newsletter

Assinar

MPF de Goiás tenta politizar até as Olimpíadas

 
Jornal GGN - O Ministério Público Federal em Goiás pediu a suspensão imediata da campanha dos Jogos Olímpicos. O motivo, sustentado pelo procurador da República Cláudio Drewes José Siqueira, é que a campanha se presta a desinformar os brasileiros sobre a "verdade" e estimular no "inconsciente coletivo" um sentimento favorável à Olimpíada e à presidente Dilma Rousseff.
 
"O governo federal, usando de tom ufanista, patriótico, nacionalista, cívico, na referida campanha, atua com a finalidade de imprimir na percepção da sociedade brasileira a marca 'Somos Todos Brasil', vinculando-a à realização da Olimpíada na cidade do Rio de Janeiro, que supostamente trará muitos benefícios para todo o Brasil (...) Como se a realização de tal evento tivesse o condão de apagar da vida dos milhões de brasileiros todos nefastos efeitos causados pelas catástrofes econômica, administrativa, social, política, moral que assolam o país", defendeu o procurador na Ação Civil Pública.
 
De acordo com ele, a Secretaria de Comunicação da Presidência da República (Secom) não atendeu a recomendação do Ministério Público de suspender a campanha, no dia 12 de janeiro, e por isso "não restou outra alternativa para cessar o ilícito e coibir sua perpetuação senão o ajuizamento desta ação". 
 
Na ação que tem 39 páginas, o procurador disse que a campanha publicitária não atendeu aos princípios de publicidade, legalidade, impessoalidade, moralidade e eficiência, "que impõem ao Estado o dever de prestar informações verdadeiras ao cidadão e à sociedade".
 
Assista à peça publicitária "Somos Todos Brasil":
 
 
Por Luis Nassif
 
O exibicionismo desenfreado de procuradores conspira contra as prerrogativas da classe. O Ministério Público Federal precisa criar anticorpos contra essas práticas abusivas.
 
É veneno na veia nas prerrogativas da classe. Prerrogativas criadas contra o arbítrio estão se transformando em formas abusivas de exibicionismo e demonstração de poder individual.

 

Média: 3.8 (29 votos)

Recomendamos para você

77 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de José Lupi
José Lupi

MP Trapalhão.

A verdade é que estamos doente há muito tempo. Neste caso específico, percebemos que este cidadão não tem condições psicológicas para exercer o cargo que ocupa. Prejudica mais do que contribui. Quem fiscaliza essas pessoas ? para colocar este cidadão em seu devido lugar ou então afastá-lo do de suas funções.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de nininha
nininha

E a autoestima do brasileiro?

O objetivo claro é simplesmente acabar com a autoestima do brasileiro, que cresceu com o incentivo de Lula e do PT.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de roberto S
roberto S

numa só palavra.

lastimável!

Seu voto: Nenhum

Poxa, que Ministério Público

Poxa, que Ministério Público mais estraga-prazeres, hein?

Gostaria de ver os argumentos desses procuradores, em que momento, em que cena a "campanha publicitária não atendeu aos princípios de publicidade, legalidade, impessoalidade, moralidade e eficiência, 'que impõem ao Estado o dever de prestar informações verdadeiras ao cidadão e à sociedade'".

Devemos ficar atentos: qualquer tentativa de fazer a gente se sentir bem sofrerá - como vem sendo feito desde que Lula chegou à presidência do Executivo mas mais especificamente desde a derrota de Aécio Neves da Cunha - constante ataque desses negativos fidalgos e elitistas coxinhas. Se deixar, provarão que somos todos uns bostas, mesmo, para que se cumpra a profecia deles mesmo.

 

Ô gentinha negativa, esse MPF de Goiás, né?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O medíocre discute pessoas.
O comum discute fatos
O sábio discute idéias.

Faltou dizer as consequências

Faltou dizer as consequências do pedido insano. A divulgação foi suspensa?

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Luiz C.Benevides

Trata-se de um caso clássico

Trata-se de um caso clássico de esquizofrenia paranoide.Lamentável e incurável, infelizmente.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Luiz C.Benevides

imagem de André élebê
André élebê

  TMPF = Ministerio Publico

  TMPF = Ministerio Publico do Feudalismo.

