newsletter

Assinar

Maierovitch: Quando o jornalismo respeitará a vida privada?

por Walter Fanganiello Maierovitch

em seu Facebook

QUANDO ME ENVERGONHO DO MEU PAÍS. A vida privada deveria ser respeitada no jornalismo. Fora não interessar a uma pessoa civilizado saber quantas caixas de bebida alguém leva para a casa de campo. A chave de leitura que faço é tratar-se de matéria para insinuar ser alguém chegado numa cachaça.

Da Folha

Lula enviou 37 caixas de bebida a sítio, diz 'Veja'

Mais de 200 caixas com objetos da família do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva foram levadas por uma transportadora para o sítio em Atibaia (SP) frequentado por Lula e seus parentes, após o final do segundo mandato do petista, segundo reportagem publicada no site da revista "Veja" na sexta (12).

A publicação aponta que 37 dessas caixas foram usadas para o transporte de bebidas, de acordo com notas fiscais e ordens de serviço de uma das transportadoras contratadas pelo governo federal para fazer a mudança da família de Lula no início 2011.

O sítio em Atibaia está registrado em nome de sócios de um dos filhos de Lula, mas a força-tarefa da Operação Lava Jato investiga se o ex-presidente é o dono de fato da propriedade. Lula diz que usa o imóvel dos amigos para descanso em fins de semana.

 

Média: 4.3 (17 votos)

Recomendamos para você

26 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Rapha
Rapha

Pelo que entendi, foram

Pelo que entendi, foram contratados pelo governo federal. Nesse caso tudo tem que ser público.

Seu voto: Nenhum

Meu sogro, de 76 anos, que

Meu sogro, de 76 anos, que durante a ditadura tinha uma banca de jornais em Brasília e chegou a vender figurinhas para um pequeno rapaz da vizinhança chamado Honestino Guimarães, jamais sintoniza a televisão na Globo. Nunca. Jamais. Pode estar acabando o mundo, e só a Globo está transmitindo, que ele não coloca a TV na Globo. Eu compreendia e simpatizava, mas achava que já era exagero. "Mania de "velho", pensava. Até, porque diferentemente de veículos como a Veja, Estadão, que não disfaçam seus vínculos com setores reacionários, a Globo e a Folha de São Paulo, dependendo para onde o vento sopra, vira e mexe ainda aborda alguma pauta progressista/inclusiva.

Mas, agora que estou presenciando todo esse massacare midiático vil, sórdido, rasteiro e obsessivo contra apenas um homem simples, de origem operária, perpetrado principalmente pela Globo e pela Folha, em cumplicidade com setores da oposição no judiciário, eu juro que jamais gastarei um único segundo sequer lendo o que quer saia dessas empresas. Absolutamente NADA de bom pode vir dessas empresas. Meu sogro, que passou boa parte de sua vida lidando com revistas e jornais, tinha razão.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

É fácil livrar-se das responsabilidades. Difícil é escapar das consequências por ter-se livrados delas. (Graciliano Ramos)

imagem de francisco da silva
francisco da silva

ex-petista

Concordo com você, a partir de agora o PT deve boicotar a midia "golpista" e proibir todos os membros do PT de dar entrevista para a Globo. Viu, é fácil resolver. Se acha que a emissora não presta, não dê depoimento ou responda perguntas de seus reporteres. Ah!!! Mas quando é do interesse do PT os petistas correm atrás da Globo para falar. Que hipocrisia dessa gente comunista, que só pensa em tirar dos que trabalham duro para dar migalhas aos pobres e ficar com o filé para eles. Vocês comunistas não enganam mais nem ao povo que recebe bolsa família. 

Seu voto: Nenhum
imagem de Aleandro Chavez
Aleandro Chavez

Investiga-se se o sítio

Investiga-se se o sítio pertence na verdade ao Lula. Assim, a notícia de que ele enviou caixas de sua mudança direto para o sítio é um fato relevante.

Seu voto: Nenhum
imagem de Paulo Ress2
Paulo Ress2

A mudança destas caixas foi

A mudança destas caixas foi um a ato adminstrativo realizado pela Presidência da Republica e portanto não há previsão de privacidade para ele. Pelo contrário, o princípio é da publicidade. que está definido no artigo 37 da Constituição Brasileira.

Art. 37. A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência e, também, ao seguinte: ...II - o acesso dos usuários a registros administrativos e a informações sobre atos de governo, observado o disposto no art. 5º, X e XXXIII;  

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Mas o jornalismo respeita a

Mas o jornalismo respeita a vida privada de Aécio Neves, que também gosta de beber, e de otras cositas más.

Aliás, seu amigo e parceiro Perrela também não teve sua vida vasculhada por conta de seu helicóptero com meia tonelada de pasta-base de cocaína. 

