newsletter

Luis Nassif Online

Reportagem do jornal enaltece a suposta defesa que Cardozo teria feito do governo na operação Lava Jato
20 comentários
"O Brasil do PT admitiu uma inédita fragmentação do poder político que deveria ser exclusivo do estado"
29 comentários
Gilmar dependia do voto de Fux para que as contas de Dilma fossem decididas por Toffoli. Fux não matou no peito
5 comentários

Multimídia do dia

As imagens e os vídeos selecionados.

Média: 1 (1 voto)

Clipping do dia

As matérias para serem lidas e comentadas.

Média: 1 (1 voto)

Fora de Pauta

O espaço para os temas livres e variados.

Média: 3.5 (4 votos)

Na diplomação de Dilma, Toffoli faz discurso contra o terceiro turno

Jornal GGN - Na cerimônia de diplomação da presidente Dilma Rousseff no TSE (Tribunal Superior Eleitoral), o presidente Antonio Dias Toffoli foi enfático em afirmar que “não haverá terceiro turno”.

Respondia a uma bobagem do PSDB, que protocolou uma pedido para cassar o registro da candidatura de Dilma e do vice Michel Temar e para empossar o candidato derrotado Aécio Neves.

Depois de manobras para entregar a relatoria das contas de Dilma ao Ministro Gilmar Mendes, desta vez Toffoli foi enfático em descartar esse pedido do PSDB  sem nenhuma viabilidade. Na fala, enfatizou ter conversado com o corregedor-geral eleitoral para abortar a tentativa inócua do PSDB. Leia mais »

Média: 4.6 (9 votos)

Na diplomação de Dilma, Toffoli diz que eleição é 'página virada' e repudia 3º turno

Jornal GGN - O presidente do Tribunal Superior Eleitoral Dias Toffoli aproveitou a diplomação da presidente reeleita Dilma Rousseff (PT) e do vice Michel Temer (PMDB) para repudiar as tentativas de terceiro turno encampadas pelos partidos de oposição desde que o senador Aécio Neves foi derrotado pela petista em 26 de outubro. Toffoli afirmou que "não há espaço para terceiro turno" e pediu que os "especuladores" de plantão se calem.

"As eleições de 2014, para o Poder Judiciário, são uma página virada. Não haverá terceiro turno na Justiça Eleitoral. Que especuladores se calem. Já conversei com a Corte, e esta é a posição inclusive do nosso corregedor-geral eleitoral [João Otávio de Noronha], com quem conversei, e de toda a composição. Não há espaço para, repito, terceiro turno que possa cassar o voto destes 54.501.118 eleitores [que garantiram a vitória de Dilma]", afirmou Toffoli.

A diplomação de Dilma estava agendada para às 19h, segundo informações do TSE, e começou com alguns minutos de atraso. Horas antes, o PSDB informou que entrou com um novo pedido de cassação de Dilma na Justiça Eleitoral. Desta vez, com um diferencial gritante: solicitando a diplomação de Aécio Neves e seu candidato a vice, Aloysio Nunes, no lugar de Dilma e Temer.

Leia mais »

Média: 5 (6 votos)

PSDB descarta apoio a Cunha e Chinaglia e entra na disputa pela presidência da Câmara

Jornal GGN - Para impedir que o PT conquiste a cadeira de presidente da Câmara em 2015, o PSDB até cogitou inflar a candidatura de Eduardo Cunha (PMDB), já que o peemedebista - que tem dado bastante dor de cabeça para o Planalto - reúne, até aqui, boas condições de vencer a disputa. Ventilou-se que o apoio dos tucanos estaria atrelado a uma pré-disposição de Cunha em fazer caminhar, como presidente, um possível processo de impeachment contra Dilma Rousseff (PT).  

Essa semana, entretanto, o PSDB anunciou que dará apoio à candidatura de Julio Delgado, que concorre pelo PSB. Também surgiu, pelo lado petista, o terceiro nome na disputa: o deputado e ex-presidente da Casa, Arlindo Chinaglia, que tem a missão de garantir que o rodízio entre PT e PMDB na principal cadeira da Câmara - só perde em importância institucional para a presidência da República e vice - retorne à ala de situação.

