newsletter

Pular para o conteúdo principal

Caso do helicóptero: deputado Perrella terá de prestar depoimento à PF

Sugerido por alexis

Do Estado de Minas

Deputado Gustavo Perrella vai prestar depoimento à Polícia Federal

Além dele, sua irmã Carolina Perrella Amaral Costa e um primo, André Almeida Costa, sócios da Limeira Agropecuária Ltda, serão interrogados

Alessandra Mello

Daniel Camargos

O deputado Gustavo Perrella confirma ter indicado o piloto da aeronave para cargo na Assembleia e diz que vai pedir exoneração

O deputado estadual Gustavo Perrella (SDD) terá que prestar depoimento à Polícia Federal nos próximos dias. Além dele, sua irmã Carolina Perrella Amaral Costa e um primo, André Almeida Costa, todos sócios da Limeira Agropecuária Ltda, serão interrogados. A empresa da família Perrella é proprietária do helicóptero Robson 66, apreendido com 443 quilos de cocaína no domingo, em um sítio, na cidade de Afonso Cláudio, no Espírito Santo. A empresa foi criada em maio de 1999, e o senador Zezé Perrella (PDT-MG), ex-presidente do Cruzeiro Esporte Clube, deixou de ser sócio dela em maio de 2008.

Saiba mais...

 Piloto envolvido em tráfico de drogas é funcionário da Assembleia de Minas Advogado de piloto afirma que Gustavo Perrella sabia sobre voo

O delegado da superintendência da Polícia Federal em Vitória (ES) Leonardo Damasceno informou que além de escutar os representantes da família Perrella vai rastrear o trajeto do helicóptero, para tentar descobrir o caminho da droga. A PF já sabe de quem é a propriedade do terreno onde ocorreu a apreensão, mas não informa.

O terreno foi vendido no último mês e a escritura ainda não foi transferida. A reportagem do Estado de Minas buscou a informação nos quatro cartórios de Afonso Cláudio e não havia nenhum registro do negócio. De acordo com informações da Polícia Militar, é provável que a propriedade tenha sido colocada no nome de algum laranja.

''Os donos do helicóptero terão que explicar os motivos'', afirma o delegado da PF. Segundo ele, será enviada uma carta precatória para superintendência da PF em BH requisitando que os sócios da Limeira Agropecuária sejam interrogados. Até o momento, a responsabilidade pelo transporte da droga está com o piloto da aeronave, Rogério Almeida Antunes, funcionário da Limeira e nos outros três presos com ele.

A relação do piloto com o deputado é estreita. Rogério é funcionário da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) nomeado pela terceira secretaria da casa, ocupada pelo deputado estadual Alencar da Silveira Júnior (PDT). ''Esse menino (o piloto) foi indicação do Gustavo Perrella'', se exime Alencar. De acordo com o pedetista, a indicação é reservada ao presidente da Comissão de Turismo, Indústria e Comércio, cargo ocupado por Gustavo Perrella.

Alencar disse que antes da posse de Rogério, em março deste ano, foram solicitados documentos e não foi encontrado qualquer impedimento para que ele ocupasse o posto de agente de serviços de gabinete, para trabalhar quatro horas por dia, com salário R$ 1,7 mil. O deputado confirmou que o piloto foi indicado por ele para o cargo, pois era de sua confiança, mas pediu que ele seja exonerado do cargo, o que não aconteceu até ontem.

Média: 5 (4 votos)
31 comentário(s)

Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Wanderley Kuruzu Rossi Jr.
Wanderley Kuruzu Rossi Jr.

Policiais pedem CPI do Perrella e deputado ameça dar "porrada"

Policiais pedem CPI na Assembléia de Minas. Deputado ameaça dar "porrada" e "cadeiradas" em "neguinho".

https://www.youtube.com/watch?v=IhLUZUm4WKs

Seu voto: Nenhum
imagem de carlos_ribeiro
carlos_ribeiro

Perguntar de novo.rs Qual o

Perguntar de novo.rs

Qual o partido do Esparrela?

Esse partido é da base do governo?

Vai acontecer igual com o Kassab.

