Revista GGN

Assine

Pai do juiz da execução de Genoíno é homem de confiança de Jose Roberto Arruda

 Por Fiódor Andrade

Pai do novo juíz: "Finalmente a cúpula do PT foi para a cadeia", ˜são meliantes, são facínoras".

Este é o programa do pai do novo juíz na TV Brasília.

Confiram a partir de 22:00, quando ele começa a comemorar o fato de que "finalmente a cúpula do PT foi para a cadeia".
 

Clique aqui para conferir que era homem de confiança de Jose Roberto Arruda, inclusive visitando na prisão. 

Em 2009 foi afastado do PSL

 O Partido Social Liberal (PSL) no DF divulgou ontem uma nota por meio da qual expulsa o deputado distrital Raimundo Ribeiro da legenda. O documento cita como motivos para a ação os “diversos fatos recentes, entre os quais, os noticiados na imprensa, no âmbito da CPI dos Cemitérios, recebimento indevido de salários, simultaneamente, do Executivo e do Legislativo, prática reiterada de nepotismo”. O comunicado é assinado pelo presidente do PSL no Distrito Federal. 

Média: 5 (11 votos)
43 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".

Mérito a quem merece !

Mérito a quem merece ! Roberto Marinho era confiável, jamais  usou  tornozeleira eletrônica e jamais evadiu-se.

Cumpriu sua pena religiosamente até o fim...

Seu voto: Nenhum (3 votos)

snaporaz

imagem de Ulysses
Ulysses

Pai do feitor do Barbosa

A comemoração dos abutres tem muito de maldade gratuita, tal como seu ídolo , mas sobretudo de uma tremenda burrice. Estão comemorando o fim do estado de direito. A insanidade ė tamanha que sequer tem a noção de que  o que o Barbosa fez foi abrir precedentes para que qualquer cidadão seja condenado sem provas, basta um único depoimento de um desafeto qualquer. O que choca ė a atitude dos falsos cristãos como Raimundo Ribeiro que anda com um botão de Nossa Senhora e  dissemina o ódio em seu programa. Pronto para apontar o dedo para a corrupção dos outros mas  apoia a Caixa de Pandora e seus meliantes.. O mensalão dos tucanos  é um conto de carochinha para seus ouvidos. Se Deus existe certamente não vive dentro dele. 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Dignidade de presos podem surpreender a elite

Já ouvi casos de presos terem mais dignidades do que elites morais. Sempre que os vestais da moralidade esperam atitudes que eles acham "normais" de pessoas sofridas, se surpreendem. Se lembra de um vídeo, onde um leopardo passa a cuidar de um filhote de chimpanzé, depois de matar a mãe? Nem sempre pessoas fazem maldades, há horas que sentem que há situações que pedem atitudes nobres. Pode ser nessa situação também, pois foram pessoas simples que foram beneficiadas pelas políticas sociais do PT.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A meu ver, o PT é um caso perdido

 

Mesmo diante de execrações públicas de ressentida morbidez como a desse pai, um peixe de quem o filho, juiz, peixinho é, o PT continua se envolvendo com meliantes da política brasileira, aliás, trouxe-os todos para a sua base da falaciosa governabilidade com o fim precípuo de com eles se mesclar, virar um PT camaleão que ninguém consegue decifrar o que é, a não ser que é um caso perdido.

Veja se o PT ainda encarna algum valor dos "Sete pecados capitais responsáveis pelas injustiças sociais" proferidos por Gandhi, os quais ainda ontem desfraldava e cantava com ímpeto nas ruas e praças deste país, se auto proclamando diferente:  Riqueza sem trabalho e Prazeres sem escrúpulos; Conhecimento sem sabedoria e Comércio sem moral, Política sem idealismo, Religião sem sacrifício e Ciência sem humanismo.

Essas prisões são o início de uma longa tragédia, de uma noite interminável de moenda ética e moral sobre a sua cabeça, exposta no cadafalso e a lâmina suspensa porque seus algozes não perdoam o fato de ter entrado em sua seara, ter experimentado e gostado do seu prato de lentilhas. 

