Revista GGN

Assine

Assessor do PPS é suspeito de ter feito vídeo de Dirceu na Papuda

Sugerido por mcn

Do Revista Fórum

Assessor do PPS é suspeito de ter feito vídeo de Zé Dirceu na Papuda

Renato Rovai

Bastaram alguns minutos após o término da visita da comitiva formada por integrantes da Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) ao presídio da Papuda para que a Folha de S. Paulo publicasse em seu site um vídeo com imagens de José Dirceu. O grupo não tinha, no entanto, a autorização judicial para fazer as imagens. Ou seja, a produção das imagens constitui-se um crime.

“A juíza da Vara de Execuções Penais, Débora Valle de Britto, não permitiu que fossem feitos vídeos. Por conta disso, todos os assessores ficaram aguardando do lado de fora, não tiveram acesso à cela em que Dirceu estava. Exceto um, que não ficou e acompanhou. É o mesmo que não estava relacionado para fazer a visita”, relata o deputado Nilmário Miranda (PT-MG), membro da comitiva. Ele se refere a William Pereira Dos Passos, assistente técnico da liderança do PPS. “Era a única pessoa que estava lá – não deveria estar – e que não aparece no vídeo. Todos os demais aparecem”, acrescenta Nilmário.

Questionado sobre o caso, William inicialmente limitou-se a dizer que não sabia do que se tratava. Em uma segunda ligação, confirmou que esteve na comitiva na companhia do deputado Arnaldo Jordy (PPS-PA), mas recusou-se a responder se esteve ou não dentro da cela onde Dirceu foi filmado. “Eu sou só o assessor, quem responde pela comitiva é o deputado”, disse William, que negou ter feito o vídeo – “pergunte ao repórter da Folha”.

“Nós repudiamos a gravação clandestina, a CDHM é uma instituição séria que não pode ser maculada por uma pessoa que se propõe a fazer isso”, acrescenta Nilmário. Além dos deputados de PT e PPS, estiveram presentes na comitiva Luiza Erundina (PSB-SP), Jean Wyllys (PSol-RJ) e Mara Gabrilli (PSDB-SP) – esta última não é integrante da comissão, mas pediu para integrar a comitiva com o objetivo de verificar as condições de acessibilidade do presídio.

Na saída, contudo, Gabrilli deu entrevista aos meios de comunicação que esperavam na porta. “A cela dele é iluminada, ampla, o tipo de material do beliche é diferente, tem televisão, tem micro-ondas”, relatou a deputada, sobre a cela de José Dirceu. A declaração causou estranheza a Jean Willis, que disse à blogueira Cynara Menezes, do Socialista Morena: “Na minha opinião, infelizmente a Mara e o Jordy resolveram partidarizar a questão. A Mara foi enfática ao dizer aos jornalistas que a cela de Dirceu é ‘ampla e iluminada’, sendo que nem pôde entrar no local, porque a cadeira de rodas não permitia a passagem”. E ainda: “Respeito muito a Mara, mas ela não visitou a cela. Acho estranho afirmar categoricamente uma coisa sem ter entrado. Ficou na porta.”

No final da tarde desta quarta-feira (30), a Comissão de Direitos Humanos e Minorias da Câmara  oficiou a juíza Débora Valle de Brito. “Repudiamos a gravação clandestina, feita à revelia da orientação da CDHM, ardil que, além de violar a ordem dessa VEP [Vara de Execuções Penais], violou a intimidade do um preso”, diz o documento.

Média: 4.5 (8 votos)
31 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

O BOTÃO DO CRACHÁ DO SUSPEITO

Vale a pena conferir em foto na matéria do UOL ( http://noticias.uol.com.br/politica/ultimas-noticias/2014/04/30/em-relat... ), o botão no crachá, o paletó e a camisa do assessor suspeito, de óculos escuros (?) ao lado de seu deputado, Jordy PPS, com a mão direita no peito.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

A questão ética do vídeo de

A questão ética do vídeo de Dirceu na prisão

Postado em 02 mai 2014por : Paulo Nogueira
Otavio Frias, diretor hereditário de redação da Folha


O episódio do vídeo de Dirceu na prisão oferece uma excelente reflexão sobre os limites da mídia.

Melhor: sobre a falta de limite.

Na Inglaterra, quando se soube que um tabloide de Murdoch invadira a caixa postal do celular de uma garotinha sequestrada (e morta) a questão dos limites irrompeu fulminantemente.

Jornais podem tudo? Em nome do quê? De vender mais exemplares e enriquecer seus donos, fingindo que existe interesse público em qualquer coisa?

