Revista GGN

Assine

A resposta de Dilma aos ataques de Veja


Foto: Jose Cruz/ Agência Brasil
 
Jornal GGN - "Depois de 36 anos, 10 meses e 21 dias de serviços prestados – comprovados documentalmente – aos 68 anos de idade, Dilma Rousseff se aposentou com vencimentos pouco acima de R$ 5 mil — o teto do INSS. Ela nada recebe como ex-presidenta da República ou anistiada política. O benefício segue os rigores da lei. Tampouco se valeu de subterfúgios para o recebimento de valores indevidos ou excessivos, como ocorre com Michel Temer e ministros do governo golpista", disse em nota a assessoria da ex-presidente Dilma Rousseff.
 
A manifestação é sobre reportagem supostamente exclusiva da revista Veja, de que uma sindicância do governo "constatou que petista furou a fila do INSS com ajuda de servidores e obteve benefício sem ter a documentação necessária na ocasião". Em resposta, a assessoria narra que além de ter sido presa pela ditadura no início dos anos 70, Dilma foi obrigada a se afastar de seu trabalho na Fundação de Economia e Estatística, desde 1977, por "integrar a chamada lista do General Frota". "Só no final dos anos 1980, foi anistiada".
 
"Por isso, Dilma Rousseff pleiteou para a sua aposentadoria o reconhecimento pelo INSS do período de anistia de aproximadamente dez anos. O governo golpista negou-lhe os efeitos da anistia com o evidente objetivo de prejudicá-la. Alegou que tentava fraudar a previdência, procurando se aposentar antes da hora. A ação foi frustrada porque Dilma Rousseff havia trabalhado por todo esse período e podia facilmente comprová-lo. Como o fez", seguiu.
 
Leia a íntegra da nota de resposta de Dilma Rousseff sobre suposta "aposentadoria irregular":
 

A propósito da matéria “Investigação confirma aposentadoria irregular de Dilma”, veiculada por Veja a partir de sexta-feira, 18, a Assessoria de Imprensa de Dilma Rousseff esclarece:

Veja volta a executar o velho Jornalismo de Guerra ao dar ares de escândalo à aposentadoria da presidenta eleita Dilma Rousseff. O escândalo está na perseguição que a revista promove e não na aposentadoria em si.

Depois de 36 anos, 10 meses e 21 dias de serviços prestados – comprovados documentalmente – aos 68 anos de idade, Dilma Rousseff se aposentou com vencimentos pouco acima de R$ 5 mil — o teto do INSS. Ela nada recebe como ex-presidenta da República ou anistiada política. O benefício segue os rigores da lei. Tampouco se valeu de subterfúgios para o recebimento de valores indevidos ou excessivos, como ocorre com Michel Temer e ministros do governo golpista.

Afastada da Presidência pelo golpe construído a partir do impeachment fraudulento, Dilma Rousseff recebeu em agosto de 2016 seu primeiro benefício como aposentada.

Inicialmente, o governo golpista se recusara a reconhecer o tempo de serviço dela, com base nos efeitos da anistia. É que, além de ter sido encarcerada pela ditadura no início de 1970, Dilma Rousseff foi obrigada, a partir de 1977, a se afastar de seu trabalho, na Fundação de Economia e Estatística, por integrar a chamada lista do General Frota.  Só no final dos anos 1980, foi anistiada.

Por isso, Dilma Rousseff pleiteou para a sua aposentadoria o reconhecimento pelo INSS do período de anistia de aproximadamente dez anos. O governo golpista negou-lhe os efeitos da anistia com o evidente objetivo de prejudicá-la. Alegou que tentava fraudar a previdência, procurando se aposentar antes da hora. A ação foi frustrada porque Dilma Rousseff havia trabalhado por todo esse período e podia facilmente comprová-lo. Como o fez.

Na sequência, o INSS apontou que uma anotação equivocada por parte de uma funcionária — sem interferência da presidenta eleita —, ensejou a concessão do benefício em agosto e não em setembro, como seria o correto. A própria autarquia avaliou, no entanto, que não houve má-fé por parte da servidora.