Seu voto: Nenhum

Oinc!oinc!oonc! Preparem a

Oinc!oinc!oonc!

Preparem a feijoada, e esta  veio light !

Seu voto: Nenhum
imagem de André Sousa
André Sousa

Novo post sobre o tema

Vc sabe trollar, vai lamber as botas dos donos da Globo, não vamos nos deixar nos levar por essas baixarais desse troll desocupado

Gente, o assunto continua aqui neste post que é um comentário do Motta Araújo, 

http://jornalggn.com.br/noticia/o-juiz-de-execucao-e-a-suspeicao-por-parentesco

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Zanchetta
Zanchetta

Estou espantado, além do

Estou espantado, além do dossiê do juiz, já temos o do pai e o da Mãe também...

Seu voto: Nenhum (7 votos)
imagem de aliancaliberal
aliancaliberal

Pra que NSA se temos o PT. 

Pra que NSA se temos o PT. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)

São informações do Google,

São informações do Google, Aliança.

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Aliança Nacional Libertadora
Aliança Nacional Libertadora

Cara de pau no brasil tem seguidores. Alguns são comediantes.

Pode roubar fazer a falcatruas que puder, contanto que no final acuse a oposição à mídia.

É como se apagasse os crimes cometidos. Nem o PSL aguentou... Mas a mídia recebe de braços...

O caso da Fiscal de calças do Kassab "ouvindo falar" do Donato.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

O problema do Brasil são as suas elites

Não adianta culpar o filho por causa de alguma particularidade dos pais, até por que neste país os filhos de elites fazem também parte dela. Até gente de origem humilde, como o Barbosa, quando aprende outro idioma e ganha algum dinheiro, torna-se (ou deseja ser) parte dessa elite (até ser chutado fora). Vejam o caso dos médicos ou de qualquer atividade ou circulo social de elites, são todos anti-PT e com cabeça neoliberal. Troca esse Juiz e irá sair outro pior. O problema do Brasil são as suas elites, pouco patriotas e vendidas “de graça” ao poder global. No STF, nem se fale. Alias, tem sim algo pior que Juiz ou que autoridade corrupta: a mulher dele! (podem escrever). São as campeãs mundiais do “sabe com quem está falando?”

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de anac
anac

Quem sai aos

Quem sai aos seus(degenerados), não regenera.

 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Rodrigo Negrão
Rodrigo Negrão

Imagina o sofrimento do José

Imagina o sofrimento do José Dirceu. Acostumado com conhaques de 25 mil reais a garrafa, finais de semana em Trancoso voando de jatinho.

A elite também paga o preço.

Katia Rabelo, de milionária abastada e presidiária.

Marcos Valerio, de sua Fazenda milionária até a Papuda.

É a elite e essa casta de privilegiados conheceram a dor do sistema carcerário.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

E, que tal

o pessoal do "psdb de são paulo", no poder há mais de 20 anos, protegidos por toda uma estrutura institucional,  também, cumprir uma "cadeiazinha", afastados dos "conhaques, dos jatinhos, de suas fazendas, dos puxa-sacos, das colunas socias?"

Seu voto: Nenhum

"A neve e as tempestades matam as flores, mas nada podem contra as sementes" (Khalil Gibran – 1883-1931).

  Não resisto a dizer... taí

  Não resisto a dizer... taí a "convergência PT-PSDB".



  E vem aí a operação abafa do escândalo do trensalão, sendo Cardozo "culpado" por não engavetar. Quando a corrupção envolve o PT, só há corruptos; quando envolve o PSDB, só há corruptores.

  Depois ainda falam do "teflon" do Lula.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Fiódor Andrade
Fiódor Andrade

Pai do juíz: PT aparelhou a máquina do judiciário

E o cara ainda acusa o PT de aparelhar a máquina do judiciário:

O ataque mais duro ao PT veio do ex-deputado distrital Raimundo Ribeiro, que acusou o partido de Dilma de formar uma "quadrilha" no governo federal. "O que está comprovado é que o PT é que não sabe governar. O que eles sabem fazer muito é falcatrua. Temos obrigação de tirar essa quadrilha que está aí saqueando os cofres públicos e tentando garantir a impunidade até mesmo com o aparelhamento da máquina, inclusive do Judiciário."

