Revista GGN

Assine

Lava Jato: 1ª condenação envolve supostos desvios para PSDB, PP e PSB

Mas sem citar partidos ou políticos, Sergio Moro preocupou-se com o caminho do dinheiro depois de desviado
 
 
Jornal GGN - O juiz Sergio Moro condenou os primeiros réus da Operação Lava Jato: o doleiro Alberto Youssef e o ex-diretor de abastecimento da Petrobras, Paulo Roberto Costa, indicado pelo PP na diretoria que repassava propina ao partido e ao PMDB [1]. O caso julgado refere-se ao superfaturamento e desvio de dinheiro na refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco. 
 
Em depoimentos de delação premiada, Youssef afirmou que as propinas nos contratos da refinaria em Pernambuco foram repassadas a três partidos: PSDB, PP e PSB. Nenhum dos nomes apontados pelo doleiro - o senador Ciro Nogueira (PP-PI), o deputado federal Eduardo da Fonte (PP-PE), além dos falecidos ex-governador Eduardo Campos (PSB) e o ex-presidente do PSDB Sérgio Guerra - foram julgados com a primeira condenação.
 
Isso porque a ação penal não se concentra no superfaturamento das obras, mas no esquema de lavagem de dinheiro e operações financeiras realizadas com esses desvios [2]. Sergio Moro preocupou-se, nessa primeira condenação, com o caminho do dinheiro depois de desviado.
 
A sentença foi proferida na tarde desta quarta-feira (22). O caso, entretanto, teve pouca repercussão na imprensa nacional, que divulgou notas semelhantes ao comunicado da assessoria de imprensa da Justiça Federal do Paraná. Tomou mais espaço e manchetes um vídeo que ocasionou a prisão da cunhada do ex-tesoureiro do PT João Vaccari, do que a primeira condenação da Lava Jato.
 
Na capa da edição desta quinta-feira (23), a Folha destaca: "Petrobras registra prejuízo de R$ 22 bi; corrupção tira R$ 6 bi". Em segundo plano, dá a notícia: "1ª condenação da Lava Jato atinge doleiro e ex-diretor", em reportagem que não cita o envolvimento de nenhum partido.
 
Além de Youssef e Costa, seis intermediadores do esquema de corrupção foram condenados: Márcio Andrade Bonilho, Waldomiro de Oliveira, Leonardo Meirelles, Leandro Meirelles, Pedro Argese Júnior e Esdra de Arantes Ferreira. Juntos, trabalharam em desvios do Consórcio à empresa MO Consultoria, que somou mais de R$ 18 milhóes, entre 2009 e 2012.
 
Com essa ação penal julgada, Youssef deve cumprir 3 anos em regime fechado, e Paulo Roberto Costa foi condenado a um ano de prisão domiciliar. As penas inferiores resultaram dos acordos de delação premiada com o Ministério Público Federal. Ambos são réus em outros processos da Lava Jato que ainda não foram concluídos. 
 
Leonardo Meirelles foi sócio de Youssef, dono da Labogen no papel, empresa laranja usada para enviar até US$ 140 milhões ao exterior por meio de importações fictícias. Ganhava comissão de 1% em cima das remessas. Meirelles foi quem denunciou o ex-presidente do PSDB, Sérgio Guerra, e outro parlamentar tucano do Paraná como envolvidos também na Lava Jato, recebendo dinheiro do esquema. Em entrevista à Folha em fevereiro deste ano, Meirelles disse que Youssef era um "doleiro federal, com poderes em ministérios". Também denunciou o PP, que tinha uma grande dívida com o doleiro, quantia esta usada na campanha de 2010. Leonardo cumprirá 5 anos, seis meses e vinte dias de reclusão em regime semiaberto.
 
Seu irmão, Leandro Meirelles, também foi condenado a 6 anos e oito meses em semiaberto. Era sócio do laboratório Labogen, teria atuado como auxiliar de Leonardo na evasão de divisas. Além deles, Esdra de Arantes Ferreira, sócio e diretor da Labogen, foi condenado a 4 anos, cinco meses e dez dias de prisão, também em semiaberto.
 
Márcio Andrade Bonilho, sócio responsável pela administração da importadora Sanko-Sider, admitiu ter pago pelo menos R$ 33 milhões em comissão a Alberto Youssef, para intermediar negócios de sua empresa com grandes construtoras, como Camargo Corrêa, UTC, OAS e Odebrecht. Foi condenado a 11 anos e seis meses de reclusão em regime fechado.
 
Waldomiro de Oliveira foi apontado como laranja de Youssef na MO Consultoria, empresa que mediou o repasse de propina da Sanko-Sider. Ele recebeu pena de 11 anos e seis meses em regime fechado.
 
