newsletter

Pular para o conteúdo principal

As parcerias de Maluf, por ele mesmo

Da Folha de S. Paulo

'Perto do Lula, sou comunista', diz Maluf

Pivô da polêmica aliança PT-PP, ex-prefeito afirma que petista defende banqueiros com muito mais vontade que ele
Segundo o pepista, José Serra esteve duas vezes em sua casa para negociar apoio, mas a conversa não deu certo

MÔNICA BERGAMO
COLUNISTA DA FOLHA

O ex-prefeito de São Paulo Paulo Maluf (PP) recebeu a Folha ontem em seu escritório para mostrar as fotos de seu calendário com autoridades internacionais, como o papa João Paulo 2º e os ex-presidentes americanos George Bush e Bill Clinton.

Falou também da já célebre imagem com o ex-presidente Lula em sua casa e do apoio ao candidato do PT, Fernando Haddad, à prefeitura. Um resumo da conversa:

A foto

O que teve foi o seguinte: a mídia toda foi furada, inclusive a Folha. Publicavam sempre que o PP já estava fechado com o PSDB. Mas eu nunca fui consultado. Mandei aviso à imprensa de que, naquele dia, anunciaria em minha casa o nome de quem iria apoiar.

Quando abriu o portão, [os jornalistas] encontraram a mim e ao Lula. [rindo] Se sentiram provavelmente desinformados. Caiu o mundo.

Mas não caiu mundo nenhum. Em 2002, nós apoiamos o Lula [para presidente] e o [José] Genoino [candidato a governador de SP] no segundo turno. Em 2004, apoiei a Marta [Suplicy, candidata a prefeita].

Marta Suplicy

Ela não reclamou do meu apoio [em 2004], ficou feliz da vida. Nunca ouvi ela falar mal de mim. Mas eu entendo a Marta. Ela julgava que seria candidata a prefeita [neste ano]. Se fosse, ela teria sido agraciada com nosso apoio.

Apoio a José Serra

O Serra esteve em casa duas vezes -uma delas, há três semanas, com o senador Aloysio Nunes Ferreira (PSDB-SP), que é meu amigo. Conversamos sobre tudo. Mas não deu certo [o acordo com o PSDB]. O Serra é bem vindo na minha casa dez vezes. Mas eu não sou eu, eu sou um partido. Tem deputados federais, estaduais, vereadores.

Gabriel Chalita

Da mesma maneira o Chalita [candidato do PMDB a prefeito] é bem vindo. Ele almoça em casa, janta em casa, está sempre comigo em Brasília. O Chalita é amigo da gente.

Lula constrangido

Fechado o acordo com o PT, fizemos um almoço em casa, algumas pessoas compareceram. E

o Lula foi convidado. Constrangido? Ao contrário, ele estava alegre e feliz. Eu que inibi o presidente, 'não fala, presidente', por causa do problema na garganta.

Antigos adversários

Quem mudou? O Lula assumiu em 2003 sob a desconfiança de que era um Fidel Castro brasileiro. Achava que ele tinha que ter estágio no governo brasileiro até para o povo se decepcionar com ele. Mas, da maneira que exerceu a Presidência, diria que ele está à minha direita. Eu, perto do Lula, sou comunista.

Eu não teria tanta vontade de defender os bancos e as multinacionais como ele defende.

Quando ele tira imposto dos carros, tira da Volkswagen, da Ford, da Mercedes. Quando defende sistema bancário, defende quem? Os banqueiros.

Eu, Paulo Maluf, industrial, estou à esquerda do Lula. De modo que ele foi uma grata revelação do livre mercado, da livre iniciativa.

Dilma e Alckmin

Em 2014, a minha chapa vai ser Dilma [Rousseff] para presidente e Geraldo Alckmin para governador. Ela está sendo uma excepcional presidente, além de todas as expectativas. E Alckmin está sendo muito bom governador.

Somos parte do governo federal, através do Ministério das Cidades, e aqui em São Paulo, com dois diretores da CDHU [companhia habitacional]. Na Assembleia Legislativa, votamos com o governador. Acabou a eleição, o que interessa é que haja governabilidade.

