newsletter

Assinar

Não enche o saco do Chico, a marchinha

Por Vítor Velloso

em seu Facebook

 

Não enche o saco do Chico

Saindo do forno! Parceria minha com Marcos Frederico pra abrir a temporada de marchinhas de 2016: "Não enche o saco do Chico". Afinal de contas, a parte mais chata desse fla flu político é mesmo a encheção de saco! Curte aí e passa pra frente!

Posted by Vitor Velloso on Segunda, 4 de janeiro de 2016

Média: 4.5 (13 votos)
4 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de José Alberto Nemer
José Alberto Nemer

xxxx

xxxx

Seu voto: Nenhum
imagem de José Alberto Nemer
José Alberto Nemer

Não enche o saco do Chico

Não quero desafinar o coro dos contentes, mas a marchinha "Não enche o saco do Chico" mexeu comigo. Não do jeito que, por exemplo, um frevo da gloriosa "A Flor da Lira" de Olinda faria, mas como um melancólico manifesto oportunista. Sem entrar no mérito da qualidade em si, a marchinha é um elogio à intolerância que ela mesma, sentada sobre o próprio rabo, denuncia. Usa chavões e lugares-comuns para desqualificar o outro.

Chico Buarque, em campanhas partidárias, sempre usou sua notoriedade para induzir seus fãs a votarem como ele, afastando-se da discrição que o sufrágio universal do voto secreto impõe ao cidadão comum. É uma opinião pessoal, mas sempre achei que artistas brilhantes como o Chico, de grande visibilidade, deveriam reservar a capacidade de persuasão de seu patrimônio midiático para causas maiores, como as que a humanidade precisa tanto. Mas esta não é a escolha dele.

Ao fazer apologia de um político, de um partido ou de um governo, sua imagem fica compulsoriamente associada a dele. Assim, fica também vulnerável às ondas de aceitação ou rejeição que o povo expressa. Este é o preço. Tanto Chico quanto seus fãs incondicionais deveriam saber disso e compreender as manifestações espontâneas de constrangimento que sofrem. No caso específico de Chico, a abordagem feita no Leblon mais parece um desabafo de incontida perplexidade diante do contraste entre o talento e poder intelectual do compositor e a sua enigmática complacência para com os descaminhos da política atual. Não é por acaso que, não só a hierarquia do governo como também petistas notórios, dificilmente podem hoje sair às ruas. Há sempre uma ameaça de agressão por parte de quem está - este, sim - de saco cheio.

Michel de Montaigne diz que "não importa quão alto ou luxuoso seja o trono, sempre se assenta sobre o próprio traseiro", e Chico não é exceção. Nem para o bem, nem para o mal. O jornalista Alexandre Garcia dá um depoimento de que sofreu de Chico, Marieta Severo e Paulo Betti um "Cale a boca, Alexandre!", quando cumpria-lhe noticiar dados de pesquisa desfavoráveis a Lula. Há cena de intolerância mais virulenta do que a da filósofa petista Marilena Chaui espumando teorias repugnantes sobre a classe média, ao lado de Lula e Rui Falcão com seus risinhos e palmas?

Por fim, senhores autores da marchinha, sugiro que ouçam um dos clássicos da bossa-nova de Tom e Vinicius, "A Insensatez": "Quem semeia vento, diz a razão, colhe sempre tempestade". Aí está uma lição de vida. E, claro, de música. 

  

 

  

Seu voto: Nenhum

Sensacional!!!!!

Sensacional!!!!!

Seu voto: Nenhum

Juliano Santos

imagem de Silvio L. Morais
Silvio L. Morais

Divertida e certeira

Divertida e certeira,  chamando pelo nome os filhinhos de papai, playboyzinhos desocupados e patriotas de araque. Ave, Chico. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de altamiro souza
altamiro souza

não phode, não phode, ô voce

não phode,

não phode, ô voce aí da direita golpista 

em suma,

assuma que é falso moralista e usa todos os 

seus preconceitos morais e imorais para atacar os outros. .

assuma que seus atávicos conceitos só servem

a seu moralismo particular e não ao todo que o rodeia.

assuma que voce não entende lhufas de ética, que é uma

categoria diferente de julgamento, pois primeiro pensa em

julgar o conceito de si mesmo para depois apontar defeito nos outros....

assuma que seu falso moralismo acaba te sufocando

porque é parte de suas deficiencias de formação e de educação....

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Ótima! Super engraçada

Se bem que eu gostaria que esse tipo de reaçao fosse tb dirigido contra abusos contra nao tao famosos. Mas o Chico merece a defesa.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.