Revista GGN

Assine

Brasileiros são primeiros colocados na Academia West Point

Do Exército Brasileiro

Alunos do IME são primeiros colocados na Academia de West Point

Rio de Janeiro (RJ)

Os alunos Clara Luz de Souza Santos e Jackson Miguel M. de Barros Machado, do Instituto Militar de Engenharia (IME), cursaram um semestre na Academia Militar de West Point nos Estados Unidos da América (EUA), obtendo as primeiras colocações em todas as matérias aplicadas.
West Point é reconhecida como uma preeminente instituição de treinamento e formação. Seu corpo discente é composto por 4400 Cadetes, futuros oficiais do Exército dos EUA.
O sucesso obtido pelos alunos brasileiros, impressionou a todos com os quais conviveram, tanto pela conduta como pela performance acadêmica. 

Fonte: http://www.exercito.gov.br/

Sem votos

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
+68 comentários

parabéns pros caras.

e Gão: vc não entra no IME nem se quiser, chora não bebê.

 

Caraca, eu experimentei ler alguns comentários sobre a notícia. Como tem neguinho que fala besteira. O que ocorreu foi uma espécie de intercâmbio. E pelo visto os alunos do IME se saíram muito bem. Isso significa que têm boa base de estudo, e que o IME está num ótimo padrão de ensino. Quem conhece essa instiuição sabe do que eu tô falando. Quanto ao caráter doutrinador das faculdades americanas, não pensem que isso se aplica ao IME. Quem estuda lá é condicionado a ter complexos raciocínios lógicos. Não são robores doutrinados, são pensadores treinados para resolver problemas. Se eles vão usar isso para o bem ou para o mal, é outra história.  

 

Gente, né por nada nao, mas ver tantos de vocês perdendo tempo discutindo com Blá Blaya dá dó. Nao alimentem o troll, discutir com ele é perda de tempo, saliva e latim. 

 

Cada um fale o que quiser, conheço os dois alunos da reportagem e eles são realmente geniais, além de serem pessoas do bem, e digo isso não pelo rótulo deles, mas pq os conheço (não pré- julguem os dois, ou seja, não os julguem sem os conhecerem pq isso é preconceito!). PARABÉNS AOS DOIS, representaram muito bem o nosso país. Essa foi mais uma prova que nosso país tem mais diversidades além de que música e futebol.

 

Math-Physics-LCLB é frustrado? Ou seria inveja???

Aceite a excelência do IME e recolha a sua insignificância com comentários que nada tem a acrescentar. Parabéns aos alunos do IME e muito sucesso na carreira.

 

Isso tudo é raiva do IME?!


 

Nossa, nunca vi tantos comentários imbecis na minha vida! Eu fui aluno do IME e me orgulho muitíssimo dos meus colegas que foram a West Point e fizeram mais bonito do que os alunos de lá. Por sinal, isso já aconteceu (da mesma forma e com a mesma excelência) outras vezes. Os americanos sempre levam farelo quando vão brasileiros pra lá e no IME eles nunca conseguem obter uma posição acadêmica de destaque.

Antes de criticarem os militares, orgulhem-se dessa amostra tão rica de engenheiros gerados em uma instituição genuinamente brasileira (não importando se é militar ou não). Esses serão os futuros motores da nossa nação.

Por fim, hoje a maioria dos alunos do IME usa CALÇA JEANS E CAMISETA, isto é, SÃO CIVIS E NÃO SEGUIRÁO CARREIRA MILITAR. Dessa forma, o argumento hippie-socialista-anos-70-é-proibido-proibir-abaixo-a-ditadura-viva-lamarca não funciona nessa questão.

Pensem, antes de começarem a babar furiosamente!

 

Caros Comentadores

Honras somente  depois da formatura !. E é simplesmente nojento esta vil utilização de um suceso muito localizado (um semestre!) para fazer propaganda da suposta excelência (certamente inexistente!) da Engenharia Militar Brasileira !.A propósito , cadê os sucesos COMPROVADOS DO IME ? (todos secretos ou inexistentes ?).Já basta a palhaçada internacional da Bomba Atomica Brasileira , put&¨%aCaralh)(&o!.