Seu voto: Nenhum (17 votos)
imagem de Antonio Bargas
Antonio Bargas

Uai, e como!

Respeita tanto que bota um jornalista como Juca Kfouri, que sequer cobre política, para fazer fofoca sobre uma agressão à namorada dele. Sem falar no outro jornalista paulista amigo do Serra, que detonou Aécio com um bem sugestiva coluna "Pó pará governador!"

Aliás, o mesmo Kfouri andou falando recentemente umas coisas feias sobre Lula e foi detonado por aqui como um fofoqueiro desprovido de caráter, mas ninguém reclamava da verve dele quando o alvo era Aécio..

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Uai, como compara um notório bebum

Uai, como comparar Aécio Neves, um notório bebum, que já foi flagrado embriagado varias vezes nas noites do "Baixo Leblon", também notório consumidor de cocaína, com o ex-presidente Lula?

Seu voto: Nenhum

Para certas "celebridades"

Para certas "celebridades" tem muita privacidade, FHC por exemplo não só teve o suposto filho fora do casamento simplesmente ignorado pela mídia, incluindo Veja, como a inconveniente amante recebeu uma "bolsa jornalista" para viver um exilio dourado na Europa. Realmente é de pirar o cabeção.

Seu voto: Nenhum (14 votos)

Srªs Senadoras e Srs. Senadores, a Transparência Internacional divulgou, nesta terça-feira, a classificação anual dos países mais corruptos do mundo, e a situação do Brasil, sob o império do “lulismo”, só piorou. Demóstenes Torres 08/10/2003

imagem de luiz fazza antonio
luiz fazza antonio

O "filho bastardo" de FHC

Sr. Célio Mendes, achei oportuna sua intervenção, pois em face de tudo que se sabe hoje sobre este filho bastardo "de araque", chego a pensar que tudo não passou de uma chantagem  muito bem urdida no escritório de Roberto Marinho na Vênus Platinada.

Parto do princípio de que, segundo relata o livro "O Quarto Poder", de PHA, não devem sobrar dúvidas de que Roberto Marinho "governou" o país nos 5 anos de José Sarney, como aliás confirmou ACM em resposta a um questionamento feito por PHA, afirmando "co-governou não, governou", pois bem, em seguida veio a agitada "era Collor", com um ditadorzinho eleito pela Globo, mas que logo deu sinais de rebeldia, quando quem o colocou no Planalto, deu um jeito de tirá-lo.

De Itamar Franco, ridicularizado à exaustão pela mídia paulista, não há que se falar em submissão aos desígnios de Roberto Marinho, mais não fosse, pela condução equilibrada no cargo aliada a uma popularidade crescente e um período relativamente curto, porém suficiente para se implantasse o Plano Real, mesmo com Serra contra e FHC tentando se apoderar de algo que não gestara.

Apoiado pelo plano que "dizia ser seu" e tendo o apoio descarado da mídia nacional, Globo à frente, no embate com Lula, FHC se elege e logo teve que "tomar a benção" da divindade Roberto Marinho e aí então, tal qual o escorpião da síndrome, Roberto Marinho passou a buscar uma maneira de ter domínio sobre "o Príncipe dos Sociólogos Brasileiros".

Solução simples foi plantar uma de suas jornalistas na cama do Príncipe, sabedor RM de que um certo Serjão sempre cuidou de arranjar "distração" para o amigo, inclusive no tempo do mesmo na chamada Câmara Alta e agora tudo seria mais fácil, bastava arquitetar um plano que não falhasse...uma gravidez que incomodasse!

Recentemente, li não me recordo onde, que vazado o segredo (de polichinelo!) do filho de FHC com a jornalista do RM, toda a grande mídia sabia do fato com detalhes, porém em nome do bom senso (provavelmente por iniciativa de RM, para que o escabroso plano vingasse!), fez-se na mídia um pacto de silêncio visando proteger FHC e não atrapalhar sua reeleição, graças a uma votação de emenda constitucional comprada, hoje se sabe.

O conhecimento final desta história passou por "reconhecimento de uma paternidade inexistente", como o teste de DNA exigido pelos que seriam mais prejudicados em face do embuste do filho bastardo: os filhos de Dona Ruth com FHC.

Pergunto a quem beneficiou o fato de ter FHC controlado durante seu segundo mandato, quando hoje se sabe das benesses concedidas pelo governo federal ao sistema Globo, inclusive no malfadado Parque Gráfico? Com os demais "donos de mídia" mantidos sem conhecimento total do plano de RM, não terá sido mais fácil manter o segredo, especialmente sabendo RM de que FHC não gerou filho algum na jornalista, aliás regiamente aquinhoada com um "exílio europeu" e, seu futuro e de seu Thomás, garantias mais que certas de um futuro tranquilo.

