Revista GGN

Assine

“Campanha do colesterol é o maior escândalo médico”, afirma investigador dinamarquês

 
“A campanha do colesterol é o maior escândalo médico do nosso tempo”
 
Entrevista a Uffe Ranskov, investigador dinamarquês e fundador da Liga Internacional dos Céticos do Colesterol que defende que o colesterol alto não é causa mas apenas um sintoma das doenças cardiovasculares.
 
Por BÁRBARA BETTENCOURT

Como começou o seu interesse no colesterol?

Quando a campanha anti-colesterol começou na Suécia, em 1989, fiquei surpreendido porque nunca tinha visto indicações na literatura médica que mostrassem que o colesterol elevado ou as gorduras saturadas fossem prejudiciais. Como sabia pouco do assunto comecei a ler de forma sistemática e rapidamente percebi que o rei ia nu.

Parece haver uma guerra de estudos nesta matéria...

Quase todas as pesquisas nesta área são pagas pelas farmacêuticas e pela indústria das margarinas. É também um facto triste que muitos investigadores que mostraram que o colesterol elevado não é mau, não o percebam eles próprios. Por exemplo, dois grupos de investigação norte-americanos mostraram recentemente que o colesterol de doentes que deram entrada no hospital com ataque cardíaco estava abaixo do normal. Concluíram que era preciso baixar o colesterol ainda mais. Um dos grupos fez isso mesmo. Três anos depois tinha morrido o dobro dos pacientes a quem tinham baixado o colesterol, comparativamente aqueles em que o colesterol foi deixado na mesma.

Se o colesterol não tem influência na doença coronária como se explica que haja tantos estudos a mostrar efeitos positivos das estatinas em pessoas com historial de doenças coronárias?

A razão prende-se com o facto das estatinas terem outros efeitos, anti inflamatórios, além de baixarem o colesterol. O seu pequeno benefício só foi demonstrado em pessoas jovens e homens de meia- idade que já tiveram um ataque cardíaco. Nenhum ensaio de estatinas foi capaz de prolongar a vida às mulheres ou pessoas saudáveis cujo único ‘problema’ é terem o colesterol alto. E há mais de 20 estudos que demonstram que pessoas mais velhas com colesterol vivem mais tempo.

Há quem não desvalorize completamente o papel do colesterol, nomeadamente o LDL, mas enfatize a importância do tamanho das partículas.

O investigador norte-americano Ronald Krauss descobriu que o LDL existe em vários tamanhos e que um número elevado de partículas pequenas e com maior densidade está associado a um maior risco de ataque cardíaco, enquanto que um numero alto de partículas de LDL grandes está associado a um risco menor. Também demonstraram que ao comer gordura saturada o número de partículas pequenas no sangue descia e que o número das grandes subia. Isto não significa que as partículas pequenas sejam a causa dos ataques cardíacos. Haver uma relação não implica que seja de causa efeito. O que estes estudos demonstraram foi que comer gorduras saturadas não causa doenças coronárias. De qualquer forma, uma análise do colesterol diz pouco. O nível de colesterol depende de muitas coisas. O stresse pode aumentar o nível de colesterol em 30% a 40% em meia hora.

Diz ainda que as gorduras saturadas não são um problema mas sim a comida processada, com gorduras hidrogenadas, e o açúcar...

Sim, o triste é que até os autores do mais recente relatório da OMS/FAO admitiram que a gordura saturada é inocente e apesar disso continuam com as recomendações de dietas com baixos teor de gordura e altos teores de hidratos de carbono. O relatório diz ‘As provas disponíveis de ensaios controlados não permitem fazer um juízo sobre efeitos substantivos da gordura na dieta no risco de doença cardiovascular’. Na Suécia, milhares de diabéticos obesos puderam deixar a medicação para a diabetes evitando os hidratos de carbono e comendo alimentos ricos em gordura saturada.

O que recomenda às pessoas relativamente à toma de estatinas?

Não usem estatinas! O seu benefício é mínimo e o risco de efeitos adversos é muito mais alto do que o que as farmacêuticas dizem. Vários investigadores independentes mostraram que há problemas musculares em25 a 50% das pessoas, especialmente nos mais velhos. Pelo menos 4% ficam com diabetes e parece haver também ligação a perdas de memória ou Alzheimer. Os problemas de fígado também são um risco. A campanha do colesterol é simplesmente o maior escândalo médico do nosso tempo.