Apoio aos tucanos

Apoiei o [Mario] Covas no segundo turno [ao governo em 1994]. Ele foi lá, na sede do PPB, pedir apoio. E ganhou por diferença tão pequena que, se eu estivesse do outro lado, perdia. Em 1998, apoiamos FHC, que teve 51%. Se não fosse meu apoio, ia para o segundo turno contra o Lula.

Sem votos
40 comentário(s)

Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
+40 comentários

Esquerdismo, Doença Infantil do Comunismo, uma leitura que recomendo ao "bravo" Tarkus

 

Para o Tarkus é os verdes para um lado, os vermelhos pro outro, e não adianta questionar, tenho uma irmã que é igual ao Tarkus, põe um trem na cabeça não há conversa, é perda de tempo, ela é capaz de radicalizar no seu ponto de vista por séculos,é uma mancada atrás da outra, de dar dó, vejo isso como burrice

 

Obrigado pelo elogio!  Ser burro às vezes é uma virtude: Os burros não cometem traição de princípios. Deves saber mais ou menos o que acho de gente como você, que vai seguindo o rebanho...


O que mais marca na tua mensagem são os teus argumentos, muito bem fundamentados e coerentes pra endossar a aliança de Haddad com um ladrão ocultador de cadáveres que é acusado disso pelo próprio partido que ele "apóia".


 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Maluf e o PIG trabalhando para fazer o maior estago possível com a aliança com o ex-Partido dos Trabalhadores. E a PTzada se achando esperta!


Atraíram um Federico Franco para a aliança e ainda comemoram!

 

 De fato Maluf tem esse lado "ator canastrão", que faz a gente ri com seus disparates e inversões. Mas eu é que não daria as costas facil facil a ele.

 

Então, posso inferir que sua excelência josé serra não obteve exito em suas tratativas com o Deputado procurado pela Interpol por não aceitar tirar um retrato ao lado do dito cujo. Ou seja, o economista e engenheiro josé serra por prurido, ou, comichão ética, resolve embarcar sem o Maluf, na aventura de reconquistar o trampolim municipal, preparatório para o assalto, digo, salto ao Palácio do Planalto. Pois não?

Orlando

 

Orlando,

Nem o procurado pela Interpol quis o cerra. Essa é a verdade!

 

Maria Olimpia

Ontem à noite vi o Sr Rui Falcão, cacique do PT/SP, dizendo na TV Gazeta que o projeto do PT, com a tresloucada aliança com Maluf, é "acabar com o que Serra e Kassab representam"... Ora!!!!!! O PT esteve em vias de se aliar com Kassab não faz mais que 30 dias!!!!! Que porra é essa??????????????


É ou não é conversa pra boi dormir? Isso é subestimar demais a inteligência das pessoas! Estão achando que o paulistano é trouxa???


 

 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Sei que é duro lidar com realidades complexas. É natural o ser humano simplificar a realidade para poder melhor compreendê-la. Mesmo assim. a realidade continua sendo complexa.

 

Ah se a real politik não fosse um jogo de xadrez, ah se as coisas pudessem ser tão simples, tipo preto no branco, ah se ainda estivéssemos na década de 80, quando o PT, sozinho, sem alianças, elegeu Maria Luisa Fontenelle em Fortaleza, Erundia em SP, Darci Acorsi em Goiânia, tempos de ruptura e votos de protestos contra a economia em desgraça e, no caso de Erundina, contra a invasão da CSN pelos milicos, que resultou na morte de vários trabalhadores, já se foi esse tempo, a lógica hoje é fazer alianças para ultrapassar do teto imposto por esta mesma classe média que, outrora, protestava mas que, hoje,  foge do purismo ideológico como o diabo da cruz. Não fosse a "Carta aos Brasileiros" Lula não teria derrotado FHC.