Já já a ordem de cima pra calar a boca vai chegar.

E todo mundo vai ficar pianinho

patético

Seu voto: Nenhum
imagem de carlos_ribeiro
carlos_ribeiro

  Qual o problema de

 

Qual o problema de vcs?

 

Qual é mesmo o partido do Perrela?

 

Pq essa vinculação tão grande com o PSDB?

Seu voto: Nenhum
imagem de Geraldo Galvão Filho
Geraldo Galvão Filho

Descoberta revela que petistas estão envolvidos...

BOMBA! BOMBA! A REVISTA PORTA VOZ DO PIG, EM EDIÇÃO ESPECIAL, ACABA DE DIVULGAR QUE PETISTAS SÃO OS RESPONSÁVEIS PELO TRANSPORTE DE 450 KG COCAÍNA NUM HELICÓPTERO DO SENADOR JOSÉ PERRELLA.

Enviado da “revista esgoto” VEJA a Pernambuco, acabe de anuncia o envolvimento de PETISTAS no transporte de 450 Kg de cocaína. Depois de muita investigação, o repórter encontrou um dos retirantes – Severino Neves da Silva - que estava no pau de arara, em que viajou a família do Lula; e que depois de aposentado retornou a Caetés, sua cidade natal. O Severino, foi categórico ao afirmar que Rogério Almeida Antunes – o piloto do helicóptero que transportava a droga, é sobrinho da irmã do Zezinho, que era coleguinha do Lulinha, e que também estava no Pau de Arará.

Seu voto: Nenhum
imagem de PauloBR
PauloBR

Replico para ver se

Replico para ver se somo:

 

 Daniel Rubens Prado "Brasileiro tem memória curta!

Flashback do dia: 30 de junho de 2011. É presa em Cláudio uma quadrilha acusada de vender absolvições a traficantes de drogas. Entre os presos, está Tancredo Aladin Rocha Tolentino (vulgo "Quêdo"), primo de Aécio Neves. Não só um primo qualquer, mas o organizador das cavalgadas da família, o vendedor das cachaças da família Neves e proprietário do sítio no qual o próprio Aécio havia caído do cavalo e quebrado cinco costelas duas semanas antes, no dia 17. Entre os presos também estava o Desembargador Hélcio Valentim de Andrade Filho, que a própria Polícia Militar de Cláudio (MG) descrevia como alguém de "íntimas relações" com o Senador. Rogério Lanza Tolentino, outro primo de Aécio, havia sido condenado, na mesma época, na 4ª Vara Criminal, a 7 anos e 4 meses de prisão, por lavagem de dinheiro. Você imaginaria que esses episódios mereceriam alguma cobertura jornalística nacional, né?

No dia 30 de junho de 2011, e...u cobrava no Twitter a presença de jornalistas em Cláudio (http://bit.ly/1jJMLL0). No dia 01 de julho de 2011, eu voltava a cobrar (http://bit.ly/1jJN0Wn). Voltei a cobrar em agosto (http://bit.ly/1jJGLBV) e assim sucessivamente durante meses. Nem um mísero veículo de imprensa investigou as relações entre a quadrilha e o Senador da República, alardeada por próprios membros da quadrilha e pela própria PM de Cláudio. Até mapinha da cidade eu ofereci, junto com dicas dos melhores botecos.

Flash forward para 2013: um helicóptero pertencente a outro Senador da República, Zezé Perrella, indicado para a vaga de suplente de Itamar Franco pelo próprio Aécio Neves (com as bênçãos de Fernando Pimentel, do PT, não nos esqueçamos), é pego com MEIA TONELADA de pasta base, o que significa mais ou menos uma tonelada de cocaína. Assim como as relações de Aécio com Valentim e Quêdo eram conhecidas por qualquer pinguço de Cláudio, as relações de Perella com Aécio, e o fato de que o armazém dos Perrella sempre vendeu mais do que só linguiça, são conhecidos até pelos pombos da Praça da Liberdade de Belo Horizonte. Se há relações entre os dois fatos, claro, só a investigação pode mostrar. Mas Perrella também costuma cavalgar em Cláudio. Número de linhas dedicado pelo jornal Folha de São Paulo ao fato de que o helicóptero de um Senador da República foi pego com meia tonelada de cocaína: ZERO. Número de minutos dedicados pelo Jornal Nacional ao fato de que o helicóptero de um Senador da República foi pego com meia tonelada de cocaína: ZERO. Parabéns, imprensa brasileira!"

