Revista GGN

Assine

PROTESTE Associação de Consumidores

Brasileiro desconhece impacto global de alimentação não saudável

Uma nova pesquisa realizada em seis países pela Consumers International, a federação internacional de organizações de consumidores, da qual a PROTESTE Associação de Consumidores faz parte, mostra que um grande número de pessoas não tem conhecimento do grande impacto que as dietas não saudáveis estão tendo sobre a saúde pública global.

Apenas 12% dos brasileiros identificaram que as dietas não saudáveis contribuem para mais mortes do que as guerras, o tabagismo, o consumo de álcool, o HIV/AIDS ou a malária. Quase nove em cada 10 brasileiros (88%) subestimam o impacto global de dietas pouco saudáveis quando comparados a outras causas.

Contador online a ser lançado nesta segunda-feira (18), mostrará o número de anos de vida saudável perdidos em consequência de dietas pouco saudáveis e o custo financeiro global de obesidade. O lançamento coincidirá com a abertura da Assembleia Mundial da Saúde, em Genebra, na Suíça.

Saiba mais sobre a campanha de Consumers International para a convenção global de proteção e promoção de dietas saudáveis.

A pesquisa também mostra a demanda por ações para ajudar os consumidores a escolher uma dieta saudável.

Leia mais »

Média: 3.6 (7 votos)

PROTESTE considera abuso 13,8% de reajuste na tarifa de água de SP

Termina nesta quarta-feira, (15), o prazo para quem quiser contribuir na consulta pública sobre o reajuste extraordinário de 13,8% da tarifa de água solicitado pela Sabesp à Agência Reguladora de Saneamento e Energia de São Paulo (Arsesp). As novas tarifas valerão a partir de maio, e devem penalizar ainda mais o consumidor que sofre com a crise no abastecimento de água em São Paulo.

Na contribuição enviada, a PROTESTE Associação de Consumidores defende o reajuste de 7,1%, pelo IPCA relativo ao período de março de 2014 a março de 2015, "pois os custos decorrentes da crise hídrica não podem ser repassados ao consumidor". Para a Associação, trata-se de aumento abusivo em descumprimento ao Código de Defesa do Consumidor.

"O consumidor não é sócio e nem investidor da Companhia. Se em período de lucro, não há repasse para as contas de água, não pode agora a empresa, com aval da Arsesp, querer repassar os custos de suas perdas, por má administração", destaca Maria Inês Dolci, coordenadora institucional da Associação.

Apesar de a Agência reguladora alegar que eventuais descontos concedidos pela Sabesp não ensejam pedido de compensação, não é o que se percebe. A redução do consumo e a elevação do preço da energia elétrica, que reduziram o faturamento, foram as justificativas da empresa para o pedido de reajuste extraordinário.

Leia mais »

Média: 3.3 (9 votos)

Baterias de celulares são aprovadas em avaliação da PROTESTE

A PROTESTE Associação de Consumidores testou por dois anos as baterias de lítio de celulares e tablets para ver a durabilidade e constatou que elas são duradouras. Mas há ações que levam à perda desse item essencial. Esse é o primeiro componente dos smartphones a dar problema, o que pode estar associado ao mau uso.

O problema atual é que as baterias dos aparelhos lançados não podem mais ser trocadas (são as baterias integradas, lançadas com os iPhones). O modelo, muito criticado no começo, agora é seguido pela maioria dos fabricantes. Entre os testados, apenas a do Samsung Galaxy S5 é removível.

Atualmente, praticamente todos os smartphones, desde os top de linha até os mais simples, têm a bateria integrada. E os consumidores ficam nas mãos dos fabricantes para a mudança da bateria, porque só um serviço especializado pode fazer isso.

Foram testados oito telefones e cinco tablets para verificar o quanto da vida útil das baterias foi reduzido após vários ciclos de uso. Foi simulado um cenário em que os celulares eram carregados a cada dois dias e os tablets, a cada três. Foram instalados o navegador original para reproduzir vídeos em HD em todos os dispositivos.

Leia mais »

Imagens

Média: 2.3 (3 votos)

Corte tarifas com as contas digitais

Estudo sobre tarifas bancárias feito pela PROTESTE Associação de Consumidores mostra que para saber qual a melhor opção de conta corrente, é preciso mais do que escolher o pacote com o menor preço. É importante analisar os serviços usados com maior frequência.

