Revista GGN

Assine

CPI convoca Perillo e Agnelo

Do Valor Online

Por Caio Junqueira | Valor

BRASÍLIA - A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga as relações do empresário Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira, com autoridades e empresas, aprovou na tarde desta quarta-feira a convocação dos governadores de Goiás, Marconi Perillo (PSDB), e do Distrito Federal, Agnelo Queiroz (PT).

A comissão, entretanto, rejeitou a convocação do governador do Rio, Sérgio Cabral (PMDB). Perillo foi o único cuja votação foi unânime.

A convocação de Agnelo teve a participação de parlamentares da base governista e teve o placar final de 16 a 12. Já Cabral contou com ajuda do PSDB, que se posicionou contra a sua ida à CPI. Por outro lado, integrantes da base aliada, como PTB e PDT, apoiaram sua convocação.

A comissão investiga a relação dos governadores de Goiás e do Distrito Federal com Cachoiera, acusado de comandar rede ilegal de jogos de azar. Perillo e Agnelo são citados em conversas telefônicas de integrantes da quadrilha, interceptadas pela Polícia Federal.

Já Cabral foi fotografado em Paris ao lado de Fernando Cavendish, presidente licenciado da Delta. Investigações da PF apontam que a construtora tranferiu recursos para empresas fantasmas do grupo de Cachoeira. 

(Caio Junqueira | Valor)

Sem votos
17 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.
+17 comentários

Eu teria feito o mesmo. Cabral não aparece nos grampos. Tem relação com a Delta, mas não com Cachoeira.

Apesar de tentar transformar a CPI do Cachoeira em CPI da Delta, o pig teve que engolir a não ida do Cabral, porque senão o Serra acabaria indo.

Aí, bye bye tucanos em São Paulo. O que significaria o fim da bocada das assinaturas.

Quanto ao Agnelo, deve ir sim. Mas como vítima do esquema, que é o que os grampos mostraram

 

Juliano Santos

"Mas eu li que a CPI estava acabada, tenho certeza que li, foi a Eliane Cantanhêde que escreveu!"

(Leitor da Folha, sobre a notícia acima)

 

Primeiramente: FORA TEMER! E pra encerrar: FORA TEMER!

Convocar o Cabral seria pura casuísmo, a não ser que surja algo novo. A relação de amizade com o Cavendish por si só não justifica.

Não que eu ache que o Governador seja inocente. Com certeza ele tem culpa no cartório. A amizade dos dois não era desinteressada, mas a princípio não creio que haja conexão com o esquema do cachoeira.

No Rio parece ser o velho modelo dos políticos associados à empreiteiras para ganhar muito dinheiro público em licitações fajutas. Porém é preciso investigar até achar o elo. Parece que o Cabral foi bem  cuidadoso na limpeza de seus rastros. 

Perillo, ao contrário, já está atolado até o peito no lama. Talvez já haja nformações suficientes para se pensar em cassação.

 

Há uma dúvida sobre Cristóvão Buarque. Muitos dizem que ele sempre foi assim, apenas estava enganando antes, e que seus desvios não são de ordem ideológica, mas comportamental. Já outros afirmam que ele se tornou assim depois, seguindo o fenômeno que transfigurou muitas lideranças mundo afora, fenômeno operado pela rendição às tentações prazerosas do pensamento único, quase irrefreáveis para quem tem alguma posição de poder, e adesão cega à seita satânica do neoliberalismo.

 

jornalistas comentam que convocação de Agnello foi retaliação do PMDB por PT ter decidido a quebra de sigilo da delta.

isso é muito interessante se for verdade pq a quebra de sigilo da delta parecia tática diversionista do PIG-oposiçã e PT se fingia de morto.

No entanto , sabe-se agora, PT queria sigilo nacional da delta mesmo sabendo q isso anuvia o foco do esquema cachoeira.

O alvo é Çerra, claro. mais de um bilhão em contratos com a delta.

Yeahhh

 

Que memória seletiva não!

E os mais de 4 bilhões da Delta com o PAC?

Aliás, a Delta é/foi a empresa preferencial do PAC...

 

Só 4 bilhões? Pensei que fosse mais. Os contratos do PAC estão disponíveis na web. Já o Cerra foi sem dúvida o maior pagante de Cachoeira, via Paulo Preto: Aproximadamente 1 bilhão de reais! Cerra tem que explicar isso sim, a troco de que não será convocado.

 

 

...spin

 

 

Apesar do apoio do PSDB a Cabral, abre-se uma brecha para a convocação de Zé Serra e Paulo Preto, bem como Beto Richa e Siqueira Campos, do TO, o pig não poderá dizer que há blindagem do governador petista, vem prá cá logo, seu Cerra. Não podem ficar de fora Policarpo Jr, Civita e o Gilmar Mendes, se bem que este, assim como fez  Gurgel, tomou uma dose da vacina Mensalão Pau Prá Toda Obra para se livrar desta doença chamada Cachoeira. O que não pode acontecer é esta CPI virar a CPI, literalmente, do Cachoeira, o que acontecerá se PMDB e PSDB se unirem. Neste caso, o Cerra escapará do garrote da CPI.

