Revista GGN

Assine
Armando Rodrigues Coelho Neto
ARMANDO COELHO

Azevedo x Dallagnol. A Ferrari dourada e a corriola de asnos, por Armando Coelho Neto

Azevedo x Dallagnol. A Ferrari dourada e a corriola de asnos

por Armando Rodrigues Coelho Neto

Não defendo pena de morte nem sociedade armada. Fui favorável à Bolsa Família, médicos cubanos para desassistidos, defendo direitos humanos, a inclusão social de pobres, negros, índios, homossexuais, sentenciados - seja por cota ou bolsa. Acolhi o perdão de dívidas ao Haiti, acho que o Brasil é um coração de mãe que pode abrigar refugiados. Creio que polícia não poder intervir em problemas de saúde pública e, finalmente, sem encerrar meu rol de aleivosias, digo que no meu carro não tem adesivo “Bandido bom é bandido morto”.

Portanto, se existe uma onda de ódio não parte dos políticos, partidos ou ideias que defendo. O ódio está no seio daqueles que, em nome de Deus ou do diabo, aclamam a sociedade primata, fazem apologia a torturadores e me perseguem por minhas ideias.

De qualquer forma, já não sei se estou imune a esse ódio catalisado por Aécios, Bolsonaros, Marinhos e Malafaias da vida. Não me é clara a ideia de que o que penso ou escrevo traz a marca da serenidade. E me dei conta disso quando uma leitora desse GGN disse ver ódio quando falei da sepultura do Temer, do exílio de Aécio e da prisão de Sérgio Moro. Embora não com o sentido que ela deu, já não posso me declarar isento e isso ficou mais real depois que Sérgio Moro, após quebrar empresas nacionais, declarou guerra aos pobres do Brasil com base em sua discutível idiossincrasia. Para ele, Lula é ladrão, mas como não conseguiu provar, em sua arrogante sentença consta que Lula ocultou, “ainda que de forma singela”, o produto do crime.

Moro parece não distinguir metáfora, bravata ou assertiva. Protestou contra a Folha de S. Paulo por haver dado espaço a um articulista que o criticou. Tratou como ameaça as opiniões de pessoas, constrangeu blogueiro. Quis arrancar de Lula o que ele tentou dizer com essa ou aquela frase em discursos políticos. É como se num julgamento político de um político, o discurso político não fosse defesa. É como se não conseguisse distinguir um arroubo de uma ameaça real, um aplauso fascista de uma vaia democrática. Em suma, é como se não existisse distinção entre um diploma de Doutor Honoris Causa de uma universidade conceituada e um troféu mequetrefe entregue por sonegadores remidos ou não da família Marinho. E o mais grave: como se não houvesse diferença entre aplicar o Direito e fazer Justiça.  

Há algo errado comigo, pois não consigo me alinhar aos que aplaudem os barnabés que em tese estariam contra a corrupção. Isso equivaleria a estar defendendo a corrupção. E, corrupção hoje é PT. Assim o quis Moros, Marinhos, Malafaias. Mas, quanto mais chafurdam o submundo da corrupção menos PT aparece e mais se revela a sociedade que eles próprios defendem. É como se Aécio, Temer, Odebrecht, Joesleys, Batistas, Cunhas e a agora também a família Charter fossem filiadas ao Partido dos Trabalhadores ou fossem de esquerda. E aí, eu que não sou PT nem aceito rótulos, sou obrigado a escolher um lado e como sempre votei com o estômago do povo e vivi mais de três décadas dentro da Polícia Federal, não posso sucumbir à farsa ou a hipocrisia imposta pela dita grande mídia.

Escrevo em estado de calamidade púbica (Clarice Lispector) e por isso me perco buscando configurar o perfil dessa gente “do bem”, defensora dos homens de bem ou de bens (a segunda parte não me está clara), quando, além das contradições do Sérgio Moro, de repente me deparei com a arenga entre o golpista Reinaldo Azevedo e o procurador da República Daltan Dallagnol. Através do Azevedo, fiquei sabendo que o “Dr. PowerPoint”, que hoje desenvolve teorias para condenar o ex-presidente Luís Inácio Lula da Silva, é fruto de uma teoria. Ele não tem a história normal de seus pares mesmo sendo concursado. Daltan Dallagnol virou procurador com base na teoria do “Fato Consumado”.