Veja na matéria abaixo, da Folha:

31/10/2013 - 14h18Aécio rebate Lula e diz que ex-presidente tem medo de que Dilma não seja reeleita

GABRIELA GUERREIRO
DE BRASÍLIA

Atualizado às 14h46.

Em resposta aos ataques do ex-presidente Lula à política econômica do ex-presidente Fernando Henrique Cardoso (1995-2002), o senador Aécio Neves (PSDB-MG) disse nesta quinta-feira (31) que o petista criou uma "sombra" sobre a presidente Dilma Rousseff porque teme que ela não seja reeleita para o Palácio do Planalto.

Aécio afirmou que Lula e o PT estão "aflitos e ansiosos" porque não têm certeza da vitória de Dilma em 2014. "Mesmo sem querer, ele [Lula] vai criando uma sombra sobre ela [Dilma]. O que eu vejo é o PT hoje muito ansioso, aflito, duvidando das condições da presidente da República, que eu acho que não são boas. Alguém para disputar a reeleição deveria estar numa condição muito melhor do que ela está", afirmou.

Eliane Cantanhêde: Lula hoje, Lula antes
Vinicius Torres Freire: Bolsa Família, sem pai nem mãe
Marina Silva teve lições erradas na economia, afirma Lula
'Se me encherem o saco, em 2018 estou de volta', diz Lula
'Foi o próprio Lula que me deu a lição', diz Marina
Dilma ataca DNA tucano do Bolsa Família em celebração
Quem critica o Bolsa Família é porque nunca passou fome, diz Lula

O tucano, que é possível adversário de Dilma nas eleições presidências do ano que vem, disse que Lula "não está seguro das possibilidades de sua candidata" em um momento em que "mais de 60% dos eleitores brasileiros dizem não querer votar numa candidatura do PT".

Aécio afirmou que o PT vive "inseguranças internas" diante da disputa Lula versus Dilma dentro do partido --com a defesa de segmentos do PT de que Lula dispute o Palácio do Planalto, caso o nome de Dilma não tenha hegemonia sobre os demais candidatos. "São questões que eles terão que resolver internamente. Se alguém tem hoje um conflito interno, é o PT."

Lula criticou ontem a ex-aliada Marina Silva por ela ter reconhecido a contribuição do governo Fernando Henrique Cardoso para a estabilidade econômica do país. Em evento que comemorou os dez anos do programa Bolsa Família na quarta-feira (30), Lula também afirmou que Marina precisa parar de aceitar "lições" erradas sobre o tema.

Ex-ministra do Meio Ambiente do governo Lula, a ex-senadora tem criticado a política econômica da presidente Dilma Rousseff e afirmou no início da semana que era preciso dar crédito a FHC e aos tucanos pelas conquistas econômicas do país, "para não fazer injustiça". Para Aécio, o que Marina Silva fez foi registrar o que "efetivamente ocorreu na realidade do Brasil". "Essas últimas aparições e falas do presidente não é de quem está sereno, confiante. Não há como brigar com a realidade", disparou o tucano.

Segundo o senador, a estabilidade econômica implantada no governo FHC foi "pré-condição fundamental" para Lula governar. "Não houvesse governo do presidente FHC com a estabilidade econômica, não teria sequer havido o governo do presidente Lula."

Em um ataque direto a Dilma, Aécio disse que a petista deixará duas marcas principais do seu governo: a ineficiência e os desvios éticos. "Veja o ex-presidente e a presidente, que tem agenda de candidata. Os brasileiros pagaram um ato de campanha eleitoral no ato de comemoração dos dez anos do Bolsa Família. Nada ali é de governo, mas às custas do governo. O governo do PT e a própria presidente da República continua tento enorme dificuldade em separar o que é público do que é privado, o que é publico, partidário do que é privado."