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Dudu Cartucho
Dudu Cartucho

De um comentário no Azenha:

De um comentário no Azenha: Transporta implemento agrícola em avião e depois reclama do custo Brasil.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

  Depois do trensalão, o PSDB

  Depois do trensalão, o PSDB inova de novo mais uma vez: o cocacóptero.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Um crime atrás do outro (em família)

Parece que o contribuinte mineiro financiava o tráfico (tráfego?) do deputado Perrella...   Combustível de helicóptero  é custeado pela Assembleia  O Tempo Deputado usou verba indenizatória do Legislativo para abastecer aeronave apreendida com cocaína    A-GCombustível. O helicóptero da empresa de Gustavo Perrella foi abastecido com verba indenizatóriaPUBLICADO EM 28/11/13 - 04h00Tâmara Teixeira

A Assembleia Legislativa de Minas banca o combustível do helicóptero do deputado estadual Gustavo Perrella (SDD), flagrado com 445 kg de pasta base de cocaína, no último domingo, no Espírito Santo. Entre janeiro e outubro deste ano, o parlamentar gastou R$ 14.071 com querosene para avião, segundo o relatório do Portal da Transparência do Legislativo. O Ministério Público de Minas informou que irá investigar o caso. A Casa ainda pagava, desde abril, o salário de R$ 1.700 para o piloto que dirigia a aeronave, Rogério Almeida, exonerado nessa terça.
 

O valor gasto só neste ano é suficiente para a compra de 2.814 litros, levando em consideração que o litro de querosene de avião custa R$ 5, segundo uma pesquisa da reportagem em empresas especializadas. Com o total seria possível percorrer, no mínimo, 6.500 quilômetros.

O deputado Gustavo Perrella confirmou ontem que utiliza a verba indenizatória para encher o tanque da aeronave Robinson R-66, que pertence à sua empresa Limeira Agropecuária e Participações Ltda. Perrella reconhece, inclusive, que usa a máquina para deslocamentos pessoais e da sua empresa, em sociedade com a irmã Carolina Perrella e o primo André Almeida Costa.

Os abastecimentos com recursos da verba indenizatória são regulares e só não aconteceram em fevereiro e abril deste ano. Em junho, por exemplo, o valor gasto chegou a R$ 3.483. Em julho, no recesso parlamentar, o deputado gastou R$ 1.547 em querosene de avião.

Por mês, cada parlamentar pode gastar R$ 5.000 com combustível e lubrificante. A assessoria da Casa afirmou ontem que o valor não poderia ser gasto com transporte aéreo, mas depois voltou atrás e disse que os pagamentos, desde que fossem para viagens a trabalho, eram legais.

Ministério Público. O promotor Eduardo Nepomuceno disse que há suspeita de irregularidade e que irá abrir uma investigação. “Os gastos só podem ser para uso do exercício do mandato. Lembro que o MP já investiga os gastos da mesma natureza referentes a Zezé Perrella (senador, pai de Gustavo) no período em que este foi deputado estadual”, explicou o promotor.

Gustavo Perrella afirma que não há irregularidade em abastecer o helicóptero de sua empresa com o dinheiro da Assembleia. “Todas as vezes que abasteci com a verba da Assembleia foi a trabalho, para visitar as minhas bases”, disse.