O pensamento dominante no STF é ou era, que a Teoria o “Fato Consumado” só seria aplicada em “situações excepcionalíssimas, nas quais a inércia da administração ou a morosidade do Judiciário deram ensejo a que situações precárias se consolidassem pelo decurso do tempo" (ministro Castro Meira no RMS 34.189). Outros supremos julgados dizem que a teoria visa “preservar não só interesses jurídicos, mas interesses sociais já consolidados, não se aplicando, contudo, em hipóteses contrárias à lei, principalmente quando amparadas em provimento judicial de natureza precária" (Eliana Calmon, REsp 1.189.485). Distorções dessa teoria correspondem ao prevalecimento do interesse pessoal em detrimento do coletivo, diz a melhor doutrina.

Como dito acima, tenho me perdido na configuração do perfil dessa gente que está “moralizando” o país. Com base em fontes supostamente confiáveis, Azevedo disse que Dallagnol não preenchia os requisitos legais para assumir o cargo. A lei exigia três anos de experiência, mas ele recém-formado prestou concurso e entrou na Justiça, tendo como advogado o próprio pai. De posse de uma liminar, recurso daqui e dali... Pronto: fato consumado! Não houve “In dubio pro societate”.

Segundo a imprensa, o tal procurador, que criminalizaria as palestras de Lula, estaria vendendo parte do que faz por meio de palestras, nas quais a cereja do bolo é a Farsa Jato, que ele trata por outro nome. Se for verdade, é como se ganhasse duas vezes pelo trabalho, sem contar o valor agregado pela mais valia da notoriedade. Nada mal para quem não precisa explicar os imóveis supostamente adquiridos com recursos lícitos, mesmo que construídos com recursos do Minha Casa Minha Vida, que obviamente não foi criado para atingir o público com o padrão de vida de Dallagnol.

Sem ódio, confesso que diante das sucessivas aberrações jurídicas e políticas que permeiam a vida nacional, temo que o STF declare o golpe como fato consumado. E aí não me surpreenderia que uma corriola de asnos desse de presente a Moro e Dallagnol a Ferrari dourada que falsamente atribuem ser do filho do ex-presidente Lula.

Média: 4.6 (46 votos)
37 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Ótimo texto, devidamente

Ótimo texto, devidamente compartilhado...

Seu voto: Nenhum
imagem de marcos antônio rebello
marcos antônio rebello

ainda sobre a república dos pinhais

Olha querido Armando,

Ainda tento entender essa aberração de um Dallagnol e um Moro, com a colocação na procuradoria e formação questionáveis, comparando com um grande contigente de professores universitários com uma formação muito além dessa dupla, tendo vencimentos pífios. Vejo meu dineiro como cidadão muito mal empregado, chega a ser escandaloso o vencimento dessa casta, ganhando dois ou tres tetos salariais  ( não deveria ser piso?).

O pior, prestam um desserviço a sociedade, a meu ver, pela visão obtusa e fundamentalista.

Bom...vou voltar a ralar,  para tentar garantir meu modesto salário.

Que Deus nos ajude! 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Caro Armando

Para manter a lenda, Moro vai provavelmente expropriar a "tal Ferrari do filho do Lula" e  entregar a Petrobrás.

Afinal esta esta estória esta documentada em algum jornal.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Lourival barboza
Lourival barboza

Resposta

Todos que tem participação com o Pt não tem moral pra comentar sobre ninguém,no momento vcs são arroaceiros e anti patriota,fabricaram leis pra favorecer parentes! Explica 276 carretas do BNDES pra Bracol e mais um punhado de Bulhões pra compra da Braspelco,cala a boca vcs não tem moral e competência

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de j2c
j2c

Prezado Lourival,   E quem

Prezado Lourival,

 

E quem teria moral para comentar, então? O Sr.? Antes de responder, lembre-se para quem o Sr. costuma (ou costumava) votar...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Serjão
Serjão

Sr Armando Coelho Neto

O que houve com a Polícia Federal?

Seu voto: Nenhum
imagem de ISAQUE BENTO BARBOSA
ISAQUE BENTO BARBOSA

O QUE REALMENTE IMPORTA???