Pedro Argese Júnior fazia a ponte para a remessa ao exterior. Foi condenado como o operador de propinas, atuava na gestão da empresa Piroquímica para a execução de evasão de divisas, recebendo um porcentual sobre os contratos. Condenado a 4 anos, cinco meses e dez dias de reclusão em semiaberto.
 
***
[1] Infográfico produzido pelo MPF:
 
 
[2] Leia, abaixo, a sentença completa do juiz Sergio Moro:
Média: 4 (8 votos)
23 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Nádia Ramos
Nádia Ramos

#ExplicaMoroPorqueSoPT#DesaTU

#ExplicaMoroPorqueSoPT#DesaTUCANAMoro#NãoAInvestigaçãoSeletiva#PSDBeDEMTodosSoltos #InvestigaçãoAoMoro#ForaMoro #ForaGloboGolpista #ForaCunha#NãoAoGolpe#ImpítimanÉMeuZovo#DilmaMeRepresenta

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de revenger
revenger

"outro parlamentar tucano do

"outro parlamentar tucano do Paraná..." (?)!!!

 

Ninguém vai querer saber quem é?

 

É o fim da picada!!!

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de rosenvald flavio barbosa
rosenvald flavio barbosa

outra pergunta:

sou leigo, gostaria de saber o seguinte:

se a sede da Petrobras é no Rio de Janeiro, e grande parte do rolão refere-se à Refinaria construida em Pernambuco, porque é um juiz de Curitiba-PR, que abraçou a bronca????

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Mário SF Alves
Mário SF Alves

A resposta pode ser

A resposta pode ser encontrada a partir do bi-delator e bi-premiado Youssef, que é lá das bandas do Sul, e tabém um velho conhecido do Moro.

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de rosenvald flavio barbosa
rosenvald flavio barbosa

pergunta.......

uma pergunta :

o MPF vai fazer um infográfico sobre a operação Zelotes????

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Jaide
Jaide

Infográfico da Zelotes? Não

Infográfico da Zelotes?

Não tenho essa esperança.

Ainda espero um Infográfico da Lava Jato com uma setinha no final apontando pra "propinas - políticos - PSDB". Se não fizerem, não tem impeachment, mas outro tipo de "fora Dilma". Mais abrangente ...

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Lava Jato - Limpeza? Claro que não: é só interesse.

Todo esse movimento de "limpeza", com o envolvimento da imprensa e do "justiceiro" Moro, agora engrandecido e rotulado como heroi é, novamente, uma bela história para estampar manchetes de primeira página. Realmente, a mídia precisa desses personagens para ilustrar a manipulação da realidade. Como precisou do Barbosa, do Genoíno, do Dirceu. Criou o enredo e costurou muito bem o roteiro da trama, criando o cenário com bandidos e mocinhos justapostos.

E pensar que tudo aquilo que se levanta de podre com a Lava Jato poderia servir para um fim muito mais nobre e proveitoso, que seria realmente a investigação a fundo da corrupção, da defesa da Democracia e dos princípios constitucionais. Doce ilusão.

Os midiotas até acham que isso é isso que está sendo feito, e incensam o Moro. Mas somente porque percebem que até agora só ouviram o PT associado à Lava Jato. Mas será porque é só o PT envolvido? Não, claro que não. Há outros partidos tão envolvidos quanto: é porque a imprensa só se interessa em expôr uma sigla e omitir as outras. Simples assim.

Pois é: tudo não passa de movimentos que, muito bem orquestrados, têm como fim isolar o PT, somente. Tudo motivado apenas pela sanha anti-petista patológica e diuturna.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"O jornal de ontem mentiu. O de hoje está mentindo. O de amanhã não será mais verossímil."

Muito bem!

Assino embaixo!

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Claudio.SJ
Claudio.SJ

Era uma vez um PT

PT, PT...bem feito por ter entrado no esquema de corrupção....Vai pagar muito caro por isso.

O PT quando era um partido de verdade não precisava de propina para sobreviver. Seus militantes arrecadavam dinheiro com a venda de material (camisetas, broches, rifas, quermesses, etc..)

Depois que entrou no esquema de outros partidos, o PT perdeu sua identidade. Acabou.....

Seu voto: Nenhum (9 votos)

Êpa, quem arrecada dinheiro

Êpa, quem arrecada dinheiro em Quermesse é o psdb. 

Seu voto: Nenhum (10 votos)

O PT continua grande e

O PT continua grande e crescendo mais.

É o maior partido d Brasil.

Deseja quye ele acabe sertá agir contra o povo.

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Antonio Lyra Filho

imagem de Dimas Jayme Trindade
Dimas Jayme Trindade

Voces continuam acreditando

Voces continuam acreditando numa ilusão. Não tem representantes no parlamento com capacidade para defender o governo, não tem fibra para usar os poderes dos cargos que ocupa para levantar obstáculos ao avanço da direita e sequer militância para defender seu governo na rua.