 

Blog do IV AVATAR

Levaram o Kassab e o anunciaram com todas as pompas no diretório do PT em Sampa: O cara protagonizou um dos piores vexames que já vi na vida; Foi veementemente vaiado e teve que sair de fininho ouvindo gritos como "hei Haddad, não queremos o Kassab!!"... Agora, algumas semanas depois, o Rui Falcão diz que o projeto do PT é acabar com o que Serra e Kassab representam... putz...

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Cara, você está tão irritado porque alguém da direita preferiu apoiar Haddad nestas eleições? Lembre-se que ainda existe a direita mais reacionária do mundo em São Paulo formada por Serra e seus sequazes da  mídia. Logo, você não está totalmente órfão ainda. Vai lá e vota neles e para de nos encher o saco.

 

Leia isso e vc vai entender pq Lula buscou o apoio de Kassab

O maquiavelismo de Lula, por Miguel do Rosário, em seu blog

Ontem eu disse que faria as últimas considerações sobre o caso Erundina, mas foi uma promessa tola, então me dêem licença para voltar ao assunto. De qualquer forma, não abordarei o assunto segundo perspectivas ideológicas ou subjetivas. Já que a decisão do PT foi eminentemente pragmática e mesmo maquiavélica (na acepção mais brutal do termo), então façamos também uma análise friamente objetiva.

Abaixo, vocês vêem a relação dos vereadores da cidade de São Paulo, extraída dosite da Câmara. Observe que o PT é o partido mais forte, com 11 vereadores. O PSDB perdeu um bocado para o PSD, que agora tem 10 vereadores.  Voltamos após o gráfico.

 

Esse quadro nos sugere algumas observações:

  1. A aliança do PSDB com o PSD foi fundamental para a candidatura Serra. Lula tinha razão (do ponto-de-vista do cálculo maquiavélico-eleitoral) para tentar acordo com Kassab e PSD.
  2. Serra está conseguindo fechar acordo com quase todos os partidos com boa presença na câmara: PSD, PR, PV, PPS, DEM.
  3. Se os tucanos conseguissem fechar com PP e PTB, formariam um bloco com muita força eleitoral. O PTB ainda está em disputa.
  4. Deve-se sempre ressaltar a grande vitória de Serra ao fechar acordo com o PR, legenda que tem cinco vereadores em São Paulo e conta com o campeão brasileiro de votos Tiririca.

Vamos ver outros números. Abaixo a votação para prefeito em 2008:

A tabela acima merece ser examinada com atenção. De fato, não dá para desprezar Maluf. Ele ficou em quarto lugar no ranking dos mais votados. Para o PT, o quadro oferece uma série de problemas:

  • Dos seis candidatos mais votados em 2008, cinco eram nomes de oposição ao PT, sendo quatro de direita e um de esquerda (PSOL).
  • Trazendo Maluf para junto de Haddad, o PT diminui a pontuação inimiga nas eleições deste ano.

Agora vamos analisar dados mais recentes da força eleitoral de Maluf, refletida na sua votação para deputado federal em 2010.  Para efeito de comparação, trazemos abaixo também os números de Erundina. Comentamos em seguida.

 

Maluf obteve 275 mil votos válidos para deputado federal na cidade de São Paulo, e 497 mil votos em todo o estado. São falsas, portanto, as afirmações de que Maluf estaria “morto” politicamente. Ele ainda tem voto pra cacilda, e provavelmente a maioria vem de pessoas simples, porque eu não quero acreditar que pessoas bem informadas (ou uma grande quantidade de pessoas bem informadas) votem nesse crápula.

Erundina teve 178 mil votos na cidade e 214 mil votos no estado.

Os eleitores de Erundina tendem a votar no Haddad, porque o seu partido PSB vai apoiar Haddad. Este vai usar imagens de Erundina em sua campanha, e ela deverá pedir votos para o petista na TV. Então estes são votos já garantidos.

Os eleitores de Maluf devem se dividir. Os mais ideológicos tendem a votar em Serra. O eleitor mais humilde, que vota no Maluf por algum tipo de misteriosa afinidade, tenderá a votar em Haddad, porque o PP apoiará o petista; além disso, temos Lula, uma lenda viva entre os mais pobres.