Na mesma semana em que a opinião pública inglesa ergueu sua voz de repulsa e de condenação à invasão do celular, Murdoch se viu obrigado a simplesmente fechar o jornal, que era o mais velho da Inglaterra.

Pediu desculpas, procurou os pais da menina com um cheque milionário – e mesmo assim virou, a partir dali, um pária entre os ingleses, depois de ser por décadas uma espécie de Roberto Marinho.

Voltou às manchetes apenas recentemente, e isso porque sua mulher o traiu com Tony Blair, de quem num diário que vazou elogiou o corpo “lindo”.

A Folha invadiu a privacidade de Dirceu de uma forma abjeta como se isso fosse absolutamente normal.

Ou os Frias e seus editores são péssimos jornalistas, sem qualquer noção, ou há algo de errado no manual de conduta da imprensa brasileira em geral.

A segunda hipótese é a mais real.

A Veja tentou invadir, algum tempo, um quarto de hotel em que Dirceu – sempre ele – se alojava em Brasília. A revista fez seu repórter se passar por gatuno.

Mais recentemente, a mesma Veja invadiu a privacidade de Dirceu na cadeia com fotos tiradas em condições ilegais e informações de escassa credibilidade.

Pode tudo?

Na Inglaterra, o caso da garotinha desencadeou imediatamente um debate sobre os limites da mídia.

Um juiz de ilibada reputação – não alguém como Gilmar, ou Fux, ou Barbosa – comandou um comitê destinado a rever o que a mídia pode e não pode fazer.

Uma das conclusões foi que a autorregulação fracassou. Fiscal (como a mídia alega ser) sem fiscalização acaba como contraventor.

Os britânicos estudam agora modelos de regulação que possam melhorar os padrões éticos da mídia. Como já escrevi aqui, a regulação dinamarquesa – sempre a Escandinávia – é uma referência nas modificações pelas quais seguramente passarão as regras para a imprensa no Reino Unido.

O Brasil vai ter que passar pelo mesmo, cedo ou tarde. As empresas de jornalismo defenderão seus interesses particulares (e muitas vezes escusos) contra os interesses da sociedade, mas em algum momento a opinião pública exigirá mudanças como aconteceu na Inglaterra.

O caso da Folha é particularmente ilustrativo. Tantos anos de ombudsman e não conseguiu ter uma ideia básica de ética que vede publicar um vídeo como o que mostra Dirceu na cadeia?

Há uma discussão adjacente aí.

O suspeito – suspeitíssimo – de ter passado o vídeo à Folha milita no PPS de Roberto Freire. Ele, o suspeito, é casado com uma apresentadora da CBN, Roseann Kennedy.

Não é o primeiro militante do PPS que aparece vinculado, indiretamente, ao jornalismo. Uma jornalista do Estadão que se notabilizou nos últimos tempos por ataques a Dirceu, Andreza Matais, é também casada com um militante do PPS.

Isso quer dizer que o PPS aparelhou a mídia.

Pior: a mídia gostou de ser aparelhada – ela que tanto fala no aparelhamento do PT.

Um dia, e o DCM batalhará para que isso seja quanto antes, a conduta da imprensa nestes nossos dias será vista com uma mistura de repulsa e surpresa, repulsa por razões óbvias, surpresa porque as pessoas se perguntarão como tanta canalhice pôde ser tolerada.


http://www.diariodocentrodomundo.com.br/a-questao-etica-do-video-de-dirceu-na-prisao/

  

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Crime

A Folha subornou um servidor público (o assessor do PPS) a fim de violar a privacidade de um preso, sem o seu consentimento, obtendo assim um benefício ilícito. É crime.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Marly
Marly

Não esqueçamos!!

Hoje fazem 5 meses e 17 dias que Dirceu está preso indevidamente em regime fechado!  Dirceu SEMIABERTO JÁ !!!!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

O assessor do deputado que,

O assessor do deputado que, criminosamente, filmou não vai nem ser admoestado?

A deputada que, além de cadeirante, também se acha "gostosa" espera ter republicadas as suas fotos nua para

aproveitar na próxima campanha? 

Porções generosas de capim para eles e para mim um cafesinho.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Francisco J. Correa

No meu pensar, sem "ser do mal",

a deputada deveria ter perdido a voz e não os movimentos, pois, assim, deixaria de mentir e enganar as pessoas.

Seu voto: Nenhum

"A neve e as tempestades matam as flores, mas nada podem contra as sementes" (Khalil Gibran – 1883-1931).

O que há d mais infame?

Desde janeiro de 2003 me pergunto, existe algo mais infame do que a direita brasileira e sua poderosa mídia?

