Revista GGN

Assine

Bolinha provoca quatro pontos na cabeça de Serra

O tracking diário do PT identificou uma abertura de quatro pontos na diferença entre Dilma e Serra. A abertura se deu em todas as regiões. Antes do episódio, Dilma mantinha uma dianteira de 12 pontos em relação a Serra. Depois, a distância aumentou para 16 pontos.

As pesquisas qualitativas indicaram como principal fator o episódio da bolinha assassina. Os eleitores do PT na mostra caçoavam do episódio; os tucanos se mostravam envergonhados.

A avaliação qualitativa da campanha de ontem de Serra mostrou rejeição. Os adjetivos mais utilizados para descrever Serra foram "vingativo" e "autoritário".

Média: 5 (43 votos)
78 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
+78 comentários

Se a votação acabar com a mesma margem de 2002 e 2006, de 60% a 40%, eu ganho uma cerveja dos meus amigos  tucanos, dos quais tenho muitos e que são verdadeiros amigos. Simplesmente não da botar um candidato velho, e já derrotado, numa campanha almejando o eleitor jovem e vertida ao conceito de mudança e novidade.

 

O que vocês acharam do novo laudo pericial no episódio da bolinha publicado no G1?

http://g1.globo.com/especiais/eleicoes-2010/noticia/2010/10/novo-perito-divulga-laudo-sobre-agressao-serra.html

 

Nossa resposta pra eles.

http://www.youtube.com/watch?v=jxLxCUWWhcg

 

Este  candidato so  errou  ate  agora, ele  e  arrogante, mentiroso,e  esta  tomando um  vareiu da  dilma,Bolinha  nele e  pouco e  olha  que  eu  nao  sou  pt

 

 

Sistemáticamente às vesperas das eleições, os índices nas pesquisas de um dos candidatos (normalmente os que não são simpáticos à mídia) "inflam", como aconteceu  antes deste primeiro turno.  Agora acompanhem meu raciocínio. Pela votação do primeiro turno, a faixa de pessoas realmente decididas a votarem em Dilma esteve em torno de 47%, o que, consideremos, é um patamar bem razoável e, digamos, garantido para quem tem toda a grande imprensa contrária, e diante de fatos (e factoides) sujeitos à alguma perda de eleitores para o PT. Agora, ao se inflarem os dados, das duas uma, ou a grande parcela flutuante de indecisos deixa de votar, "desiste", considerando a fatura paga, ou os indecisos vão em socorro do perdedor, já que o voto deles não é ideológico. Os institutos dizem que a primeira hipótese é a que tem acontecido com relação ao comportamento dos "neutros" e insatisfeitos (como o PV e o  PSOL suas expressões mais legítimas). Portanto, cautela e caldo de galinha antes do foguetório...

 

O que o serra está dizendo aos seus eleitores é muito claro........

vocês são uns otários..........

isto numa cidade ultra conservadora como CURITIBA onde moro é mortal........

 

 

Olá Nassif, sou do Amazonas e quero parabenizar-lhe pelo trabalho, o caso da bolinha de papel virou chacota internacional, o serra e a globo mais uma vez se deram mal, sugiro a você e aos blogueiros que acessem o linque e participem do jogo de acertar bolinhas no serra no jornal nacional, eu acertei 10 e vocês? parabens e um forte abraço a todos !!!!!www.sonaboa.com/atire-bolinha-no-serra

 

Beeem feeeito!... isso é o que dá tratar o povo feito idiota. Serra, as Organizações Globo e seu cretino e golpista "jornalismo de hipóteses Kamelianas", tomaram ferro. Beeeem feeeeito!!!!.... Não adianta apelar, cambada de vagabundos...Vai ser Dilma, 2010!!!!...

 

Mesmo assim ele insiste na bolinha. Serra pediu direito de resposta no programa da Dilma para dizer que não foi bolinha, foi a fita crepe OVNI.