Analisando friamente as estratégias eleitorais dos dois principais adversários, Serra e Haddad, vemos que ambos não estão medindo esforços para ampliar seus respectivos exércitos. Serra continua favorito, pois é muito conhecido, conseguiu apoio de um bom leque de partidos e tem a grande mídia como sua grande aliada.

Do ponto-de-vista eleitoral, portanto, Lula e o PT agiram de maneira rigorosamente correta ao se esforçarem para obter apoio do PP de Maluf.

O timing da foto foi desastrado, embora se possa alegar que a confusão gerou um factóide político de enorme impacto midiático, ajudando a romper o anonimato de Haddad. Vários colunistas estão começando a engolir essa ficha. Eliane Cantanhedeadmitiu hoje que este é um argumento a favor de Lula:

A novidade no “affair” Lula-Maluf é a versão de que tudo foi ótimo para a candidatura de Fernando Haddad, que ganha visibilidade inédita e gratuita, aparecendo em todas as TVs, rádios, páginas de jornais e bombando na internet. Mais ou menos na linha do “falem mal, mas falem de mim”.

Trata-se da velha tática de Lula de transformar o negativo em positivo, a desvantagem em vantagem.

A eleição em São Paulo oferece a Serra a oportunidade de disputar um terceiro turno contra o PT. E Lula parece entender o pleito paulistano como uma chance de preparar o terreno para ganhar o governo do estado em 2014.

Uma defesa que se poderia fazer acerca do frio e até meio sujo pragmatismo da campanha petista em São Paulo, é que a realpolitik, a bem da verdade, nunca foi um jogo para inocentes. O idealismo juvenil, que é a maior vítima da foto idílica de Lula, Haddad e Maluf, só costuma fazer diferença em eleições quando tem apoio da mídia, e quando isto acontece temos frequentemente a manipulação da ingenuidade. Ou seja, o idealismo juvenil perde novamente.

Entretanto, uma das características mais marcantes do lulismo foi justamente aniquilar o idealismo onírico juvenil, substituindo-o pelo idealismo de resultados. Os lulistas não fizeram campanha pela reeleição de Lula e depois por Dilma brandindo símbolos de uma revolução socialista. Ao contrário, tiveram que lutar contra acusações pesadíssimas de seus adversários e lidar com as imagens de Lula abraçando Collor e defendendo Sarney e Renan Calheiros. Fizeram a luta política com galhardia, e suas armas mais eficazes foram estatísticas que mostravam o notável desenvolvimento econômico e social do país. Um idealismo de resultados, repito. Esta é explicação para a foto de Lula, Maluf e Haddad. Lula quer ganhar as eleições, quer que o PT faça um bom governo, que agregue mais estatísticas e mais resultados positivos para dar substância às futuras campanhas de seu partido. Os militantes “decepcionados” não deixarão de votar no PT, e os resultados sociais concretos de uma administração popular despertarão as massas adormecidas de São Paulo, que enfim poderão se libertar do jugo conservador-midiático que as fazem votar contra seus próprios interesses.

Além do mais, quem bancou Lula nunca foi a “militância”, que, ao contrário, mostrou-se sempre instável e reticente em seu apoio – tanto ao ex-presidente como à Dilma. Quem jamais traiu Lula, mesmo em seus momentos mais difíceis, e nas circunstâncias mais polêmicas e complexas, foi o povão. O povão não tem frescura ideológica. Ele quer resultados, ponto final. No que tange à ética, o povo quer ver rico indo em cana, e foi Lula, e só ele, quem botou Maluf na cadeia, dentre centenas de ricaços e poderosos que, pela primeira vez na história do Brasil, tiveram a experiência inesquecível de contemplar o nascer quadrado do sol.

Não podemos esquecer que o principal partido conservador no Brasil é a mídia paulista, que é bancada financeiramente pelo governo de São Paulo. Se Lula conseguir apear o PSDB de São Paulo, com Maluf ou sem Maluf, será um golpe brutal contra o poder da mídia corporativa, que ataca candidatos populares e movimentos sociais em todo país. O julgamento da história, e só ele, sabe exatamente por quem os sinos tocam na política brasileira.