  Mexeu com a estrutura feudal, mexeu com eles; mesmo que seja apenas tentando lutar contra o "senso comum", patrocinado pela elite de nosso pais, de que o Brasil é uma merda. Agora já virou motivo de representação do MPF dizer que o Brasil NÃO é uma merda.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Pisquila Wine
Pisquila Wine

Chegaaaaa!!

Chega! É por essas e outras que há de se tomar uma atitude radical: do jeito que a coisa anda é melhor que esse MPF seja extinto! Ou acabemos já com esse MPF ou esse MPF acaba com o Brasil. Já sabemos que eles não são contra corrupção nenhuma, apenas querem destruir o  governo atual. Esse MPF se tornou um partido político de direita.  O próprio Sepúlva Pertence disse que havia ajudado a criar um monstro e criou mesmo. Um MPF cheio de rapazolas fedendo a leite e mimados, cheios de ódio e preconceito, querendo cada um aparecer mais que o outro, só podia dar nisso mesmo. Alia-se a isso uma presidente fraca e um quinta coluna no ministério da Justiça. Daí, desse caldo todo esperar o quê? Era para o governo processar imediatamente esse cara e denunciá-lo no CNMP. O Brasil está precisando é de uma queda da Bastilha e a senzala começar a afiar as guilhotinas para os pescoços desses traidores da pátria.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Este procurador ainda não se

Este procurador ainda não se achou...

Mas tem que ser internado e tomar muitas gotinhas de rivotril!

Ele é UM RISCO DE RIDICULARIZAR TODA UMA CATEGORIA AOS OLHOS DA NAÇÃO!

Seu voto: Nenhum (3 votos)

"O que fazemos na vida, ecoa na ETERNIDADE!" (Máximus - Gladiador)

"Os dois mais importantes dias em sua vida são o dia em que você nasceu e o dia em que você descobrir o porquê... - M

imagem de ATavares
ATavares

O cara que não se preocupa

O cara que não se preocupa com os grileiros de terra de Goiás, com o Demóstenes Torres, com o Caiado, com o Carlinhos Cachoeira, com o trabalho escravo, nem com a exploração da mão de obra infantil nas fazendas de Goiás, muito menos com as 25 escolas públicas que foram ocupadas por estudantes no estado, vir implicar com uma propaganda dos jogos olímpicos, é o fim da picada. Sem noçao ao máximo.

Quer consertar o país, comece por banir os próprios privilégios. Abra mão do  auxílio moradia de R$ 4.300,00 que recebe todo mês, já seria um bom começo.

A mordomia de uns em detrimento de outros que trabalham incansavelmente, dia e noite, em troca de uma salário mínimo de R$ 880,00, pode ser comparada à corrupção. O beneficiário de privilégios é primo-irmão do corrupto. Ambos nocivos à pátria. 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de orlando soares varêda
orlando soares varêda

  Mesmo assim, teremos que

 

Mesmo assim, teremos que continuar pagando salário e beneficios, bolsa-automóvel, bolsa-residencia, bolsa-escola, bolsa-escambau e a pqp, pra um FdPqP desse merda. E, o pior, de mãos atadas sem nada poder fazer para conter as ações deletérias desses inúteis imbecis.

Orlando

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Esse é o exemplo que figuras

Esse é o exemplo que figuras como joaquim barbosa e sergio moro estão deixando. Esse monte de lixo está indo na rabeira deles.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Paulo F. Souza
Paulo F. Souza

Para mim cargo público tem

Para mim cargo público tem que ser transitório. E os cargos com mais poder, além de transitórios: eletivo ou sujeito à alguma forma de controle social. Caso contrário nos deparemos com essas mentes obtusas. Fui perguntar a um amigo advogado como se seleciona esses jenios. Resposta rápida: os próprios procuradores elaboram as provas e selecionam. Deu no que deu: o corporativismo dos cabeças de bagres.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de PauloBR
PauloBR

MPF

MPF = Melancia no Pescoço Federal.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Tudo em nome de 2018

A canalhice Mouro, não tem limites; o mote dessa gente é demonizar Dilma, Lula e o PT; quem dera ter uma máquina de tempo tipo worm-hole pra mandar uns 30 desses concurseiros de merda do serviço público federal para os anos 70 ou até os de FHC, para eles sentirem na pele o que significa um "ufanista".