A conta digital é a melhor opção, de acordo com o estudo, para quem está acostumado a usar a Internet e os caixas eletrônicos, e não depende da agência ou do telefone para fazer transações, sacar, transferir dinheiro por meio de TED e DOC, verificar extratos e saldos ilimitadamente sem pagar qualquer tipo de tarifa. Mas, se utilizar os serviços de forma presencial ou pessoal (agência ou telefone) terá que pagar uma tarifa avulsa para cada serviço usado.

Para os três perfis de uso de tarifas simulados pela PROTESTE para o estudo, o Banco do Brasil foi o que apresentou os menores custos, seguido do Bradesco e Itaú. Os maiores custos foram do Santander e Citibank. Para o perfil 2, que prevê o uso de 13 folhas de cheque por mês, duas transferências por meio de DOC/TED, dois extratos no caixa eletrônico, sete saques em caixa eletrônico e cinco transferências entre contas da mesma instituição, o menor custo é de R$ 3,45 no Banco do Brasil, seguido de R$ 3,60 nos bancos Bradesco e Itaú. E o mais alto é no Citibank: R$ 38,90.

Leia mais »

Média: 3 (1 voto)

Clientes estão descontentes com serviços prestados pelos bancos, alerta PROTESTE

A satisfação dos clientes com os serviços prestados pelos bancos é baixa, conforme constatou pesquisa realizada pela PROTESTE Associação de Consumidores com 3.493 consumidores: 49% dos entrevistados tiveram algum problema com o banco durante os últimos 12 meses. A satisfação só atingiu 60 pontos numa escala de 0 a 100.

As taxas bancárias, os juros e o tempo de atendimento são as principais causas da baixa satisfação. A pesquisa revelou um dado preocupante: é para quitar outras dívidas que o consumidor contrata empréstimo.  E 51% dos que têm financiamento imobiliário foram obrigados a contratar outros produtos, como seguro e conta corrente. Isso se configura venda casada e é proibido por lei. Leia mais »

Média: 4 (2 votos)

Medidor de banda larga da PROTESTE mostra a triste realidade do usuário de internet

Mais da metade (56%) dos consumidores que utilizaram o medidor da PROTESTE para monitorar a taxa recebida da operadora de internet apontou velocidade abaixo da contratada na banda larga fixa. E 65,2% deles se mostraram insatisfeitos com a velocidade entregue.

O medidor lançado em parceria com o site Minha Conexão, no início de março, para estimular o internauta a fazer medições ao longo do mês, foi acessado por 128 mil usuários. Nos casos em que forem constatados descumprimentos ao contrato, a PROTESTE vai ajudar o consumidor a buscar os seus direitos.

Pelas regras de qualidade da internet fixa estabelecidas pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), as empresas são obrigadas a oferecer uma velocidade mínima para a banda larga. A velocidade instantânea entregue deve ser, no mínimo, 40% do contratado em 95% dos acessos. E a velocidade média mensal deve ser no mínimo 80% da velocidade contratada.

Desde o lançamento do medidor, 128 mil usuários se cadastraram e 5 mil responderam a pesquisa realizada pela PROTESTE. Dos que afirmaram que a taxa média de velocidade recebida era inferior à contratada, 19% apontaram diferença de 10% a menos. E 14% dos entrevistados detectaram nas medições taxa de velocidade 50% menor do que a contratada.

Leia mais »

Média: 4.1 (8 votos)

Exigência de extintor tipo ABC para carro é adiada novamente

Foi prorrogada para 1° de julho de 2015 a exigência dos novos extintores de incêndio tipo ABC para os carros, devido à falta do equipamento de segurança para venda no mercado. A medida, que tinha começado a valer no dia 1º de janeiro em todo o país, já havia sido suspensa por 90 dias anteriormente. Leia mais »

Média: 4.2 (5 votos)

Dicas da PROTESTE na compra de pescados e ovos de Páscoa

Para evitar problemas ao realizar as compras no período da Páscoa, é preciso estar atento às indicações de peso e quantidade, assim como à qualidade dos brinquedos que podem acompanhar os ovos de chocolate.  Saiba como identificar produtos irregulares e não ser enganado na hora das compras.

Tenha cautela ao comprar ovos de chocolate com brindes: se o ovo de chocolate traz brinquedo como brinde, há algumas informações que podem garantir que ele tenha sido testado e que não oferecerá riscos às crianças. Primeiro verifique se a embalagem contém a frase "Atenção: contém brinquedo certificado no âmbito do Sistema Brasileiro da Avaliação da Conformidade". Também é obrigatória a indicação de faixa etária ou, se for o caso, frase que informe que não existe restrição de faixa etária. No brinde, é importante que o consumidor procure o selo do Inmetro.