Ou seja, ele quer apresentar a segunda farsa para justificar a primeira. O que a campanha de Dilma está esperando para chamar a polícia? Isso é 171 em rede nacional de TV! Se não provarem essa farsa na justiça ele vai conseguir o direito de resposta pretendido:

"O PSDB pediu direito de resposta no horário eleitoral na televisão de Dilma Rousseff (PT), candidata à presidência, por julgar se tratar de injúrias o tratamento dado pelos adversários a ataques contra o candidato à presidência José Serra (PSDB) em Campo Grande (RJ) na última quarta-feira (20). O PT usou em seu horário eleitoral reportagem veiculada pelo SBT, segundo a qual, Serra teria sido atacado apenas uma única vez e por uma bolinha de papel. O PSDB perdeu a liminar e agora aguardam o mérito.

O candidato tucano ao Planalto, José Serra, rechaçou as declarações de petistas, inclusive a do presidente Lula, que minimizavam a agressão sofrida por ele no Rio de Janeiro. Em seu próprio horário eleitoral na televisão, ao tratar do episódio, foi mostrado que objetos foram jogados em Serra em dois momentos diferentes - e um dos objetos seria mais contudente -, o que teria justificado a necessidade de exame. No segundo momento, Serra foi atingido por um rolo de fita adesiva"

http://noticias.terra.com.br/eleicoes/2010/noticias/0,,OI4749478-EI15315...

 

Onde anda a Dona Sandra Cureau? Ela não vai intervir no caso bolinhagate??

 

Nassif,

Vale a pena ver o começo do programa da Dilma desta noite. Uma variante da bolinha, incluindo a a declaração firmada pelo Serra nas eleições de 2004, para Prefeitura de São Paulo. A palavra empenhada é valor em todos os segmentos da sociedade. No mínimo, o assunto vai colocar dúvidas nos setores mais conservadores da classe média - aqueles para os quais o Serra anda reservando a maior parte de seu discurso de Homem do Bem.

 

MGurgel

Serra, bolinha recebo todo na sala de aula. Pois meus alunos chegam em mim.

Isto não justifica a sua  atitude de ir parar na clínica..... O Sr parece um ator que trabalha muito.. vote!!

 

alguém sabe o que está acontecendo com o "viomundo"? ao acessar, aparece uma msg dizendo que o site está bloqueado por motivos de segurança.

 

Rita Lelis

Eu acho que a globo na próxima sexta ,previsão do tempo ,vai dar chuva no feriadão para eleitores de serragio não viajarem,mesmo com sol de rachar!

 

Essa história da bolinha de papel é um tiro no pé dos tucanos... Não podemos perder de vista que Dilma, a uma semana do 2º turno, está numa trajetória ascendente, ao contrário do primeiro turno, em que estava estagnada, com "viés de baixa", conforme os trackings do Vox Populi. Eles devem estar desesperados para cometer estas besteiras. Perderam 3 ou 4 dias tentando provar que o Serra não foi atingido por uma bolinha de papel, mas por um rolo de durex...

 

 

Atentados políticos que mudaram a história

http://colunistas.yahoo.net/posts/5912.html

 

 

Re: Bolinha provoca quatro pontos na cabeça de Serra
 

Responsável pela "bolinha" é identificado em bar próximo por uma menina!

 

Muita calma nessa hora, não esqueçamos que ainda teremos 6 edições do Jornal Nacional até sábado que vem.  Muita água vai rolar por baixo da ponte e todo cuidado é pouco, pesquisa não ganha eleição, não vamos esquecer do primeiro turno.

 

Nassif,

 

Eu percebi que todas as piadas feitas ao presidente Lula e ao PT, são baseados no preconceito, mas no Serra não, é por situções vexatória e por falta de jogo de cintura.