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Aqui é lugar onde tentarei

                        terça-feira, 20 de dezembro de 2011http://www.blogblog.com/1kt/watermark/post_background_birds.png); background-attachment: scroll; background-color: transparent; border: 1px dotted rgb(204, 187, 153); -webkit-box-shadow: rgba(0, 0, 0, 0.0980392) 0px 0px 0px; box-shadow: rgba(0, 0, 0, 0.0980392) 0px 0px 0px; background-position: 0% 0%; background-repeat: repeat repeat;">Ainda há juízes em Brasília Numa escrita de uma revista famosa vi a frase acima, parafraseando um acontecimento supostamente acontecido. No texto que encerra a matéria o seguinte: "Numa democracia de direito, nem o rei vence porque rei nem o moleiro porque moleiro. O princípio de que todos os homens são iguais perante a lei e de que ninguém está acima dela é uma conquista civilização, que se firmou, é fato, nas sociedades de tradição liberal." Pensei: será verdade? Muito próximo a repetição de clichês tudo isso me pareceu e continua a parecer, como também os muitos julgados tidos como reveladores do direito que subjazem o pano de fundo da matéria. Num contexto de erudição de teses copiadas e cheias de hipérboles sentimentais casuísticas, sem defender um direito que possamos realmente identificar seu verdadeiro destinatário. Como se fosse um rebater por rebater e assim alicerçado em argumentos comprados numa viagem à Alemanha. Nesses poucos anos vividos como um reles mortal acadêmico de direito, sem um respaldo intelectual por  não ruminar tantas teses que se repetem em ambientes de mestrados, até hoje não vi grandes julgados de nossas grandes Cortes superiores que me transmitisse a tranquilidade que sente o escrevente acima pelo simples fato de se estar sob o pálio de uma arguta erudição de seu defensor, principalmente quando for de uma lei pura e simples. A lei arrebatada de seu substrato humanístico é tão perniciosa quando não observada ou observada em sua inteireza em sua medida legislativa formal. No mesmo facismo combatido pela sua injustiça e violência, o princípio da legalidade era observado em seu rigor, de acordo com a conveniência política de sua concepção. Como são as muitas das leis criadas no ambiente democrático, muitas atropelam a esfera de essencialidade da sociedade, sob a roupagem de garantistas, mas que, no âmago, a corroem por dentro. Eu gostaria que a interpretação da lei voltasse os olhos para seu efeito pedagógico-intimidativo, em prol de resguardar a sociedade futura que não se sabe virá. Sob a dinâmica do garantismo, que teme o espólio  reacionário que acompanha o assento dos tribunais, vejo o amolecimento da corda para o bandido, principalmente o abastado sentado em sua poltrona de couro. A prova não interessa a mais ninguém, tão só sua forma adequada e com a ritualística preservada. É tanta fruta envenenada, que creio que o próprio solo em que pisamos nada mais resplandece.  O processo penal se tornou um fim em si mesmo, sem um fundo que o sustente. O temor em se colocar um alguém atrás das grades ou preso a grilhões assume contornos tão iníquos quanto ao de se manter enclausurado. A prisão processual não guarda mais correspondência com os que transitam em corredores torneados em carrara. A dignidade da pessoa humana é mensurada pelo andar em que toma assento o castigado. O homem continua sendo a medida de todas as coisas, notadamente quando levado em consideração seu grau de liberdade - quanto o mais longe puder ir de avião. E da maneira que iremos tudo tende a piorar.   A excelência de tantos julgados temo não caber em tão grande brochura vaidosa. Mas não direciono esse temor a um em específico, porém, ao complexo de julgadores que em seus andrajos negros revestem a função julgadora suprema de um País. A quem aguardamos um sinalizador para direcionarmos a sociedade, num soprar inspirador de novos e bons tempos. Ainda há juízes em Pasárgada!   Postado por 

 

Seu voto: Nenhum

 

Combatendo a hipocrisia nacional que alimenta o fascismo.

Mais dos pensamentos do procurador em seu blog

Que País É Este? Nas favelas, no Senado sujeira pra todo o lado... ninguém respeita a Constituição...