A defesa da presidenta eleita — a cargo dos advogados Bruno Espiñera Lemos e Victor Minervino Quintiere — deixou claro que não era possível exigir de Dilma Rousseff que soubesse tratar-se de equívoco por parte do sistema do INSS. Isso porque o procedimento passou pelos devidos trâmites regimentais.

Dilma Rousseff está recorrendo da devolução. A jurisprudência dos tribunais superiores considera incabível a cobrança pelo erário dos valores recebidos de boa-fé. Ela vê na atitude do governo golpista uma clara tentativa de prejudicar funcionários de carreira criando uma “falsa denúncia” para punição abusiva.

A sindicância mencionada por Veja reforça a tese da defesa da ex-presidente de que não houve “intenção clara dos investigados em beneficiar Dilma Rousseff”.

Veja dá cores de denúncia ao que é sanha de um governo usurpador, tomado pelo objetivo de perseguição política e de diversionismo dos escândalos de corrupção do grupo no poder. Devia era explicar as aposentadorias precoces do presidente ilegítimo e de seus associados.

A revista também não cumpre a exigência fundamental do jornalismo isento, ao deixar de procurar a defesa da ex-presidente ou sua assessoria de imprensa. Não há desculpas ou explicações que justifiquem a parcialidade e o proselitismo político da revista.

Esse é o retrato dos nossos tempos, em que a democracia se mantém sufocada pelos interesses inconfessáveis de uma elite insensível ao bem-estar da população e ao respeito dos direitos democráticos, como a liberdade de imprensa.

ASSESSORIA DE IMPRENSA
DILMA ROUSSEFF

 

Média: 4.7 (14 votos)
16 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

2 + 2 = ?

Primeiro foi o Lula que estava com a faca e o queijo na mão, mas resolveu "mijar  pra  trás" ou como dizem outros, "quiabar". O Franklin coordenou os debates  sobre  a implantação de uma lei que colocaria limites nos abusos de uma corja que se auto intitula de " grande imprensa". Perdeu tempo e noites de sono atôa.

E quando tentaram implantar um limite aos pseudos jornalistas e "colonistas" (PHA), que todos sabemos serem além de puxa sacos, os porta vozes de seus mafiosos patrões, aí a Dona Dilma  vetou os artigos que garantiam o direito de resposta a quem se sentisse caluniado,que é o caso,ou tivesse a honra atingida.

Estamos vendo aí no que deu  a política do  "paz e amor"  e  o  do  "controle remoto".

E eles continuam aprontando e promovendo capitães, não do mato, mas caipiras.

Nem sempre dois mais dois é igual a quatro, principalmente  pra golpistas e seus paneleiros.

Seu voto: Nenhum
imagem de Franbeze
Franbeze

Senhora Dilma

usa o controle remoto e depois vai fazer omelete com o Lulinha paz e amor no programa da ana maria brega. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marcia Eloy
Marcia Eloy

Aposentadoria da Dilma

Ela entrou com um processo contra a revista? Se não entro ainda há tempo.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Jamais esquecerei...

Em 2010, a covardia do deputado Arlindo Chinaglia(PT), então presidente da câmara, que pediu o arquivamento de uma CPI que apuraria a negociação irregular da Editora Abril e o grupo empresarial ultraracista sul africano Naspers na venda ilegal da TVA .

Seria o melhor (talvez único) momento para o governo petista pulverizar a revista, que dentre seus ilustres colaboradores constava o bandidão Carlinhos Cachoeira . 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Condenam a ex presidenta Dilma. . .

Condenam a ex presidenta Dilma por uma mesquinharia, de ter recebido seus proventos de aposentadoria, um mês adiantado, em agosto, ao invés de setembro, ao mesmo tempo que se calam diante das acusações contra Temer, contra Serra, nada falam da lamentável atuação do judiciário brasileiro,  só não pouparam Aécio Neves, mas logo, logo o reabilitarão.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"A história da humanidade é a história das lutas de classes". Karl Marx

imagem de Antonio C.
Antonio C.

Cartum.

Um monte de jornalistas com braçadeiras semelhantes aos nazistas (nas braçadeiras, lê-se "Jornalismo"), jogando livros numa fogueira.