Leia também:

http://www.ocafezinho.com/2012/06/22/o-maquiavelismo-de-lula/

 

Blog do IV AVATAR

E o Rui Falcão se posicionou contra a aliança com Kassab. Olha, Tarkus, criticar tudo bem mas... né? Quem quer criticar precisa, no mínimo, ter informação correta.

 

Eu não disse que Rui Falcão se posicionu a favor de Kassab!! O que eu disse está claro! O PT tentou se alaiar a Kassab, ficou na mão,  e agora diz que seu projeto é acabar com o que Kassab representa...

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

"Eu não disse que Rui Falcão se posicionu a favor de Kassab!! O que eu disse está claro! O PT tentou se alaiar a Kassab, ficou na mão,  e agora diz..."

Ah tá... o PT tentou se aliar ao Kassab, não foi o Rui Falcão. Mas quando o Rui Falcão diz que a aliança com Maluf é para destruir Kassab e Serra foi o PT quem disse, não o Rui Falcão?

 

 

O Rui Falcão representa o PT aqui em SP!! Se a aliança era a despeito de Rui ou não isso não interessa! O que interessa é que o partido age de maneira incoerente, a gosto e a contra-gosto de Rui Falcão...
Se Kassab não tivesse dado pra traz, deixando Lula numa situação vexatória, estaria aliado ao PT, mesmo a contra-gosto de Rui Falcão.

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Isso tudo é medo, tucano!?

 

Entrou na sopa de garfo, cidadão? Gostas de ler livros da metade em diante também?

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Tá nervosinho, tucano!?

 

Não, não estou nervoso, não sou tucano e nem petista. Sou apenas um eleitor que pretendia votar no Haddad.  E exatamente por não ser tucano e nem petista  NUNCA fui uma ovelha arrebanhada assim como você, que aceita qualquer coisa vinda de seu partido, mesmo sem ter argumentos pra defender sua posição.


 


 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Desculpe, isso jamais aconteceu. Kassab foi vaiado na festa de aniversário do PT em Brasília, jamais foi anunciado em diretório algum aqui em São Paulo.

 

Este foi o evento de Brasília:

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Tarkus esse video não diz nada

 

Apenas mostra o nível de rejeição do Kassab entre os simpatizantes do partido. E ele seria enfiado goela abaixo dos militantes, simpatizantes e eleitores comuns, se  não tivesse dado pra traz e declinado de sua intenção apoio a Haddad.


O que é preciso entender é que "enfiar goela abaixo" não significa eleger o candidato que recebeu o apoio incoerente e vergonhoso. O mesmo esta sendo feito em relação a Mauf: Estão enfiando-o goela abaixo do eleitor... 


 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Então quem produziu esse vídeo à época, mentiu ou enganou as pessoas... No vídeo diz que o fato ocorreu em SP. E também é difícil acreditar que em Brasília as pessoas estavam mandando recado pro Haddad, como pode-se ouvir no vídeo.


Tem outro vídeo de algo parecido que ocorreu em Brasilia. Não me parece ser o mesmo evento. Comemora-se o aniversário do PT em vários lugares, inclusive aqui em SP que é onde o partido nasceu.

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

E esse video prova o que vc disse antes, isto é, que "levaram o Kassab e o anunciaram com todas as pompas no diretório do PT em Sampa"???

Onde estava o Kassab? Onde ele foi anunciado? Que diretório é esse?

 

Tudo bem, tudo bem, tenho muito a fazer e não vou ficar caçando provas pra lhe dar...


 Tudo isso que você viu e ouviu aí nos vídeos, não aconteceu tá? É tudo intriga da oposição! 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Querido, este evento fez parte do lançamento da pré-candidatura de Haddad e não houve anúncio algum de aliança alguma, nem presença de Kassab nenhuma, ok? A reação das pessoas foi à especulação da possível aliança que JAMAIS  aconteceu, nem foi anunciada. Mais uma vez, quem quer criticar, sobretudo se colocando numa posição de superioridade moral, tem que ter muito, mas muito cuidado com o que diz.