 

Nassif, o PSDB paulista tem um clone à altura em autoritarismo e arrogância aqui no Paraná. E também em fraude, farsa e dissimulação. Beto Richa conseguiu que a "justiça do Paraná" censurasse blogs, jornal (Hora H), twiteiro, sob a alegação bizonha de que teria ficado "abalado emocionalmente" com as criticas que lhe foram feitas. Jornal ao referir-se a ele só poderia ser de forma elogiosa. E maias: como tem foro privilegiado na "justiça do Paraná", pediu inclusive para que o jornal fosse proibido de falar dele, de citá-lo em suas páginas... E depois engrossa a voz, empoina o peito e chama o PT, o Lula, os petistas de "censores", de querer "destruir a liberdade de expressão", de "autoritários". A "justiça do Paraná", na qual ninguém acredita pois sabe que de "justiça" não se deve esperar nada dela, acatou a tese do "abalo emocional" e tem ido pra cima de todos os órgãos de imprensa independentes que começam a existir por aqui. Esse playboy que critica o suposto "parelhamento do Etado pelo PT e antes pelo Requião, tem a mulher e o irmão em cargos estratégicos no esquema de poder de Curitiba. E mais de três mil  cargos comissionados na prefeitura. Falam de tres a cinco mil: não há transparência por aqui. Na câmara ele conseguiu ter trinta dos 34 vereadores. É um esquema mafioso que só muito jornalismo investigativo conseguiria descobrir e desmascarar. Acho que teremos que importar o Amaury... Um abraço.

 

TSE nega ao PSDB suspensão de vídeo sobre agressão a Serra
22 de outubro de 2010 

CLAUDIA ANDRADE
Direto de Brasília

O ministro Henrique Neves, do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), negou, nesta sexta-feira (22), pedido de liminar da coligação do presidenciável José Serra (PSDB) para suspender trecho da propaganda eleitoral de sua adversária Dilma Rousseff (PT). A representação pretendia tirar do ar vídeo que afirmou que Serra simulou ter sido agredido, durante ato político no Rio de Janeiro, na última quarta-feira (20).

 

A defesa de Serra também solicita direito de resposta de 1 minuto e 16 segundos no horário de Dilma Rousseff. Esta solicitação não foi analisada pelo ministro.

 

Ao negar a liminar, Henrique Neves afirmou que a controvérsia sobre os fatos deverá ser analisada de forma mais detalhada no julgamento do mérito do pedido feito pela coligação de Serra.

 

"A controvérsia sobre os fatos, ou ao menos, sobre a interpretação que a eles é emprestada pelos órgãos de imprensa e pelos candidatos não permite que, neste primeiro exame, sejam os mesmos considerados sabidamente inverídicos, o que não significa reconhecê-los como verdadeiros, pois dependem do exame das provas e versões apresentadas, a ser feito no momento do exame do mérito da representação, garantindo-se, assim, que a defesa seja exercida", diz o ministro.

 

Para análise do pedido de direito de resposta, o ministro mandou notificar a candidata Dilma para apresentar sua defesa e solicitou ainda a manifestação do Ministério Público Eleitoral.

 


 

O "informadíssimo" Reinaldo Azevedo disse que o tracking do PT mostra Dilma e Serra empatados!

 

kkkkk

 

O assunto da “agressão” sofrida por Serra em Campo Grande- RJ já está meio esgotado, mas ainda assim uma coisa me intriga: a extraordinária pontaria do atirador da bolinha de papel.

 No meio de toda aquela confusão, entre dezenas de pessoas, o sujeito foi acertar justo a careca do candidato ! E se houve um segundo “petardo”, como queria a Globo, mas não provou, de novo o atirador acertaria a careca do Serra - não há notícia de ninguem mais atingido.

 Haja pontaria. Em duas tentativas, dois acertos. Margem de êrro igual a zero.

 

A curva é favorável a Dilma  que deve ampliar a diferença em relação ao Chaves da Nova Direita. So um grande estrago causado pelo debate na Globo e uma edição  genial do JN poderá alterar a curva.  Serra ainda pode vencer, mas é cada vez menos provavel que isto ocorra. Ainda continuo achando que a abstenção será decisiva no segundo turno, como foi, alias, no primeiro turno.  O feriado é outra variável importante que em tese favorece a Dilma, principalmente em SP. Mas,....

