Revista GGN

Assine

IstoÉ deixa escapar que publicitário de Temer está em lista de propinas

Jornal GGN - Na mesma edição em que ataca a senadora e presidente nacional do PT Gleisi Hoffmann, IstoÉ deixou passar quase que despercebida a relação entre o irmão do publicitário de Michel Temer, que agora também trabalha para o governo federal, e a suposta lista de propinas da Odebrecht.

A revista publicou um pequeno trecho de uma planilha que está em posse da Polícia Federal e teria sido retirada de documentos apreendidos no "setor de operações estruturadas" da Odebrecht, que a grande mídia batizou de "departamento da propina".

No trecho, IstoÉ quis destacar o nome de Gustavo Pereira Oliveira, um publicitário que teria recebido repasses da Odebrecht referentes à campanha de 2014 para um político com o codinome "Coxa", que a PF acredita que seja Gleisi.

Mas logo abaixo de Gustavo Pereira aparece outro Gustavo com o sobrenome Mouco, irmão de Elsinho Mouco, publicitário de Temer. Também aparece na lista o nome da empresa Calia, que pertence a Gustavo Mouco.

No mês passado, Lauro Jardim informou que a agência Calia venceu uma licitação milionária do governo federal. Ela e outras duas empresas foram contratas pela Secretaria de Comunicação da Presidência por 5 anos, ao custo de R$ 208 milhões.

Média: 4.8 (8 votos)
4 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Mauro de Oliveira
Mauro de Oliveira

Comentários

Incrível como uns conseguem, falando de repolho, citam o PT. Cheira a falta de foco ... Outra coisa: ninguém chuta cachorro morto ...

Comentários saudáveis devem ser isentos, senão vai-se na mesmice de algumas mídias que apresentam a notícia,comentam e dão veredito ...

Seu voto: Nenhum
imagem de aleminas
aleminas

Tem gente que lê a "QuantoÉ"?

Nossa que perda de tempo ...

Seu voto: Nenhum

"deixa escapar"

Sinceramente não entendi esse Época "deixa escapar". Época é Globo. Lauro Hardim é Globo. Globo não apóia Temer (desde caso JBS). Portanto, qual a surpresa em Época publicar algo contra Temer ? Além disso, Globo "não deixa escapar" nada inadvertidamente. É sempre método. Além disso, semanticamente, o termo não é apropriado. Deixa-se escapar alguma coisa em se tratando de linguagem oral e não escrita, onde obviamente ten-se o tempo necessário para correções. Essa é a prova que Época nã publicou o fato por descuido.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

É a revista IstoÉ, não Época.

É a revista IstoÉ, não Época.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Propina segundo o dicionário

Propina segundo o dicionário golpista da lígua portuguesa é todo e qualquer recurso que entre nas contas do Partido dos Trabalhadores e de seus filiados/militantes.

Como o citado,além de não ser do referido partido é amigo do golpista ocupante do Palácio do Planalto,parece óbvio que não trata-se de propina.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.