newsletter

Escola pública fica em primeiro lugar no ENEM no Rio Grande do Norte

Sugerido por Allan Patrick

Do IFRN

Escola pública é a primeira colocada no Exame Nacional do Ensino Médio no Rio Grande do Norte

Câmpus Mossoró ficou em primeiro entre as escolas divulgadas pelo INEP

O Câmpus Mossoró do IFRN (Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte) obteve o melhor desempenho do Estado no Exame Nacional do Ensino Médio (ENEM), edição 2012. O Câmpus apresentou uma média de 619,1, sendo a mais alta no estado. As notas conseguidas pelas escolas, de acordo com as áreas do conhecimento, foram divulgadas nesta terça-feira (26), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (INEP).

Além do Câmpus Mossoró, o Câmpus Currais Novos, com uma média de 592,88, e o Câmpus Natal-Zona Norte, com 584,2, ficaram entre as 11 melhores escolas do estado, ocupando o 8º o 11º lugar, respectivamente.

De acordo com informações dos técnicos do INEP, os  demais câmpus do IFRN não aparecem na lista porque para isso seriam necessários que  mais de 50% dos alunos matriculados no último ano do ensino médio da escola tivessem feito o ENEM 2012, além de o colégio ter registrado mais de 10 estudantes inscritos no Exame.

O cálculo das médias gerais das escolas foi feito pelo Portal UOL, que considerou a soma das notas das quatro provas objetivas realizadas no ENEM divididas por quatro. Os números podem ser conferidos no Portal (http://educacao.uol.com.br/infograficos/2013/11/26/confira-a-nota-da-sua-escola-no-enem-2012.htm), sendo possível filtrar por estado e pelo nome da escola.

 

Média: 5 (2 votos)
17 comentário(s)

Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de  janes salete
janes salete

Tudo de bom que acontece no

Tudo de bom que acontece no país, vem do governo federal. Mas, os que só reclamam (habituados pela mídia a permanecerem nisso e nada mais do que isso)), não conseguem perceber as melhorias alcançadas (inimagináveis serem possiveis). Sendo o "governo mais corrupto" da história desse país (segundo mídia, judiciário e seus aseclas), como conseguiu tantas melhorias roubando tanto? É a nova lógica matemática ditada pelos reais corruptos: vendo, privatizo e não invisto em nada (a não ser no próprio bolso) deixo o país devedor e o dinheiro das "vendas"desaparece e ninguém sabe, ninguém viu e ninguém tem interesse em saber, admitir a verdade explícita. Já, o governo "mais corrupto" que pegou o país quebrado, conseguiu investir, ficar credor, melhorar vários setores da sociedade, anteriormente ignorados, é o que mais roubou. Nessa lógica mafiosa, só cai quem  tem a mídia como biblia ou é um abostado total.

Seu voto: Nenhum

INEP atrasadinho

Somente agora reparei que esses são resultados de 2012, não 2013. Teria mudado o quadro geral?

Seu voto: Nenhum

Eu também sou DILMA!

Educacao Obrigacao dos Estados!

Em minha opinião a todos que comentam, nao reparem em alguns equivocos.

Educação Básica Obrigação dos Estados!

Precisamo-nos educar e definir decididamente. Ser Objetico?

O que queremos dos Estados e Municípios?

Educar assim! Cobrar e manifestar constantemente contra as mazelas dos desgovernos estaduais e da aplicação ruim do dinheiro em educação. Sem essa da mídia.

“Feita a revolução nas escolas, o povo a fará nas ruas”. Florestan Fernandes

Definir como? Onde se colocar as escolas, como, clientela e senão estamos perdendo objetivo. Quais os critérios para as instalações dos IFES/ Tecnicos e profissionalizantes, em cada localização, estados, e foram distribuídas igualitariamente por todos os estados da federação, as escolas técnicas atende a carreira para as necessidades locais, etc. Por que tecnicas e tambem nao tecnicas?