Além do transporte aéreo, o deputado não dispensa o uso de carros. Só neste ano, o abastecimento de seus veículos demandou R$ 27.185 da sua cota de verba indenizatória. A Assembleia não exige a comprovação das gastos. “Subentende-se que foi a trabalho”, disse a assessoria da Casa. (Com Larissa Arantes)

  

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

De fato, "abasteceu por conta

De fato, "abasteceu por conta do contribuinte para visitar as suas bases"...........Nós somos idiotas mesmo. O "rapaz" é um incrédulo. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Mais claro é impossivel. De

Mais claro é impossivel. De acordo com a legislação aeronautica, o proprietário OPERADOR da aeronave, é responsavel pela carga, pelos valores e pelos passageiros que transporta. Simples. Desconhecer qualquer fato sobre a utilização da aeronave para qualquer fim, não é a desculpa aceitavel, portanto, o "próprietario" é o RESPONSAVEL, seja pessoa fisica ou juridica. 

A mascara cai quando observa-se que para operar uma aeronave para fins comerciais, deverá haver vinculo empregaticio do piloto com o proprietario/operador. Previsto na Regulamentação Profissional do Aeronauta. A bel prazer o aeronauta envolvido estava lotado na Assembléia Legislativa de MG, portanto, nós contribuintes estamos pagando o seu salário. Outra Maracutaia, a aeronave é de uso privado, não dá nem para dizer que "estava" fazendo um fretamento, taxi-aéreo, etc...etc....

Como o helicóptero é de uso privado, o que faziam seus passageiros? Significa que a aeronave não passou pela vistoria da ANAC, então, um vôo clandestino. Ninguém realiza um vôo clandestino salvo se tiver motivação para isso. 

O volume apreendido causa especie. Ocupa uma cubagem internamente, e nenhum profissional deixaria de questionar o seu conteúdo, sua origem até porque isso preserva a sua segurança. Portanto, o piloto sabia o que estava transportando. 

Se o registro da aeronave for de uso privado, não tem porque utiliza-la para fins comerciais, portanto, não há como afirmar que "estavam" transportando peças agricolas, etc...etc.......e se assim fosse, o próprio piloto exigiria documentação referente a carga. 

Enfim, piloto privado ou comercial, contratado para uso exclusivo do operador, geralmente goza de inteira confiança dos seus patrões, trabalha sob uma liberdade muito ampla e com certeza presta contas do que faz ou do que vai fazer. Ele sabe das suas responsabilidades, se aperta-lo, vai abrir o "bico".........e dizer muito mais, e não teremos a mídia para deturpar os fatos. Neste caso, nem a mídia sabe nada. 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de PauloBR
PauloBR

Nassif,   Este comentário

Nassif,

 

Este comentário deveria ser elevado à categoria de post.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Marly
Marly

Concordo!

Concordo. Esse comentário do Marco Santo poderia ter um  upgrade para o dia de amanhã.  Marco Santo, como sabemos, entende muito de aviação, pois se não estou enganada trabalhou na RG. Merece ser elevado a post para comentários e também para dirimir dúvidas.  

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Aécio segue carreira brilhante e será presidente

Aécio segue carreira brilhante e será presidente

Junte-se aos bons e serás um deles, já dizia meu querido avô, quando me incentivou a entrar para a Ação Integralista Brasileira, lá pelos idos de 1932, até parece que foi ontem, pois foi uma das melhores coisas que poderia ter feito na época. Da mesma forma, podemos dizer de Aécio Neves, que segue uma carreira brilhante rumo a Presidência da República, pois seus atos como político são uma sucessão de acertos e glórias, mostrando grande tenacidade, reluzindo com grande brilho, cuja duração no tempo e no espaço nem o pó ou as teias de aranha conseguirão ofuscar.

Esse rapaz, cujo o futuro é promissor, tem demonstrado toda a sobriedade necessária para assumir a presidência do país, que certamente estará em boas mãos, pois ele é capaz de voos maiores e mais altos, subindo na vertical como um helicóptero, transportando a preciosa carga que é a esperança de milhões de brasileiros, que almejando o fim do bolsa-esmola, esperam vê-lo assentado na cadeira de mandatário maior da nação (atualmente ocupada por J. Barbosa), livrando a pátria definitivamente do petismo atroz, como prenúncio de uma nova aurora de fé, esperança e amor. Alvíssaras!