PALANQUE

Aécio participou nesta quinta de evento, organizado pelo PSDB do Distrito Federal, para conversar com pré-candidatos e filiados à sigla. Em sucessivos discursos antes da chegada do senador, pré-candidatos ao governo do DF e à Câmara dos Deputados fizeram ataques ao PT, à presidente Dilma Rousseff e ao governador Agnelo Queiroz (PT-DF).

O tucano disse aos correligionários que o PSDB tem o "ato de responsabilidade de encerrar o ciclo do PT que tão mal tem feito ao país". Também afirmou que a disposição do PSDB não é discutir "legados", mas construir o "futuro do país".

Presidente do PSDB, o senador foi cercado pelos militantes para tirar fotos --muitos deles, futuros candidatos do partido em 2014. "Ao PSDB, não é uma opção, uma possibilidade, apresentar um projeto. É nossa obrigação. É esse o PSDB que deve ser apresentar renovado na disposição de não permitirmos que conquistas iniciadas em nosso governo sejam colocadas em risco", disse Aécio, que fez um balanço de sua atuação como governador de Minas Gerais, especialmente na área da educação.

O governador de Goiás, Marconi Perillo, também participa do ato político --realizado numa casa de festas de Brasília. Perillo prometeu entrar de "corpo e alma" na campanha de Aécio ao Planalto. "Estou nessa história para defender intransigentemente sua candidatura, sua proposta de governo, que será ousada, com os pés no chão, capaz de fazer mudança que muitos não conseguiram fazer", afirmou o governador.

O ataque mais duro ao PT veio do ex-deputado distrital Raimundo Ribeiro, que acusou o partido de Dilma de formar uma "quadrilha" no governo federal. "O que está comprovado é que o PT é que não sabe governar. O que eles sabem fazer muito é falcatrua. Temos obrigação de tirar essa quadrilha que está aí saqueando os cofres públicos e tentando garantir a impunidade até mesmo com o aparelhamento da máquina, inclusive do Judiciário."

Dois deputados federais se colocam como pré-candidatos ao governo do DF, pelo PSDB, com o objetivo de garantir palanque a Aécio: Luiz Pittmann e Izalci Lopes. O partido ainda não definiu qual será o seu candidato ao governo do Distrito Federal.

 

Seu voto: Nenhum

Cristiane Lobo da Globo News

Cristiane Lobo da Globo News sugerindo até uma tornozeleira monitorada para Genoíno, e exaltando o novo Juiz, dizendo ela que agora a casa vai ficar em ordem!!!!!!

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"A corrupção à brasileira é como o solo de Roma: basta cavar um pouco e descobrimos ruínas." Mino Carta

imagem de Fulvia
Fulvia

Você quis dizer Cristiana

Você quis dizer Cristiana Loba, né?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Os presos e seus familiares serão a nova arma contra o PT

Caro Nassif e demais

Para a truculência da selvageria da classe dominant, ainda não basta prender, em todo lugar que for um petista, há que se criar mais do que um clima de revolta, então, na cadeia, usa-se os presos para atacar e querer a morte dos petistas, para simbolizar que o povo é que se revolta.

Os presos e seus familiares serão a nova arma contra o PT, a mídia já está usando esse recurso.

Os selvagens da classe dominante, dirigem o Brasil, como um campo de guerra, 48 horas por dia, setores do PT é que acreditam em trégua.

Saudações

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Exatamente

Foi o comentário da mesma jornalista da Globo News Cristiane Lobo a \\\\\\\\\\\\\\'especialista em  "Penitenciáias" dizendo  que os outros presos estão revoltados pelos privilégios dos réus do mensalão diz ela!!!Qquer Simpsons, como diz o Bonner de seus telespectadores entendem claramente como uma incitação a  rebelião no presídio, e as consequencias   das mesmas.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

"A corrupção à brasileira é como o solo de Roma: basta cavar um pouco e descobrimos ruínas." Mino Carta

Cara Maria Dirce A classe

Cara Maria Dirce

A classe dominante já achou seus assassinos, "em nome do povo e pelo povo", por enquanto já tem o seu justiceiro.

