Revista GGN

Assine

Guru de Marina defende chapa com Joaquim Barbosa e eleição sem Lula

Foto: Elza Fiuza/Agência Brasil

Jornal GGN - De olho no eleitorado de Lula, Marina Silva já começou a mexer os pauzinhos em torno da eleição de 2018 tão logo saiu a sentença do caso triplex e o País passou a se questionar se a candidatura do petista será viável.
 
Em entrevista à Folha, publicada no domingo (16), o economista Eduardo Gianetti, um dos gurus de Marina, defendeu um cenário sem Lula em 2018 como se fosse a melhor opção para o País sair da crise política.
 
"É muito mais arejada para o país [a disputa ocorrer sem Lula]. Neste caso, haverá uma grande pulverização de candidaturas. Isso seria bom para o eleitorado, nos daria oportunidade de fugir de uma discussão burra e debater temas importantes. E muita gente iria se animar a concorrer", disse.
 
A Folha aproveitou a deixa e perguntou se seria o caso de Joaquim Barbosa entrar na corrida pelo Palácio do Planalto, ao que Gianetti respondeu: "Como cidadão torço para que os dois, Marina e Joaquim, estejam juntos, só não sei em que formato, quem encabeçando chapa. Ambos são exemplos eloquentes de pessoas desfavorecidas que abriram portas por meio da educação."
 
E continuou: "É um sinal oposto ao de Lula, que sempre passou a mensagem de que, se você for esperto, não precisa se educar. Que basta saber driblar. Isso não foi bom para o país."
 
O economista projetou que o cenário com Lula em 2018 seria "envenenado" pela disputa entre o petismo e o anti-petismo, personalizado nas figuras de Jair Bolsonaro ou João Doria Junior.
 
Para Gianetti, contudo, o interessante é que, independente do mérito, a decisão sobre a viabilidade eleitoral de Lula seja dada em julgamento do caso triplex no TRF-4 antes de agosto de 2018. Depois disso, "é tarde", disse. 
 
"A campanha precisa começar com isso resolvido, com ou sem Lula habilitado, para desanuviar o ambiente. O país está numa encruzilhada crítica, vamos nos perder num labirinto se ficarmos sem essa resposta", acrescentou.
 
"Espero que os magistrados tenham o bom senso cívico de que não é possível protelar esse julgamento", comentou.
 
Gianetti ainda disse que Marina vai se cerca de nomes de peso e propôr, já na campanha, uma discussão sobre reformas política e previdenciária.
 
Média: 1.6 (14 votos)
30 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Rui Ribeiro
Rui Ribeiro

Arre, égua! Eu nunca pensei que fosse uma mulher

"Nunca pensei em me envolver em política. Não tenho laços com qualquer partido político". - Joaquim Barbosa

O Joaquim Barbosa foi picado pela mosca azul.

A Marina quer se livrar do concorrente favorito.

Seu voto: Nenhum

tragédia anunciada

Nassif: a Fadinha da Mata, obra e cria do Banco Itau, não tem discurso político original e capacitado para promover sua consagração nas urnas. Se isto, se acontecer será trabalho exclusivo da grande e corrupta mídia, associada aos sonegadores e empresários inescrupulosos. Mas como essa classe é a que hoje predomina na política e na economia nacional, tenho que as possibilidades de sucesso são grandes.

Dizem que se eleita ela, sentiremos saudades do era Collor...

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Schell
Schell

De que vive essa Marina?

De que vive essa Marina? Porque, trabalhar que é bom, nem pensar. E faz tempo que circula com desenvoltura sem desembolsar um tusta. Quem sustenta toda essa vidinha? Aliás, quem a patrocina e a mantém?

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Rui Ribeiro
Rui Ribeiro

Ela não pode revelar pois tem cláusula de confidencialidade

A Marina não vai revelar quem a sustenta, pois no contrato de sua sustentação existe a cláusula de confidencialidade.

Seu voto: Nenhum
imagem de alvaro f
alvaro f

A Democracia é o que mais importa.

