Revista GGN

Assine

Com prisão de Cunha, Gilmar começa a questionar Lava Jato

 
Jornal GGN - Após a indicação de entrada do ministro de Temer, Alexandre de Moraes, para compor o Supremo Tribunal Federal (STF), o avanço das delações de executivos e ex-funcionários da Odebrecht contra caciques do PMDB e PSDB, e a prisão de Eduardo Cunha (PMDB) que irá completar quatro meses, o ministro Gilmar Mendes questiona decisões de Sérgio Moro, principalmente as "alongadas prisões".
 
"Temos um encontro marcado com as alongadas prisões que se determinam em Curitiba. Temos que nos posicionar sobre este tema que conflita com a jurisprudência que desenvolvemos ao longo desses anos", disse Gilmar, nesta terça-feira (07).
 
A declaração do ministro do STF e presidente do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) ocorre um dia antes do julgamento do colegiado de Segunda Turma sobre um pedido de liberdade de Eduardo Cunha. É uma das primeiras manifestações de Gilmar no sentido de revisão de decisões da primeira instância, a Vara Federal de Curitiba, onde Sergio Moro atua.
 
O posicionamento ocorre, ainda, em plena indicação de Alexandre de Moraes, ministro da Justiça de Michel Temer, para compor o plenário do STF. Apesar de não integrar a Segunda Turma, a responsável pelos julgamentos da Operação Lava Jato em última instância e em detentores de foro privilegiado, Moraes será encarregado da possível revisão das investigações - o que mais tarde poderá representar a proteção de políticos.
 
Já o julgamento do recurso de Eduardo Cunha, pedindo a sua liberação após quase quatro meses de prisão preventiva determinada por Moro - o ex-peemedebista foi preso no dia 19 de outubro na carceragem da Polícia Federal, em Curitiba -, está marcado para ocorrer nesta quarta-feira (08), na agenda do Supremo.
 
 
O tema poderá abrir o debate dos ministros para rever os prazos estabelecidos pelo magistrado do Paraná contra investigados e réus da Lava Jato. As prisões preventivas e temporárias, além das conduções coercitivas, são vistas pelo meio jurídico como abusivas e polêmicas.
 
Segundo reportagem da Folha de S. Paulo, há ainda a avaliação de receio dos ministros do Supremo na possibilidade de aliviar a prisão de Eduardo Cunha, com uma eventual decisão favorável à liberação do ex-deputado. "Se o caso for discutido, a avaliação é que os magistrados serão cautelosos e dificilmente aceitarão os argumentos da defesa", informou a reportagem.
 
 
Média: 3.9 (8 votos)
16 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

vivacidade interrompida...

vejo como momento exato em que um golpista e trapaceiro passa a compreender que seu verdadeiro destino é permanecer na cadeia

isto assusta muito os outros.....................................libertar Cunha é a libertação do desejo de cada um deles

Seu voto: Nenhum
imagem de CarloB
CarloB

Ficar assistindo tudo isso que está acontecendo com o país

e depois lembrar dos integrantes do PT jogados lá na prisão não sei há quanto tempo  , sem ter a mínima chance de responder e se defender em liberdade por muito menos do que todos esses caras estão sendo acusados é triste.

O duro é que parece que nem o PT está mais preocupado em fazer alguma justiça.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de André STK
André STK

Malandro é o Reinaldinho,que

Malandro é o Reinaldinho,que na onda de dar uma força ao ínclito Eduardo Cunha,está editando seus antigos artigos. Por Reinaldo Azevedoaccess_time 30 set 2016, 21h34 - Atualizado em 8 fev 2017, 09h36 http://veja.abril.com.br/blog/reinaldo/palocci-prisao-temporaria-prisao-preventiva-e-ameaca-a-democracia-8230/  É o legítimo pena de aluguel.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Até que dessa vez "gilmar"

Até que dessa vez "gilmar" (em letra minúscula) tem razão: a lei dever valer para todos

A verdade é que as prisões - para fins de delação e portanto longas até o estágio da "vivacidade interrompida" que precede à delação  - de "moro" são um absurdo inadimissível... 

O problema de "gilmar" é que para os amigos a lei; para os inimigos a excessão.

A se ver

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Moraes no STF?? Eu digo “ótimo”, ora!


Seu voto: Nenhum (3 votos)

Isso ai

Gilmar Mendes não decepciona nunca. Com esse Fernando Henrique Cardoso sabia que podia contar. Quando é para prender José Dirceu sem provas é claro ele se cala, mas quando se trata de suas amizades de mais de trinta anos...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de LY
LY

Ah! os rabinhos...

Estão todos  entrelaçados... Têm que ocultar esse entrelaçamento...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de ricardoaraxa
ricardoaraxa

Nesse ponto,gilmar esta

Nesse ponto,gilmar esta certo.O problema é...porque só agora ?

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Eike preso e Serra solto...

Eike pode ter supostamente dado 16.5 mi em propinas a Cabral, está preso....

Serra recebeu comprovadamente 23 milhoes em depósito na Suiça e está solto...

Tal como ocorreu com Joaquim Barbosa, Moro só será  útil para o conluio midiático penal golpista enquanto limitar-se a perseguir petê, mantendo o alvo apontado pela classe dominante: Lula...

CIRO GOMES: Vamos aos fatos. Eike foi direto para o presídio com todos os requintes de crueldade porque dois doleiros disseram que ele deu propina de 16,5 milhões para Sérgio Cabral. Se apresentaram provas, ninguém as viu. Bastou essa delação para ele ir para Bangu 8 (ou 9, não importa).