Saudações

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Fiódor Andrade
Fiódor Andrade

Juíz que calou Genoino é o mesmo que censurou Cachoeira

Esse juíz Bruno André Silva Ribeiro já havia proibido o Cachoeira de dar entrevistas quando estava preso.

Seus argumentos, na época, eram de que a entrevista, que seria dada à Folha, podia até ser de "interesse do público", mas não era de "interesse público". Por trás dessa distinção sofística está a ideia de que cabe ao judiciário definir previamente o que interessa e o que não interessa ao público. Dito de maneira curta e grossa: censura prévia.

O juiz escreveu ainda, em sua decisão sobre o caso cachoeira, que "Em um estado democrático de direito há tempo, modo e sede próprios para o réu dar sua versão dos fatos, nada justificando a sua escolha pontual por um veículo específico da imprensa (...)" Para ele, o reu só pode falar nas audiências do processo, nada de procurar a imprensa. Tudo em nome do "estado democrático de direito".

Curioso é que essa autoridade que decidiu que o que Cachoeira queria falar à Folha não era de interesse público era filho de um político ligado a Jose Roberto Arruda, que não se dá muito bem com o grupo de Demóstenes e companhia.

Agora, o mesmo silêncio é imposto à Genoino e, imagino, deve valer também para os presos que ainda estão na Papuda.

Veja aqui a decisão que impediu a entrevista da folha com Cachoeira:

http://s.conjur.com.br/dl/decisao-cachoeira.pdf

Consultor jurídico:

Texto publicado terça, dia 17 de julho de 2012Preso tem direito de dar entrevista a quem quiserPOR ELTON BEZERRACriminalistas criticaram a decisão do juiz Bruno André Silva Ribeiro, da Vara deExecuções Penais do Distrito Federal, que negou pedido de autorização de visita dojornal Folha de S.Paulo ao interno Carlos Augusto Ramos, o Carlinhos Cachoeira. Alémde barrar a entrevista do jornal, o juiz vetou também o acesso de toda a imprensa aoréu, segundo a Assessoria de Imprensa do TJ-DF.Para Paulo Sérgio Leite Fernandes, a decisão viola direitos fundamentais garantidospela Constituição. “O juiz não pode especificar como quando e por que o réu pode serentrevistado. Isso significa um constrangimento enorme às garantias e liberdadesindividuais. Ele está preso, mas não está privado de comunicação com o mundo externo.Isso não acontecia nem no tempo da inquisição”, afirma.Ele disse que Cachoeira tem direito de escolher inclusive o veículo para o qual desejaconceder entrevista.“Não se pode obrigar o réu a conceder entrevista a uma multiplicidade de órgãos deimprensa. Primeiro porque ele precisa confiar em quem o entrevista; em segundo lugar,ele pode não querer abrir a todos aquilo que só quer conceder a quem ele confia; emterceiro, porque proibi-lo é restringir um tipo de comunicação que a Constituição nãoproíbe.”O entendimento é semelhante ao de Andrei Zenkner, que lembrou que entrevistas depresos envolvidos em casos rumorosos não são novidade. “Foi o que ocorreu no casoEloá Pimentel, em que seu pai, então recolhido em Maceió, concedeu entrevista para oprograma Fantástico no dia 12 de fevereiro.”O advogado classificou a autodefesa como um direito assegurado a todo cidadão, presoou em liberdade. “Havendo expressa manifestação de interesse pessoal do preso emconceder entrevista a meio de comunicação, e não havendo risco algum à segurança dacasa prisional onde ele se encontra custodiado, é impossível falar-se em óbiceprocessual, tampouco constitucional”, diz.O advogado Manuel Alceu Affonso Ferreira considerou a decisão absurda porque,segundo ele, a Lei de Execuções Penais assegura ao preso, mesmo provisório, contatocom o mundo exterior, "consequentemente não lhe privando de dar entrevistas aosmeios de comunicação social, exatamente uma das maneiras de concretizar referido'contato'", conforme o artigo 41, inciso XV da LEP.Ferreira disse tambmém que nao é possível enxergar na entrevista o "sensacionalismo"apontado pelo juiz. "Rotular de 'sensacionalista' a uma entrevista que nem sequerchegou a ser publicada é noção preconceituosa, incompatível com a presunção, atéprova em contrário, da seriedade e da isenção de uma matéria jornalística informativa",afirmou.Custódia do EstadoAo justificar sua decisão, o juiz negou o pedido de entrevista do jornal Folha de S.Pauloa partir da distinção entre "interesse público" e "interesse do público". Ele afirmou queNOTÍCIAS25/11/13 ConJur - Preso tem direito de dar entrevista a quem quiser, dizem criminalistaswww.conjur.com.br/2012-jul-17/especialistas-criticam-decisao-barrou-entrevista-cachoeira-jornal?imprimir=1 2/2“não se pode confundir interesse público, resguardado constitucionalmente, com osimples interesse do público, consistente na mera curiosidade sobre o que o réupossivelmente possa revelar, ‘com exclusividade’, para um meio impresso”.Ribeiro defendeu que o interesse público vem sendo observado pela Justiça e queCachoeira terá o direito de dar sua versão dos fatos em audiência já marcadas para ospróximos dias.“Em um Estado Democrático de Direito há tempo, modo e sede próprios para o réu darsua versão dos fatos, nada justificando sua escolha pontual por um veículo específico deimprensa, à moda de talk-show, especialmente enquanto recluso e sob responsabilidadeda Justiça”.O juiz disse também que a concessão da entrevista implicaria um tratamento distinto dodispensado a todos os demais reclusos, o que contrariaria a isonomia da Justiça.Clique aqui para ler a decisão.ELTON BEZERRA é repórter da revista Consultor Jurídico. 