Parece vindo de uma mente criativa esse trecho, mas não; veio de uma mente genial que conseguiu sintetizar esse Brasil em que vivemos e deixaremos para nossas gerações. De quem veio de Brasília, inclusive nascido, poderia ressoar que estou acostumado à sujeira que se visualiza e incorpora o ser e o estado de ser do brasileiro. Porém, ainda bem que não. Não me conformo com o errado, com o distorcido, com o que temos de conviver de ladroagem, com a sujeirada que se prolifera e se enraiza nesse País.  Daí por que escolhi ser procurador da República, agir como um paladino da sociedade.

A intenção é trazer algo para todos, algo que possamos usufruir juntos, mesmo que não sintamos. Um algo construtivo e inspirador, desdobrando e repercutindo em ações que tantos outros possam sentir seus benefícios. Não posso deixar de lado que me atende diretamente ao fazer frente ao que necessito para viver,  no entanto, consegui aliar algo que me trouxesse satisfação como ser humano, ser cidadão e ser público. O difícil é não vislumbrar concretamente o resultado dessas ações, sempre bem intencionadas - e isso, eu gostaria que quem duvidasse, tentasse mudar dentro de si, porque é verdadeiro.

Quando passamos por algo nessa vida, e dela recebemos alguma oportunidade, algum presente, principalmente muito valioso, sentimos uma necessidade extrema de repor ou tentar compor algum meio que consiga retribuir essa dádiva. Quem é devedor nunca esquece, e a dívida nos angustia. Assim, para minimizar esse peso que sentimos sobre os ombros e a pressão no coração fazemos algo, esperançosos que isso tenha algo de útil para alguém e que surta algo de positivo.

 Como mudar? Mudando de postura, da resignação com o que de errado vemos e sentimos, de conduta. Devemos ser brasileiros verdadeiros, ser cidadãos cientes e conscientes, ser pessoas inconformadas com o que nos têm tirado sorrateira ou descaradamente, ser pessoas com desejo de sermos alguém para o próximo.

Senão continuaremos a achar que um dia tudo mudará para melhor, quando na verdade não.

Nunca fomos tão brasileiros!PPostagem de dezembro de 2011. (http://claudiodrewes.blogspot.com.br/)

Seu voto: Nenhum

 

Combatendo a hipocrisia nacional que alimenta o fascismo.

"Não me conformo com o

"Não me conformo com o errado, com o distorcido, com o que temos de conviver de ladroagem, com a sujeirada que se prolifera e se enraiza nesse País.  Daí por que escolhi ser procurador da República, agir como um paladino da sociedade.


A intenção é trazer algo para todos, algo que possamos usufruir juntos, mesmo que não sintamos. Um algo construtivo e inspirador, desdobrando e repercutindo em ações que tantos outros possam sentir seus benefícios."

 

Meldels!!!!

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

 

Combatendo a hipocrisia nacional que alimenta o fascismo.

imagem de Manubhz
Manubhz

MP de Goías vai fiscalizar as

MP de Goías vai fiscalizar as fazendas de gado que usa trabalho escravo que são aos montes no seu estado, vai fiscalizar as verbas públicas desviadas, vai fiscalizar a prostituição infantil na beira da estrada, vai fazer algo que presta para o bem do país......

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Manubhz
Manubhz

MP de Goías vai fiscalizar as

MP de Goías vai fiscalizar as fazendas de gado que usa trabalho escravo que são aos montes no seu estado, vai fiscalizar as verbas públicas desviadas, vai fiscalizar a prostituição infantil na beira da estrada, vai fazer algo que presta para o bem do país......

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Esses almofadinhas do MPF,

Esses almofadinhas do MPF, grande parte filhos de "gente do bem", criados a leite com pera, estão rapidamente chegando ao limite do intolerável.

Luis Nassif polidamente apenas deu um alerta à corporação.

Mas nós cidadãos podemos e devemos ser muito mais contundentes.

O que eu quero dizer é que esses janotas ignorantes, sem noção de brasilidade, sem noção de país e do papel fundamental que lhes foi concedido pela CF/88 como guardiães dos interesses do povo brasileiro, se converteram em um bando de sem noção de nada que não sejam seus próprios umbigos burgueses meritocráticos ansiosos pelos holofotes da mídia.

Eles precisam ser detidos com urgência pela cidadania em seu ensandecimento pelo demonstração de poder muito além dos limites estabelecidos pela lei.