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Ugo
Ugo

receptação

Ao adquirir barato um produto a pergunta é obvia: é roubado, se o comprar sou eu também criminoso.

A folha, cheia de departamentos jurídicos, sabedora que até suspeita de telefonema na cadeia é motivo para aprisionamento (desde que seja petista), na porta da cadeia quando da saída de um araponga recebe material claramente encomendado, (pagaste Otavinho?) é certamente cúmplice e culpada.

O resto folha/Joaquim, nova parceria no mercado, anteriormente veja/cachoeira, não é noticia é patético.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Falatório inócuo...

“Repudiamos a gravação clandestina, feita à revelia da orientação da CDHM, ardil que, além de violar a ordem dessa VEP [Vara de Execuções Penais], violou a intimidade do um preso”, diz o documento.

Esse é o tipo de manifesto rizível e inócuo do qual os inimigos e bem mandados malfeitores estão dando rizadas.

Quero saber é qual a providência efetiva de efeitos imediatos que foi tomada contra todos os envolvidos, principamente a divulgadora do material que sabia ser crime o que estava fazendo, mas não estava nem aí porque seu maior prazer foi sempre o de expor e humilhar quem não integra a sua camarilha

Seu voto: Nenhum (5 votos)

  O meu sonho seria o Governo

 

O meu sonho seria o Governo Dilma sobretaxar a fabricação de TV's e ao mesmo tempo dar incentivos fiscais paraa fabricação de monitores ou até mesmo computadores como um todo .

O aparelho de TV virou um equipamento demoníaco pois possibilita transmição de mensagens anti-nacionais. e outros dejetos alienantes e altamente tóxicos .

O governo deveria taxar violentamente a fabricação e venda de aparelhos de TV e ao mesmo tem dar incentivos fiscais para que essas fábricas substituam a fabricação de TV por monitores de PC's ( talvez, até o PC por completo) .

O programa federal deveria denominar-se : " Programa Saúde Mental para Todos"

Seu voto: Nenhum (2 votos)

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

William dos Passos, assessor

William dos Passos, assessor do PPS, suspeito de ter feito o vídeo, é casado com Roseann Kennedy, da CBN. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Marly
Marly

O serviço sujo!

Com certeza sempre encontraremos alguém ligado à Globo, fazendo esses serviços sujos e criminosos!   FORA GLOBO!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

O aparato midiático-penal no qual se baseia a AP 470 é criminoso

Vejam como o aparato-midiático penal por trás da AP 470 é criminoso, se bem que o  crime compensou, uma vez que a Folha tucana  faturou uns trocados com mais esse showzinho, dividendos políticos para Aécio Neves foram contabilizados, o preso foi humilhado[a Folha disponibilou o vídeo para celulares] e,  como o ministro-carcereiro garante,  fica por isso mesmo

Seu voto: Nenhum (3 votos)

 

...spin

 

 

O "mensalão do PT" precisa

O "mensalão do PT" precisa render bastante até as eleições. Para isso, o esforço da oposição partidária, da mídia partidária e do judiciário partidário, mesmo às custas da ilegalidade e da injustiça, em nome da legalidade e da justiça. O que é pior, em termos pessoais: às custas da honra e da saúde de militantes políticos, em seus últimos anos de vida.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Querem repetir o efeito Silvio Berlusconi

A direita, de olho no cofre e no pré-sal, jura que vai se repetir por aqui o que aconteceu na Itália: A eleição do drogado, baladeiro e depravado Silvio Berlusconi, por causa da enorme publicidade em torno da Operação Mãos Limpas que, aqui, pega melhor se chamar Operação Mãos Sujas, dai que colocaram o Barbosa na condição de carcereiro prá dar mais Ibope em torno de manchetes como "Barbosa manda Genoino para a Papuda".  Ministro-carcereiro vagabundo sem vergonha, tira logo o Genoino da prisão,  precisamos dele para lutar por nossos direitos e não para morrer numa prisão. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

 

...spin

 

 

imagem de MThereza
MThereza

Se jb tiver que dar algum

Se jb tiver que dar algum pitaco é capaz de dizer que o Dirceu é culpado porque se deixou filmar! E dá-lhe mais 6 meses de solitária.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Papuda vista pela oposição

mcn,

Desta violação, apenas uma certeza, a de que nada, exatamente nada acontecerá a ninguém da oposição,é o período da disputa eleitoral. Quem discorda, basta lembrar das consequências provocadas por aquela bolinha de papel.