By

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Que tenha longa carreira

Longa carreira para cumprir as suas grandes aspirações

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Eu acho engraçado é a

Eu acho engraçado é a imprensa. Por que não investiga o caso, descobre como esse rapaz arrumou essa boquinha na Assembléia de Minas. Por que não tenta achar amigos, parentes etc desse rapaz e entrevistar. 

Quem é o dono do sítio onde o helicóptero desceu?  Quem era a outra pessoa importante que estava no helicóptero, conforme o advogado do piloto falou?

O Perrela não está com essa bola toda no PIG não. Tem alguém mais poderoso que o PIG está querendo proteger. Isso não está cheirando bem.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Atento
Atento

(Sem título)

Helicoptero tucano

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Tutti buona gente

helicóptero cocaína minas gerais

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Tamára Baranov
'Nada é para sempre'

http://pintandomusica4.blogspot.com.br/

quem dedou...?

"A empresa da família Perrella é proprietária do helicóptero Robson 66, apreendido com 443 quilos de cocaína no domingo, em um sítio, na cidade de Afonso Cláudio, no Espírito Santo"

A PF não ia dar batida em sítio no interior do Espírito Santo por acaso... Não é a mesma coisa que blitz da lei seca em Ipanema...

É claro que ela sabia que a droga estava lá. É claro que ela sabia de quem era o helicóptero, o sítio e a droga.

Quem dedou?

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de PauloBR
PauloBR

Deram bandeira, só isso. Quem

Deram bandeira, só isso. Quem fez a apreensão foi a PM. Diante da quantidade da droga, a PF foi chamada. Não começou pela PF.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Faltou sinal?

Caramba! E não tinham nem celular pra ligar pro comandante da PM...? Ou estavam fora da área de sinal...?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Jânio de Freitas dá uma dica

Estar encoberto é o traço da sequência que termina no arquivo do Ministério Público Federal em SP...

http://www.jornalggn.com.br/noticia/as-acusacoes-do-psdb-contra-o-ministro-cardozo-por-janio-de-freitas

Mas não dá pra descartar uma nova Lunus ou Aloprados à la Itagiba...

Elementar, meus caros Watsons!

Enfim, suspeitos ilustres é o que não falta...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A deduragem corre solta no

A deduragem corre solta no ambiente da concorrência, até porque, se pega 500 kilos e não dá para pegar 1.000 kilos. Bandido age dessa forma, sacrifica  "X" para faturar "Y".........Não acredito que inimigos politicos tenham o "grau" de conhecimento para desencadear uma operação dessa. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Concorrências paralelas

Digamos que a concorrência tenha dado uma mãozinha para os concorrentes dos concorrentes...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Manôoo,essa é fácil o

Manôoo,essa é fácil o Kalil.Oras bolas sô!

Seu voto: Nenhum

chico da dilma

Parece com a montanha de grana da Rosseane Sarney

Lí num blog por aí que este assunto tem o dedo do Cerra por trás......e o nariz do Aecim pela frente.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Sherlock

Elementar. Sigam Serrock Holmes e Itagiba Watson.

 

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Vamos por Partes, tipo Jack o Estripador

Nestes dias recentes o tema tem evoluído e apresentado desdobramentos, de modo que é bom acompanhar em forma objetiva e considerando, em separado, diversos aspectos.

RELAÇÃO PILOTO/PERRELA

Mais do que clara e comprovada. Existe relação de confiança, tinha a chave, liberdade e, ainda, com direito a cargo na Assembléia de MG. Por que o Perrela Jr. afirmou que o piloto tinha roubado o helicóptero.

PILOTO/ASSEMBLÉIA

Existe versão de que foi o Aécio Neves quem indicou ao piloto para esse cargo. É necessário aprofundar. Fazia o que na Assembléia. Era fantasma?

PILOTO/CO-PILOTO

Qual relação entre eles. Quem foi mesmo que contratou o “frete”. Qual papel do co-piloto.

FRETE

Foi mesmo de equipamento agrícola? Está escrito? Existe detalhe dos equipamentos agrícolas a serem transportados? Peso, volume, especificação? A carga não foi checada pelo piloto? (do tipo: estou transportando o que, quero ver!). Quem levava o dinheiro em espécie e por que.

