pra ficar discorrendo horas sobre o assunto. Mas vamos em frente. Abraço, Augusto  

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Augusto Diniz

Abraço, Augusto!

Eu coloco uma opinião: as esquerdas querem algo que o PT não se preocupou em conseguir. O PT é o partido da conciliação e da coalizão. Imagina a radicalidade necessária para uma Lei de Médios se efetivar para valer. 

O que não significa que você esteja plenamente correto de que o PT não se comunica bem! 

Alexandre!

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Certo, Alexandre. Um abraço.

Certo, Alexandre. Um abraço.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Augusto Diniz

Marasmo, fraqueza. Triste

Marasmo, fraqueza. Triste isso.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

PT

imagem de Paulo Figueiredo
Paulo Figueiredo

Incompetência

Me cansei da incompetência do Governo Dilma. A sra presidente arrogante e prepotente, continua a "encher de dinheiro" o bolso da mídia tradicional! As mídias tradicionais familiares continuam a deter 60% das verbas publicitárias. Pasmen! No Programa do Faustão propaganda do Banco do Brasil! A maioria dos Parlamentares do PT são covardes e não tem capacidade de articulação nem de discurso!  Esqueceram-se do debate, ao se afastarem das bases (sindicais e movimentos sociais)!  Na última sessão do Congresso, os parlamentares da Oposição deram um baile de competência, inclusive de mobilização (paga ou não)! Os parlamentares do PT, transformaram-se em políticos de gabinete, onde a "cobrança política" praticamente inexiste! Qual o motivo da bancada no Congresso ter sido reduzida? Durante a CPMI dos Correios, salvo raras excessões, enfiaram a cabeça no buraco! Durante o julgamento da AP 470, foram incapazes de um discurso no parlamento! O ministro da justiça sr José Cardozo inexiste! 

Seu voto: Nenhum
imagem de altamiro souza
altamiro souza

que haja um contra-ataque


que haja um contra-ataque para pelo menos o sitema de comunicação

governamental consiga colocar as suas versões e contrapor-se

ás matérias falaciosas da grande mídia.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de anarquista sério
anarquista sério

Eu concordo e discordo do

Eu concordo e discordo do colunusta.

  A comunicação é tragédia mesmo---isso é ponto pacífico.

        ( Há coisas boas no governo que foram mal informadas pra população)

            Mas o ruim do governo ganha de loooooooooooge das coisas boas.

             A não ser que fosse um cara pago só pra divulgar coisas boas no governo( tipo blogueiros pagos) o saldo é pra lá de negativo.

              Ainda bem que temos a ''imprensa golpista'' pra nos esclarecer, Porque se apenas soubéssemos dos blogs pagos pelo PT, estariamos vuvendo em eterna ignorância,

              Viva a '''imprensa golpista''

              ps;O INTERESSANTE é que os blogueiros petistas não apontam os dramáticos do governo,E suas falcatruas.Até aí ok porque são pagos pra isso.

          Mas ignorar as imensas safadezas do governo é chamado de ''legalista''. Afinal de contas, quem é GOLPISTA MESMO?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Cansaço

Eu também estou cansada desta  inércia/incompetência do governo e muito preocupada com o rumo que as coisas estão tomando.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma".  Joseph Pulitzer

imagem de mauro silva 1
mauro silva 1

dois passos atrás

dilma mostra-se despreparada para enfrentar o primarismo do fascismo brasileiro, o nazi-udenismo.

... e com a máquina na mão!

mas como sair dessa inação com personagens da baixíssima estatura política de um 'zé' cardoso; de um paulo bernardo e similares?

é lamentável: precisou e usou a esquerda para se eleger, e agora preenche os cargos mais importantes do executivo com reacionários.

chegou a hora da esquerda ideológica preparar-se para seguir outras propostas mais progressistas, sem oportunismos ou estelionatos eleitorais como esse manjadíssimo "segurar com a esquerda e tocar com a direita", a tal "governabilidade", patrocinado pela lamentável presidente, reeleita as custas da esquerda brasileira, mas que lhe deu, em troca, 'agradecida', um estrondoso passa-moleque.

como disse luciana genro diversas vezes, dilma, aécio e marina representam exatamente os mesmo interesses que não são os nacionais. o tempo mostra que ela está certa no seu diagnóstico.

está difícil ver o brasil sair dessa teia subdesenvolvimentista, forjada por sua elite apátrida e ignorante.

Seu voto: Nenhum
imagem de cesarT
cesarT

Dilma, Franklin Martins é o

Dilma, Franklin Martins é o cara.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Dilma, lembra-se das fabulas de La Fontaine ?