Não creio que seja uma obrigação Federal. Só quando necessária e urgente. Atenção. Sou oriundo de colégio Federal, simplesmente me sinto um privilegiado da década 50! Não existia e não existe no resto do Brasil. Outro exemplo das distorções da Federal são as universidades de medicina federais não estão nos estados onde se mais necessita hoje. Mais as universidades federais estão conseguindo aporte financeiro federal para aumentar as clientelas nestes estados.

Primeiro se na Federação não houver compartilhar em obrigações e devereis com as populações locais. Esta é de maior importante na participação e administração de cada estado frente à União Federativa. Descentralizar e aplicar o dinheiro público e não nivelar todo o país. Cada estado, cada município ser responsável direto, com participação e dos interesses local. Gerenciando educação básica para todos e de acordo com a necessidade.

Se deslocarmos saúde, transporte público, segurança, bombeiros, meio ambiente, distribuição de energia, estradas, educação, etc. para a Administração e responsabilidade de âmbito Federal para que carecesse de Governador, Prefeito etc.

O IFES possibilita criar uma distorção e como disse Milton Santos: “Nós, a classe média, não queremos direitos, queremos privilégios”.

O Governo Federal, O Governo Estadual e o Municipal tem que ter suas responsabilidades e suas Cobranças iguais pela população interessada e no seu voto para estes administradores e seus representantes nos congressos municipal, estadual e federal (deputados e senadores).

No Bolsa Família, os participantes tem reportar, tem que avançar nestas cobranças também Locais por educação. Orientados junto com a bolsa. 

Seu voto: Nenhum
imagem de Antonio Passos
Antonio Passos

Se os brasileiros gostassem

Se os brasileiros gostassem de trabalhar e, acima de tudo, fazer um bom trabalho, o tanto que gostam de reclamar, o Brasil seria um dos maiores países do mundo. Gostaria de saber se algum governo, nos 500 anos de história deste país, fez algo parecido com o que será a destinação dos recursos do pré-sal para educação e saúde. A despeito da doentia má vontade, o Brasil passa pelo melhor momento de toda a sua história. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de ArthurTaguti
ArthurTaguti

Vim aqui esperando um colégio

Vim aqui esperando um colégio público administrado por um governo DEM, mas encontrei um Instituto Federal: porque não estou surpreso? Prova mais do que suficiente que o debate sobre a federalização do ensino básico está colocada para escanteio. 

Se realmente é a melhor medida eu não sei, mas neste federalismo de francaria que temos (onde a União fica com tudo, e o resto fica com o pires na mão) não há dinheiro nem pessoal capacitado para montar um ensino público que preste.

Se todos os colégios públicos tivessem verbas, Professores e material dos Institutos Federais, a história seria outra.

 

Seu voto: Nenhum

Ilhas de excelência

Sempre úteis a governos que vivem da propaganda.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Porque la lucha es colectiva, pero la decisión de luchar es individual, personal, íntima.

Vim ver o post crente que era

Vim ver o post crente que era uma escola estadual ou municipal do tipo que que qualquer pobre pode frequentar.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Cotas

Metade das vagas em todos os campi do IFRN são reservadas a alunos oriundos do ensino fundamental nas redes estadual e municipal.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

---

Caro Allan, você entendeu

Caro Allan, você entendeu minha ironia, estou certo disso. Ainda que 100% das vagas de todos os campi do IRFN fossem reservados para estudantes do ensino fundamental público, que impacto teria isso no cômputo geral? De que adianta você ter duas ou três escolas públicas diferenciadas (vai ver o salário inicial de um professor dos institutos federais) no meio de 20 ou trinta particulares? Isso nos leva a concluir... o que?

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Ô título infeliz...

... qualquer um e todo mundo deveria saber que as escolas federais são ilhas de excelência dentro da educação pública. Infelizmente nada têm a ver com as redes estaduais e municipais. O bom resultado obtido por elas vai além do investimento corrente, em geral os seus alunos ingressam mediante processo seletivo e a quase totalidade é proveniente das famílias da classe média tradicional. Além do ensino com qualidade que recebem nas instituições possuem apoio familiar no mesmo nível dos alunos dos melhores colégios particulares.