Nas capas, apenas uma palavra como título: "Verdade".

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de bonobo de oliveira, severino
bonobo de oliveira, severino

Paga o preço por ser honesta no país dos ladrões.

Como recompensa pela vida que dedicou à defesa da democracia e do povo brasileiro ela vai receber como aposentada um salário que não lhe garantirá o sustento de uma vida digna. E recebe mais essa denúncia caluliosa que se somará a outras tantas que já enfrentou. Enquanto isso os bandidos protegidos pelo judiciário dão gargalhadas e se locupletam do que restou do país que ela ajudou a construir nos últimos anos. E os integrantes das bandas podres e corruptas da Alta Burocracia improdutiva do Estado recebem salárioa acima do teto constitucionaL (que passou a ser PISO, conforme anotou o Gregorio Duvivier), fora os jabás e PF (por fora), na contrapartida de manobras de embargos auriculares, engavetamento de processos a espera de prescrição e as "pastas erradas" do Dr. Rodrigo de Grandis, e podem praticar atos ilícitos e criminosos impunemente. Se, excepcionalmente, algum dos seus e flagrado em ato criminoso e não se consegue para ele o benefício de impunidade, nesses casos raros, o criminoso paga o preço de ser aposentado com todos os direitos (ou privilégios?) que são negados à maioria da população trabalhadora honesta produtiva que lhes paga o salário abusivo. Por falar em direito ou privilégio, sempre é bom lembrar a análise bem humorada que nos oferece o Gregorio Duvivier no seu GregNews:

https://www.youtube.com/watch?v=qkiXcTp7lJk

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Dudu Cartucho
Dudu Cartucho

Genoíno, Dirceu, Lula ,

Genoíno, Dirceu, Lula , Gushiken foram vítimas dessa imprensa suja. A Dilma continuará passando por isso. A teoria do controle remoto foi temerária.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Serjão
Serjão

"Todos são iguais"

Não, nem todos são iguais.

ou

Uma sutil diferença!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Eita paiseco !

Jamais chegará a ser um país justo!

"Toda a vez que um justo grita, um carrasco vem calar. Quem não presta fica vivo, quem é bom mandam matar " Né Cecília ?

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)

lenita

imagem de bonobo de oliveira, severino
bonobo de oliveira, severino

Jamais será um país.

Jamais será uma nação, mercê da avareza e barbária das quadrilhas dominantes que, nesse rico território desafortunado chamado Brasil, fazem o papel que, em sociedades civilizadas, é desempenhado pelas ELITES. Como prefetizou Inácio de Loyola Brandão, criança, não verás país nenhum!

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Helio Barros de Siqueira
Helio Barros de Siqueira

Os diferentes modos de pensar e agir que não estamos acostumados

Muito poucos compreenderam a cabeça de Dona Dilma.
A ortodoxia da formação rumena lembra bastante a formação germânica.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Em um momento em que o

Em um momento em que o presidente golpista e denunciado por corrupção escapa da investigação após gastar bilhões comprando deputados, a Veja resolve denunciar a aposentadoria da Dilma...

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

"denunciado por corrupcao COM

"denunciado por corrupcao COM PROVAS" etc...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

So falta eu comentar uma

So falta eu comentar uma "reportagem" tao bicha louca como essa da Veja mesmo...

Procurem seus travesseiros pra sentar...

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Mulher de fibra. / E uma sugestão ao GGN Nassif Posts do DIa

Sugiro, submeto à ponderação do Blogueiro, que este post-título da Dilma assim como, por exemplo, a entrevista com Cattani, na revista SIMPRO-RS (sugerido por Antônio Ateu), por aqui reproduzida, http://jornalggn.com.br/blog/antonio-ateu/como-a-riqueza-vai-destruir-a-democracia-por-antonio-david-cattani permaneçam fixadas como destaque nos principais dias que as estatísticas mostrarem que o blog é mais acessado (provavelmente não em fins de semana, mas não sei). E outros casos que o Blogueiro assim achar interessante pra que mais gente possa ler, tomar conhecimento.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.