Segundo li por ai, eles brigaram durante a campanha. Estarão se falando a presente? Em todo caso, parece que não veremos o Franklin, que tem personalidade e é sincero, tão cedo nesse governo. Assim como Gilberto Carvalho sai agora. Eu não sei em quem a presidente confia, mas ela parece esta se cercando de quem so lhe diz sim (em sua presença). O resultado é o que estamos assistindo sem poder fazer muito mais do que temos feito até aqui.  

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

BANANA, BANANA, BANANA de Brasília!

A situação é tão absurda que nem se fala na existência do Ministro das Comunicações, na Secom. O Ministro da Justiça então... é tido como um BANANA.

A grande arma que deveria ser usada com inteligência e competância seria a comunicação, já que é dela que o governo dispõe legalmente para se defender, mas prefere despajar rios de dinheiro na mídia que lhe faz oposição.

Vamos militância, vamos às ruas brigar por esses frouxos e covardes.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Nem bons oradores no

Nem bons oradores no congresso o partido tem, enquanto os opositores se esbaldam. Assim fica difícil. Será que precisamos de um Ciro Gomes ou de um ex governador do Paraná, o Requião para defender o PT? é o fim !!!!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

lenita

imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Recorrendo ao Gilmar...

A Dilma tá esperando sofrer o golpe para depois ir ao STF, recorrer ao Gilmar Mendes para lhe salvar. Piada.

Faz doze anos que sofremos com essa incompetência.

Depois aparecem algumas figuras ilustres do partido pedindo para a militância ocupar as ruas.

Vão se foder cambada de fouxox, covardes, que vivem às custas da militiancia, mas que nem mesmo, com essa mesma militiancia conversam mais, a não ser quando dela precisam.

Confesso que já perdi a paciência e estou perdendo a esperança.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de emerson57
emerson57

goleada

"respostas da presidenta Dilma às acusações de opositores"

Vai tomar de goleada!!!!

O time do governo NÃO tem ataque. 

Não se ganha jogo só com defesa.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de maria cecilia pereira binder
maria cecilia pereira binder

Comunicação

Já comentei nesse blog que a Presidente Dilma acabará sendo apeada do poder, em grande parte pelo silêncio em que tem se mantido. Quem cala consente. Ou o PT e a própria Presidente estão achando que entre o Natal e o Carnaval o clima político vai esfriar? Os passos para apeá-la do poder estão sendo dados, como bem relatou o Nassif mais de uma vez. Você está certíssimo Augusto. Por quem será que a Presidente está sendo aconselhada a manter esse mutismo?

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Por quem?Desconfiu

Por quem?

Desconfio mui fortemente desses dois: Bernardo e Cardoso... Um por ser agente da Globo e Veja privilegiado no Planalto, Cardoso por ser mais tucano até do do que Alckimin, esses dois certamente não constam do index da caça às bruxas (e bruxos) no projeto de poder e golpe de Aécio, Lobão e Gilmar Dantas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Mauro Segundo 2
Mauro Segundo 2

"Daqui a pouco a mentira irá

"Daqui a pouco a mentira irá prevalecer".

Santa ingenuidade. A mentira já prevaleceu:

Lulinha é dono da Friboi.

O PT é uma quadrilha.

Deputado Pimentel é dono da boate Kiss.

O governo está aparelhado pelo PT (PGR, PF e STF são a prova-pausa para chorar).

Mudar LDO é escândalo de proporções épicas merecedora de impeachment.

Prepara-se um golpe comunista no país.

etc, etc, etc...

Tudo isso já virou verdade.
 

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Já dizia o Velho Guerreiro:

Quem não se comunica, se trumbica!

ACORDA, DILMA! ACORDA, PT!

 

Assinado: um militante cansado e de saco cheio com a inoperância do PT e da Dilma.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"CAVALEIRO NEGRO. DESAFIO..."

Não dá...

para não lembrar do grande poeta José Paulo Paes:

"Quem cala consente...

E no cu logo o sente."

 

 

Seu voto: Nenhum

"CAVALEIRO NEGRO. DESAFIO..."

imagem de Ralph Panzutti
Ralph Panzutti

Estou cansado e de saco cheio

Estou cansado e de saco cheio dessa inoperância do PT da Dilma desse governo quanto as comunicações. De um militante desde 1980.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Assino embaixo

Idem para o Ministério da Saúde. Faz muitas coisas boas, tem o Canal Saúde da Fiocruz com ótimo conteúdo educativo para leigos e profissionais de saúde, mas não decola na comunicação de massa.

Onde assino para endossar o texto do Augusto Diniz?

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Antônio - Minas Gerais
Antônio - Minas Gerais

Comunicação

Comunicação do governo? Quando? Onde? Esse governo aprendeu a falar?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.