Outra coisa que é preciso deixar clara. O que vc chama de "posição do PT a favor de Kassab" era a posição de uma determinada PARCELA do partido, ok? Assim como havia essa parcela a favor, havia a parcela contrária, da qual Rui Falcão fez parte.  Decidido que não se faria aliança com Kassab, a posição do partido passou a ser a desta parcela que foi contrária a aliança, ou seja, qualquer petista que diga agora o que o Rui Falcão disse estará falando a verdade. Mesmo assim, farei uma concessão a vc, Tarkus. Se fosse o Edinho (presidente do PT no Estado) dizendo isso que o Rui Falcão disse, até lhe daria razão porque, de fato, ele queria a aliança com Kassab. Mas não foi o Edinho e, sendo assim, sua crítica continua não cabendo.


 

"O que vc chama de "posição do PT a favor de Kassab" era a posição de uma determinada PARCELA do partido, ok? Assim como havia essa parcela a favor, havia a parcela contrária"


Nada diferente do que está acontecendo em relação à aliança com maluf. E aqui ninguém está tentando sequer insinuar superioridade. Tenho minha opinião e gosto de expressa-la, assim como você. Principalmente quando não concordo...

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

O partido age de forma incoerente....

Não, o partido não está agindo de forma incoerente pois, como vc próprio frisou, existem opiniões diferentes e partido não é igreja para ser monolítico. No entanto, ambos movimentos, o de Kassab e o de Maluf, podem ser lidos no mesmo registro que é eliminar o PSDB. Mas se vc quer continuar lendo pelo registro do moralismo fique à vontade. Não entenderá jamais. E não só a respeito do PT.

 

Lula diz que não se arrepende de fotografia com Maluf

Por Sérgio Roxo

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva declarou nesta segunda-feira que ‘não se arrepende nem um pouco’ da fotografia tirada ao lado do deputado federal Paulo Maluf (PP). Na fotografia Lula cumprimenta Maluf, observado pelo candidato petista à prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad.

A declaração foi dada durante a formalização de apoio do PCdoB a Haddad, no Instituto Lula. O ex-presidente ainda disse que ‘vai morder a canela dos adversários’. Mesmo com dificuldade para falar por causa dos efeitos do tratamento contra o câncer na laringe, Lula discursou por 20 minutos e, de forma indireta, tentou explicar a motivação da aliança com Maluf. Lembrou da escolha de José de Alencar, um empresário, para seu vice na eleição de 2002. “Se eu ficasse na oposição gritando, eu jamais conseguiria realizar o que nós realizamos”.

Lula anunciou, no discurso, que a partir de julho vai se engajar de cabeça na campanha de Haddad, porque estará com voz totalmente recuperada e com os movimentos da perna esquerda reestabelecidos. Seu plano é ir a comícios na periferia e aparecer no horário eleitoral. “Logo estarei batendo falta e fazendo gol. Se for necessário, morderei a canela dos adversários para que Fernando Haddad possa ser o prefeito de São Paulo”.

Coube ao ex-presidente defender o seu pupilo, estreante em disputas eleitorais, dos ataques feitos por José Serra na convenção do PSDB no último domingo, quando o tucano destacou a sua experiência polícia. “Estou vendo o nosso adversário dizer que a competência vai vencer o novo. Portanto, meu filho (Haddad), você já ganhou porque de competência ali não tem nada”.

No evento, o PCdoB formalizou o apoio à candidatura do petista Fernando Haddad para a Prefeitura de São Paulo. Para tanto, o partido anunciou a desistência do vereador Netinho de Paula ao cargo. Assim como aconteceu com Paulo Maluf, do PP, os comunistas queriam uma foto ao lado do líder petista.

Com a adesão do PC do B, Haddad já conta, além do PT, com outras três legendas em sua chapa e terá o maior tempo na propaganda eleitoral, cerca de sete minutos e meio. A escolha do vice da candidatura petista deve sair até terça. A coordenação da campanha pretende discutir o indicado com o PC do B e o PSB.