Seu voto: Nenhum
imagem de aliancaliberal
aliancaliberal

Se todos os presos do Brasil

Se todos os presos do Brasil tem direito a dar entrevista, Genoino tem direito caso contrário não pode ter privilégio.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Vamos proteger a vida dos presos. Copie e divulgue este alerta

TURMA DO MENSALÃO DO DEM NO COMANDO DA  EXECUÇÃO DE GENOINO - Os petistas presos correm risco de vida,  ainda mais agora que a turma do Menslão do DEM está no comando da execução de Genoíno e demais,  esta coisa de "presos privilegiados" é na verdade uma campanha para colocar a população carcerária contra os petistas, o que poderá gerar uma grande revolta, o que sem dúvida poderá resultar em motins e assassinatos dos réus no interior do presídio http://www.jornalggn.com.br/noticia/pai-do-juiz-da-execucao-de-genoino-e-homem-de-confianca-de-jose-roberto-arruda

Seu voto: Nenhum (2 votos)

 

...spin

 

 

imagem de Motta Araujo
Motta Araujo

http://www.dji.com.br/codigos

http://www.dji.com.br/codigos/1941_dl_003689_cpp/cpp251a256.htm

Trata-se de caso de SUSPEIÇÃO por parentesco, cabe aos advogados dos reus arguir perante o Tribunal Regional Federal da 1ª Região que jurisdiciona o processo de execução das penas que já expos varios incidentes.

Se o pai do juiz é politico do PSDB em plena atividade não pode funcionar tendo como reus dois ex-presidentes do PT.

Tambem cabe arquir a substituição sem fundamentação do juiz natural da Execução Penal, essa substituição depende de um ato claramente fundamentado onde se expõe as razões do ato.

A continuada serie de atropelamentos do devido processo é assustador, está sendo construido um novo direito.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Isso tem que ser  postado  na

Isso tem que ser  postado  na net exaustivamente!