Não quero contrariar ninguém e respeito a opinião de todos, mas todas as vezes que vejo aflorar paixões políticas, indago-me sobre o que realmente é importante. Indubitavelmente vivemos há alguns anos uma polarização perigosa entre o bem e o mal, certo ou errado, etc.
Será que a questão principal não seriam as ideias e não as pessoas??? Por que nos mais distantes rincões deste País até as grandes metrópoles perdemos tempo brigando por cores, agremiações políticas ou nomes???
Desde a assunção do ex-presidente José Sarney, passando pela primeira eleição direta do ex-presidente Fernando Collor até este governo atual assistimos paulatinamente a classe política, salvo algumas poucas e honrosas exceções, agirem sempre norteados por interesses particulares.
Paulatinamente desde a Constituição de 1988 criaram vantagens e artimanhas que oneram o consumidor e lhes conferem benefícios de todos os tipos desde auxílio paletó a indenização ilimitada com gastos com saúde.
Há muito tempo que tínhamos a sensação de que a corrupção corria solta na nação, hoje temos certeza absoluta.
Enquanto os cidadãos perdem tempo brigando por siglas e nomes, os políticos em sua maioria, independente de partido continuam torrando de forma absurda o nosso dinheiro suado.
Alguém tem dúvida que no Brasil não há nenhuma, absolutamente nenhuma sigla partidária que faça o que apregoa. Políticos mudam de agremiações, criam e extinguem agremiações, com o único objetivo de assumirem ou de se manterem no poder. Talvez sejamos a única nação que não exista de fato agremiações partidárias de direita, esquerda, centro, socialista, liberal, progressista, etc.
Se nem a grande maioria dos políticos cumpre o que dizem fazer parte, por que nós cidadãos perdemos tempo defendendo coisas que nem eles acreditam???
O erro é uma característica humana, aprender com ele é uma faculdade,por isso talvez precisamos sempre lembrar que não existem apenas santos ou demônios. Ninguém é totalmente ruim ou totalmente bom.
Neste momento tão conturbado da nossa história talvez devêssemos mudar o nosso foco para as ideias. Ninguém tem o direito de ofender ou injuriar quem quer que seja, mas num bom português qualquer cidadão percebe que a grande maioria dos nossos representantes está corrompida.
Compete aos processos formais discutirem culpa, dolo, valor de provas, absolvições ou condenações.
Talvez aos verdadeiros donos do poder político, que somos nós, caiba uma mudança de atitude que implique em não nomear mais nenhum representante maculado por irregularidades.
Devemos continuar tratando a política partidária como se fosse religião ou time de futebol???
Como continuar defendendo ideias e discursos que a grande maioria dos políticos ignoram completamente??
Até hoje essa postura de defender nomes e agremiações políticas contribuiu para uma nação mais politizada ou só garantiu os privilégios de políticos???

No tocante a opiniões, acredito que respeitando a Carta Magna e as leis infra constitucionais, todas são válidas, e como ninguém está e nem deveria ficar acima da lei, cada um que pague pelos seus erros ou excessos.
No final o que realmente importa???

Seu voto: Nenhum
imagem de bonobo de oliveira, severino
bonobo de oliveira, severino

O Armando Coelho não falou de paixões.

O que o povo está defendendo não é uma paixão em cima de pessoa, de animal, ou vegetal, ou de adoração de alguma deusa profana qualquer. Isso quem faz são os adoradores da deusa Venus Platinada. O povo quer e defende um projeto político que tem realizações REAIS a demonstrar que não se tratam apenas de palavras, como os temas enumerados pelo ilustre ex-Delegado Armando Coelho. Aliás, vale ressaltar e registrar, que o seu texto está carregado a simplificação produzida pela mídia, um mito produzido com investimentos de milhões em horas incontáveis de veiculação de campanha eleitoral ilegal, consistente na falácia de que "político é tudo igual". Isso leva a crer que esse texto carrega também a evidência da presença de autoria aderente à seita da adoração da Venus Platinada, que é quem sustenta a pregação desse mito. Escribas e Fariseus hipócritas!!!

Seu voto: Nenhum
imagem de Gonzales
Gonzales

Lei ...