Vejam como o tal procurador se descreve em seu blog em 19/11/2011 intitulado A Caminhada: The Long and Winding Road (http://claudiodrewes.blogspot.com.br/2011/12/quem-sou-eu.html):

 

Quem sou eu? No início da década de 70, em Brasília nasce Cláudio Drewes José de Siqueira, filho de pais servidores públicos federais da área médica executiva. Sempre inquieto, e cheio de energia; muito vigor e muita vibração pela vida.

Nessa sede de viver, muitas vezes derrubei o copo que saciaria aquela momentânea vontade; outras, verti seu líquido em atropelo com medo de não conseguir mais seu conteúdo, engasgando com tamanha volúpia; tantas outras, tive medo de beber sozinho e não saber que aquilo estava sendo o certo; uma vez, mergulhei de cabeça e a vida me retirou inebriado em situação de quase afogado. Na Pietà por mim desenhada, a vida me acolheu novamente em seus braços, dando-me apoio para um novo recomeço.

Aqui escrevo a partir de algo que me veio trazer alguma mensagem nessa longa e tortuosa trajetória, pontuando a impressão que me inspirou escrever nesse dia. Postado por às 06:02  

 

Seu voto: Nenhum

 

Combatendo a hipocrisia nacional que alimenta o fascismo.

imagem de Edi Passos
Edi Passos

MPF de Goiás!

Resta saber qual é a ligação desse procurador com Ronaldo Caiado, o ex-amigo de Demóstenes Torres. Acho que se pode apostar, uns 10 X 1, no mínimo em cabo eleitoral.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Cedric PA
Cedric PA

https://www.facebook.com/tico

https://www.facebook.com/ticosantacruz/videos/828427153956593/

Seu voto: Nenhum (2 votos)

são por esses momentos, da insensatez de um só...

que vemos todos eles

MPF está destruindo a si mesmo e nem se toca,

alguns do grupo, quando expostos dessa forma ridícula e espontânea, são imediatamente levados para o lado dos que mais contribuem para o processo de destrição, mídia golpista

é assim que vemos todos eles da mesma forma

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

impressão que fica...

e já que todos eles não devem satisfação a ninguém, é a de que se atraem quando expostos

melhor arma da mídia, a de sempre

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Está a hora no legislativo

Está a hora no legislativo mexer na legislação do MPF, para dá um freio nesses aloprados.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Consagre os seus sonhos e projetos ao Senhor, e eles serão bem sucedidos, creia.

gAS

imagem de Maria do Carmo Pereira de Oliveira
Maria do Carmo Pereira de Oliveira

Tô beje!

Eu, hein... Até uma propaganda linda dessas é motivo para o "mini histérico" público surtar? Imagina quando o Lula ganhar as eleições de 2018? É que não tem mais nada para com o que se preocupar, por exemplo: agressões contra mulheres e gays; trabalho escravo; crianças escravizadas (lá mesmo, no Góias, tem as crianças carvoeiras e os escravos nas "lavouras" de um certo Senador...); Furnas; Metrolão; "desvio" de verbas da merenda escolar; aposentadorias precoces de primeiras-damas... Enfim, falta trabalho...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de ed zen cantador
ed zen cantador

é preciso alinhar todos esse

é preciso alinhar todos esse absurdos praticados pelo ministério

púlico para a cada dia confirmar o que vimos comentando aqui...

um pau mandado qualqer, chinfrim e muito muquirana, resolve

assim autoritariamente, inmdividuialmente, conluiado com interesses que só ele

sabe quais são, interferir na política administrativa de um governo eleito...

se não houver uma linha em qualquer código de ética, ou legislação,

que puna essa figura patética, então é melhor  entregar logo o governo

para esses trogloditas supostametne letrados, mas na prática, analfabetos funcoonais,

terroristas burocráticos infiltrados no golpismo vulgar e já  banalizado,

naturalizado, nesse meio corrompido e que posa de moralista....

Seu voto: Nenhum
imagem de H66
H66

Será?

Como um país pode patrocinar uma olipíada tendo um ministério público deste nível. Sob este ponto ele está certo.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de H66
H66

mesmo nível

É uma nova versão do lavajato.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de wendel
wendel

E ...................

