newsletter

Pular para o conteúdo principal

Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad

De O Estado de S. PauloDo

Haddad aumenta tom das críticas e diz que Serra foi 'cruel' com as universidades

Ele também atacou a exoneração de cinco secretários de Kassab para se tornarem opções de vices

Fernando Gallo

SÃO PAULO - O pré-candidato do PT à Prefeitura de São Paulo, Fernando Haddad, aumentou o tom das críticas ao pré-candidato do PSDB, José Serra, e ao prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab (PSD), nesta segunda-feira, 12, em visita à região de Perus, na zona oeste da cidade. Haddad classificou Serra como "o mais cruel ministro do Planejamento" com as universidades públicas federais e, sem citar diretamente Kassab, afirmou que este promove "um concurso de vices" ao querer exonerar cinco secretários para colocá-los à disposição do tucano.


Pré-candidato lamentou que o PT tenha perdido suas inserções na TV

Instado a comentar a versão segundo a qual o PCdoB se afastaria do PT e poderia eventualmente compor com Serra, Haddad afirmou: "Eu não tenho falado com o PCdoB ultimamente. Falei com o Orlando (Silva, ex-ministro) tem uns 15 ou 20 dias. Conhecendo a história do PCdoB e lembrando que talvez o Serra como ministro do Planejamento tenha sido o mais cruel do ponto de vista orçamentário com as universidades públicas federais e, conhecendo a história da luta do PCdoB em defesa das universidades públicas federais, cuja expansão nós patrocinamos, eu duvido que essa informação proceda", respondeu.  

Indagado sobre os motivos de Serra ser o mais cruel ministro do Planejamento, Haddad afirmou que o governo do PSDB "privatizou o ensino superior do País". "Foi o maior corte orçamentário. Começou em 1995 o período de arrocho do orçamento ao longo de todo o período plurianual que foi elaborado por ele. O PCdoB sabe disso melhor do que eu porque sentiu na pele. O presidente da UNE à época sentiu na pele o que é ser tratado por um governo que privatizou o ensino superior do País".  

O ex-ministro da Educação também disparou contra a administração municipal que, segundo ele, tenta "maquiar" os baixos índices de aprovação com um pacote de obras para a cidade. "Há um desconforto na cidade com os últimos oito anos, mesmo que nos últimos meses se queira maquiar o que está acontecendo. Acho que o prazo é curto para se reverter a percepção que foi-se tendo em oito anos de que o tempo foi em algumas áreas perdido", afirmou.  

Sem citar o atual prefeito, criticou o possível afastamento de parte do secretariado municipal. "Essa hipótese do afastamento de cinco secretários municipais é como se houvesse um concurso de vices, em vez de cuidar da cidade até 31 de dezembro. Você exonerar cinco secretários para fazer uma seleção é um descaso com a cidade", avaliou.  

Com baixos índices de intenção de voto apontados pelas pesquisas, Haddad jogou para o início do horário eleitoral na televisão e no rádio a alavancagem de sua popularidade. "Entendo que, em uma cidade como São Paulo, o único veículo que te dá condições de ser conhecido é a televisão. Nós infelizmente perdemos esse tempo de TV no primeiro semestre e vamos ter de conviver com essa realidade de que não será nessas visitas (semanais nos bairros) que vai aumentar a exposição das nossas ideias e dos nossos pleitos. Numa sociedade de massas, vamos ter de usar um veículo de massa. Vai ficar para a campanha", considerou.

Sem votos
37 comentário(s)

Comentários

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
+37 comentários

Nooossssssa!

O cara vem neste blog, escreve um monte de abrobrinhas, diz que é contra a candidatura do Haddad, não gosta do ENEM, não explica nada, não sugere nada, ão contribui com nada para o debate, não discute nada e conclue o texto dizendo que não votará em ninguém... Pura perda de tempo. Troll.  

 

do Balaio do Kotscho

De favorito a órfão, Haddad sem rumode rkotscho

A única boa notícia das últimas semanas para o ex-ministro Fernando Haddad foi dada pelos médicos de Lula neste domingo, quando o ex-presidente voltou para casa, depois de passar uma semana cuidando de uma pneumonia no Hospital Sírio-Libanês.

O quadro da eleição paulistana sofreu uma reviravolta no período em que Lula se submeteu ao tratamento de radioterapia para combater o câncer na laringe, sem poder se dedicar à campanha do seu candidato como gostaria.