Como pode um metido a intelectual querer a condenação de um inocente num processo político para limpar a processo democrático ? Isso é a barbárie, apoiar uma obcenidade de um processo viciado para condenar uma pessoa, que curiosamente é o maior lider político do país, queiira ele ou não, é de uma atrocidade manipuladora e ditatorial impressionante. Esse cara não está preocupado com DEMOCRACIA. Ou talvez o conceito de democracia seja outro, aquele das exceções, do estado de direitos que não passe de uma folha borrada de letras sem sentido e sem aplicação. Mais um detalhe : a margarina já fez alguma declaração sobre Mariana ou ainda continua muda ?

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de alvaro f
alvaro f

É a soma da tosca com o rude.

O pilantra que chama Lula de espertalhão não diz que a somatória dessas duas figuras não acrescentam em nada à proposta de um Brasil livre e soberano, muito pelo contrário, é colonialismo e submissão. Repare que promete nome de peso, porém completamente sem pudor, tipo o pai do rodriguinho rocha loures, para propor reforma política e previdenciária. Por que a margarina não começa a expor suas idéias sobre esses temas já ? A 'coisa' foi a favor da destruição da CLT, para beneficiar só os patrões, não esqueçam. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Marina SIlva é uma embusteira

Marina SIlva é uma embusteira oportunista. Objetivamente, onde estão suas credenciais para se candidatar à presidencia da República? Onde, quando foi líder de alguma coisa? Qual o seu ideário, fora o "murismo"? Qual a sua visão e projeção para um país com a complexidade do Brasil, agora agravada por uma crise profunda?

No que se refere a  Joaquim Barbosa : tem na atuação híper grotesca no Supremo, particularmente no show que deu no julgamento do mensalão, seu única referência. Não tem nenhum cacife para exercer tão complexo e vital cargo. 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

"Como cidadão torço para que

"Como cidadão torço para que os dois, Marina e Joaquim, estejam juntos, só não sei em que formato, quem encabeçando chapa. Ambos são exemplos eloquentes de pessoas desfavorecidas que abriram portas por meio da educação."

E continuou: "É um sinal oposto ao de Lula, que sempre passou a mensagem de que, se você for esperto, não precisa se educar. Que basta saber driblar. Isso não foi bom para o país."

Tempos atípicos vivenciamos! Só uma época no qual os desatinos se tornaram corriqueiros um sujeito dado como inteligente, um acadêmico de referência na sua área de atuação, ousaria emitir uma sentença tão absurda quanto desonesta como essa em destaque. Só a tresloucada paixão política negativa, ou seja, aquela que se move pela aversão, pela repulsa, por sentimentos que tangenciam o ódio e o desespero, pode explicá-la. 

Como cidadão que alega que é, deveria antes de tudo primar pela pudicícia. Dar como intencional, ou seja, premeditada, a miséria e a desdita de um ser humano - a falta de educação formal- como uma forma de esperteza, é bem própria para um canalha da pior espécie. 

Sei......A "esperteza" se inicia quando o desnaturado "planejou" nascer de uma família de miseráveis lá dos sertões abandonados do nordeste. Prossegue quando a mesma, já sem o cabeça(pai), alcoólatra, pendurada num pau-de-arara "arriba" para São Paulo, onde o "esperto" em vez de fazer uma faculdade e se tornar doutor, inicia, aos quinze anos a vida laboral. 

Na sequência, o "esperto" malandramente enfeitiça seus companheiros de jornada e se impõe como líder. E de "esperteza" em "esperteza" se torna líder não só da categoria de metalúrgicos, mas de toda a classe trabalhadora do país. Tudo isso sem nenhum mérito, apenas a cavilação própria de uma personalidade lombrosiana.

A partir daí a história é de conhecimento geral: analfabeto funcional por pura "estratégia" existencial, funda um partido após encantar meio-mundo da academia e se tornar um maiores líderes políticos do país e do Mundo. Mundo este, coitado!, que também se rendeu à sua "malandragem" e a "esperteza". 

Li(desde que foi lançado)e tenho na minha biblioteca um dos livros mais conhecidos desse intelectual malandro(sem aspas) - AUTOENGANO. Agora mesmo darei baixa no mesmo e o remeterei para a lata do lixo. 