 

antonio carlos alves dos santos

Será que veremos agora a nível nacional, o que os tucanos paranaenses adotaram no primeiro turno a censura às pesquisas, se o custo valor benefício for vantajoso,com certeza não terão escrupulos para adotá-la. A candidatura do atraso tem adotado todas as medidas judiciais, para conter qualquer crítica. Ao mesmo tempo a pratica de uma guerra suja nunca dantes vista neste país. Fui vítima aqui no RS, hoje do telemarketing do robot tucano, atacando Lula e Dilma. Veja o que foi publicado sobre pesquisas:

Na reta final, PSDB abre ofensiva contra pesquisas

Estratégia foi acertada junto com líderes da sigla no Paraná, onde Beto Richa impediu na Justiça a divulgação de pesquisas

Adriano Ceolin, iG Brasília, e Nara Alves, iG São Paulo | 22/10/2010 20:53

    

A menos dez dias do segundo turno da eleição presidencial, o PSDB se lançou em uma ofensiva para tentar evitar que a repercussão das pesquisas que dão a dianteira à petista Dilma Rousseff abalem o ânimo da campanha na reta final da disputa. Enquanto o partido definia planos de ação na área jurídica e de comunicação, o candidato tucano José Serra entrou pessoalmente em campo para reforçar o discurso de que será capaz de desmentir os números nas urnas no próximo dia 31.

O plano foi montado em conjunto com líderes do PSDB no Paraná, onde o governador eleito Beto Richa (PSDB) conseguiu impedir na Justiça a divulgação de pesquisas na reta final do primeiro turno. Nesta sexta-feira, o PSDB obteve autorização da Justiça para acessar dados da última pesquisa Vox Populi/iG, em que Dilma aparece 12 pontos à frente do tucano. A ideia contou, por exemplo, com a participação do deputado Gustavo Fruet (PSDB), que integrou a chapa de Richa como candidato ao Senado mas não conseguiu se eleger.

    

Na campanha nacional, entretanto, ficou acertado que a abordagem não será tão drástica quanto a aplicada pelos tucanos do Paraná. O partido já descartou, por exemplo, a tentativa de impedir na Justiça a divulgação de números.

Um dia antes de o PSDB conseguir acesso à pesquisa Vox Populi, Serra falou pessoalmente com Richa sobre a estratégia de impedir a divulgação de pesquisas no Paraná. A conversa ocorreu em uma van que transportou os dois tucanos a um evento em Maringá (PR), na última quinta-feira. “O Serra me perguntou o que tinha ocorrido aqui. Eu disse que a decisão foi da equipe de comunicação junto com equipe jurídica”, contou Richa ao iG. “No nosso caso, o tribunal deu uma decisão por sete votos a zero”, completou.

Richa explicou a Serra que, ao impedir a divulgação de pesquisas desfavoráveis, evitou a perda de apoios. “As pesquisas exercem um efeito principalmente sobre as lideranças e prefeitos. Esse pessoal não quer perder e quando vê a pesquisa indicando uma coisa pula de um barco para outro”, afirmou o governador eleito, destacando ainda o peso das pesquisas na arrecadação de campanha. O tucano paranaense, no entanto, reconheceu que perdeu votos ao impedir a divulgação da pesquisa.  “Saiu no Jornal Nacional e na imprensa escrita que era uma medida antidemocrática. Isso prejudicou um pouco a minha campanha”, disse Richa.

Discurso

Líderes tucanos em todo o País replicaram nos últimos dias o discurso crítico em relação às pesquisas. Além disso, partidários de Serra têm replicado a informação de que números internos apontariam um empate técnico entre o tucano e a rival petista. Alguns chegam a dizer que Serra estaria ligeiramente à frente da adversária.