A deputada deficiente física que tem no seu curral eleitoral os deficientes físicos, tática responsável por todas as vitórias nas urnas, pode fazer o que quiser e bem entender, até mesmo ver o que não viu, porque o bom brasileiro se comove com  situações limitadoras daquele tipo. Me faz lembrar de dois casos no RJ, um estelionatário de primeira qualidade e também piloto de automóveis que,até ser preso, fez um estrago $$$ danado, e um bandido que também pintou o sete na zona sul do RJ ( gostava de "trabalhar" em Botafogo), durante uns dois anos, ambos sem uma das pernas, coitados.

Se com apenas uma das pernas faziam o que faziam, com as duas já estariam no CN. Carioca de boa memória pode lembrar das duas cobras criadas. 

O jogo da eleição ficou pesado e pode piorar, em grande parte por causa do ensurdecedor silêncio do governo federal durante uns cruciais 30 dias, o período em que a grande mídia bateu sem parar bo assunto Pasadena e o bloco de situação optou por ficar no clinch, encolhido nas cordas.

DRousseff demorou demais prá sair do armário, local em que ainda se encontram a bancada parlamentar petista e o próprio partido, que ontem teve o privilégio de levar uma inédita vaia no Dia do Trabalho da CUT, em SP - não é pouca coisa.

Prá conseguir entender  o que ocorreu no Vale do Anhangabaú ontem à noite, Rui Falcão deverá consultar as bases, de acordo com a linha plural do partido.

"Não adianta, a pessoa pode  ter toda a razão do mundo, mas caso não se defenda sempre sairá derrotado".

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A disputa politica deve-se

A disputa politica deve-se dar pelas idéias, valores que serão fundamentais para gerir um governo!

Um candidato que mente, que trafica opiniões, que usa de meios SÓRDIDOS para alcançar resultados, merece por ter agido assim chefiar qualquer governo?

Após se tornar governante ele mudará estas práticas?

o vale-tudo não vale-nada para o cidadão!

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"O que fazemos na vida, ecoa na ETERNIDADE!" (Máximus - Gladiador)

"Os dois mais importantes dias em sua vida são o dia em que você nasceu e o dia em que você descobrir o porquê... - M

imagem de maria rodrigues
maria rodrigues

Hoje uma amiga, que é contra

Hoje uma amiga, que é contra radicalmente aos petistas, colocou na minha página do Face uma foto de Genoíno ainda na cama. Vai saber onde ela conseguiu esse retrato. 

Fico me perguntando como podem pessoas, que sempre as tive em ótimo conceito, de religiosidade, de caridade, partir pra essa baixaria, que nada mais é do que um escárnio, do que um desejo imenso de ver alguém já tão destruído moralmente, e doente, sabidamente muito doente, agir como se fosse um carrasco. 

Ontem, no jornal da BAND, quando a colega deu a notícia da volta de Genoíno à papuda, Boechar disse:

"Desculpem-me por usar uma expressão chula aqui, mas é que essa história de menslão já tá me deixando de saco cheio".

Se todos pensassem como ele seria até bom, mas a turma que vai na onda da imprensa golpista quer mais, quer, talvez, o linchamento de Dirceu e Genoíno, que são os mais infelizes de todos porque a imprensa não os larga de jeito nenhum. 

Seu voto: Nenhum

A estes crimes, ninguem julga ?

Um assessor parlamentar, a serviço de um repórter da Folha, adentra a um ambiente permitido apenas a alguns poucos autorizados;
Uma Deputada, inicialmente não inscrita para a visita, usa da prerrogativa de ser cadeirante, e enxerga luxo e conforto, dentro da cela(sem entrar nela !), e espalha para a imprensa, suas considerações;
A VEP, não escala nenhum func. para acompanhar a comitiva, nem impede que a visita, que deveria ser humanitária e observadora, vire sensacionalista.
Para tais contravenções, não existiriam juízos ?

Seu voto: Nenhum (12 votos)

O preço da liberdade, é a eterna vigilancia.

imagem de Marly
Marly

Tem mais!

Some-se a esses crimes, mais o do grampo ao Palácio do Planalto!  Quais serão as punições para todos esses criminosos?  Ah! eles não são do PT !!!  Ficarão impunes?  Que vergonha!!!

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Então, não é... Quando é que

Então, não é...

Quando é que o governo da nova Dilma vai tomar medidas contra este canalha descumpridor de leis associado a um político oposicionista e ao grupo Folha que cedia condução para os torturadores?

O agente da Polícia Federal que usa a presidente como alvo já foi expulso?

A promotora (orientanda de Gilmar Mendes) golpista já foi interpelada por algum orgão do Executivo?

