Revista GGN

Assine

A auto implosão deliberada da estratégia neo-liberal, por José Luis Oreiro

Imagem: Salvador Dali

A auto implosão deliberada da estratégia neo-liberal da equipe econômica

por José Luis Oreiro

em seu blog

A combinação de ajuste fiscal com aperto monetário e redução do tamanho do BNDES no meio de um recessão não poderia produzir outra coisa se não a continuidade/aprofundamento do quadro recessivo.

Se a economia brasileira ainda não engatou uma trajetória de crescimento a culpa não é da nova matriz macroeconômica, mas do fato de que a atual equipe econômica está DELIBERADAMENTE E ESTRATEGICAMENTE tomando medidas que mantêm/agravam o atual quadro recessivo para criar o clima de “urgência” que leve os deputados e senadores a aprovar medidas que, em outras circunstâncias, jamais seriam aprovadas. 

Sem entrar em julgamento moral desse tipo de estratégia -adotar uma estratégia que faz os outros sofrerem, não você – afirmo que se trata de uma estratégia burra.

Essa estratégia está destruindo o atual governo e ainda aumenta dramaticamente as chances de retorno de Lula ao poder nos braços do povo como Getúlio Vargas em 1950.

 

Média: 4.2 (10 votos)
4 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Estratégia extremamente perversa e diabólica

A criatura, está usando esta estratégia de piorar a recessão, não só para aprovar as reformas trabalhistas e da previdência. Ele está usando a recessão para pressionar os rentistas também, a abaixar os juros, pois ao aumentar os combustíveis ele gera inflação que diminuem os lucros rentistas. Ou seja, ou abaixam os juros ou eu aumento os combustíveis todo mês.

Isto que a criatura está fazendo, é uma técnica perversa e diabólica, de tornar a sociedade escudo humano, usar a sociedade de refém, para conseguir impor suas políticas.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Ze Guimarães

imagem de André élebê
André élebê

  Demorou pra alguém dizer

  Demorou pra alguém dizer isso.

  

  Dá uma soneira ler toneladas de artigos de pessoas que "não compreendem" o motivo de tanta insistência em ideais que, comprovadamente, arrebentam uma economia após a outra.

  É PRA ARREBENTAR MESMO, PÔ!!!! Assim uns e outros faturam muito mais. Que pessoal mais lerdo, viu. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Rei
Rei

Teoria furada... economia afunda por ideologia liberal utópica

O Brasil está contaminado por uma pseudo-ideologia liberal-utópica e eles realmente acreditam que medidas austeras vão fazer as empresas e os empreendedores começarem a investir e produzir a qualquer momento.

"...fato de que a atual equipe econômica está DELIBERADAMENTE E ESTRATEGICAMENTE tomando medidas que mantêm/agravam o atual quadro recessivo para criar o clima de “urgência” que leve os deputados e senadores a aprovar medidas que, em outras circunstâncias, jamais seriam aprovadas."

Isso não é verdade... essa equipe econômica dá entrevistas e age de maneira tal que deixa claro que eles realmente acreditam que essas medidas vão fomentar a economia... aliás é isso que se repete no país há mais de uma década em todos os jornais.

Vale lembrar que até Dilma embarcou nessa idéia quando colocou Levy no governo.

A estratégia de deixar a economia se deteriorar não faz sentido:

1-Temer quase perdeu o governo e sua aprovação está colocando em risco o projeto de poder desse pessoal. A melhoria imediata da economia fazia parte do golpe... a mídia vendeu isso como verdade absoluta.

2-Piorar a economia é uma faca de dois gumes... com isso fortalece a oposição e suas propostas.

3-O governo até manipulou dados do Ipea para apresentar melhores indicadores. Até a condenação de Lula é atrelada a indicadores da bolsa de valores, tamanha é a vontade de associar a direita à salvação da economia.

4-Meireles comemora melhoras sazonais como se fosse o carnaval e Temer usa isso em todos os discursos.

Essa teoria está furada.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

números

"criar o clima de “urgência” que leve os deputados e senadores a aprovar medidas que, em outras circunstâncias, jamais seriam aprovadas."

Quai$ outra$ circunstância$????

Pois saiba o sr. Oreiro que se a$ circunstância$ a$$im $ugerirem os patriótico$ $enhores Deputados aprovam até a venda da$ própria$ mãe$, i$$o depoi$ de terem entregado a totalidade do território nacional.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.