Em geral, o tom é o mesmo usado por Serra nesta sexta-feira, durante uma visita a Porto Alegre. Na ocasião, o candidato a presidente disse que há “uma crise nas pesquisas”. Na mesma linha, o presidente nacional do partido, senador Sérgio Guerra (PSDB-SE), declarou nesta tarde que “todas as pesquisas estão erradas”.

Richa, por exemplo, também afirma que Serra tem desempenho semelhante ao de Dilma de acordo com números coletados pelo PSDB. A conclusão, diz ele, resulta de trackings telefônicos realizados pelo partido. O governador eleito também afirma que as pesquisas também exercem influência sobre os financiadores de campanha. “O pessoal para de doar”, disse o governador eleito do Paraná.

 

É interessante lembrarmos um fato. O goleiro Rojas, aquele que fêz aquele teatro ridículo no jogo contra o Brasil, simulando ser atingido por um morteiro, foi banido pela Fifa do futebol.

Se houvesse justiça no Brasil, aconteceria o mesmo com o Serra. O careca, alvo de bolinho de papel,  comete crime eleitoral atrás de crime eleitoral, e nada. Senhores e senhoras da Justiça eleitoral, vocês não honram a toga que vestem

 

Juliano Santos

Nassif,

No blog de reinaldo azevedo ele fala que pelo tracking do PSDB nao existe mais diferença. É uma estratégia para dar fôlego aos militantes ou esses trackings não são assim tão confiáveis?

 

Sejamos francos, morremos de inveja da turma do Serra. Depois que a Veja/Gilmar/Demóstenes criaram, para assombro mundial, o grampo sem áudio, nós babamos e acreditamos que eles não conseguiriam superar o feito. Agora o Serra/Globo/Molina conseguem criar o primeiro ataque com artefatos de compressão de vídeo. É de matar de inveja, ainda mais se consideramos a grande coragem deste líder do PSDB: ser cobaia em uma experiência deste porte não é para qualquer um.  Veja que o pobre ZéBolinha teve tontura e náuseas e precisou ser atendido por um oncologista de  cabeça. A CIA já estuda o caso pois esta deverá ser a arma do futuro. É bom que estejamos todos alertas, evitem ser filmados por celulares, principalmente de o dono for da Folha de São Paulo que parece ser o laboratória onde tal proeza esta sendo desenvolvida.

 

Acredito que a farsa da bolinha de papel ,que demanda tomografia computadorizada, causa um estrago muito maior a campanha de Serra que a revelação de que sua esposa fez aborto na dificil situação pela qual passavam no exilio. É como se este evento fosse a síntese da postura política do vale tudo e a Globo foi junto na co-autoria., revelou um farsante e também um fraco, qualidades pouco apreciadas para quem pretende liderar uma nação.Virou piada, assunto em que todos brasileiros transitam a vontade em qualquer ambiente. Foi a gota d`agua suficiente para corroer  milhões de votos.

 

Nassif, aqui em BH, realizamos hoje o abraço simbólico na avenida que contorna a cidade, com as bandeiras da Dilma, entre 10 e 14 horas. Na Praça Milton Campos, bem no alto da Avenida Afonso Pena, um grupo de amigos da Dilma aproveitava o sinal fechado para os carros e encenava uma "agressão" com bolinhas de papel. Um deles levava a mão à cabeça e caía ruidosamente no chão, os outros vinham solícitos carregando o coitado. Foi muito engraçado e divertido, mas veja que papel ridículo do serra!

 

Nassif, sugiro um post sobre o nepotismo vergonhoso envolvendo Soninha Francine (assessora e amiga especial de Serra)  e suas filhas. Os paulistas (os que se importam, pelo menos),  merecem saber.

Re: Bolinha provoca quatro pontos na cabeça de Serra
 

Nassif  grande notícia. Um amigo perguntou se era verdadeira a informação, aí eu respondi "você acha que o Nassif iria colocar sua reputação em jogo pra fazer política". Como podemos ter acesso a informação sobre as pesquisas diárias também?