... Caso não estou enganado, Lula em 2008 ou 2009 sancionou uma lei em que concursado não precisa de demonstrar experiência, apenas em casos específicos, já que se uma pessoa passou no concurso ela é capaz de realizar a função, irônia da história, uma lei sancionada por Lula habilita Dallagnóbeis também exercer a função pública.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de marieta
marieta

My house my life

Seria bom verificar se o impoluto dallagnol alem de adquirir imoralmente propriedade do programa "minha casa , minha vida" tambem nao se arvorou em se apropriar de um cartaozinho do " bolsa familia". Esses rapazes em questao de justica podem "tudo".preocupante!!

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Neli
Neli

Quando leio os comentários

Quando leio os comentários desses coxinhas ignorantes, que nunca acompanharam a vida política do país, defecarem através de palavras, me dá uma vontade imensa de sumir do Brasil.
Deixar essa gente abestada e burra (sim, a elite ou pseudo-elite brasileira é burra, pois serão engolidos pelo poder da economia internacional), irem para a vala da falência das suas empresinhas, que num sopro,se desmancharão...

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de DinoPacheco
DinoPacheco

Azevedo x Dallagnol

Bom Dia! a todos.
Para comentar o assunto referente ao texto do caro Sr. Armando Coelho,com o título "Azevedo x Dallagnol. Para começar trassamos um pequeno paralelo entre as visões políticas dos dois: o tal Azevedo que como jornalista e em primeiro lugar deveria pela lógica é pela ferramenta do seu trabalho de informar e formador de opinião na sociedade ser mais aberto em sua visão referente ao comportamento dos políticos brasileiros no que tange ao PODER pelo PODER e condição socioeconômica de tais políticos, falo isso pela sua antipatia e aversão ao ex presidente Lula quando de cara e antes de qualquer esclarecimento e defesa do ex presidente o taxou de corrupto sem avaliar também os avanços econômicos, sociais, de sua política interna e externa em seu contexto geral para o Brasil como nação mesmo, sua importância em si,para os Brasileiros e para o mundo, tudo isso foi desconsiderado pelo sr. Azevedo quando inclusive deu asas ao impeachma da Presidente Dilma Rousseff, tudo isso expressão de sua posição de classe social. O tal de Deltan Dallagnol a título de acabar com a corrupção no meio público escolheu um lado político para servir de roteiro para seus objetivos, trassou suas metas e segamente se lançou ao alvo escolhido tal como uma flecha alçada em uma direção impucionada pelo arco e quem nesse contexto serviu de arco para Deltan?,se não o Sr. Azevedo, sua classe social,seu veículo de mídia e quem deveria em tese defender, proteger e fazer valer a lei e a Constituição, o Ministério Público e demais órgãos a ele ligado.Pois bem, esse Sr. Dallagnol encontrou uma brecha e suporte para se autopromover usando como trampolim a única pessoa que pela sua importância no Brasil e no mundo poderia lhe levar a um patamar ao máximo de Poder, levando a prisão o Maior dos Presentes que esse País já teve e impedilo de voltar a conduzir os rumos da nossa Nação, e porquê tudo isso?, Por uma simples condição Social que ele defende a qual o Lula não pertence, nem social e nem econômica e muito menos regional, pois nasceu no nordeste em uma região de grande pobreza e isso é para algumas pessoas de classes sociais mais abastadas inadimissivel que volte a acontecer com uma nova eleição de Lula a Presidência da República. Convergindo esses dois paralelos temos como ponto comuns entre eles a classe social a qual eles pertencem e defendem com unhas e dentes não dando direitos aos direitos que todos nos temos de inclusive ser Presidente e servir ao País no pleno exercício da cidadania.Finalizando, os dois deram literalmente com os "burros"(eles) n'água.

Seu voto: Nenhum
imagem de James X.
James X.

A verdade é que estamos "no

A verdade é que estamos "no Mato sem cachorro" ou melhor, lascados.Quebraram o país, tipo "bico de gaita" que é ruim de soldar, e o pior, o povo está igual a música de Raul Seixas: Sentados no trono de um apartamento esperando a morte chegar.E vai chegar.

Seu voto: Nenhum

Algumas conclusões inevitáveis.