O tal procurador, que declino em citar o nome, não passa de um traidor, anti-nacional, terrorista (?), quinta-coluna, que tenta misturar, ou melhor desestruturar o governo, mas por tabela a Nação.

Querer misturar ideologia com a maior festa mundial do esporte, merece no mínimo ao enquadramento em uma lei parecida com o  ATO PATRIOTA!

Só assim iremos acabar com esses traidores da Pátria, transvestidos de procuradores !!!!!!!!!!

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Cedric PA
Cedric PA

Não, eu não acredito! Isso já

Não, eu não acredito! Isso já é rídiculo! E pensar que é o nosso imposto que está sendo jogado fora, para estultíces desse tipo. Tem que por limites, qualquer ser humano quando não tem limites sempre abusa, uns mais outros menos, por mais equilibrado que seja.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Jorge Andrade
Jorge Andrade

SEJAM DECENTES , PROCURADORES

Assisti e não vi nada de falso ou tencionando enganar ninguém nesta propaganda , nem a tal "finalidade de imprimir na percepção da sociedade brasileira a marca 'Somos Todos Brasil' " .
O que esse procurador queria ? Que a propaganda mostrasse que 'Somos todos pela América' com uma imensa bandeira com as cores do E.C. Bahia ao fundo ? Que a propaganda mostrasse Sergio Moro prendendo apenas gente do PT em sua descarada Operação Lava Jato ? Que mostrasse Aécio rindo enquanto os delatores falam o nome dele pela enésima vez na Lava Jato ? Ou talvez a Miriam Leitão falando a palavra crise pela milésima vez por mês ? Ou ainda filas de desempregados da Construção Civil , postos na rua pelas ações tresloucadas deste juiz paranaense ? Ou José Serra feito um Vampiro sem dentes correndo feito louco dentro do Senado para vender a Petrobras aos americanos?
Esses caras aprenderam o caminho das pedras da esculhambação do país , bem acomodados em seus salários estratosféricos , sem nenhuma responsabilidade sobre as consequencias de seus atos e acham que podem fazer qualquer coisa para empurrar o Brasil abismo abaixo.
Sejam decentes , investiguem a corrupção , se é pra isso que servem , mas sejam decentes em suas atribuições

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Jah deu esses procuradores.

Jah deu esses procuradores. Aliás esse ativismo judicial desproporcional...

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Não existe mais limites para

Não existe mais limites para o Ministério Público, qualquer procuradorzinho que deseja aparecer nos holofotes e brandir qualquer bobagem que seja supostamente anti-Lula ou anti-PT vai em frente sem nenhum pudor, como disse o mestre Nassif estão abusando de prerrogativas que não lhes foram dadas para exercer esse proselitismo barato e sem nenhum senso de ridiculo, dificil vai ser recolocar o gênio na garrafa, a finada PEC 37 bem que  tentou mas foi vencida pelo corporativismo dos sem-limites.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Srªs Senadoras e Srs. Senadores, a Transparência Internacional divulgou, nesta terça-feira, a classificação anual dos países mais corruptos do mundo, e a situação do Brasil, sob o império do “lulismo”, só piorou. Demóstenes Torres 08/10/2003

imagem de MARCOS F.L.
MARCOS F.L.

DAQUI A ALGUNS DIAS ELES VÃO

DAQUI A ALGUNS DIAS ELES VÃO QUERER GOVERNAR SEM VOTOS!!!!

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Antonio Luiz Teixeira
Antonio Luiz Teixeira

Talvez, em breve, o Brasil se

Talvez, em breve, o Brasil se deparará com a sua primeira Guerra Civil. A truculência midiática-judicial-policial não terá limites para perseguir aqueles que devotam um mínimo de amor ao seu país e a seu povo. Esticarão a corda enquanto puderem. Não pouparão os pobres e os nacionalistas, sejam eles apenas trabalhadores ou até capitalistas.

Terão o seu troco apenas quando aqueles que perseguem, conscientemente e unidos, se levantarem. E quando isso ocorrer restará muito pouco da Nação Brasil e será muito difícil evitar que a violência dos algozes não se volte contra eles pelas mãos dos vitimados de hoje.

Ainda torço pelo continuar de nossa incipiente democracia, mas não vislumbro perspectivas de seu sucesso.