Chegando a ser apontado como favorito no começo do ano, graças ao apoio de Lula e Dilma, e pela falta de candidatos viáveis nos principais partidos, especialmente no PSDB, de uma hora para outra Fernando Haddad se viu órfão, e sua campanha totalmente sem rumo, sem sair do lugar, encalhada em último lugar, com 3% nas pesquisas.

Para completar, o PT paulistano, dedicado a disputas internas pelos postos de comando, não consegue montar uma estrutura mínima para o candidato, ficando à espera da recuperação de Lula para resolver os impasses entre as diferentes correntes.

O fato é que o nome de Fernando Haddad até agora não conseguiu conquistar e empolgar adeptos nem mesmo dentro do seu próprio partido. Nas fotografias das suas andanças pela cidade, o candidato aparece quase sempre sozinho, meio perdido na multidão.

fernando haddad ok De favorito a órfão, Haddad sem rumo

Enquanto isso, a entrada em cena de José Serra como pré-candidato do PSDB, com a imediata adesão da grande mídia e do PSD do prefeito Gilberto Kassab, virou o jogo de alianças a favor dos tucanos. Haddad não conseguiu até agora sequer o apoio dos tradicionais aliados PC do B, PDT e PSB, que ameaçam desembarcar do barco petista nestas eleições.

Com as máquinas administrativas nas mãos e o controle dos respectivos legislativos, o governador Geraldo Alckmin e o prefeito Gilberto Kassab jogam tudo agora para deixar o PT e seu candidato isolado na campanha paulistana.

Os problemas do governo federal com sua base aliada em Brasília acabam se refletindo também na campanha paulistana. Depois de perder o Ministério do Trabalho, em dezembro, o PDT ganhou na semana passada a Secretaria Estadual de Trabalho e Emprego, em São Paulo.

E tudo conspira a favor de Serra no momento, até mesmo as prévias do PSDB marcadas para o próximo dia 25, a princípio um estorvo no caminho do candidato que acabou se revelando um fator positivo para a mobilização do partido.

Por módicos R$ 250 mil, o preço da montagem das prévias, Serra ganhou espaço no noticiário e foi obrigado a retomar contatos com dirigentes e militantes do partido dos quais andava afastado desde a sua última derrota, em 2010.

Como a campanha na televisão só começa em agosto, o tempo agora corre contra Fernando Haddad, um candidato ainda desconhecido por mais de metade da população, que não pode contar com a presença física de seu principal cabo eleitoral.

Até aqui, o candidato petista se limita a dar algumas estocadas em José Serra, lembrando a sua falta de palavra e o hábito de não concluir mandatos, além de fazer críticas à administração de Gilberto Kassab, até outro dia um possível aliado do PT.

É muito pouco para quem terá de enfrentar, logo na sua primeira disputa eleitoral, um esquema de poder montado há mais de duas décadas pelos tucanos em São Paulo.

A exemplo dos seus adversários, o candidato petista não apresentou até o momento sequer o esboço dos seus planos para a cidade, alguma ideia nova que possa motivar o eleitorado.

Nos pouco mais de seis meses que faltam para a abertura das urnas, tudo poderá mudar novamente, é claro, mas a esta altura do campeonato o quadro da candidatura de Haddad é tão delicado que o principal desafio do PT é assegurar, pelo menos, a sua presença num possível segundo turno.

 

Incrivel que é sempre a mesma conversa fiada até de gente que parece ser experiente.

Todo mundo sabe que Chalita, Netinho, Russomano e etc, não têm a mínima chance.

Que o Haddad, com o eleitorado que o PT tem em São Paulo, mais o apoio do Lula irá ao segundo turno.

E que, com a rejeição que o Serra tem, ele pode sim perder a eleição.

É evidente.

Mas as pessoas insistem em levar em conta essas bobagens de pesquisas de agora.

 

@DanielQuireza

Curioso...

O PIG e seus seguidores vivem falando enem e desorganização no mesmo texto, sendo essa uma prova realizada para milhões de estudantes, mas não vi ninguém fazer barulho devido às provas realizadas pela fundação Getúlio Vargas nesse fim-de-semana para o concurso do senado para 150 mil pessoas a qual ja foram varias canceladas até o momento.

 

mais detalhes:

http://www.correiodoestado.com.br/noticias/organizadora-anula-provas-do-concurso-do-senado-para-3-cargo_143690/

http://www.d24am.com/noticias/concursos-/senado-cobra-rapidez-na-reaplicacao-de-provas-do-concurso-publico/52803

 

Serra não foi só cruel com as universidades, ele foi inepto como adminstrador tanto da cidade como do estado de São Paulo. Sem contar na casa que vive sem nunca ter ter tido renda para tal. O que ele quer é ganhar no grito com a ajuda da mídia, ja que não tem propostas e nem sabe governar.