 

 

É preciso calma e muito trabalho essa hora; só assim esses números vão se confirmar no dia 31, que é o que importa. Os números são ótimos, mas tem que servir de motivação, não podem provocar relaxamento, achando que o jogo está ganho.

 

Quando fechar as urnas Serra estará na UTI,  se com uma bolinha de papel precisou tirar uma tomografia e perder + 2 pontos nas pesquisas, imaginem quando o povo detoná-lo nas urnas, vão preparando um leito para ele, reservem tudo que tem direito, no seu novo palácio a UTI de qualquer hospital do PSDB.

 

Acabei de receber (sabado de tarde) uma ligação gravada, anonima, mas certamente da campanha do Serra, falando as maiores barbaridades sobre a Dilma: aborto, bla, bla, bla. Desliguei e não ouvi tudo. Mas isso só mostra que a baixaria tucana não tem limites. 

 

Minha hipótese do feriado prolongado já preocupa Serra. O eleitor de Dilma, teoricamente, é de uma maioria engajada e de grande parcela do povo que não deve viajar. Um número maior de viajantes deve ser a classe média tucana (entediada e estressada) que não vê um feriado para ir contribuir com os pedágios baratos - uma obra 100% tucana - que não se importam pois apoiou na campanha paulista.

Do Último Segundo

Serra teme abstenção no dia da eleição por causa do feriadoCandidato tucano pede que eleitor “troque um feriado por um feliz Ano Novo” (NOTA minha: clonou idéia de um post de hoje no Nassif Online - mais uma prova de que Serra lê o blog "sujo" do Nassif)

O candidato à Presidência pelo PSDB José Serra admitiu que o partido se preocupa com a quantidade de eleitores que podem faltar às urnas no próximo domingo (31). Em discurso na cidade de Araraquara, no interior de São Paulo, nesta manhã de sábado, o tucano afirmou que é uma preocupação do partido que o índice de abstenção prejudique seu desempenho no segundo turno das eleições. De acordo com ele, o PSDB teme que o número de faltosos, principalmente em São Paulo, seja insuficiente para influenciar o resultado final.

“É muito importante adiar um pouquinho a curtição do feriado”, afirmou Serra. O tucano pediu aos eleitores que “em vez de viajar na sexta, viajem no domingo e troquem um feriado por um feliz Ano Novo”. De acordo com o candidato, “essa é uma semana fundamental para pedir para as pessoas não viajarem.”

Além do feriado, outra preocupação dos tucanos é que eleitores, militantes e aliados esmoreçam na reta final por conta das pesquisas eleitorais. Nos últimos dias, lideranças tucanas vêm pregando a falta de credibilidade dos institutos de pesquisas. Hoje, José Serra voltou a criticar o Ibope que, segundo ele, errou até na boca-de-urna.

O tucano ainda falou sobre o Vox Populi, instituto que, de acordo com ele, é “comprado”. Para reforçar a sua tese, o tucano deu como exemplo o caso do deputado Gustavo Fruet (PSDB) do Paraná, que não conseguiu se eleger. “Ele não se elegeu por causa das pesquisas. Até a véspera tinha diferença de 10% mas ele perdeu por 1%”.

http://ultimosegundo.ig.com.br/eleicoes/serra+teme+abstencao+no+feriado+no+dia+da+eleicao/n1237810851721.html

 

 

É verdade .

Até mesmo, porque a maioria dos paulistas acham que com a vitória do Alckimim já cumprirem com o dever cívico de evitar a administração petista na "suicha" brasileira .

Que nos próximos 10 dias faça sol em toda São Paulo .

 

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

Estranho é Globo e seus colunistas desqualificarem Ibope e Datafolha. Salvo engano, são pesquisas que eles encomendam. E custam caro. Por que pagam por algo que acham tão furado? Melhor dizendo: tão furadas e contrárias ao candidato deles? Não faz muito sentido.