Como diz a letra do samba enredo "sonhar não custa nada"...sonhei com esta "estória" e a vejo como real.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de luiz fazza antonio
luiz fazza antonio

O "filho bastardo" de FHC

Sr. Célio Mendes, achei oportuna sua intervenção, pois em face de tudo que se sabe hoje sobre este filho bastardo "de araque", chego a pensar que tudo não passou de uma chantagem  muito bem urdida no escritório de Roberto Marinho na Vênus Platinada.

Parto do princípio de que, segundo relata o livro "O Quarto Poder", de PHA, não devem sobrar dúvidas de que Roberto Marinho "governou" o país nos 5 anos de José Sarney, como aliás confirmou ACM em resposta a um questionamento feito por PHA, afirmando "co-governou não, governou", pois bem, em seguida veio a agitada "era Collor", com um ditadorzinho eleito pela Globo, mas que logo deu sinais de rebeldia, quando quem o colocou no Planalto, deu um jeito de tirá-lo.

De Itamar Franco, ridicularizado à exaustão pela mídia paulista, não há que se falar em submissão aos desígnios de Roberto Marinho, mais não fosse, pela condução equilibrada no cargo aliada a uma popularidade crescente e um período relativamente curto, porém suficiente para se implantasse o Plano Real, mesmo com Serra contra e FHC tentando se apoderar de algo que não gestara.

Apoiado pelo plano que "dizia ser seu" e tendo o apoio descarado da mídia nacional, Globo à frente, no embate com Lula, FHC se elege e logo teve que "tomar a benção" da divindade Roberto Marinho e aí então, tal qual o escorpião da síndrome, Roberto Marinho passou a buscar uma maneira de ter domínio sobre "o Príncipe dos Sociólogos Brasileiros".

Solução simples foi plantar uma de suas jornalistas na cama do Príncipe, sabedor RM de que um certo Serjão sempre cuidou de arranjar "distração" para o amigo, inclusive no tempo do mesmo na chamada Câmara Alta e agora tudo seria mais fácil, bastava arquitetar um plano que não falhasse...uma gravidez que incomodasse!

Recentemente, li não me recordo onde, que vazado o segredo (de polichinelo!) do filho de FHC com a jornalista do RM, toda a grande mídia sabia do fato com detalhes, porém em nome do bom senso (provavelmente por iniciativa de RM, para que o escabroso plano vingasse!), fez-se na mídia um pacto de silêncio visando proteger FHC e não atrapalhar sua reeleição, graças a uma votação de emenda constitucional comprada, hoje se sabe.

O conhecimento final desta história passou por "reconhecimento de uma paternidade inexistente", como o teste de DNA exigido pelos que seriam mais prejudicados em face do embuste do filho bastardo: os filhos de Dona Ruth com FHC.

Pergunto a quem beneficiou o fato de ter FHC controlado durante seu segundo mandato, quando hoje se sabe das benesses concedidas pelo governo federal ao sistema Globo, inclusive no malfadado Parque Gráfico? Com os demais "donos de mídia" mantidos sem conhecimento total do plano de RM, não terá sido mais fácil manter o segredo, especialmente sabendo RM de que FHC não gerou filho algum na jornalista, aliás regiamente aquinhoada com um "exílio europeu" e, seu futuro e de seu Thomás, garantias mais que certas de um futuro tranquilo.

Como diz a letra do samba enredo "sonhar não custa nada"...sonhei com esta "estória" e a vejo como real.

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Antonio C.
Antonio C.

Comentário.

Parece-me que muita indignação já resvala no retórico "até quando blablabla" da paralisia em vez de fazer a pergunta no banal só pra assentar as coisas.

Também é parte da retórica: quando falta um bom argumento, sustento ele com argumentos ruins em grandes quantidades.

Primeiro, está em pressupor que seja verdade isto. Segundo, que importância isto tem. Destas, revelam-se o caráter do jornalismo (jornalista) e daquele que se indigna ou não (supondo a pureza do indignado...).

Assim, ou temos um jornalismo esperto demais e/ou leitores ingênuos/tolos/otários, ou ainda, leitores vingativos/ressentidos/preconceituosos.

Pisando no óbvio, notícia é negócio, vender notícia é negócio e o tipo de notícia chama tal o qual pessoa. Informar e "convencer" estão numa linha muito tênue.

Boa parte do jornalismo, sobretudo de internet, coloca autorretrato de Frankenstein de academia como notícia. O grau da banalidade, sem utilidade alguma.

Helipóptero, cocaína, aeroporto, Avenida Foch, roubo de merenda, tudo isto, na ausência de cobertura, revela o jornalismo, igualmente.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Jose Saguy Tenorio
Jose Saguy Tenorio

Quem tem respeito?