É duro no primeiro comentário já vir uma trolagem tosca e primária e ainda por cima desrespeitosa ao blog. Não se deve alimentar esse tipo de coisa.

O Nassif realmente tem uma paciencia de Jó.

 

@DanielQuireza

Esse Haddad é um boboca, só fez "shit" no Ministério da Educação, o terror dos estudantes. Gostaria de ser paulistano só para não votar nele.

 

e eu gostaria de ser paulistano, pelo menos em 2012, só pra não votar no ungido da Mooca e defender o Haddad do ataque do obscurantismo.

 

Já não chega o Blaya, agora tem o Blaine...  Oh céus, oh vida... heheheheh

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

E quem disse que não são a mesma pessoa? Tem pouco troll disposto a defender essas idéias por ai. As pessoas estão mais informadas, o PSDB não engana mais ninguém.

 

Mês que vem sai nosso primeiro LP pela gravadora Chantecler,  Blaya & Blaine, produzido por Andre Araújo. Só sertanejo universitário...hehehehe

 

 


"Mês que vem sai nosso primeiro LP pela gravadora Chantecler,  Blaya & Blaine, produzido por Andre Araújo."


Sucesso à dupla! Só se for assim que obterão sucesso... Pois se depender das eleições, o Haddad vai fazê-los cair do jegue.


Mr. Bolinha de Papel ou mais popularmente Mr. Aborto no Chile não vai dar nem pro cheiro.

Dilma está muito bem avaliada entre os paulistanos e seu apoio será fundamental para a vitória. Até os anti-Lula elogiam Dilma... heheheheh

Sem falar que as pessoas não acreditam mais num mentiroso que comete a parvoíce de registrar suas mentiras em cartório, para que todos possam comprovar sua irresponsabilidade.

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Re: Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad
Re: Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad
Re: Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad
Re: Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad
 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Tomara, assim ninguém vai se lembrar do Teló.

 

"Esse Haddad é um boboca"


Feio, feio, feio! Bobo!

Re: Serra foi "cruel" com as universidades, diz Haddad
 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Nao consigo  entender como  os governos do Estado de São Paulo obrigam o contibuinte  a financiar publicações privadas, que  fornecem material  p/ instituições públicas, que  o apoiam   politicamente e o Ministério Público faz vistas grossas. Imaginem tal situação em países da Europa ou dos  Estados Unidos.  Como o Serra pode justificar tal procedimento como ato moral?

 

Eu entrei numa federal em 1995 e subscrevo o texto. O que os tucanos fizeram foi um crime, arrocho é pouco, eles sucatearam mesmo.

Um partido que faz isso contra as universidades já não merece respeito, nao vamos nem falar sobre a roubalheira detalhada na Privataria Tucana.

 

O Haddad tambem nao eh santo! As IFES novas sao precarissimas e o salario dos docentes estah arrochado com conivencia dele, que nao moveu uma palha por nos.

 

Nessa época não havia papel higiênico nem limpeza direito na UFMG, que também devia água, luz e vá saber mais o quê...

E a intenção do governo FHC de mudar as regras, fez quase metade do professorado se aposentar para não perder direitos. Resultado: gente que poderia ter continuado, saiu, e faltou professor. O governo recuou, mas o estrago estava feito.

 

começou a campanha eleitoral pró-haddad no blog do nassif. desde já até outubro não serão mais publicados artigos que contenham as palavras "enem" e "desorganização" na mesma sentença. esteja certo disso.

 

Parabéns! trollagem bem sucedida Elder. Bastou ler todos os comentários daqui pra baixo.

O Post é sobre críticas do Haddad ao Serra e seu comportamento com relação às Universidades quando ministro do planejamento.

Se procedentes ou não, nem entrou em debate, pois você foi ( características do troll assalariado) o primeiro a comentar, desviando o foco. A questão passou a ser ineficiência do ENEM e postura do Nassif e frequentadores do Blog.

 Parabéns, você sacou primeiro e foi rápido no gatilho.

Mas... acha que convence alguém? 

 

"Penso, logo existo"

Aí, Elder, já que você juntou as duas palavras, que tal escrever o tal artigo? Vamos, quem sabe você consegue? 

Ou será que é só trollagem sua, e seu negócio é só avacalhar o debate pela difamação?

 

"desde já até outubro não serão mais publicados artigos que contenham as palavras "enem" e "desorganização" na mesma sentença. esteja certo disso."