 

Parabéns aos alunos do IME !!!!!!,,,,o problema é que cachorro mordido por cobra tem medo de linguiça,,,,,rsrsrsrsrsrsrsrsrsr

 

... de linguiça de carne humana. Os produtos de west point e outras instituições podem ser visto facilmente pelo afeganistão, egito e outras ditaduras mundo a fora, isso 20 anos depois da tal "guerra fria". Quero distancia dessa porcaria.

 

O Instituto Militar de Engenharia -IME, vinulado ao Exército,  não forma "golpistas" ou coisa que o valha. Tal qual o Instituto Tecnológico da Aeronáutica, é um estabelecimento de ensino superior de engenharia e pesquisa. Seus vestibulares são reconhecidos como os mais difícieis do país e os profissionais de lá egressos, ou seja, que optam para ficar na reserva, são disputados pela iniciativa privada.

Antes de fazermos juízo de valor acerca de certos assuntos seria adequado primeiro nos inteirarmos melhor sobre eles.

 http://www.ime.eb.br/index.php?option=com_content&view=article&id=39&Itemid=595

 

 A crítica principal que se faz aqui é ao fato de estudantes serem mandados pra outro país, coisa que já provocou grandes tragédias, dessa forma é até um elogio dizer que o IME não precisa de uma forcinha de "west-point", apesar disso já passou da hora do IME valorizar o regime democrático no seu currículo.

 

Difícil, quase impossível, dialogar nesses termos. Abordar um intercâmbio de conhecimentos acadêmicos/militares com o "espírito" da guerra-fria é o cúmulo do ranço ideológico. Todos os países do mundo utilizam essa prática. 

A nossa AMAN, instituição tipicamente militar, ou seja, que forma militares de profissão, recebe alunos/visitantes de   todos os países do mundo e nem por isso estamos "formando golpistas.  

 

"Abordar um intercâmbio de conhecimentos acadêmicos/militares com o "espírito" da guerra-fria é o cúmulo do ranço ideológico":

Uh...  ...   ranço mesmo mas quem primeiramente mencionou Cuba foi o Blaya!  Isso nao tem a ver com "guerra fria" exceto se voce trocar por "guerra aos pobres", que eh o que militares sao treinados pra fazer.  E eh o que fazem.

 

Sinceramente, quando coloquei o post acreditei na capacidade de análise e de crítica dos integrantes do blog, recomendo aos leitores tentar desenvolver o espírito crítico e o direito ao contraditório. Será que nao está claro que os alunos foram lá e se destacaram, e como qualquer brasileiro deve ficar orgulhoso do feito destes dois alunos.

acho que falta um pouco de conhecimento da estrutura de ensino militar, seus valores, a capacidade de suas escolas, e principalmente do fator humano das nossas FFAA.

não existem instituições perfeitas, mas recomendo ao público do blog começar a se informar até para poder cobrar resultados....

para quem nao sabe, turmas inteiras do IME foram para a receita federal, TCU, CGU, MPOG, Banco Central, etc... atrás de melhores salários....no campo individual fizeram o certo...buscaram melhores condições....mais no campo coletivo o Brasil vai pagar um preço....

É importante que a sociedade entenda e valorize os recursos humanos que dispõe...pcp na área militar....e que os políticos formulem propostas concretas para valorização da profissão militar...

Resumindo, menos fanatismo ideológico .....reforço meus parabéns aos alunos do IME.

att

 

 Chega de viralatismo ideológico, não precisa dos eua pra reconhecer o valor de estudantes brasileiros "fazendo bonito", a questão é serem educados pra que ? no passado foram pra arrebentar o próprio povo, política que não mudou naquele país do norte e é elogiada nas aulas de história do próprio IME, então meu caro passou o tempo que se pode controlar as reações sobre uma determinada notícia, pelo menos até que se venha outro golpe em outro primeiro de abril pra se passar de novo por paranoia esquerdista. Uma "paranoia ideológica" que continua fazendo vítimas na améria latina.

  Que as novas gerações do IME tenha personalidade suficiente pra permanecerem leais ao povo desse país e não à generais vendidos, que venham pra servir quem sustenta o IME e o exército e não pra trair o país. Sim, eu tenho esperança neles, mas não nos que vêm com um velho discurso subalterno e vira-casaca.