E como a Veja obteve essa informação?
Através de vazamento de documentos que estnao em poder da
PF, do MP e do juiz Sérgio Moro. Agora eu pergunto onde tá
a gravidade da notícia? está exatamente no vazamento da
própria informação, pois as apurações estnao son sigilo de justiça.

Vale lembrar que aos advogados de defesa dos investigados, foram
negado acesso ao processo, mas como a revista Veja tem acesso
as informações? quem é o responseavel por esses vazamentos?
esses vazamentos são comercializados?

Quem tainda tem respeito pela PF, pelo MP e pelo juiz Moro, já
poucos têm respeito pela grande imprensa, o chamado PIG. 
 

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de altamiro souza
altamiro souza

é aí que entra a boa e a

é aí que entra a boa e a má-fé inckusive do leitor...

o cara que não é analfabeto funcional, que tem o mínimo de domínio

da lingua e de interpretção de ttextos percebe nitidamente o vazio

de informações, a carencia de bom senso,o interesse em induzir o leitor

a acreditar que isso é vício, é ruim para lula....

quem conhece lula e a vida, sabe que qualquer um faz isso...

isso significa para  um bom intérprete de textos e da vida, que essas

coisas  podem ser feitas por qualquer ser hunano.

desuimano é não viver, destruir  o outtro pelo simples prazer de destruir...

essa insistencia contra lula talvez o revivifique, ao inves de puni-lo,

pois nenhuma  pessoa que admnire a vida será louca o bastante para

odiá-la,será débil mental o suficiente para autodestrruir-se......

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de De Paula
De Paula

Para que um fato seja

Para que um fato seja considerado grave basta que seus divulgadores assumam essa natureza na passagem ao consumidor da informação.  

Seu voto: Nenhum
imagem de anarquista sério
anarquista sério

Agora pirei de vez.   Existe

Agora pirei de vez.

  Existe vida privada pra celebridade ? 

  Desde quando ?

  Vida privada nem no Face--lá todo mundo é feliz.

   Vida priva\da é a minha e mais de 200 milhões de brasileiros, que não temos aonde cair morto e nem lugar privativo pra ser enterrado,

     Dá licença,meu.

Seu voto: Nenhum (28 votos)
imagem de Álvaro Noites
Álvaro Noites

Mas há celebridade que teve

Mas há celebridade que teve filho oriundo de caso extraconjugal por mais de uma década.

Timidamente soubemos no final que o tal filho nem dele era.

Seu voto: Nenhum (14 votos)
imagem de Antonio Bargas
Antonio Bargas

Mas todo mundo sabia esse

Mas todo mundo sabia esse tempo todo da estória. Ou você só descobriu depois que ele confessou publicamente?

Pelo visto FHC não é o único a ser o "último a saber"...

Seu voto: Nenhum
imagem de anarquista sério
anarquista sério

vC LEU o que escreveu ?  

vC LEU o que escreveu ?

  Então não é vida privada.

    Pra quem não sabe, fique sem saber.

    LEIA E SE INFORME MAIS.

Seu voto: Nenhum
imagem de Ugo
Ugo

bolsa troll tucana

O tua vida é privada na privada. Testa da cavolo.

Seu voto: Nenhum (18 votos)
imagem de Antonio Bargas
Antonio Bargas

Esse comentário foi mesmo

Esse comentário foi mesmo digno de uma latrina.

Seu voto: Nenhum
imagem de yeda lima
yeda lima

Se não existe vida privada,

Se não existe vida privada, anarquista, por que não usa seu próprio nome?

Seu voto: Nenhum (15 votos)
imagem de Sergio Brasil
Sergio Brasil

Xeque-mate!

Xeque-mate!

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de anarquista sério
anarquista sério

Meu nome é Mario Donini

Meu nome é Mario Donini Neto---escriro millares de vezes neste blog.

    E meu mail é :

         marinhodn@uol.com.br

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de ed zen cantador
ed zen cantador

o codinome marinho no email

o codinome marinho no email do uol  mostra em quais águas turvas o  anarquista que não fala sério se espelha...

insulta os outros por antecipação, pois sabe que o que diz será recebido

com indiferença, pelas estultícies que perpetra em mesmices retóricas de péssimo gosto.

um redundante flatulento que não se enxerga.......

Seu voto: Nenhum

Isto é

Um zé ninguem. Sem foto, sem histórico, Sem telefone. Apenas um livro encalhado. Tão falso como uma nota de três reais.

Seu voto: Nenhum (13 votos)
imagem de anarquista sério
anarquista sério

na,na nani , nA NÃO.   COLOCA

na,na nani , nA NÃO.

  COLOCA MEU nome no google.e verá,

   E pelo que eu saiba, NÃO TENHO HOMônimo.

    Tinha um , que morreu há mais de 15 anos.

           O que vc ler, SOU EU MESMO.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.