Revista GGN

Assine

Câmara de Teresina rejeitou ideia de ter Doria como cidadão

Jornal GGN – Para João Doria, prefeito de São Paulo em campanha nacional pela cadeira da Presidência, Teresina não foi tão fácil de ceder quanto Salvador e Natal. A Câmara Municipal de Teresina rejeitou projeto que concederia a Doria o título de cidadão teresinense, mesmo a cidade sendo governada por Firmino Filho (PSDB), com maioria na Casa.

Teresina é comandada por tucanos há 20 anos e o atual prefeito foi eleito com maioria na Câmara. Esta proposta para o novo cidadão teresinense precisaria da aprovação de 20 dos 29 vereadores. Mas apenas 18 deram a benção, sendo que 8 negaram e 3 sumiram da sessão de votação.

Lula, por seu turno, desta mesma Câmara, em 2013 recebeu aprovação, por unanimidade, para receber o título de cidadão. O ex-presidente, desafeto declarado de Doria, recebeu a comenda em 2015.

Como defesa para o título ser concedido a Doria, o vereador Luis André de Arruda (PSL) disparou que ele o merecia pelos “revelantes serviços prestados à capital”. “Revelante” teve como exemplo um acordo de parceria com a gestão do atual prefeito. O vereador diz que fez de tudo para aprovar, mas como não deu, ele irá reapresentar a proposta de honraria no ano que vem.

Outros vereadores discordam. Edilberto Borges (PT) afirma que Doria nunca contribuiu para a cidade e não merece a homenagem. E disparou: “Ele se apresenta como a novidade, como se fosse o Sassá Mutema, o Salvador da Pátria [se referindo a novela da Rede Globo, de 1989], mas fala do Nordeste de forma pejorativa".

A líder da maioria na Câmara, Graça Amorim (PMB), não aprovou a concessão do título a Doria e justificou seu voto criticando o prefeito paulistano em trânsito, pelos jatos de água disparados contra os moradores de rua que molharam todos os pertences de quem já não tinha nada. “Aquela foto truculenta não sai de minha cabeça”, disse ela.

Doria acelerou rumo ao nordeste na mesma semana em que a caravana do ex-presidente Lula começou. Lula andará de ônibus pelos nove Estados do Nordeste. Doria corre para não perder visibilidade.

Em Salvador, onde conseguiu o título de cidadão, Doria foi atingido por ovos e protestos. Na quarta, dia 15, foi em Natal buscar sua honraria e ainda vai passar por Fortaleza, Recife e Campina Grande (PB). Doria vai em busca de títulos e encontros com entidades empresariais, com eventos turbinados por sua empresa Lide, que tem representação em 17 Estados.

O prefeito de São Paulo tem agenda no Nordeste todo. Nenhuma informação sobre a agenda de gestor da capital paulista.

Com UOL e agências

Média: 4 (8 votos)
4 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Edivaldo Dias Oliveira
Edivaldo Dias Oliveira

Quanta diferença...

Dória, em pleno exercício do mandato de uma das mais complexas cidades do país, a abandona para sair em campanha presidencial, dialogando com empresários e em busca de títulos de cidadania. Lula, que não exerce cargo nenhum e portanto não tem contas a quem prestar, também está no Nordeste para dialogar com o povo sofrido, não atrás de honrarias.Percebeu a diferença? 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de WG
WG

A única chance de Dória ser

A única chance de Dória ser eleito é concorrer com um poste, ainda assim as chances são pequenas. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Somebody
Somebody

O que me preocupa é o fato de

O que me preocupa é o fato de 18 vereadores do município terem concordado com a idéia bizarra de dar o título de cidadão honorário para um sociopata que não têm relação alguma com o município.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

photoshop

Esta foto do prefake foi modificada.....

Sumiram com o sorvete que ele enfiou na testa!

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.