 

Média: 4.2 (25 votos)
34 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de João Vaz
João Vaz

Claro que todas as drogas

Claro que todas as drogas farmacêuticas fazem mal ao ser humano, né!

As estatinas não passam de um excelente negócio....
http://as-medicinas-alternativas.blogs.sapo.pt/as-estatinas-duplicam-o-risco-de-70695

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Antônio segetto
Antônio segetto

Meu médico recomendou devido

Meu médico recomendou devido aos trigliceridios estarem em 467. Não usei e comecei a praticar exercícios físicos 3 x na semana e troquei carboidratos. Em 3 meses is trigliceridios estão em 118.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Tenho 63 anos os últimos dos meus exames estavam ótimos, eu os..

fiz há dez anos, depois disto só vou ao médico quando estou estrebuchando, a última vez foi a poucas semanas quando tive que tirar a vesícula pois dava uma dor espantosa, talvez quando tiver um ataque cardíaco ou um AVC vou de novo.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Ednaldo
Ednaldo

colesterol

Com esse pensamento, talvez não dê tempo de voltar ao médico.

Medicina preventiva, já ouviu dizer?

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Colesterol, gorduras e açúcares

Do Dr. Dráuzio Varella:

"A guerra à gordura animal teve consequências inesperadas. Nos últimos 30 anos, a população americana reduziu de 40% para 30% a proporção de calorias ingeridas sob a forma de gordura, justamente o período em que se alastrou pelo país a epidemia de obesidade. Como explicar?

Talvez a razão principal seja a de que a retirada da gordura deixe a comida insossa. Para compensar, as refeições ficaram mais ricas em carboidratos e a indústria acrescentou açúcar aos alimentos.

As evidências apontam os açúcares como fatores de risco para a instalação da chamada síndrome metabólica, combinação traiçoeira de hiperglicemia, hipertensão arterial, aumento de triglicérides, diminuição da fração HDL do colesterol e aumento da circunferência abdominal.
"

Fonte: http://www.cartacapital.com.br/revista/776/gordura-na-dieta-840.html

Seu voto: Nenhum
imagem de Ana Michaelaa
Ana Michaelaa

Colesterol

Tenho 63 anos.Estou começando a usar a sinvastatina. Meu colesterol está 156 e já estou de cabelo em pé com os comentários. Psicologicamente é bom você ñ se policiar tanto com a cobrança de exercícios e alimentação. Mas acho que depois desse comentários vou cair na real e fazer por mim e não pelo lucro dos laboratórios. Grata pelo alerta.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Por falar em coisas estranhas....

Já chegaram a algum resultado sobre o fato do  Planeta Terra estar aquecendo ou esfriando?  O mais impressionante e que ninguém conseguiu ainda  explicar o mínimo de Maunder, que ocorreu há uns 300 anos, mas conseguem ter tanta certeza agora. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Targino Silva
Targino Silva

colesterol

Eu deixei de comer trigo. O cafe da manhã é com tapioca.

Consumo açucar moderadamente. Sou de opinião que não se deve comer açucar junto com sal.

Reuzi a glimeperida de 6 para 2 miligramas.

Tomo 2 comprimidos de metifformina.  Aumentei o consumo de frutas.

Não tomo atorvastina que o medico quer que eu tome.

Não abro mão do copidrogrel.

Na minha concepção o sangue tem que ser liguido e menos viscoso possivel

para fluir nas arterias. 

Ontem fui ao medico. Meus exames de sangue mostraram tudo dentro do indices desejados,

com o diabetes establizado nos indeces menores.

Apesar de ter sofrido um infarto em 2011, nunca estive melhor na minha vida.

Acredito que o maior problema das pessoas esta na alimentação, na vida sedentaria.

 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de andrepa
andrepa

Tem doido pra tudo !!