PASSAGEIROS

Quais os passageiros. Qual era o sujeito “de posses”, que viajou junto e que foi indicado pelo advogado do piloto.

DELEGADO

Por que liberou logo ao Perrela e jogou a culpa no piloto.

ORIGEM

Onde foi pega a carga. Quem despachou. Qual guia de transporte. ICMS?

DESTINO

Quem é o dono da fazenda. Quem iria receber o “frete”.

IMPRENSA (PIG)

Por que o silencio? Que aconteceria se o Helicóptero fosse de alguém amigo de um amigo que conhece alguém do PT?

OUTROS

Aqui não é aplicado o domínio do fato?

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de PauloBR
PauloBR

"Existe versão de que foi o

"Existe versão de que foi o Aécio Neves quem indicou ao piloto para esse cargo. É necessário aprofundar. Fazia o que na Assembléia. Era fantasma?"

Não se apegue a esse detalhe. O Aécio atende protocolar e inocentemente a vários pedidos de emprego. Até de sobrinhas do Cachoeira... (http://www.estadao.com.br/noticias/nacional,com-ajuda-de-demostenes-cachoeira-nomeou-prima-no-governo-de-minas,864544,0.htm)

Se não chegar à Presidência, espera-se que seja pelo menos Ministro do Trabalho. Arrumar emprego é com ele mesmo!

Mas, se for para fazer perguntas sérias, vamos ajudar:

1) O próprio deputado afirmou que "o helicóptero, que está em nome da Limeira Agropecuária - de propriedade de Gustavo -, era utilizado apenas para o transporte do deputado e de familiares" (http://www.em.com.br/app/noticia/politica/2013/11/26/interna_politica,473860/advogado-de-piloto-afirma-que-gustavo-perrella-sabia-sobre-voo.shtml). Portanto, repita-se, o helicóptero está em nome da empresa, mas é de uso do deputado e familiares. Dito pelo proprietário!!! Isto seria uma forma de ocultar patrimônio pessoal? O deputado teria como comprovar perante a Receita Federal possuir recursos - e a origem de tais recursos - para adquirir o helicóptero? (intervalo mordaz: havia um certo Land Rover e uma certa rádio Arco-Íris em situação semelhante quanto à propriedade e ao uso...)

2) Sendo de uso do deputado E FAMILIARES - dito pelo proprietário - parece não se sustentar nem ao menos a tênue argumentação de uso da aeronave "para visita às bases" ou "em atividade parlamentar" para que a Assembleia Legislativa pague o combustível. (outro intervalo: por menos que isso, "O Globo" colocou agumas vezes o Cabral na capa).

3) E o histórico de voos da nave? E o rastreamento das contas correntes, do patrimônio e das contas e dos sinais de celulares (que permitem recosntruir trajetos percorridos) dos envolvidos?

Caberia um longo etc. Fica para oura hora.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Azenha

Só no Brasil implementos agrícolas viajam de helicóptero... Robson 66!!! Um aeromodelo!!!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Sobre agricultura.

Bom dia senhores.

Eu ainda não entendi direito esta estória mal contada. Alguém já viu implementos agrícolas? Sabe o tamanho destas coisas? Sabem o que são implementos agrícolas?

Desculpem a expressão mas, não tem nada a ver o ânus com a bunda.

Vão até o Google e digitem nas imagens para "implementos agrícolas" e depois comparem com aquelas barras de cocaína.

É algo de revoltar quem conhece do assunto. O mais absurdo é o preço do frete: R$60 mil reais para piloto e co-piloto.

Sinto muito mas quem acreditar neste conto da carochinha dos Perrelas  que segundo informação nem é este o nome dos meliantes, eles "compraram" o nome Perrela...) acredita em tudo.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"Como culpar o vento pela desordem feita, se fui eu que esqueci as janelas abertas?"

Conhecendo o tal deputado, eu li

"Terá que emprestar depoimento".

Que coisa, como falam os alemães: "Die gedanke sind frei".

Desde a tal AP 470 estou desenferrujando meu alemão, para preparar a minha defesa, no caso do barbozão decidir condenar os maus brasileiros.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.