Revista GGN

Assine

Investigado no Caso Alstom, conselheiro do TCE coloca à venda casa de praia de R$ 7 milhões

Do Estadão

 
Promotores suspeitam que conselheiro do TCE tenta se desfazer de bens para evitar eventual pedido de bloqueio judicial
 
Fausto Macedo e Fernando Gallo
 
São Paulo - O conselheiro do Tribunal de Contas do Estado (TCE) Robson Marinho colocou à venda por R$ 7 milhões uma casa na praia Domingos Dias, em Ubatuba, litoral Norte de São Paulo. Investigadores que reúnem provas do envolvimento do ex-chefe da Casa Civil do governo Mário Covas (PSDB) no caso Alstom suspeitam que ele está tentando se desfazer de bens para evitar eventual pedido de bloqueio.
 
A promotoria quer o afastamento de Marinho de suas funções no TCE sob a alegação de que o conselheiro recebeu propinas da multinacional francesa entre 1998 e 2002.
 
A informação sobre a venda do imóvel em terreno de 2.300 metros quadrados foi revelada nesta quinta-feira, 22,pelo Jornal Nacional, da TV Globo.
 
Marinho possui outros bens valiosos, além da casa de Ubatuba, como a Ilha de Araçatiba, com 63 mil metros quadrados, em Paraty, no Rio de Janeiro. A propriedade tem casa com nove suítes, quadra esportiva e heliponto.
 
A evolução patrimonial do conselheiro é rastreada pela promotoria. O TCE enviou aos promotores cópia da declaração de rendas do conselheiro referente a 2013. A promotoria pediu informações sobre outros exercícios para fazer a comparação.
 
Quando todos os dados patrimoniais do conselheiro forem coletados, peritos do Centro de Acompanhamento e Execução (Caex) - braço do Ministério Público - irão preparar laudo específico com avaliação de cada bem. Os promotores querem confrontar o patrimônio declarado de Marinho com a renda - o holerite dele no TCE, onde atua há 17 anos, é de R$ 30 mil.
 
O conselheiro está com US$ 1,1 milhão congelado na Suíça desde 2010, quando a Promotoria de Defesa do Patrimônio Público ingressou com ação cautelar de sequestro perante a 13.ª Vara da Fazenda Pública da Capital.
 
Marinho é suspeito de ter recebido propinas da Alstom no fechamento do aditivo X do projeto Gisel, para fornecimento de estações de energia em São Paulo, em 1998. O contrato foi assinado pela Alstom/Cegelec com a Eletropaulo/EPTE (Empresa Paulista de Transmissão de Energia), então controladas pelo governo paulista.
 
A defesa de Marinho afirma que seu patrimônio é compatível com a renda. O criminalista Celso Vilardi, advogado do conselheiro, vai alegar à Justiça que são nulas as provas da promotoria. 

 

Média: 3 (4 votos)
8 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Alessandroaf
Alessandroaf

Nào dá em nada

É do PSDB?

Não dá em nda.

Vamos ao próximo assunto.

Seu voto: Nenhum

A mídia precisa enfiar o dedo no botão dos "indignados"

Kd o João Revolta de plantão na "TV Revolta", ah tá esperando algum jornalista por o dedinho no botão dele, ai ele sai pulando doido de raiva. Essa roubalheira na casa dos bilhões de reias ficou debaixo do tapete por todo esse tempo, isso é fruto dessa imprensa que blinda os amigos do peito pq tem que inventar mentiras e tramar contra seus opositores, gente, olha só no que deu a omissão do legislativo em por ordem nessa zorra chamada meios de comunicação, um pais estrangeiro,no caso a Suiça, teve que colocar essa roubalheira na pauta da imprensa e olha lá que até agora somente empresários estão sendo processados, kd os agentes publicos envolvidos no caso, exceto esse conselheiro, ah estou me esquecendo, não são petistas

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

custo marinho

Quanto Marinho custa ao TCE só em explicações, e qual o benefício de mante-lo no cargo?

Se a Globo gastou para uma equipe ir a Ubatuba filmar a casa dele é sinal que a casa caiu.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de anarquista sério
anarquista sério

         Não dá pra entender.

 

       Não dá pra entender. Isso é pra resolver em dois palitos:

       O sr ganha x e seu patrimônio é 100 ou mais vezes maior.

        Poderia nos explicar que engenharia financeira é essa?

          Algema o cara enquanto ele reflete na cadeia.

              Sonho com um país simples assim.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Daytona
Daytona

Grande Mário Covas, Marinho é

Grande Mário Covas, Marinho é o símbolo do que foi seu governo, um dos mais corruptos da história do Brasil!

Seu voto: Nenhum (7 votos)

E o mais violento com os

E o mais violento com os professores!

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de evandro condé de lima
evandro condé de lima

Interessante, se este

Interessante, se este indivíduo possui esta lista de bens apenas com emprego público (QI, bem entendido), vou começar batalhar o meu quinhão. E não deixa de ser uma indicação à receita para um pesquisa sobre os bens desses conselheiros e juízes dos TC Brasil afora.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de maria rodrigues
maria rodrigues

Pela notícia das televisões

Pela notícia das televisões de ontem, o salário de Marinho é pouco mais de vinte e seis mil. Isso não pode ser verdade, em absoluto. Eu sei, com certeza, que ministros de tribunais de contas do Brasil percebem mil vezes mais que isso, como tem salários vultosos os funcionários das Cortes, em geral. De repente, o homem tem mesmo capacidade financeira para ser proprietário das casas. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de CB
CB

O PIG já arranjou seu boi de

O PIG já arranjou seu boi de piranha no Alstomgate.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.