Fique atento à indicação de peso: ovos, bombons, demais chocolates, colombas ou qualquer produto embalado deve apresentar, de forma clara, a indicação do peso líquido na sua embalagem. Esta indicação deve referir-se somente ao peso do produto, desconsiderando o valor da embalagem e dos brindes, se houver.

Leia mais »

Média: 4.3 (3 votos)

PROTESTE defende notificação antes de cancelar plano de saúde de devedor

PROTESTE defende notificação com Aviso de Recebimento antes de cancelar plano de saúde de devedor

Sugestão foi apresentada à Agência Nacional de Saúde 

O atraso de até 60 dias (corridos ou não durante o ano) no pagamento do plano de saúde individual leva ao cancelamento do contrato.  Há consumidores que acabam excluídos da operadora sem ser informados. A PROTESTE Associação de Consumidores está defendendo a obrigatoriedade de notificação por escrito ao devedor, e com Aviso de Recebimento, antes do cancelamento do contrato por inadimplência.

Pelas regras atuais da Agência Nacional de Saúde (ANS), a operadora deve avisar ao consumidor inadimplente 10 dias antes de rescindir o contrato, mas não há definição quanto à forma que isto deve ser feito. A questão está sendo discutida na Câmara Técnica sobre a Suspensão e Rescisão Unilateral de Contrato Individual à qual a PROTESTE apresentou contribuição para alteração do artigo 82 da Resolução Normativa nº 124 de 2006.

Leia mais »

Média: 4.3 (3 votos)

Ferramenta ajuda a calcular os pontos no cartão e viajar com milhas aéreas

A PROTESTE Associação de Consumidores lançou, no dia 10 último, uma ferramenta que auxilia o consumidor a calcular qual deve ser seu gasto mensal no cartão de crédito, com a função habilitada, para acumular pontos correspondentes a milhas aéreas.

A calculadora pode ser baixada no link http://www.proteste.org.br/dinheiro/nc/noticia/saiba-como-viajar-com-milhas-aereas.

Em geral, o valor total das compras mensais é convertido em dólar e, a cada dólar gasto, você ganha uma quantidade de pontos preestabelecida pela operadora do cartão de crédito.

Apesar de o dólar estar alto e o acúmulo de pontos no cartão enfraquecido, concentrar todas as compras no cartão de crédito permite juntar boa quantidade de pontos. Mas essa dica é válida, somente se estiver com as finanças em dia.

Quem pensa em adquirir um cartão de crédito com foco nas milhagens, deve levar em conta quais são as companhias parceiras do cartão, a taxa de conversão de pontos, as regras de transferências de pontos de viagem, o valor da anuidade do cartão e a validade dos pontos. 

Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

Novos direitos dos consumidores com as Teles passam a vigorar

 

Novas regras do Regulamento Geral de Direitos do Consumidor dos Serviços de Telecomunicações, que vigoram a partir de amanhã (10), devem facilitar a vida do consumidor com acesso à internet, se forem cumpridas pelas Teles.

Os sites das empresas terão de disponibilizar áreas com login e senha para acesso a informações como cópias dos contratos, planos, boletos de cobrança, histórico das demandas, perfil de consumo. Ou seja, tudo o que permita acompanhar o serviço utilizado. E mais: tais documentos terão de estar disponíveis até seis meses após o final do contrato.

As gravações das demandas dos clientes terão de ser mantidas por, no mínimo, 90 dias, durante os quais a cópia do áudio poderá ser baixada naquele espaço. Além disso, também a partir de março, as teles terão de oferecer na internet um mecanismo de comparação de planos de serviços e ofertas promocionais, para facilitar a identificação da opção mais adequada ao perfil de consumo e renda dos interessados.

Leia mais »

Média: 3 (1 voto)

Ambev aceitou alterar propaganda de guaraná Black

A PROTESTE Associação de Consumidores fez acordo com a Companhia de Bebidas das Américas (Ambev) que, após reunião no Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar), aceitou ajustar, de imediato, filme e peças publicitárias do guaraná Black. Será alterada a expressão "Guaraná, Açaí e Frutas da Amazônia" por "Frutas da Amazônia: Guaraná e Sabor Açaí".

A fabricante do refrigerante apresentou cópia do registro do produto no Ministério da Agricultura que comprova a presença de aroma natural de açaí na sua composição. Em até seis meses também será alterada a embalagem do produto para que conste expressamente a existência de "aroma natural de açaí" e "aroma natural de guaraná" e não apenas a palavra "aromatizante", na lista de ingredientes.