Sim, quem vai fazer este papel são os eleitores e admiradores do Serra. Este e muitos outros, como por exemplo, tentar colar a pecha em Dilma de "favorável ao aborto indiscriminado".  Aliás, o Enem é tão criticado pelos tucanos porque é o único meio de se conseguir subsídio estatal à formação superior. Coisa que o FHC sequer tratou em seu desgoverno.


 

 

Este é um blog notadamente antipaulista! Paulistas, não se submetam docilmente a humilhações e manifestações de preconceito!! A internet é enorme.

Começou a campanha pró Serra aqui no blog do Nassif. Desde já até outubro vai ser um tal de aparecer diariamente um monte de elderes e  que tais prá pertubar a discussão e desviar assuntos tipo privataria, aborto no Chile, compra de jornais e revistas com dinheiro público etc, etc... Vai ser um saco!!

 

não meu caro, desde já aparece um monte de elderes que frequentam o blog mas não fazem parte da militancia petista, muito menos da tucana; tem isenção de opinião e só comentam o que pensam.

a gente ainda acaba contribuindo com a manutenção da imagem de democrata que o blog tem, porque impede que o espaço para comentários seja dominado pelo discurso unico, petista.

porque democracia e petismo são coisas distintas. democracia aceita opiniões que "pertubam a discussão" e "desviam assuntos", isto é, opiniões divergentes.

 

É dificila acreditar em manifestação expontanea pró Serra. Você é doido, está desempregado ou é um direitista militante.

 

"É dificila acreditar em manifestação expontanea pró Serra. Você é doido, está desempregado ou é um direitista militante."

Pô Geraldo, eu e mais 44 milhões de eleitores votamos expontaneamente pró Serra na última eleição. Por que será que é tão difícil os petistas aceitarem oposição? Afinal, o Brasil por enquanto ainda é uma democracia, tem trocentos partidos, tem para todos os gostos, cada um vota em quem quiser e defente quem quiser. Quando as pessoas começam a vigiar e demonizar as opções ideológicas de outros bom sinal não é,  é coisa de fascistas, de vigilantes..

 

Não costumo dialogar com o sujeito que não tem nome, nem é cadastrado no blog. Mas vou abrir uma exceção e te dizer que não é comum direitistas e serristas postando aqui no blog, eles são encontrados aos magotes no blog do Reinaldo Azevedo, ou Ricardo Noblat. E lá você não vai nos encontrar.

 

porque a mentalidade de voces, militantes petistas, é assim:

- no brasil, só existem 2 partidos, o pt e o psdb.

- toda a população brasileira é militante, e está divida entre esses 2 partidos.

- o pt é exatamente o contrario do psdb.

- quem não está com o pt, está com o psdb, e vice-versa.

 

a realidade, apresento-lhes agora, é esta:

- no brasil, existem 3 dezenas de partidos.

- a maioria dos brasileiros não é militante de nenhum deles. 

- a maioria dos partidos compartilham os mesmos vicios.

- quem não está com um deles, pode estar com outros 20 e poucos, ou mesmo com nenhum.

 

 

 

 

 

 

 

Elder,

A questão é saber em que campo você se situa...???

Se você não apóia o Serra ou o PSDB, por que está se opondo tão incisivamente contra a candidatura do Haddad...???

Tá faltando você se posicionar melhor, não é mesmo...???

 

eu me oponho a candidatura do haddad porque ele é um incompetente. me oponho a do serra porque ele não cumpre o que promete. neste ano anularei meu voto novamente por não ter uma opção "menos pior" pra escolher. e ai, vão continuar me chamando de serrista?

 

Parece  que o Elder ainda não sabe: O Maluf não é candidato.

 

No PIG a campanha do Serra começou antes mesmo que ele assumisse a candidatura. Não tem uma frase publicada no PIG com a palavra PRIVATARIA.

 

Em lavras largadas lagartas são larvas largas

 

então voce assume que o blog é partidario? o blog que se insere na categoria "imprensa" é partidario?  o blog que é da imprensa alternativa e que critica o partidarismo da imprensa regular é partidario? era só o que eu queria ler. seu comentario acabou com a moral dos vermelhos pra criticar o partidarismo da "velha imprensa".

 

A tropa de choque remunerada do ex-Graeff começou a colocar "as manguinhas de fora".

 

Tenho visto muitas referencias a esse tal de ex-Graeff. Alguem pode me dizer o que é isso? Refere-se ao Graef que era assessor do FHC?

 

Se esse é o único problema com ele, já pode mandar canonizar!

 

Se vai ser visto Enem ou desorganização o tempo dirá.  Mas tentar defender o Serra ou Kassab é que o Nassif não vai.

Alguém se habilita?