O quê seria necessário para estender ao restante das escolas públicas o mesmo padrão das escolas federais? Alguma vez nos últimos 13 anos o PT se interessou para que isto ocorresse? Creio que não, transformaram o ministério da educação em fábrica de postes eleitorais...

Seu voto: Nenhum
imagem de ArthurTaguti
ArthurTaguti

Caro Rebolla,  És nomeado

Caro Rebolla, 

És nomeado recorrentemente "reacionário" por estas paragens. Mas possuis posicionamento muito mais à esquerda, no que se refere à educação básica, que o governo federal e seus mais aguerridos seguidores.

O negócio é bem por aí mesmo. A União tem que entrar no meio, e não adianta fazer "biquinho" dizendo que Estados e Municípios não cumprem sua parte. Para começo de conversa, nem dinheiro pra pagar o papel higiênico eles têm, que o diga atrair bons professores.

É por isto que, confesso, nosso debate ideológico deixa o povo cada vez mais "cafuso". É "reacionário" que defende a universalização da qualidade dos IFES, é "esquerdista" se contentando com a política bolsas-cotas-isenções pra educação, ou seja, virou uma salada só. Não é toa que tá na moda se dizer "nem-esquerda, nem-direita, nem-centro".

 

Seu voto: Nenhum

Não seja leviano

Alguma vez nos últimos 13 anos o PT se interessou para que isto ocorresse? Creio que não

 

Não seja leviano, claro que o PT se interessou, mais precisamente em 2003 quando colocaram o Cristovam Buarque no Ministério. 

Pena que o interesse tenha durado menos de um ano, pois dava muito trabalho e não era politicamente interessante.

A partir daí, a opção da universaliazação de um ensino de qualidade deu lugar a criação das ilhas de excelência que, se por um lado não resolvem problema nenhum a nível de sociedade, pelo menos produzem exemplos isolados que podem ser usados para propaganda política, como jovens pobres universitários para os programas de TV e escolas públicas com boas notas no ENEM para posts de blog.

Tudo para o delírio da militância.

Seu voto: Nenhum

Porque la lucha es colectiva, pero la decisión de luchar es individual, personal, íntima.

imagem de ArthurTaguti
ArthurTaguti

Chiapas, O mais triste de

Chiapas,

O mais triste de tudo é que um político da envergadura do Cristóvam se transformou em "traidor, demagogo, populista".

Esta mesma regra se aplica ao Suplicy, a Erundina, ao Ivan Valente, ao Plínio de Arruda Sampaio, e tantos outros aí que cometeram o pecado fatal de não seguir a "cartilha".

Por mim Cristóvam nunca teria saído do MinC, até implantar de vez seu projeto de federalização do ensino básico (trazendo a mesma qualidade do Ifes para o resto da escola pública).

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Desperdício

O Lula conseguiu, durante 20 anos, arregimentar a sua volta tudo que havia de bom, de progressista, nesse país. Todas as cabeças capazes de pensar uma sociedade diferente, mais justa,  inclusiva e igualitária.

Em poucos meses de poder, mandou tudo pelo vaso e puxou a descarga.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Porque la lucha es colectiva, pero la decisión de luchar es individual, personal, íntima.

O que o PT fez nos últimos 10 anos

O governo do PT "só" ampliou de 2 para 15 o número de campi do IFRN no nosso estado nos últimos 10 anos.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

---

No IFES também.

Viajei recentemente pelo Espírito Santo e Minas. Vários campi do IFES espalhados pelo interior.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Monopólios

Já está mais do que provado que qualidade da educação não é monopólio do setor privado.

Então está na hora de transforma-la em monopólio do Estado.

Seu voto: Nenhum
imagem de Ozzy
Ozzy

Boa, vamos melhorar a

Boa, vamos melhorar a educação no Brasil proibindo a existência de escolas particulares.

 

Cada um que aparece...

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.