Taí, mais um doido querendo aparecer (o dinamarques). Conheço e estudo profundamente colesterol e dislipidemia desde 1983. Conheço dezenas de trabalhos em animais e humanos que melhoram as funções endoteliais, apenas com a redução do colesterol. SEM USO de estatatina. Como o "doido" diz acima, a estatina tem outros efeitos protetores (além do colesterol reduzir). Só isto já valeria a pena. Já "abri" carótidas e artérias vertebrais fechadas, (isto para não dizer que é "literatura comprada por multinacionais"), e só conseguiu isto na "era estatina". São centenas de evidências de benefícios, de respostas, que não vou perder tempo aqui. Até coronárias reduzem algum grau. 
Tenho 3 tipos de pacientes: os que não seguiram a recomendações (morreram mais cedo), os mais ou menos (estão mais ou menos), e os caprichosos (estão virão centenários saudáveis), e a estatina acredito que dá uns 20 a 30 anos mais de vida. Sem maiores riscos (não pode misturar com antifúngico e antibióticos macrolídeos, e etc). 
Tem doido prá tudo...

ps: a fato do paciente sentir dor muscular não é problema. A maioira das vezes é porque leu a bula (efeito placebo negativo). Nem é necessário suspender porque não há risco. Se for intolerável, suspenderemos a medicação. MAS ISTO É RARO.  Se 20 relatarem aqui, tem 20 mil que nada sentiram.

 

Seu voto: Nenhum

será?

O senhor deve ser médico, mas não basta falar de pesquisas favoráveis às vastatinas, deve mostrar os numeros e pesquisas.

Passei a tomar LIVALO 2mg há poucos meses mesmo não tendo indices superelevados de colesterois e triglicerideos, estando acima dos 50 anos e nunca ter tido problemas cardiocos, por recomendação do meu cardiologista. De fato os indices baixaram para os niveis "recomendados" que estão ano a ano cada vez menores (acho que querem que eliminemos 100% do colesterol).

Aparentemente houve alguma leve alteração nas enzimas hepáticas ,mas seu outros efeitos.

Estou tendendo a largar essa medicação porque concordo que existe uma industria forte por tras disso tudo e eu não sou cobaia.   

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

será

Pelo visto, é um médico. Sua fala é interessante, mas gostaria de ver aqui postado as pesquisas às quais se refere defendento as estatinas. Passei a usar uma medicação chamada LIVALO há poucos meses e de fato os indices de colesterol e triglicedideos chegaram para numeros favoraveis dentro do ponto de vista dos parâmetros esperados. Nunca tive indices muito elevados e também tenho a condição cardiorespiratória normal  e não tive nenhum infarto estando na casa dos 50 e poucos. Ainda permance a duvida se devo continuar com essa medicação que aparentemente alterou enzimas hepáticas, mesmo que de forma moderada. 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

...

"A neve e as tempestades matam as flores, mas nada podem contra as sementes" (Khalil Gibran – 1883-1931).

imagem de Paula Nocera
Paula Nocera

Quem ganha são os laboratórios..

Os pacientes que tomam estatina por um tempo ficam mais doentes , meu marido estava com muitas dores no corpo e resolveu parar de tomar .As dores despareceram em 5 dias .. Antigamente o nivel aceitável para colesterol era 320 , agora para vender mais os laboratórios convenceram os médicos que tem que ser inferior a 159.. Uma vergonha..

 

Seu voto: Nenhum (16 votos)
imagem de Paulo F.
Paulo F.

Convenceram os médicos? Facil!

E só "convidar o DR. para um congresso em Miami, com despesas pagas" como fazem as farmaceuticas....E lá mostrar à exaustão uma "pesquisa séria" ( que a propria indústria paga) aos DR.

Indices considerados normais de colesterol, de glicemia e outros abaixam despudoradamente.

E toca a tomar os farmacos de "uso continuo", na melhor mentalidade de traficante da indústria farmaceutica.

A palavra cura esta proscrita no vocabuláriomédico!