A corrida pelo comando da Câmara em 2015 terá sua importância superdimensionada, muito em função da vitória de Dilma sobre Aécio Neves (PSDB) no pleito de outubro passado. Desde então, um clima de golpismo paira no ar. Tentativas de cassar Dilma via Tribunal Superior Eleitoral foram movidas pelos tucanos com argumentos de toda sorte. E é sabido que um processo de impedimento político - surfando na Lava Jato, por exemplo - da presidente reeleita passaria pelas mãos do presidente da Câmara.

Leia mais »

Média: 3.4 (5 votos)

A morte de Virna Lisi, uma deusa da beleza

Jornal GGN -  Virna Lisi, considerada musa do cinema italiano, se foi. E se foi ainda em plena atividade artística, nunca deixando as telas e os corações. Aos 78 anos, Virna morreu.

Seu filho anunciou a morte, afirmando que a atriz tinha uma doença incurável.

Virna trabalhou com os maiores diretores de seu tempo, como  Alberto Lattuada, mario Monicelli, Dino Risi e Joseph Losey.  Atuou em cerca de 80 filmes para o cinema e outros 40 para a televisão, interpretando desde papéis de vampira a mulheres doentes, velhas, um tanto irreconhecível mas por demais encantadora.

A beldade teve 40 anos de carreira e recebeu, em Cannes, a coroação de Melhor Atriz em 1994, por sua interpretação de Catarina de Médici em “A Rainha Margot”, de Patrice Chéreau.

Leia mais »

Média: 5 (5 votos)

O Governo tem que agir, e rápido, com relação à Petrobras

Por Daniel Quireza

Gostaria de comentar alguns pontos:

O valor de ações de empresas, ou seja, o valor de empresas cotadas em bolsa, SEMPRE, no longo prazo (algo como uns 5 a 10 anos, no mínimo), acompanha os FUNDAMENTOS da empresa.

O que são esses fundamentos? Basicamente lucros, endividamento (tamanho e custo) e margens de lucratividade (lucro/receita).

Dito isso, fica claro que as ações da Petrobrás cairam em 2008 devido à crise internacional, em um movimento especulativo e também de queda do barril de petróleo.

Porém, após 2010, a queda não tem a ver com a crise internacional e é devida, justamente, à piora dos fundamentos da empresa.

O lucro vem caindo, as margens vem caindo e o endividamento vem subindo. Os fundamentos pioram e o preço da ação cai, não existe milagre, são fatos concretos.

Leia mais »

Média: 2.7 (26 votos)

TTP: o grupo de massacre Talibã

Enviado por Adir Tavares

De Informação Incorrecta

O dia da vergonha 

O que aconteceu no Paquistão não tem descrição.

Nem falamos aqui de justificação: é difícil até descrever aquilo que se passou, falta o termo. "Horror" não chega, "massacre" não dá a ideia. Foi um daqueles actos que envergonham a raça humana, toda ela. 141 mortos, dos quais mais de 100 crianças e rapazes entre 10 e 20 anos, assassinados a sangue frio, com um golpe na cabeça.

Responsável do ataque um commando de Tehreek-e-Taliban (TTP), grupo talibans.
Os terroristas entraram na escola, atiraram gasolina contra os professores, deram-lhes fogo, obrigaram os estudantes a observar. Depois começou a matança.

No Ocidente começou a aparecer a palavra Al-Qaeda. Nada disso: o TTP é uma organização que recolhe 20grupos extremistas, enraizada nas áreas tribais do Paquistão. Tem como objectivos a aplicação da lei da Sharia nas áreas que fazem fronteira com o Afeganistão, a Jihad defensiva contra o exército paquistanês e a libertação de dezenas de militantes em prisão. 

Leia mais »

Média: 4.4 (7 votos)

Unasul cria 'think tank' de Defesa da América do Sul

Enviado por Mcn

A criação da Escola Sul Americana de Defesa foi um dos importantes resultados da último encontro da Unasul em Quito, na semana passada. Há outros, mas a grande mídia fez que não viu.

Do Blog Difrente Pero no Mucho

Por que um evento que reúne chefes de Estado de toda a América do Sul e discute integração regional não é notícia?

Enquanto a TeleSUR transmitia ininterruptamente as falas e o ato cultural que marcou a inauguração da sede da Unasul na tarde desta sexta-feira (05/12), a GloboNews transmitia entrevista com a ex-candidata à presidência pelo Psol Luciana Genro e o principal telejornal do país, o Nacional, da mesma Rede Globo, ignorou solenemente a reunião realizada no Equador e que reuniu mandatário e representantes dos 12 países sul-americanos.