No entanto, Michel Temer foi delatado por Marcelo Odebrecht, o comandante supremo do propinoduto da Odebrecht e isso foi publicado pela Veja, que é a porta-voz oficial da Lava Jato e continua Presidente da República; Rodrigo Maia, também segundo a Veja, é o "Botafogo" do propinoduto da Odebrecht e será eleito Presidente da Câmara apesar de infringir o regimento; Eliseu Padilha é o "Primo" da mesma lista e é o ministro mais importante do governo Temer; Moreira Franco é o "Angorá" e é o segundo ministro mais importante do governo Temer; Eunício de Oliveira é o "Índio" e será o próximo Presidente do Senado.
Ou seja, uma só delação contra Eike o levou à prisão e as delações em série dos aliados de Temer (Romero Jucá ou "Caju", Renan Calheiros ou "Justiça" e tantos outros) não foram levadas em conta, "são apenas delações", "delatores mentem", "delação não é prova".
É paradoxal: somente os delatores de Eike não mentiram.
Mas vamos em frente. Por que resolveram prender Eike justamente agora? Essa história de que foi porque ele deu propina a Cabral é uma cortina de fumaça, pois Cabral já está preso, não precisa de mais acusações.
Eu, nas minhas noites mal dormidas, cheguei a uma dedução sem ter nenhuma vocação para Sherlock: prenderam Eike para ele delatar Lula. Para ele dizer que ficou bilionário porque Lula lhe deu dinheiro através do BNDES.
E digo mais: prenderam Cabral para ele delatar Lula. Para ele dizer que ficou rico e comprou todas aquelas joias para a mulher porque Lula lhe deu a chave dos cofres públicos.
Por que cheguei a essa dedução?
Porque a Lava Jato obedece a duas diretrizes, a saber:
1. prender o máximo de gente possível para aplacar a sede de "justiça" da sociedade civil (rsrsrs) e;
2. soltar somente se o preso delatar Lula.
Senão, vejamos:
Por que Marcelo Odebrecht continua preso? Porque não delatou Lula. (Delatar Michel Temer e sua turma não vale.)
Por que Zé Dirceu continua preso? Porque não delatou Lula.
Por que o coitado do tesoureiro do PT continua preso? Porque não delatou Lula.
Por que a delação do presidente da OAS não foi aceita? Porque não delatou Lula.
Por que Delcídio do Amaral foi solto? Porque delatou Lula. (Mas era uma delação muito mequetrefe, não serviu para prender Lula).
Cabral só vai sair de Bangu 8 (ou 9?) se delatar Lula.
Eike só vai sair de Bangu 9 (ou 8?) se delatar Lula.
É só o que falta para prenderem Lula.
Algum peixe graúdo dizer: "Lula me deu a chave do cofre em troca de propina".
Alea jacta est.⁠⁠⁠⁠

Seu voto: Nenhum (2 votos)

 

...spin

 

 

Desde o início está na cara

Desde o início está na cara que é isso mesmo. Prender todo aquele que teve algum relacionamento com Lula e / ou PT para cavar uma delação, denúncia ou nem que seja algum fato que possa comprometê- los. Os outros eles pulam, fazem que não escutam, cara de paisagem. E mesmo assim não conseguem nada de grave contra Lula. Nem disfarçam mais. Cara de pau é pouco.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Danilo Pro

Chega de lero-lero !

Pra quê tanto juridiquês gilmardiano quando todos sabem que o juizeco curitibano apenas com uma canetada poderá ab-rogar qualquer lei que possa punir um golpista ?

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

imagem de Bruno Cabral
Bruno Cabral

Gilmar o parcial

Quando o crime é de amigo, liberta. Se for do PT, nada faz. Esse é o maior exemplo do manda quem pode, obedece quem tem juízo que vigora no Brasil.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Junior Sertanejo
Junior Sertanejo

É exatamente esse tipo de

É exatamente esse tipo de assunto que tento chamar a atenção de Luis.Estamos lidando com uma quadrilha,Nassif sabe disso.Em algum momento eles vão sacar a Ponto 40.Gilmar abriu o coldre.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

É a Justiça de

É a Justiça de Conveniência.....

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Atreio
Atreio

se o "dominio do fato" não

se o "dominio do fato" não colou pra segurar o boulos....

a jurisprudencia deste argumento deve ser a mesma no caso zé dirceu. ponto.

mas cadê os meninos do MP mesmo? devem tá gastando parte do "salario' de 100mil q ganham injustimante ....privilégios devem acabar: 30 dias de ferias pra todos trabalhadores. sem motorista nem carro oficial pra ninguem, apenas presidente e ministros. 40% de imposto sobre herança, mudar tabela do IR com 55% de imposto pra quem recebe mais de 500mil por ano e aumento da isenção pra que recebe menos.

taxar mais os ricos e menos os pobres. apenas justiça. mas qndo a justiça é feita por meninos q fazem aquele ppt horrivel contra lula, num hotel com imprensa e lanche....mas sobre o padrinho de casamento do cabral e suzy, citado mais de 40 vezes na lava jato ainda nem teve seu sigilo bacario quebrado.,...os meninos tolos se acham tão ispertus....

temos exemplos de sucesso destas medidas em diversso paises. temos q debater entre todos nós para consolidar as propstas q mais agradam a população.

sem crime, sem impeachment.

BRASIL, reDILMA-se!

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Se não for um tribunalzinho

Se não for um tribunalzinho de merda o deixará Eduardo Cunha apodrecer na prisão. Se o libertar, afundará na lama da corrupção.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Fulvia
Fulvia

(Sem título)

Seu voto: Nenhum

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.