A "sorte" foi lançada.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Marco Vitis
Marco Vitis

Guerra Civil ?

Antonio Luiz

Ultimamente eu tenho tido uma sensação semelhante a esta sua percepção.

Será uma tragédia, pois muitas vidas inocentes serão eliminadas...

Por que o Brasil precisaria passar por isso ?

Seu voto: Nenhum
imagem de Dorlei
Dorlei

Feito para o JN

Seria risível se não fosse patético.

É risível e patético mas vai servir para os apresentadores do JN fazerem caras e bocas ao noticiarem a importante ação desta grande autoridade. 

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de ATavares
ATavares

Nossa, tanto rigor. São uns

Nossa, tanto rigor. São uns hipócritas.

Nem parece o mesmo MP que mantém Demóstenes Torres em seus quadros.

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de Iza13
Iza13

A quantidade...

A quantidade de imbecis hoje nesse MPF é sassustador.

 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de lucio flavio santos neves
lucio flavio santos neves

Vejo com muita tristeza as

Vejo com muita tristeza as instituições que antes, durante a ditadura militar e governos anti-democracia, nada manifestaram quando "todos" cantavam "eu te amo meu Brasil, eu te amo, ninguém segura a juventude do Brasil...", hoje resolveram, todos, serem contra Lula e Dilma. Deveriam ter vergonha de se meter onde não te cabe.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Esse Procurador

Avisa ele que tem um circo andando no interior de SP, que tá com uma carência de palhaço danada e como ele é bom de piada deve conseguir roubar o lugar de pelo menos um desses daqui.

Só rindo de um tipo desses, é de uma cara de pau que nem óleo de peroba consegue dar brilho.

Vá te catar procuradorzinho.

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Sérgio Rodrigues
Sérgio Rodrigues

Patético

Muitos procuradores do MPU acham que recomendação dos seus órgãos devem ter cumprimento obrigatório.

Ridículo o MPF acionar o Judicário com base em retórica e representações ideológicas de determinados procuradores. O pior é que em muitos casos alguns juízes afinados, ao arrepio da Lei,  acabam acatando.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Gabriel Moreno
Gabriel Moreno

Algo precisa ser feito, do

Algo precisa ser feito, do ponto de vista político, contra esse protagonismo do judiciário e do ministério público. Eles não podem governar o Brasil. Não foram eleitos e não dispõem de representatividade. Sei que muito do que é feito é provocação, para aí o governo reagir e dizerem que está controlando investigações contra si. No entanto, não é possível mais continuar nessa situação. Eu espero sinceramente que o governo esteja se debruçando seriamente sobre o assunto. Eles jogam contra o país e contra as decisões que o povo tomou soberanamente nas urnas.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de DUDE
DUDE

Não tem mais o que fazer?

Fico imaginando - com toda a criminalidade que habita nosso País e o salário minimo ainda na base de R$ 880,00 - como pode um promotor vir a propor uma ação públ;ica em relação às Olimpíadas?

 Afinal, não tem mais o que fazer?

 

 

 

 

Seu voto: Nenhum (10 votos)
imagem de Edna Baker
Edna Baker

É um palhaço.  

É um palhaço.

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de naldo
naldo

Falta a muitos o veolho

Falta a muitos o veolho "simancol", agora um unico promotor quer ditar o que o povo brasileiro deve sentir como nação, piada e falta de senso do ridiculo, e ainda recebem dinheiro publico para fazer isso; tem que avisar a ele que o presidente é eleito, nesse caso muito mais legitimo.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

imbecis

Nassif,

Este procurador apenas segue a lógica do comportamento adotado por tantos outros procuradores do MPF.

Como isto aqui está pronto prá se transformar numa verdadeira zona, o Judiciário e o MPF resolveram mostrar que, na zona, eles serão fortes protagonistas.

Ao lado do procurador tetraplégico, muitos de seus colegas imbecis assinarão o ponto durante a baderna que percebo logo adiante.

Seu voto: Nenhum (11 votos)
imagem de Edivaldo Dias Oliveira
Edivaldo Dias Oliveira

MPF: Se cobrir vira circo, se

MPF: Se cobrir vira circo, se cercar vira hospício. Ou as duas coisas; Um circo cercado de palhaços loucos. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.