Seu voto: Nenhum (15 votos)
imagem de Maria Mirtilene
Maria Mirtilene

Acho importante falar desse

Acho importante falar desse assunto sempre que possível. No meu caso o meu cardiologista sempre me receita estatina e eu passo super mal e já havia ficado sabendo dos efeitos colaterais tipo Parkinson, Alzheimer, Transtono do Pânico (o remédio me causa Transtorno do Pânico), eu falei ao médico e ele disse: "ahhh, mas é só depois de 10 anos"! Exatamente, quando ele me indicou a primeiva vez eu estava com 39 anos, imagine eu apresentando esses sintomas aos 49 anos? A minha mãe, que está com 81 anos, já está com todas essas doenças, exatamente há 10 anos ela começou a tomar as estatinas.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Tudo é manipulável, depende da autoridade

Antes foi o Gás CFC, depois veio o Gás Carbônico, agora o Colesterol. No proximo escândalo, o que virá?

Seu voto: Nenhum (11 votos)

O autor desse excelente

O autor desse excelente livro, Dr. David Perlmutter, diz a mesma coisa ( e muito mais ) :  A DIETA DA MENTE

Recomendo.  Pode mudar muitas vidas para melhor.

Para os interessados :  

http://www.amazon.com.br/dieta-mente-surpreendente-carboidratos-silencio...

http://www.livrariacultura.com.br/busca?N=102831&Ntt=a+dieta+da+mente

 

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Demarchi

Nesse livro, Dr. David

Nesse livro, Dr. David Perlmutter explica que o leite materno contém mais de 50 % de gordura saturada.

Esse outro artigo explica bem o que diz esse Post :

http://primalbrasil.com.br/se-delicie-com-a-gordura-saturada-ela-e-boa-para-voce-parte-2/

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Demarchi

o artigo é de maio de 2013

acho  difícil que meu excelente cardiologista  não  tenha conhecimento (concordando ou nao). Em bula de uma das estatinas ou nalgum canto li sobre possiveis efeitos colaterais, pelo menos nessa parte nenhuma novidade. Depois de passar por alguns , esse meu atual (indicado por dos médicos de ponta em recife, ex-colega meu de adolescencia) meu atual já de uns anos é daqueles de consutas loooongas e explicativas e  dá pau  feroz nos livretos de médicos pra leigos. Não posso nem concordar nem discordar desse Post, mas já vale deixar a gente com pé atrás (também quanto à vulgarização, isto é, popularização, divugação em revistas, publicaçoes pra nós leigos). Por exemplo, meu médico prefere doses baixas de uma estatina (a mais recente!), acho que isso pode ser um sinal do que ele estah a par (e estuda ). Por  curiosidade: Recife é  muito adiantado nalgumas áreas médicas.

Seu voto: Nenhum

"A fidelidade muitas vezes não passa de falta de imaginação " - Oscar Wilde

imagem de Flavio Martinho
Flavio Martinho

Não só Recife. Fortaleza

Não só Recife. Fortaleza também.. Haja bairrismo!!!! Kkk no meu caso, o meu colesterol já era baixo antes do infarto. Depois eles baixaram mais ainda. Haja medicamentos. Mas continuarei seguindo o cardiologista. Não dá para se aventurar às cegas.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Fonte: http://activa.sapo.pt/

http://activa.sapo.pt/ (acessem o site)

Uma vez vi entrevista na FSP desmistificando que a não ingestão de carne vermelha não diminui doenças do coração (e os vegetarianos, como é que ficam, com mais utras pesquisas?). Meu cardiologista é contrário, diz pra moderar mas por outros motivos.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"A fidelidade muitas vezes não passa de falta de imaginação " - Oscar Wilde

cautela com essas revistas, blogs, etc

sob nomes diversos até se dizendo cientificas  vendidas em bancas podem trazer meias verdades, a tal dieta mediterrânea envolve muitos aspectos (Netbook ´f...), e não é consenso cientifico de que vinho seja bom assim pra saúde. Há outros fatores também.  Netbook piora até meus poucos comentários.... Nem uma gracinha dá pra fazer.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"A fidelidade muitas vezes não passa de falta de imaginação " - Oscar Wilde

imagem de Bruno Leite
Bruno Leite

Olhe, pelas informações que

Olhe, pelas informações que tenho aqui no Rio de Janeiro eu até concordo que Recife seja atualmente uma das cidades com medicina mais avançada do país, mas eu praticamente só uso netbook e ainda não consegui entender como que ele piora os meus níveis de colesterol :D
Será o stress causado pela lentidão do Atom e por ficar conectado o tempo todo no WiFi?