O que percebi é que tucanos e demos não estão comemorando o fato de petistas serem presos

e sim o fato de os mesmos não estarem sob os efeitos da lei, estão tirando sarro mesmo tipo: "pega nois.kkkkk"

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Uma elite má e perversa até dizer chega

Sim Morallis, estamos lidando com uma das elites mais truculentas do planeta, alem do mais são debochados, maus, cínicos. O Joaquim Barbosa faz tudo isso na maior cara de pau e nada acontece contra ele pq queridinho da Casa Grande que, por sua vez dá o seguinte recado: Nesse terreiro da Justiça mandamos nós. E mandam mesmo e debocaham e achincalham...Muito bem ministro Barbosa, está de parabéns, entregastes a encomenda à Casa Grande como nenhum outro carrasco entregaria, fostes de uma perfeição absoluta, nem precisa isso tudo, não é mesmo ministro:

Raimundo Ribeiro visitou Arruda às vésperas da análise do pedido de impeachment na Câmara

 

Ana Maria Campos

Publicação: 03/03/2010 07:40 Atualização: 03/03/2010 08:07

Considerado o deputado distrital mais leal ao governador afastado José Roberto Arruda (sem partido), Raimundo Ribeiro (PSDB), integrante da Comissão de Ética e segundo secretário da Câmara Legislativa, visitou ontem o amigo que está preso há 20 dias na Superintendência da Polícia Federal (PF). O encontro ocorreu dois dias antes de uma data decisiva para o caso: nesta quinta-feira, Câmara Legislativa votará o relatório que trata da abertura de processo de impeachment contra Arruda e o Supremo Tribunal Federal (STF) julgará o mérito do habeas corpus que decidirá pela liberdade ou manutenção do chefe do Executivo local na cadeia.

Uma das estratégias dos advogados de Arruda, conforme o Correio mostrou ontem, é tentar estender os prazos do processo de impeachment para que o governador afastado tenha oportunidade de se defender em contato direto com os distritais. Ribeiro disse que o encontro com Arruda representou a visita de “um amigo” e não de um “deputado distrital aliado”. O tucano conta ter encontrado um homem amargurado, choroso e mais magro que tem dedicado o tempo na cadeia à leitura de livros, principalmente de auto-ajuda e voltado a orações.

O governador afastado, segundo o distrital, não falou em renúncia, mas está consciente das dificuldades na antiga base aliada na Câmara Legislativa e na investigação (1) em curso no Superior Tribunal de Justiça (STJ). A expectativa é de que o parecer pela abertura de processo por crime de responsabilidade, do deputado distrital Chico Leite (PT), aprovado na Comissão Especial criada na Câmara para tratar do assunto, seja referendado novamente, dessa vez no plenário, por unanimidade.

Até mesmo Ribeiro deverá votar a favor do pedido de impeachment, como forma de abrir espaço para Arruda se defender das acusações de liderar um suposto esquema de corrupção que envolve compra de apoio na Câmara Legislativa, de partidos políticos e de secretários, apontado nas investigações da Caixa de Pandora. O distrital negou ao Correio que Arruda tenha lhe feito qualquer pedido relacionado ao processo de impeachment. “Falamos mais de aspectos pessoais”, contou. Além dos advogados, apenas advogados, a mulher de Arruda, Flávia, e o secretário de Transportes, Alberto Fraga, estiveram com o governador afastado nas quase três semanas de reclusão.

“Castigo pesado”
Na visita de ontem, Arruda chorou duas vezes. A primeira, assim que Ribeiro entrou na sala de 10 metros quadrados. Ele se emocionou mais uma vez, durante a conversa com o deputado distrital. O governador afastado disse que tem sentido falta da filha caçula, Maria Luísa, de um ano e meio, e está bastante ansioso com a possibilidade de deixar a prisão. Não falou de projetos futuros. “Ele está muito mais magro e abatido. Para Arruda, que é muito ativo, a prisão é um castigo pesado”, avalia Ribeiro. Ex-chefe de gabinete de Arruda na Câmara, secretário de Justiça e Cidadania nos dois primeiros anos da atual gestão e gerente da Secretaria do Patrimônio da União (SPU), quando o amigo era líder do governo Fernando Henrique Cardoso no Senado, Ribeiro era o nome escolhido pelo governador para a presidência da Câmara Legislativa, nas duas eleições ocorridas na atual legislatura.