Por Vanessa Martina Silva

Neste sábado (07/12), a capa dos jornais destacam o suposto esquema de corrupção da Petrobras e não há, com exceção do Estadão, nenhuma menção à Cúpula da Unasul.

Leia mais »
Média: 5 (10 votos)

PGR deixa para 2015 denúncias contra políticos envolvidos na Lava Jato

Jornal GGN - O procurador-geral da República Rodrigo Janot só vai pedir aberturas de inquéritos e oferecer denúncias sobre políticos envolvidos na Operação Lava Jato em fevereiro de 2015, quando o Judiciário retornar do recesso de final de ano. A informação foi divulgada pela Folha de S. Paulo na tarde desta quinta-feira (18).

Segundo o periódico, Janot enviou ao ministro Teori Zavascki, responsável pelos processos relativos à Lava Jato no Supremo Tribunal Federal, a delação premiada do doleiro Alberto Youssef. A expectativa é que o magistrado a homologue até esta sexta (19), último dia de trabalho da Corte.

Além da delação do doleiro Youssef, embasam os pedidos de abertura de inquérito e denúncias contra políticos os depoimentos de Paulo Roberto Costa, ex-diretor de Abastecimento da Petrobras. Ele também firmou um acordo de colaboração com o Ministério Público Federal para revelar o que saber acerca dos crimes cometidos na estatal. 

Leia mais »

Média: 1.8 (5 votos)

Mídia garante vitória da oposição na CPMI da Petrobras, por Ilimar Franco

Aconteceu, virou manchete. Não virou manchete, não aconteceu.

O colunista Ilimar Franco, de O Globo - provavelmente o mais isento e respeitado na área política - traz a notícia óbvia. Havia dois relatórios da CPMI da Petrobras: o oficial e o da oposição. O que mereceu cobertura foi da oposição. O relatório oficial mereceu uma notícia: a de que o relator recuou na sua decisão de não pedir o indiciamento de ninguém.

Alguma novidade? Não. Apenas a reiteração de um fato recorrente. Leia a nota de Ilimar.

Leia mais »

Média: 1.6 (9 votos)

Abreu e Lima permitirá autossuficiência do Brasil na produção de diesel

Jornal GGN - A produção da Refinaria Abreu e Lima, inaugurada no mês passado, poderá suprir 70% do óleo diesel consumido no país. Inicialmente a empresa processará 115 mil barris de petróleo ao dia e, a partir de maio de 2015, 230 mil barris. Segundo o diretor da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), Florival Carvalho, o Brasil deverá se tornar autossuficiente na produção de óleo diesel três anos após o início da operação total da refinaria.  

Leia mais »

Média: 4.6 (12 votos)

As discussões sobre as manobras de Toffoli

Ref. ao post: Atualizado: Foi Toffoli quem manobrou para Maluf ser absolvido no TSE

Por José Robson

Pelo que li, parece que, do ponto de vista estritamente jurídico, a última decisão do TSE é a mais correta. Se houve alguma "caca", esta é lá do julgamento do TJ/SP, quando examinou a ação penal respectiva, ao não afirmar a existência do dolo na conduta do deputado em questão.Se o deputado foi denunciado em razão dessa condenação, o TSE não poderia agregar esse fundamento para dizer do enquadramento na "lei da ficha limpa", pois, assim, acabaria por alterar o julgamento da ação penal. 

Por Tiago Moreira

José Robson, o problema (gravíssimo) desse caso não é o debate jurídico. É, sabendo que você vai PERDER uma votação, realizar uma manobra para se aproveitar da ausência de um ministro e assim INVERTER uma decisão.

Leia mais »
Média: 5 (8 votos)

Alston é pega pela lei sobre prática de suborno nos EUA

Jornal GGN - Alstom sofre sanção pecuniária nos Estados Unidos. A empresa aceitou pagar uma multa de 700 milhões de dólares no país por casos de corrupção na Ásia. O valor é o maior já imposto pela lei americana sobre prática de suborno no exterior. 

Sugerido por ssis Ribeiro

A Alstom já foi punida em 11 países. No Brasil nada.

Leia mais »

Média: 5 (4 votos)