O nome mais cotado é o da presidente estadual do PCdoB, Nádia Campeão, que foi secretária municipal de esportes na gestão de Marta Suplicy. O vereador Jamil Murad também foi indicado, assim como a deputada estadual Leci Brandão.Já os socialistas apresentaram o ex-jogador Marcelinho Carioca e a deputada federal Keiko Ota. Mas entre os petistas, a única vice tida como viável entre os nomes propostos é Nádia.

 

"Mas, da maneira que exerceu a Presidência, diria que ele está à minha direita. Eu, perto do Lula, sou comunista.

Eu não teria tanta vontade de defender os bancos e as multinacionais como ele defende.

Quando ele tira imposto dos carros, tira da Volkswagen, da Ford, da Mercedes. Quando defende sistema bancário, defende quem? Os banqueiros.

Eu, Paulo Maluf, industrial, estou à esquerda do Lula. De modo que ele foi uma grata revelação do livre mercado, da livre iniciativa".

 

Acorda PT!

 

Almeida

Vamos amolececer um pouco e rir com as declarações do Maluf que a época de eleição vai ser pesada, e aproveitar o que o Maluf tem de mais divertido, que são suas afirmações, que nenhum humorista consegue fazer igual: " Perto do Lula, sou cominista". 

 

 

O PT, o Lula e principalmente os paulistanos não mereciam isso... Com piadinhas então, fica mais difícil ainda de engolir. O "apoio" de Maluf será um tiro no pé. Se ele continuar dando entrevistas como esta, o Lula, o Haddad e o PT serão desmoralizados.


Dizem que o eleitor não conhece ou não conhecia o Haddad... Pelo jeito, as primeiras impressões não estão sendo das melhores.

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Tarkus, de boa, não somos nós que vamos ensinar Lula a jogar xadrez, uma coisa é certa, se Haddad perder isso não terá sido por causa do apoio de Maluf, assim como não foi esta a causa para a derrota da Marta. Os eleitores de SP julgarão o mandato de Kassab e não o apoio de Maluf a Lula, talvez alguns militontos votem assim mas não a classe média, o grosso do eleitorado. Como disse e repito, a época da virgindade do PT já passou. Aqui encerro minha fala, não quero me alongar nesse bate-boca com vc, sei que não mudarás um só cm e eu também não, um bom dia 

 

Blog do IV AVATAR

Aqui estão os votos da oposição, em SP:

[...]Com 45 sinagogas, 180 rabinos e 60 mil judeus, São Paulo tem a maior comunidade do Brasil, a segunda maior da América Latina - perde só para Buenos Aires.[...]

http://www.estadao.com.br/noticias/geral,judeu-ajuda-a-construir-sp-e-te...

Fora os sócios da opus day, iluminate, maçonaria, etc, etc...

 

Bergamo não disse nada, falar que PT e PSDB disputavam o apoio de Maluf é chover no molhado, a novidade é o álbum fotográfico, mas Maluf acabou de dizer numa entrevista que tem foto até com Getúlio Vargas, não duvido que ele tenha posado ao lado de Che Guevara

 

Blog do IV AVATAR

Blah blah blaia! Ainda damos espaço para essa tal de bergamo! Colonista de um jornal que hj considerou um possível atraso do julgamento do chamado mensalão muito (mas muito mesmo, se for pelo local e tamanho da manchete) mais importante do que o início do processo de impedimento do seu ( do deles, pig) ícone da moralidade o sr demônio stones vão rolar! Ridicúla a campanha do pig contra o PT! Beira o golpe, que parecem resolveram apoiar o do PAraguai.

 

Amiguinho, você está totalmente desinformado em relação a Mônica Bergamo.

Não fosse ela, não seria divulgado que a filha do sociólogo era funcionária fantasma no gabinete de Heráclito Fortes.

E, principalmente, não seria divulgada a hipocrisia  de Mônica Serra  espalhando aos quatro ventos que Dilma queria matar as criancinhas.