 

Não é bem assim, se eles têm o que ensinar, por que não? Sei de uma historinha interessante, um estudante brasuca foi parar lá nos states e sabe-se lá por que foi perguntado se ele sabia alguma coisa de um tal Eliseu Resende. Sem entender o porque da pergunta sobre sosso então ministro descobriu na lata que tinha sido o melhor aluno da instituição em determinado período.

Agora, qual o problema de ir lá e aprender?

 

evandro

"futuros oficiais do exército dos EUA" e eles vão atuar onde? No Brasil? No Brazil? Na operação Condor 2.0? Irão defender a pátria? Qual? É um aperfeiçoamento? Vai agregar conhecimento aos nossos soldados? Não riam... é difícil ter uma mente "conspiracionista".

 

 Parece que é só um semestre, então não poderia provocar muitos danos, mas se foram os melhores é sinal que não precisam desse intercâmbio, mais grave é os gringos vindo treinar na amazônia e conhecendo um terreno precioso, quanto mais o Brasil se afastar dessa tirania sanguinária melhor, os últimos anos mostram bem isso!

 

Considero extremamente preocupante que o Brasil ainda mande militares "se aperfeiçoarem" nos EUA. Basta de formaçao de golpistas. Temos o pré-sal e dois enormes aquíferos, somos estratégicos para os EUA. Ingenuidade a essa altura dos acontecimentos nao dá. 

 

Pô, não sei se é questão de área de trabalho, mas ainda há muito a se aprender com os gringos; aliás, se não concorda, fala com a Dilma que lançou um programa grande para estudantes fazerem pós e até mesmo um semestre de graduação lá fora.

 

vc tem razão, afinal de contas, não podemos esquecer o exemplo do Lamarca que traiu a tropa se aliando ao inimigo!

a limitação de pensamento da esquerda e irritante, a troca de cadetes e uma prova da confiança entre os paises, o Brasil não é inimigo dos EUA, o Brasil e um aliado dos EUA, meio enrustido, mas um aliado.

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

É verdade, ele não se aliou à  tropa golpista que rasgou a constituição e acabou com o Estado Democrático.

 

“Contra ratos não há argumentos.” (Palmério Dória)

Blaya,

Pois considero os EEUU nosso inimigo. Nosso único inimigo e com quem não há a mínima possibilidade de conciliação. E não apenas do Brasil, como de toda a humanidade. Veja acima a entrevista do Bresser Pereira a citação sobre as escadas. Pois bem os EEUU sempre quiseram (e conseguiram) tirar as escadas dos demais povos, para que ninguém se equiparassem a eles.

O inimigo (os EEUU) ainda está aí de olho em nossas riquezas. Poucos sabem ou se apercebem do fato de que os EEUU não reconheceram a soberania brasileira sobre o mar territorial de 200 milhas. Quer dizer, amanhã poderão vir nos tomar o pré-sal alegando estar em águas internacionais. 

Enfim, o que poderíamos esperar de um país, cujos fundadores pertenciam à abominável sociedade secreta da maçonaria, principal base de apoio dos iluminatis?

Mas tudo tem um fim e o dos EEUU estão chegando, mais rapidamente do que poderiam sonhar os povos da terra.

 

os EUA nunca reconheceram as 200 milhas do mar territorial, no Brasil e em lugar algum,  mas os EUA jamais fizeram exercicios militares em nosso mar territorial nem mesmo enviaram unidades militares para a região sem antes informar o governo brasileiro.  o problema maior e a arbitrariedade da extensão, nos EUA o mar territorial e de 12 milhas se não me engano. os submarinos sovieticos na guerra fria mantinham-se fora dessa area, os americanos jamais falaram de extender esse mar para 200 milhas e afastar mais os subs sovieticos lançadores de misseis.  