 

Nassif

Só pra esclarecer os 4 pontos é além da vantagem já apontada pelos institutos de pesquisa? Mas o mais impressionante de tudo isso , é que os colunistas da Globo; folha, parecem desconhecer o papel que a internet desempenha hoje nas eleições. Continuam sustentando a farsa do serra e da Globo, e ainda tentam incriminar o presidente Lula e a Candidata Dilam por denunciar e repudiar a farsa praticada pelo candidato que não tem uma cara, mas " mil caras".

Só a história para desmoralizar alguns colunistas, como Merval; Mirina Leitão; Noblat; Reinaldo Azevedo dentre outros. Eles insistem em manter a farsa do Serra e da Globo

 

morrerão todos abraçados com Globomente e Serrarojas hahhahaa...

 

o povo!

Efeito colateral...

 

Nassif,

 

Boa tarde!!

Pra contribuir com mais uns pontinhos Serra abaixo, segue anexo o Manifesto dos 5000 professores universitários em defesa da educação pública. Estamos enviando a todos os blogs ( os sujos , é claro) pedindo divulgação. Contamos com você.

Obrigada e um abraço

 

Faltou "Apelador", Serra é aquele que apela para práticas duvidosas. E como diz o ditado popular, "Apelou, perdeu!!!"

 

Oi, Nassif, esta bolinha de papel assassina é um mico internacional da tucanada.Serra é motivo de piada por toda parte.Só a Globo e a Folha, com um perito da Veja e um médico Dem é que defendem a farsa e ainda criticam a eleição de Tiririca.Pelo menos ele é um palhaço assumido.Como diz um deputado aqui das Minas Gerais, um conselho para a tucanada: é melhor trocar Serra por Tiririca,pois pior do que Serra não fica.

 

Espero que seja verdade, não sou petista, pra falar verdade sempre fui mais inclinada ao PSDB, tanto que votei em Aécio (sou mineiro) e Serra no primeiro turno, MAS não há como nao ficar indignado com o baixo nível do candidato José Serra. Primeiro ele faz um copo da agua por causa de uma bolinha de papel. Coitadinho, fez até tomografia  e ficou 24 horas em repouso. Tanta hipocrisia, faz meu estômago revirar de nojo. E ver como meios de comunicação que se dizem sérios (Veja e Globo) distorcem os fatos apenas me faz ficar ainda mais revoltada.

 

Agora vota em Dilma? :)

 

JoseMO

 

Achamos ótima a sua reflexão.

Gostaria apenas de saber se a baixaria do Serra vai fazer com que você mude seu voto ou vai continuar votando no Serra, mesmo envergonhadamente?

 

JoseMO

 

Achamos ótima a sua reflexão.

Gostaria apenas de saber se a baixaria do Serra vai fazer com que você mude seu voto ou vai continuar votando no Serra, mesmo envergonhadamente?

 

Obrigado pela informação.

 

Nassif, vou apanhar muito, sei disso. Mas como leitor do seu blog há tempos, acho que está perdendo um pouco o equilíbrio  que nele tanto me atraía. Anda panfletário. Muitas vezes não percebemos isso ocorrendo conosco, ainda mais no contexto atual, onde a já destroçada figura pública de Serra adernou de vez (ou revelou-se em profundidade?). Sei que nessas horas um pouco de racionalidade (na minha opinião) incomoda bastante, mas aprendi a dizer algumas coisas no momento em que ninguém quer ouví-las. Não sou dono da verdade, voto Dilma e votei em Lula desde 1989. Entendo e vibro com a lenta (demais...)destruição do jornalismo tradicional, nos últimos dias fiquei tonto com as informações sobre o "bolinhagate", mas gostaria de ouvir, ao lado das veementes (e justas) condenações ao papelão da mídia e do tucanato, a defesa vigorosa da democracia e do direito de campanha. Esperando que compreenda, com a admiração de sempre,

 

Nelson

 

Nelson Ricardo da Costa e Silva, professor