Não é desejo de vê-lo destruido; muito pelo contrário, é apenas a constatação de uma realidade que voces fazem questão de não ver. Infelizmente, o PT não só será desconstruído como seu desmoronamento deverá arrastar toda a esquerda consigo. Ou seja, o mal não o atingirá particularmente e isto é indesculpavel.

 

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Dimas Jayme Trindade
Dimas Jayme Trindade

Voces continuam acreditando

Voces continuam acreditando numa ilusão. Não tem representantes no parlamento com capacidade para defender o governo, não tem fibra para usar os poderes dos cargos que ocupa para levantar obstáculos ao avanço da direita e sequer militância para defender seu governo na rua.

Não é desejo de vê-lo destruido; muito pelo contrário, é apenas a constatação de uma realidade que voces fazem questão de não ver. Infelizmente, o PT não só será desconstruído como seu desmoronamento deverá arrastar toda a esquerda consigo. Ou seja, o mal não o atingirá particularmente e isto é indesculpavel.

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"Meirelles foi quem denunciou

"Meirelles foi quem denunciou o ex-presidente do PSDB, Sérgio Guerra, e outro parlamentar tucano do Paraná como envolvidos também na Lava Jato"

Fala sério. Outro parlamentar tucano do Paraná. Quem seria ele? Mesmo partido do Botox e mesmo estado. Tem ainda o Sérgio Guerra que foi delatado por receber 10 milhões pra sair da CPI. Ele e quem mais?

O Álvaro Botox sair ileso nessa lavajato é o fim da picada. Devia ser investigada as ligações desse Moro com o Botox. Tem algo muito estranho nisso.

 

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de PauloBR
PauloBR

Primeira e por uma boa razão

A primeira condenação saiu agora (com PSDB e PSB - Campos e Guerra) para ser rapidamente esquecida. Só por isso.

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Interessante, Campos foi

Interessante, Campos foi acusado de receber 20 milhoes.

Ele morreu, tudo bem.

Mas e a família dele, por que não teve seus sigilos quebrados ? Por que não estão sendo investigados ?

Seu voto: Nenhum (18 votos)

O envolvimento do PSDB e PSB

O envolvimento do PSDB e PSB com atos de corrupção de Paulo Roberto Costa é bem maior que 20 milhões. A que preço foi feita a aliança com 21 partidos em Pernambuco nas últimas eleições, onde o PSB fez barba, cabelo e bigode e pela primeira vez o PT não elegeu nenhum candidato a deputado federal e apenas 3 deputados estadual? 

Seu voto: Nenhum (14 votos)

webster franklin

Uai, por que não era

PT!

Seu voto: Nenhum (10 votos)

Como diria o Gilmar Dantas do STF:

sendo do PSB não tem DNA de ladrão/corrupto.

Simples assim (no caso do G. Dantas não é tão simples assim por que ele explica tudo isto em alemão).

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Jaide
Jaide

Boa pergunta. A família, o

Boa pergunta.

A família, o partido. Todos saem dessa limpíssimos. Imagino que se beneficiaram desse e de outros "malfeitos".

E ainda tem o avião,  aliás,  dois aviões. 

E os processos na justiça pernambucana?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Claramente, o partido só é explicitado quando a sigla é

PT. Quando a sigla é diferente, da-se um jeitinho para só dar os nomes das pessoas, se possível falecidas.

Um engana-trouxa que funciona muito bem para um grande parcela da tal "classe media" que se acha mais culta e preparada que o resto, chamado povão.

Tempos difíceis para um membro da tal  "classe media" que não vê globo nem lê abril/folha/estadão, mas tem alguma cultura histórica e experiência com negócios.

Fazer o que?

Seu voto: Nenhum (15 votos)

Esses condenados, pelo crime

Esses condenados, pelo crime lesa pátria que cometeram, deveriam ter uma pena bem maior. Mas teremos essas penas aplicadas quando os condenados, com comprovação ou não, forem acusados de desvios para o PT.

O juiz Moro pode enganar a imprensa brasileira e seu coxinhas amestrados. Comigo não, violão.

Seu voto: Nenhum (16 votos)

Vera Lucia Venturini

imagem de naldo
naldo

Pois é vi o video da

Pois é vi o video da trepidante e perigosa senhora presa pela vaza-à-jato.

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de Jaide
Jaide

A senhora presa foi liberada.

A senhora presa foi liberada. Houve, ao que parece, um equívoco, uma lambança (seg. o 247). Tudo indica que não era ela que apareceu   em vídeo fazendo depósitos em caixa eletrônico do Itaú (fato determinante de sua prisão) na conta da sua irmã, esposa do Vacari.  A pessoa no vídeo era mesmo a titular da conta, que afirmara isso antes, contrariando o Dr. Moro.

Muito destaque no noticiário para a prisão. Constrangimento e danos morais assegurados. E agora? 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.