O mais engraçado e que desde que o determinou as 200 milhas, a nossa marinha jamais recebeu recursos suficientes para proteger essa area.  Hoje, fala-se do pre-sal, mas essa região pode ser defendida pela FAB,  o mar territorial em sua extensão não temos como defender, quase 30 anos apos sua demarcação.

o Brasil e aliado dos americanos, não temos como nos defender deles, hoje, e nem que a Dilma cumprisse suas promessas de modernização das forças armadas, duvido que cumpra a palavra, nos nunca teremos como nos defender ou mesmo apresentar uma resistencia onerosa demais para os americanos pensarem se vale a pena nos atacar!  

por isso, militarmente não somos uma ameaça aos americanos, nossos soldados treinarem nos EUA será apenas frustrante para eles, pois certamente no treinamento que receberão lá, irão ver uma estrutura operacional militar que nunca terão no Brasil, pois esse governo tem odio dos militares. como se a defesa do Brasil fosse menos importante que as magoas do passado!

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

  Se o vietnã pôde nós podemos, se nos livrarmos dos capachos, se fosse noso aliado não estaria nos negando vender tecnologia espacial e de defesa que nem de perto seria ameaça pra eles, se fosse cumpririam os contratos que assinaram com a nossa aeronautica(e ainda querem mais), se fossem , não teriam armado um golpe de estado contra nós, se fossem não treinariam gente pra torturar nosso povo. E triste a situação de "aliados" americanos a américa latina. Tanto os "aliados" são capachos que terminam como o murabak. Vida de capacho é dura.

 

 eua não tem aliados, tem capachos, desses que tiram os sapatos e esperam 1 hora pra prestar condolências a um embaixador.

 

blá Blaya, realmente, "não podemos esquecer o exemplo do Lamarca", um cara que tinha tudo pra se acomodar e fazer de conta que sua carreira de Capitão do Exército bastaria mas não, resolveu se sublevar contra um sistema injusto que pessoas como você, na época, achavam corretos pois se tratava de "conter o avanço dos comunistas comedores de criancinhas" na América Latina: prisão arbritária e assassinato de opressores, torturas, exploração draconiana de assalariados, vôos sinistros no Oceano Atlântico e na calada da noite para despejar "terroristas", cadeiras-de-dragão, paus-de-arara, OBAN, DOI-CODI, CENIMAR, CISA, CIEX...

Carlos Lamarca, como outros militares que aderiram à guerrilha, viu que o inimigo dormia ao seu lado o tempo todo nos quartéis; só mesmo quem defende as coisas mais sórdidas e canalhas que um ser humano pode fazer em nome da "normalidade democrática" (tipo Sérgio Paranhos Fleury) chega ao ponto de chamá-lo de traidor.

 

o tipo de governo que o Lamarca defendia para o Brasil não era diferente do regime que ele serviu por 05 anos e depois traiu! outra ditadurizinha de esquerda, onde somente os puros de coração teriam uma lugar no politburo! 

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

Muito bem e parabéns aos meninos; sabemos bem o significado de ser aluno do IME: é ser le meilleur des meilleurs!.... Mas a notícia do MAT é ótima e também:

http://www.democraciapolitica.blogspot.com/2012/01/economista-norte-americano-o-brasil.html

quinta-feira, 5 de janeiro de 2012

Economista norte-americano: "O BRASIL PRECISA FREAR OS EUA" 

 

Pois é, mas deve ter sido até covardia dos brazucas. O IME deve ter o mais difícil vestibular do Brasil, enquanto para entrar em West Point necessita-se a carta de recomendação de um deputado, fazer uma redação e passar por uma entrevista.


http://en.wikipedia.org/wiki/United_States_Military_Academy#Admission


O povo dos EUA não considera estranho, acham que se deu certo assim no passado então dará certo agora e no futuro. E seguem caindo no ranking...

 

Como uma meia notícia consegue gerar comentários tão preconceituosos? Por favor há psicanalistas de plantão?

 

evandro

 Tem os de boteco como se pode notar!

 

Pois é. Constrangedor.

 

 


 Vem cá! Não dá pra parabenizar esses jovens brasileiros pela performance? Mostraram capacidade intelectual,são brasileiros fazendo bonito,são exemplos.


  Ah tá..entendi..se fôsse em Cuba....

 

 Realmente se fosse cuba que tivesse "formado" a maioria dos ditadores sulamericanos derrubando governos eleitos seria um escânda-lo, como foi os eua tudo pode segundo alguns.

 

"se fôsse em Cuba":

Mostre me os casos documentados de militares cubanos assassinando e agredindo pobres.