Vingança pueril, mas é a única em mãos para demonstrar o meu desprezo por quem não respeita a inteligência alheia.

 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Voto

Se Marina for a única candidata, voto em branco. E faço campanha nesse sentido.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Momento Hariovaldo

Calma genteeeeee

Essa seção é a página de humor (negro!) do blog.

Osmarina e Kim são a chapa zero. É a soma do nada com nenhuma coisa

O bordão de campanha será: "Os mininu pobri que vão mudá do Brasil" 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Elizabeth Pretel
Elizabeth Pretel

É, a torcida tá grande para

É, a torcida tá grande para que ocorra a condenação de Lula, nem disfarçam mais, é muita falta de caráter.  Mas que seria muito bom de ver o "dócil Joaquim e a "santinha" marina convivendo "harmônicamente" (rsssssss) Isso seria. Um iria querer mandar e aparecer mais que o outro. Viiiiiiigi não vai prestar.  

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Deus que nos livre. . .

Deus que nos livre de ter Marina Silva na presidência da república, esse misto de "fada das matas" com curupira. A melhor definição para Marina é a que os mineiros dão para certas pessoas, com um bom eufemismo: "bobinha", pessoa que se acha esperta, mas é enganada por todos, em sua última campanha assumiu uma idéia dos canavieiros do estado de São Paulo, de que deveria criar um PROALCOOL II, isso numa época em que o Brasil é praticamente autosuficiente em petróleo e que os preços desse produto estão estagnados no mercado mundial e sem previsão de alta, sem contar que terras roxas de alta fertilidade dos estados de São Paulo e do Paraná estarem ocupadas com cana de açúcar, quando deveriam estar produzindo grãos.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"A história da humanidade é a história das lutas de classes". Karl Marx

imagem de Franbeze
Franbeze

A tartaruga sem casco

se acha inteligente. Não passa de uma hipócrita oportunista. O meu volto nunca terás. Sem Lula, o meu voto será para o PCO ou nulo.

 

Seu voto: Nenhum (9 votos)
imagem de thiago del bel
thiago del bel

filósofo? que nojo!

filósofo? que nojo!

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de James  Gressler
James Gressler

bb

Nada disso ! DILETANTE !

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Mesma lama

Sei que é tudo parte da mesma lama, mas, ao menos em termos formais e nominais, não confundam Gianetti com Gianotti.

A confusão é compreensível. É a mesma coisa que Geisy Hoffmann e Gleisi Arruda. É gente confundível porque é absolutamente da mesma estatura moral.

Seu voto: Nenhum
imagem de Haroldo Cantanhede
Haroldo Cantanhede

Devemos agradecer?

E devemos agradecer pela oportunidade que nos darão o Itaú e o sr. Gianetti de 'fugirmos da discussão burra'? E de onde tirou este senhor a certeza - ou mera noção que seja - de que fugiremos disso; fugiremos sim, mas de candidaturas turbinadas por bancos, disso tentaremos fugir. O que este senhor diz é de uma burrice indizível.

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Walter Bom Braga
Walter Bom Braga

O Brasil virou um anto de

O Brasil virou um anto de conspiradores. O desgraçado não tem vergonha de dizer que o as eleições em Lula é melhor para o país? Onde está a democracia? Onde está a noção de que a justiça não pode interferir na domocracia por interesses políticos? O povo tem que dar um respostas para esses cretinos que acham que sabe o que é melhor para o país.

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Post publicado aqui no GGN no

Post publicado aqui no GGN no dia 21/09/2016.

Mais esclarecedor impossível.

 

Lula também será vítima do "julgamento político", por Guilherme Scalzilli

O Jornal de todos Brasis

Lula também será vítima do "julgamento político", por Guilherme Scalzilli GUILHERME SCALZILLIQUA, 21/09/2016 - 09:42

por Guilherme Scalzilli

Publicado no Brasil 247

Jamais existiu a menor perspectiva de Lula ser tratado com isenção nos processos da Lava Jato. Sua condenação em primeiro grau é tão óbvia quanto o viés antipetista do Judiciário. "Não temos provas cabais, mas temos convicção", o mote da denuncia feita pelo Ministério Público, resume perfeitamente essa tendência.