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Ze Borba
Ze Borba

Então é por isso que as

Então é por isso que as pessoas vivem mais...droga, vamos comer colesterol à vontade assim morremos mais cedo.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Tudo virou negócio.

Negócios, negócios, negócios....

Há quem sustente a idéia de que doenças sejam "fabricadas" para que em seguida "soluções" sejam apresentadas: $$$$$$$$$$$$$$$$$$$

A descreça é generalizada. Por conta dos negócios... negócios... negócios...

Aí quando você argumenta que a velha imprensa joga no mesmo time, digo, com os mesmos "malabares" tem nequinho que quer te esfolar.

 

 

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Luna Plena
Luna Plena

Confiar em quem?

Confiar em quem?

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Andre B
Andre B

Mandem ele ler isso

Mandem ele ler isso aqui: http://www.thelancet.com/journals/lancet/article/PIIS0140-6736(12)60367-5/abstract

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Andre, uma sugestao prática

Sempre que vc sugerir um link use o comando apropriado para inserir link (aquele logo depois da setinha para a esquerda na linha de comandos acima deste quadro de comentários). Se vc nao faz isso, fica o endereço no comentário, mas nao se pode clicar nele e ir para o site informado.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Andre B
Andre B

Muito obrigado, farei isso,

Muito obrigado, farei isso, apesar de no meu Chrome aparecer apenas os links para compartilhamento no FB, twiter, G+, linkedin e email. Mas o artigo é valioso, a Big Pharma é poderosa e inescrupulosa, mas as opiniões desse cara são absurdas, perigosas e o pior: sem uma fonte confiável (submetida a revisão e publicada). Tem muita gente usando estatina sem precisar, mas tem muito mais gente que deveria estar usando estatinas potentes em doses altas e que não o fazem por ignorância (delas e de seus médicos)

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Copiar e colar

Vc pode copiar o link, abrir nova aba, colar o link copiado e dar enter

Seu voto: Nenhum (1 voto)

¨Liberdade é a liberdade dos que pensam diferente¨ -- Rosa Luxemburgo

Claro, né Edson? Foi p/ evitar tudo isso q dei a sugestao...


Se alguém realmente acha que vale a pena que os outros leiam algo e dá o link, melhor usar o comando apropriado e permitir o clique...

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Andre B
Andre B

Putz, mais um  Lair Ribeiro,

Putz, mais um  Lair Ribeiro, agora dinamarquês! Vai estudar!

Seu voto: Nenhum (10 votos)

As estatinas.

As estatinas podem causar muito mal.  Muitas dores no corpo e, especialmente nos pés, podem ser consequência das estatinas. Doses altas de estatina, por um período longo, podem acarretar danos ao fígado. Pode até mesmo impedir que o fígado produza o colesterol indispensável ao ser humano. E a hepatoxicidade do fígado, por medicamento , vai influenciar outros órgãos, causando anemias, descontrole hormonal, decréscimo de produção de vitaminas, principalmente a vitamina K  e, em consequência, a hemodiluição do sangue. O assunto é sério , e todos que usam estatinas, devem ser submetidos a controle com o exame de hepatograma periódico. Busque  no google:  " Os malefíicios das estatinas " .

Seu voto: Nenhum
imagem de Andre B
Andre B

São raríssimas as

São raríssimas as complicações hepáticas com estatinas, tanto que as últimas diretrizes tiraram um  pouco o pé da preocupação com a dosagem de alanina aminotransferase ao se iniciar/aumentar a dose de estatinas. Desculpe-me, mas não estudo no Google, tenho fontes melhores para esse tipo de informação.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Pessoa na família...

André estamos com parente vivendo esse problema.Após usar estatina de 40mg  por  3 anos, começou a ter vários problemas.O médico suspendeu as estainas. Após 30 dias sem esse remédio,as transaminases entraram nos valores de referência . Estavam aumentadas 6 vezes. É claro que nem todas as pessoas terão essa reação. Daí  a necessidade de acompanhamento periódico para avaliar o fígado. Nós não vivemos sem colesterol. Caso haja reação com doses elevadas, o fígado fica sem condições de fabricar o colesterol. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.