A dramática constatação que vem se firmando é a de que essa corriola de asnos, age como

se não tivesse senso, alma, espírito, coração, ética, escrúpulos nem porcaria alguma.

Para efeito prático e só para efeito prático, podemos considerar que é assim. Tentar corrigir isso

através de arrazoamentos ou evangelização é impossível. É triste admitir que históricamente

é a direita que faz acontecerem as revoluções saneadoras, não raro brutais, apesar de toda

 a escrotidão com que ela apresenta atualmente. A esquerda se divide muito por muito pensar e

querer ser demasiado honesta, humana e guiada por princípios de justiça. Então, se a

esquerda se deixaria crucificar em benefício do povo, alguns patifes da direita não hesitam em

arrebentar o país e acabar com os sonhos de toda uma nação para se manter no poder.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Boeotorum Brasiliensis
Boeotorum Brasiliensis

sem digressões, indo ao ponto

O artigo de Paulo colelho revela sentimentos comuns a todos os que comparecem a essa ópera bufa, ao menos àqueles que tem dois olhos na cara e cuja cabeça, além de, estruturalmente, sustentar e separar uma orelha d'outra, contém um cérebro funcional.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

O turbilhão da vida

Penso em Jules e Jim, o famoso filme de François Truffaut, depois do anuncio da morte de Jeanne Moreau hoje porque a vida é, como mostra esse filme, turbilhão. Eh bom saber que nos jogam no turbilhão para melhor misturar tudo e dizer que os bons são maus e os maus têm suas razões.

Seu voto: Nenhum

Merci

Merci

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Mariano S Silva
Mariano S Silva

Tenho a impressão que o

Tenho a impressão que o turismo interno bombou nestas férias. É a classe média colhendo a consequência do golpe que apoiou, impedida de visitar as orelhas do Mickey...Esse é só o começo da colheita...

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Bobo
Bobo

A mídia ensinou os acéfalos a

A mídia ensinou os acéfalos a terem inveja das políticas de inclusão que aprenderam a odiar, desejam muito receber um bolsa-família (quase mais um cartão de credito), ter um programa como o minha casa, minha vida (alguns conseguiram vide o procurador), foram em manifestações por um pão com mortadela (aquele patrocinado sadia), queriam ter acesso as universidades, hospitais. Mas por essa inveja estão para destruir o país.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Jose Ricardo F Ribeiro
Jose Ricardo F Ribeiro

Excelente!! Nao precisamos

Excelente!! Nao precisamos ser petistas ou lulopetistas para vermos o óbvio. Foi um golpe promovido pelas elites, contra o povo chamado de ignorante ou nordestino. Essa trupe da Farsa a Jato tem um unico alvo...

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de Maria Rita
Maria Rita

Bom e amargo texto, pela

Bom e amargo texto, pela realidade que não pode ser encoberta. No lugar que moro então, nem se fala. A Internet está ao vivo e a cores nas conversas cotidianas, sem nenhum verniz sequer para amenizar o retrato em preto e branco em que o Brasil foi transformado. Por vezes lembro da narrativa dos sofrimentos dos judeus durante o nazismo que emudeceram para que ninguém soubesse de suas origens. A mídia encabeçada pela globo fez do ódio sua grande obra, iniciada antes de 1964 e aprimorada nos nossos dias. Mas, o sofrimento só tem peso para quem o conheceu antes na própria carne e não se vendeu nos momentos de crise que costuma cobrar atitudes responsáveis. A nova geração de reacionários busca amparo em falsos heróis  e isso gera uma grande ironia: joga pedra na Geni (Lula ou Dilma, ou PT) e não percebe que a Geni é ela própria.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marcio Destro
Marcio Destro

É duro

E o cara ostenta o sobrenome Prestes. Imagina se tivesse um sobrenome começado pela letra B......

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Adenauer
Adenauer

Texto de Armando Coelho

Perfeito. Suas considerações estão sublimes, não se oodectirwr uma vida regula das palavras escritas.

parabens!!

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Tadeu de Siqueira Ottoni
Tadeu de Siqueira Ottoni

Correção

... não se pode tirar uma vírgula...