A frase representa mais do que uma confissão metodológica dos procuradores. É um elo intertextual entre a retórica legitimadora do golpe parlamentar contra Dilma Rousseff e as condenações de petistas no STF pelo “mensalão”. A mensagem, nua e crua: julgamentos políticos dispensam provas.

Quem conhece um pouco do meio já percebeu que as acusações contra Lula são típicas de processos frágeis, desses que o coronelato usa para sumir com desafetos. É fácil identificar o estratagema, no viés interpretativo, nos delatores confessos, nos elementos materiais irrisórios, no jogo de suposições gratuitas, nos sigilos traiçoeiros.

Nada disso importa, pois a inocência de Lula deixou de ser uma possibilidade. Palavra contra palavra, emails com apelidos, rabiscos em agendas e está formado o “conjunto substancial de evidências” de que Sérgio Moro necessita, mais do que nunca forçado a evitar a desmoralização dos colegas procuradores. E a tese do “domínio do fato” fará sua reaparição espetacular diante da massa ignóbil.

Ainda que não perca seus direitos políticos, Lula passará inúmeros constrangimentos, entre interrogatórios, detenções e solturas, sob o festim da escandalolatria midiática. E os especialistas de sempre, ignorando questões técnicas rudimentares, ajudarão a validar a ideia de que provas são irrelevantes quando se tem “convicção”.

Em qualquer momento futuro, alguma corte superior absolverá Lula das principais acusações. “A tempo” de ele retomar uma carreira que todos saberão inviável. E os desembargadores, ou ministros, num teatro de isenção hipócrita, bradarão contra as injustiças aplicadas ao combalido e desmoralizado ex-presidente.

Para aplacar o escândalo formado pela absolvição, o STF centrará fogo na imaturidade dos procuradores e na condescendência de Rodrigo Janot, ressuscitando aquelas irregularidades de Sérgio Moro e da PF que passaram incólumes. E a operação será desfeita aos poucos, no decorrer dos anos, cumprindo seu roteiro original.

Não é correto imaginar, portanto, que a falta de provas robustas favorecerá Lula. Muito pelo contrário. Primeiro porque elas nunca impediram a predisposição condenatória das cortes. Segundo, e mais importante, porque fornecem um pretexto para que a cúpula do Judiciário preserve sua própria reputação, quando o sacrifício do petista for completado.

Gostaria de imaginar que protestos e debates virtuais podem reverter esse quadro, mas desconfio que é exatamente a radicalização do lulismo que os justiceiros mais desejam. A saída parece residir numa mobilização oriunda do próprio campo jurídico, local ou internacional, enquanto alguém ainda fica perplexo com a insanidade e o arbítrio.

http://guilhermescalzilli.blogspot.com.br/2016/09/lula-tambem-sera-vitima-do-julgamento.html

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

(Sem título)

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de jossimar
jossimar

Se esta mulher ganhasse a

Se esta mulher ganhasse a eleição seria pior para o Brasil do que o Temer. Quando você vê quem são os paoiadores desta triste figura e o "guru" dela, dá pena de pensar no brasil sob um governo deste.

Só bandidos querem afastar o Lula, isto é uma prova CABAL de que o Lula não é ladrão.

Seu voto: Nenhum (11 votos)

Tristes figuras

Não conseguem esconder a alegria com a condenação de Lula. Lula nunca disse ou deixou transparecer que o estudo não seria importante. Ele deixa claro que a educação formal é importante, como viu-se com as criações de programas para estudantes pobres e o bolsa familia, criação de mais universidades e escolas técnicas, mas ele, mais que ninguém, sabe que soh um "canudo" não é suficiente, que soh decorar apostilas para passar em concurso publico não faz de um juiz ou procurador de justiça melhor pessoas que uma pessoa analfabeta ou pouco escolarizada. Enfim, Joaquim Barbosa e Marina são tristes figuras da paisagem politica nacional. Gianetti talvez acredite nas historias criadas para dividir ainda mais a sociedade brasileira, mas sabemos bem o que esses gurus esperam das grandes campanhas eleitorais.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Luciano Lira
Luciano Lira

Se o Tribunal manter aquela

Se o Tribunal manter aquela aberração do Moro os desembargadores vão jogar seus conhecimentos jurídicos na lama da história. De quem que respeite a constituição e a justiça vai querer manter uma decisão dessa...