Jaques Wagner apoia convocar governadores na CPI, por SILVIO BARSETTI - Agência Estado

O governador da Bahia, Jaques Wagner (PT), disse hoje ser favorável à convocação dos governadores citados em gravações telefônicas feitas pela Polícia Federal durante a Operação Monte Carlo à CPI do Cachoeira, no Congresso Nacional. Em evento no Rio para a organização da Copa das Confederações de 2013, Wagner disse que considera válido os depoimentos do petista Agnelo Queiroz (Distrito Federal) e do tucano Marconi Perillo (Goiás) à comissão para ajudar as investigações.

 "Tudo o que for fonte de esclarecimento, seja de quem for, para a investigação, é válido. Só não se pode convocar (os governadores) com viés político-partidário para atacar ou defender aliados e adversários", disse o governador baiano. Presente ao evento, Agnelo Queiroz limitou-se a responder questões sobre a Copa das Confederações e foi embora sem falar sobre a CPI. Salvador e Brasília serão duas das seis sedes da competição no ano que vem.

Wagner também se manifestou sobre o conflito entre o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro Gilmar Mendes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O governador disse que não vê motivos para a convocação de Lula à CPI e nem a necessidade da convocação da militância petista para defender o ex-presidente.

 "Pode ter havido uma má interpretação das declarações do ex-presidente. Não corresponde à realidade uma tentativa de ingerência do ex-presidente no STF. Ele teve oito anos de mandato, indicou oito ministros para o Supremo e nenhum deles perdeu a liberdade (para julgar)", argumentou o petista.

Wagner disse ainda que espera que o processo do mensalão no STF tenha um julgamento "frio, baseado em fatos e não sob o envolvimento da paixão". Além de Wagner e Agnelo, o evento da Copa das Confederações, realizado em um hotel da zona sul do Rio, reuniu os governadores do Ceará, Cid Gomes (PSB), e de Pernambuco, Eduardo Campos (PSB). O prefeito de Belo Horizonte, Márcio Lacerda (PSB), também compareceu.

Apenas o Rio não enviou chefes do executivo estadual ou municipal para o evento. Também cotado para depor na CPI do Cachoeira por causa de sua amizade com o dono da Delta Construções, Fernando Cavendish, o governador Sérgio Cabral (PMDB) inaugurava a quarta Unidade de Polícia Pacificadora (UPP) no Complexo do Alemão no mesmo horário. O prefeito do Rio, Eduardo Paes (PMDB), participava de uma solenidade no Palácio da Cidade, em Botafogo. O Rio foi representado pela secretária de Estado de Esporte e Lazer, Márcia Lins.              

 

 

...spin

 

 

era melhor azedar a coisa com o cabral e arrastar pelos mesmos motivos o serra/alckmin a explicar os contratos com a delta em são paulo.

ou era só em goiás e brasília que a a delta atuava (ops) por baixo dos panos?

sim eu sei, que nas gravações enquanto uns conversavam muito outros não foram ouvidos, mas isso só prova que uns são mais precavidos que os outros. 

 

A vida é curta demais para se beber cerveja barata!!

A folha é contra a corrupção no pt, no psdb não!!!

 Frede69

Palhaçada, estão agora Aécio Neves, Agripino Maia e Cristovão Buarque prestando solidariedae a Gilmar Mendes, é vergonhoso e revoltante.

E mais uma vez os senadores do PT caladinhos da silva, somente o PC do B (a Senadora Vazessa do AM) se levanta pra contrapor.

Cristovão Buarque é simplesmente nojento!!! Devia perguntar ao ético Zé Agripino sobre as denúncias no rola do Caixa Dois no RN... mas não vai, é um traíra mesmo.

 

João,

Cristovam jamais perdoará o Lula por ter sido demitido por telefone.

Ele é um tucano enrustido. Por isso Brizola tinha reservas quanto ao "pedetismo " do Cristovam.

 

Domenico Amaral

Vai mal a cpi, não há absolutamente nada contra o Agnelo até agora.

 

É ótimo que ele tenha sido convocado. As gravações mostram que o grupo do Cachoeira queria que ele caisse e isso poderá ser dito por ele próprio.

Por sinal, até alguns jornalistas da "oposição" já reconheceram isso.

Além disso, o contraste com o o Marconi vai ser grande.

 

Gostei do "até agora". Mas se não tem nada contra ele não haveria problema em comparecer. Seria até uma maneira de pararem de bater nele! O PIG aqui no DF, principalmente no plano piloto é poderoso. Tenho vários amigos que reproduzem fielmente o que a imprensade esgoto propala!

 

Só para dizer o óbvio: com aliados desses o PT não precisa de inimigos. Agora, para convocar Leréia, vão chamar o Dirceu. 

 

Será que ficarão calados também?

 

Perillo vai fechar o bico ou oferecer nao-explicacoes.  Quer apostar que ele vai desviar do assunto em no minimo 3/5 das perguntas?

 

@Klaus:  concordo.  Agnelo tem um massacre pronto aa frente, eh so apertar o botaozinho da guilhotina.  Sorte dele!