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de naldo
naldo

Hoje a radio rock-coxinha

Hoje a radio rock-coxinha estava fazendo uma enquete sobre a crise,

 

essa mesma rádio, pertencente a um politico, frenéticamente convocou os aloprados para as tais manifestações "demo-cráticas", portanto não esperem mea-culpa dos hipócritas, e a justiça, batedora de bumbo do tinhoso, aplica a norma conforme a cara do cliente, quando não existe uma saca do coldre uma onvenção qualquer, por que podem.......

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de Antonio Prestes
Antonio Prestes

Misturou tudo.  É óbvio que a

Misturou tudo. 

É óbvio que a atual gangue da posição é simplesmente a a versão 2.0 da Gangue mãe que se manteve no poder por 13 anos graças as mentiras de trabalhar pelo povo mas que na verdade só faziam acordos com os empresários corruptos de plantão para se manterem no poder e sustentar a escandalosa máquina de imcompetentes cargos comissionados e afins. 

Mas daí a ainda tentar justificar a roubalheira , do que parece, teu guru, tenha paciência. O Lula matou a esperança do povo a facadas, todo mundo viu, todas as evidências o provam, mas por enquanto ele está escondendo a faca, portanto não houve crime !!!

Seu voto: Nenhum (55 votos)
imagem de Maura Vilar
Maura Vilar

Provas!

Sr PRESTES se tens provas contra O LULA e a DILMA, envias
urgente ao MORO TUCANO SAVO NA ROLA MUSSOLINI DE MARINGÁ, ELE VAI te agradecer e hoje é um dia especial para ELE RECEBER esse presente, pois é o seu aniversário 01/08, do contrário tu és apenas um acéfalo, ouvinte da GLOBOSTA E LEITOR da VEJA/ISTOÉ/ETC.

PASSE BEM!

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Antonio  Silva
Antonio Silva

Dá zero pra ele em

Dá zero pra ele em interpretação de texto professor.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Jurgen2010
Jurgen2010

Sempre que leio um disparate

Sempre que leio um disparate destes fico com dúvida da fonte. Produto de extrema lavagem cerebral ou cegueira absoluta.

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de Mariano S Silva
Mariano S Silva

Ou uma luta de morte entre o

Ou uma luta de morte entre o Tico e o Teco...

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Roberto Monteiro
Roberto Monteiro

Tu és retardado, mal informado ou mal intencionado?

Ou as três alternativas se adequam a tão exígua mente?

Tu leste o texto do Coelho? Se leste, soubeste interpretá-lo?

O Coelho trata dos desmandos desta turma do judiciário e ministério público. Concordas ou discordas, por quê?

Do contrário. teu comentário serve apenas para demonstrar teu ódio ao Lula. E as provas?

Na tentativa de justificar o golpe, dizes que é tudo farinha do mesmo saco e, por isso, tanto faz como tanto fezes.

Quem tem a faca e o queijo na mão é a tua turma e não fazem nem questão de esconder a faca. E mentecaptos iguais a ti aplaudem e talvez até batesse panela antes.

Resumo: tu és um golpista retardado.

Seu voto: Nenhum (19 votos)

Comprovado: Morte cerebral é

Comprovado: Morte cerebral é irreversível.

Seu voto: Nenhum (13 votos)

?????

Não que o seu comentário preste para alguma coisa. Acontece que vc se inclui na esfera do seu suposto idolo, aquele que acusa e condena sem provas, pois menciona crimes que não específica e que com certeza atribuí a falta de provas ao além o que demanda a abdução das mesmas a la brewer.
Cara, por favor vaza que aqui não fazemos parte de manadas.

Seu voto: Nenhum (16 votos)

?????

Não que o seu comentário preste para alguma coisa. Acontece que vc se inclui na esfera do seu suposto idolo, aquele que acusa e condena sem provas, pois menciona crimes que não específica e que com certeza atribuí a falta de provas ao além o que demanda a abdução das mesmas a la brewer.
Cara, por favor vaza que aqui não fazemos parte de manadas.

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de Victor Suarez
Victor Suarez

A classe média que defende o

A classe média que defende o golpe é o que o Brasil tem de pior.

Seu voto: Nenhum (16 votos)
imagem de gerson C T
gerson C T

Classe Média é feita de imbecil:

http://www.viomundo.com.br/politica/imbecil-pela-elite-classe-media-bras...

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.