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Um cretino oportunista. A

Um cretino oportunista. A unica vantagem dele é que nao tem a habilidade minima para disfarcar seu oportunismo e cretinismo quando fala em entrevista. Fica tudo exposto na cara do leitor que, se tiver apenas 3 neurônios funcionando, consegue entender a dimensão da fraude que é o marinismo e esse seu porta-voz.

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Sonhatismo

A visão que esse economista tem da política é algo similar a refrigerante: excesso de gás e xarope de açúcar.

Petismo e antipetismo não são traços políticos carreados por candidatos potenciais; são fenômenos da política brasileira contemporânea.

Querer ver o mundo em cor-de-rosa, como se não existissem as castas senhoriais, a lógica do privilégio e a injustiça estrutural só pode ser fantasia da cabeça dessa gente marinista que vive no mundo da lua. Esses caras não saíram dessa órbita distante e parece que não vão sair jamais. O lugar deles, definitivamente, é a estratosfera. Será que eles querem mesmo levar todo o eleitorado pra lá???...

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Provos Brasil
Provos Brasil

Eduardo Gianetti ... só mais um ...

Fico impressionado como esse senhor (Eduardo Gianetti) caiu no meu conceito ... o tinha lá em cima .... os livros que tinha (8) já dispensei todos ...

Como esse cara se submeteu aos ditames do poder, e sua cegueira intencionam começou a me dar ânsia ...

Triste fim dos intelectuais partidários ...

 

 

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Marina/Joaquim Barbosa ou Joaquim Barbosa/Marina?

Tanto faz...

O quadro de candidatos que já se apresenta para a próxima eleição presidencial (se houver) é tão "oxigenado" que sufoca.

Dizem  (os conspiradores, claro) que existem colônias de humanos em marte. Vou me inteirar disso. 

Mudando de planeta, talvez o TSE me libere da obrigação de votar.

E, cá pra nós, quanta torcida para que prendam o Lula, de olho nos seus eleitores cativos. Um pouquinho de solidariedade, de humanidade até que pegava bem, pelo menos para disfarçar (um pouco) a sordidez.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Opção de vida

Marina tornou-se uma serviçal dos banqueiros do Itaú.

Marta tornou-se cúmplice de Temer e Aécio.

Conclusão: os seres humanos são capazes de se transformar em qualquer idade.

Seu voto: Nenhum (10 votos)

O "guru" filosofo vai ser

O "guru" filosofo vai ser tambem guru do Joaquim Barbosa?  Só vendo Barbosa com vinte anos de cursos no exterior, presumivelmente pagos pelo Estado brasileiro,  ouvir predicas polticamente corretas do Giannetti, é muito zen para

o intratavel Barbosa, juntando os tres, Marina, Barbosa e Giannetti não há experiencia acumulada em administração para

gerir uma mini-padaria. E tem gente que leba isso a sério, como a Neca Setubal, que tem esse hobby para se distrair.

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de Junior 5 Estrelas
Junior 5 Estrelas

Taí André,e eu que pensei

Taí André,e eu que pensei nunca concordar com uma avaliação sua.Porém,sejamos mais contundentes.Giannetti da Fonseca é um idiota que quer aparecer,desde que me entendo por gente ele está a procura de uma boquinha.Joaquim Barbosa,um sociopata em seu estado mais puro.Osmarina Silva uma lunatica,se duvidar,uma Bolsonaro de saia.Acho eu,que assim fica melhor.

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de André élebê
André élebê

  Neca Setúbal leva a sério

  Neca Setúbal leva a sério ou é "oficial de ligação" dos terroristas financeiros do Itaú? 

  Marina, a fada da floresta, falar em "autonomia do BC" - e o Itaú divulgar a marca "Rede" por tempos antes do surgimento do partido, para mim são fatos de inegável relação. Não nasci ontem.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.