E as mentiras e calúnias da imprensa contra o governo, quando vão ser contestadas na Justiça? Para o resto dos dias o custo inicial da Passadena vai ser de 32 milhões?

E a tabela de preços da propaganda nos meios de comunicação sem audiencia, jornais e revistas com baixa circulação, vão ser renegociadas?

E os vazamentos da Polícia Federal contra o governo quando vão ser investigados?

O que este governo e o seu ministrozinho da Justiça estão esperando: que golpistas descubram a inércia e o medo que domina o governo e definam como farão o golpe? Não é melhor cair de pé?

Uma outra observação:e a defesa de José Dirceu até quando vai permitir que agentes do Psdb, do Pps e da imprensa definam a sua prisão em regime fechado. Se foi comprovado que não houve ligação entre ele e o secretário da Bahia não seria o caso de processar a Folha? Imprensa livre é uma coisa, imprensa perseguidora e cruel em algum momento precisa ser calada.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Vera Lucia Venturini

imagem de Fulvia
Fulvia

É Vera, você esqueceu de

É Vera, você esqueceu de arrolar que o tal Paulinho (pelego) da Força, disse a centenas de pessoas em um show de primeiro de maio que quem deveria estar na Papuda era Dilma Rousseff.  Quanto a tal da procuradora Milhomens, Ao mestre  com carinho. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Vamos por partes

A AGU já interpelou a promotora do DF, e isso foi noticiado aqui, inclusive.

"Expulsar" o agente que usa a Dilma como alvo não é tão fácil como parece. Ele é servidor de carreira, e só pode ser demitido por meio de processo disciplinar. Não existe demissão sumária pra servidor estável.

Quanto ao assessor do Jordy, sinceramente ele é problema do da Papuda, do Congresso e do Judiciário. Cabe à Juíza da vara de execuções penais do DF e à direção da Papuda tomarem providências. Não tem porque o Governo Federal se meter em um crime estadual. Só iria atrair mais malhação da mídia.

O que todos temos que entender é que com a mídia 100% voltada contra nós, partir pra briga e pro bate-boca só nos desfavorece.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Primeiramente: FORA TEMER! E pra encerrar: FORA TEMER!

Sabe aquela parte do livro 

Sabe aquela parte do livro  Cem Anos de Solidão: e chovia, chovia, chovia. Pois é assim que eu vejo a inércia do governo e do PT. Recorrer de abusos é colocar as relações institucionais no caminho certo, não é enfrentamento. É restabelecimento do estado de direito.

Já abriram o processo disciplinar contra o agente da PF. O governo de São Paulo faz o que quer com a Justiça. O de Minas também.  E o governo federal não consegue sequer encaminhar juridicamente os abusos sofridos. É muita moleza.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Vera Lucia Venturini

imagem de edna baker
edna baker

Concordo plenamente. É o que

Concordo plenamente. É o que eles querem. Até a vitória de Dilma nas próximas eleições temos que aguentar firme e engolir muitos sapos. Depois, salve-se quem puder. É desse depois que a mídia tem medo.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O problema é que, graças ao

O problema é que, graças ao corporativismo que campeia nessas categorias (judiciário, MP) é muito difícil demitir um funcionário de carreira, ainda que tenha cometido falta grave. No caso do MP, além do corporativismo, existe a politização contra o PT. Não acho que devamos ficar sentados esperando calmamente que as instituições resolvam o caso da promotora. Se não houver cobrança da sociedade organizada, é grande o risco de não dar em nada.  O mesmo vale para o cara que filmpou Dirceu na cela.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"Com o tempo, uma imprensa cínica, mercenária, demagógica e corrupta formará um público tão vil como ela mesma".  Joseph Pulitzer

imagem de Ugo
Ugo

submundo

Joaquim joaquim joaquim, procurando credibilidade e apoios no submundo da criminalidade?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Bandidagem generalizada

A bandidagem tomou conta da imprensa brasileira.

Antes, vigorava a canalhice.

A Folha, a mesma que participou e apoiou ativamente a ditadura, mentiu sobre telefonema de Dirceu, agora aceita participar dessa bandidagem publicando ilegalmente esse vídeo.

E os responsáveis pela execução da pena nesse caso, silenciam?

Cadê o Ministério Público, o juiz da Vara de Execuções e o Ministro Joaquim Barbosa?

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de jcm
jcm

E daí. Repudia  e daí? Não

E daí. Repudia  e daí? Não acontece mais nada? É isso o que eles merecem? 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de jcm
jcm

E daí. Repudia  e daí? Não

E daí. Repudia  e daí? Não acontece mais nada? É isso o que eles merecem? 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.