 

Ivan, Cuba participou em diversas "frentes" de batalha atuando em conjunto com a antiga URSS e RDA, exemplo Angola e Congo e Etiópia. Cuba já matou muito "pobre" neste mundo.

Cuban Invasion of Cabinda in 1975

 

bom quem mata os pobres em cuba, e pobres são os que não fazem parte do partido ou fazem oposição a ditadura, e a policia secreta cubana, que até o exercito cubano deve temer,  em Angola, os bambardeios contra as aldeias inimigas do MPLA pela aviação cubana serve?

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

 Vc deve estar falando de guantânamo!

 

Cuba esta em numero 36 de life expectancy.  O Brasil esta em numero 91:

http://en.wikipedia.org/wiki/List_of_countries_by_life_expectancy

Voce esta "improvisando" uma resposta, Blaya, SEM sequer entender a pergunta.  Sao os pobres brasileiros que estao morrendo.

Isso, claro, sem contar com as mortes de pobres aas maos de militares --e os assassinados pelos militares brasileiros sao praticamente todo mundo pobre.

Repetindo a pergunta, me mostre os dados dos pobres assassinados pela policia militar cubana.

 

o Chile que foi um ditadura sob Pinochet tem expectativa de vida superior a Cuba, como a costa rica e a martinica. 

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

  Sem embargo e mantendo o nível de vida de antes da ditadura, incluindo a pobreza!

 

acho que o termo pobre e relativizado, em cuba todos são pobres, na realidade eles se assemelham com um prisioneiro que decide pela greve de fome, e o carcereiro o alimenta a força, apenas com o minimo para não morrer!  mas qualidade de vida e minima também.

cuba e o paraiso, agora, porque tantos querem fugir do paraiso?  

a adoração ao rebelde ditador castro cega os latino-americanos idiotas da esquerda.  o regime de fracassou, somente se mantem pelas armas e pela estrutura repressora do partido sobre a sociedade, que impede que o exercito derrube a quadrilha que domina cuba;

 

"A verdade é a melhor camuflagem. Ninguém acredita nela." MAX FRICH

 Vc deve saber mais que a onu, ok, mesmo sem o atrativo dindin da CIA outros "paraisos" capitalistas é que mandam multidões fugidas para a meca do capitailsmo mesmo sendo afugentadas feito cachorros, só que agora não se está mais fugindo pra lá, estão fugindo de lá!

 

"o termo pobre e relativizado, em cuba todos são pobres, na realidade eles se assemelham com um prisioneiro que decide pela greve de fome, e o carcereiro o alimenta a força, apenas com o minimo para não morrer":

Em outras palavras voce nao tem uma gota de prova que militares cubanos sao assassinos de pobres como o resto dos militares do mundo sao assassinos de pobres, e de pobres somente, e de nada mais que pobres, nao eh?

Pois SAO MESMO.  Aqui esta o que voce disse, no entanto:

"bom quem mata os pobres em cuba, e pobres são os que não fazem parte do partido ou fazem oposição a ditadura, e a policia secreta cubana"

Era so isso mesmo.  Nao tenho mais perguntas.

 

  Tomara que seja só um semestre, chega de enviar vários  "gênios" e receber de volta alguns ditadores!

 

Parabéns aos acadêmicos e ao IME, uma das instituições de ensino superior mais qualificadas do Brasil.

 

Prezado Nassif

Só isso e já viraram "Jênios"  ? :

" cursaram um semestre na Academia Militar de West Point nos Estados Unidos da América (EUA), obtendo as primeiras colocações em todas as matérias aplicadas."

Prefiro acreditar  nos comentaristas acima :

PDF] 

A Junta Interamericana de Defesa e os Desafios Contemporâneosusacac.army.mil/CAC2/.../MilitaryReview_20110831_art009POR.pdf Bloquear todos os resultados de usacac.army.milFormato do arquivo: PDF/Adobe Acrobat - Visualização rápida
Cel Av Gilson de Barros Caputo Júnior, Força Aérea Brasileira. O Gen Bda Racine Lima Filho é Chefe da Representação. Brasileira na JID (RBJID). É Mestre ..

 

Ah, peraí! São brasileiros fazendo bonito numa instituição séria.

PARABÉNS!!!