A utilização da expressão "sabor..." é permitida pela norma (Informe Técnico ANVISA nº 26/07), e seu uso publicitário, inclusive com alusão, imagens e etc ao próprio produto (açaí, no caso) é plenamente autorizado pelo Conar.

A PROTESTE havia pedido providências ao Conar e aos Procons de São Paulo e do Rio de Janeiro, no início do mês, pela propaganda enganosa do Guaraná Antarctica Black, lançado no mês passado pela (Ambev). Anunciado como uma mistura do tradicional refrigerante com o "sabor do açaí", a bebida não tem a fruta na lista de ingredientes descritos no rótulo. Foram pedidas as alterações da rotulagem e das campanhas publicitárias do produto

Leia mais »

Média: 1 (1 voto)

Proteste pede mudanças na propaganda do Guaraná Antarctica Black

A PROTESTE Associação de Consumidores pediu providências ao Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária (Conar) e aos Procons de São Paulo e do Rio de Janeiro pela propaganda enganosa do Guaraná Antarctica Black, lançado no mês passado pela Companhia de Bebidas das Américas (Ambev). Anunciado como uma mistura do tradicional refrigerante com o "sabor do açaí", a bebida não tem a fruta na lista de ingredientes descritos no rótulo.

Foram pedidas as alterações da rotulagem e das campanhas publicitárias do produto, retirando-se qualquer menção à "Açaí" e "Frutas da Amazônia", inclusive na enganosa forma "sabor de açaí".

Na lata à venda pelo país, o produto é descrito como "Frutas da Amazônia: guaraná e sabor açaí". São listados os seguintes ingredientes: água gaseificada, açúcar, extratos de cenoura roxa e hibisco, extrato de guaraná, corante caramelo IV, acidulantes, ácido fosfórico e ácido cítrico, emulsificante goma acacia, aromatizante e regulador de acidez citrato de sódio.

A PROTESTE pede ainda que o Conar recomende a realização de contrapropaganda pela empresa, de forma a melhor esclarecer todos os consumidores que já foram e continuam sendo atingidos pela propaganda enganosa.

Leia mais »

Média: 4.5 (8 votos)

Como a multa da água em SP impacta no orçamento familiar

 

A Companhia de Saneamento do Estado de São Paulo (Sabesp) já começou a enviar as primeiras contas de água com multas para 22% dos consumidores que continuaram gastando mais água, apesar da crise de abastecimento.

A PROTESTE Associação de Consumidores fez uma simulação para mostrar o impacto dessa sobretaxa da água em São Paulo no orçamento familiar, para quem não conseguiu cumprir a média de consumo calculada pela Sabesp.

Os acréscimos no valor da conta variam de 40% a 100% sobre a parte da água para quem gastou, em janeiro, 20% acima da média do consumo do período entre fevereiro de 2013 a janeiro de 2014. A sobretaxa não se aplica sobre a parte do esgoto.

Uma família com três adultos e uma criança, com média de consumo de 17 metros cúbicos entre fevereiro de 2013 a janeiro de 2014, pagava R$ 70,46. Caso o consumo em janeiro tenha sido de 19 metros cúbicos, a multa de 40% sobre o valor gasto com a água elevará o valor para R$ 97,18. Isto porque a conta mensal de 19 metros cúbicos antes era de R$ 80,98 (50% água; 50% esgoto) e após a sobretaxa passa para R$ 97,18 (58% água; 42% esgoto).

Leia mais »

Média: 4.2 (5 votos)

PROTESTE promove manifestação contra a sobretaxa da água em SP

A PROTESTE Associação de Consumidores promoverá manifestação em frente ao Palácio dos Bandeirantes, sede do governo de São Paulo, no Morumbi, na próxima segunda-feira (26), 10 horas. Será cobrado do governador Geraldo Alckmin um decreto oficial de racionamento antes de instituir a sobretaxa na conta de água para o consumidor que gastar mais do que sua média de consumo.

O ato, convocado pelas redes sociais, é denominado "Banho Coletivo na Casa do Alckmin" e tratará o de tema forma descontraída. Por isso, convidou a população para vestir roupões e levar toalhas e sabonetes. No Facebook, até esta quinta-feira (22), o evento contava com 138 mil convidados e 104 mil confirmações de presença.

A PROTESTE quer transparência do governo nas informações sobre o real estado do sistema hídrico de São Paulo e as medidas que estão sendo tomadas para minimizar os transtornos na crise hídrica. Leia mais »

Média: 4.4 (7 votos)