Mas Ribeiro não conseguiu costurar apoio dos deputados para se eleger. Para Arruda, a imposição do nome de sua preferência significaria uma negociação difícil. Por isso, ele optou pelo apoio a Leonardo Prudente (sem partido), o distrital flagrado depositando dinheiro na meia, que teve de abrir mão da presidência da Casa e do mandato. Na última eleição para o comando da Câmara Legislativa, por interferência de Arruda, Ribeiro conseguiu cargo na Mesa Diretora, como segundo secretário. Na semana passada, Ribeiro defendeu em relatório na Comissão de Ética a abertura de processo por quebra de decoro parlamentar contra Eurides Brito, Leonardo Prudente e Júnior Brunelli.

O tucano pediu a visita na Superintendência da Polícia Federal logo que a Corte Especial do STJ decretou a prisão preventiva de Arruda, em 11 de fevereiro. Somente ontem, no entanto, ele conseguiu autorização judicial para se encontrar com o governador afastado. Os dois conversaram aproximadamente meia hora, de forma reservada. Ribeiro disse que saiu de lá convicto de que o governador afastado não pretende renunciar. “Arruda não é de se entregar, de desistir”, avaliou. Para o tucano, a situação atual é muito diferente do episódio que levou à renúncia de Arruda em 2001, de violação do painel do Senado. “Naquela época, ele não tinha outro caminho”, acredita.

1 - Obstrução
Além de ser acusado de corrupção, o governador afastado José Roberto Arruda já é alvo de duas ações penais protocoladas pelo Ministério Público Federal. Numa delas, motivo da prisão preventiva, ele é acusado de obstrução da Justiça e suborno de testemunha. Na outra denúncia, Arruda responderá por falsidade ideológica, numa suposta fraude na confecção dos recibos que comprovariam a doação do dinheiro de Durval Barbosa para compra de panetones.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

Mas isso tudo se esgota,

Mas isso tudo se esgota, começo a entender a tática do PT, o JB não vai conseguir entregar toda a encomenda

e isso já vai dar "furo" rapido.O pessoal do DEM exigiu, é ai que a casa vai cair , se liga Joaquim..o jogo  vai

virar.

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Renata Silva
Renata Silva

O que está acontecendo com

O que está acontecendo com este país? O Joaquim Barbosa está declarando que quem de fato manda no Brasil é esta elite corrupta? Estamos assistindo a total desmoralização da democracia. Onde está a OAB? Onde está o PT? Onde está Lula, que assiste a tudo calado? O que adianta se eleger governantes, se quem manda de fato no Brasil é a mídia e a justiça? O Legislativo e o Executivo brasileiros existem para quê, depois desses episódios desse escárnio protagonizado  pelo STF, MP  e mídia? Onde estamos nós que temos somente mostrado horror na facebook e páginas de comentários. Meu Deus! É de estarrecer. Quem vai dar um basta nesse despudor? 

Seu voto: Nenhum (4 votos)
imagem de Mário SF Alves
Mário SF Alves

Quem vai dar um basta nesse

Quem vai dar um basta nesse despudor?

 

Resposta: aqueles que melhor dominarem e exercerem a lógica!

 

E, um detalhe animador: aqui, quase todos sabem que não é da índole e nem sequer permitido à direita o exercício da livre argumentação . Preconceito é o que a moveu ontem, 1954, 1964,  hoje e sempre. E preconceito aliado à crise econômica e/ou desconstrução ideológica indicam que não à toa Hitler chegou onde chegou.

 

Então, portanto, LÓGICA... só a lógica. A paz social passa pela ela. A não ser por ela só nos restaria a grande marcha vermelha pela Democracia de verdade.

Seu voto: Nenhum

RR poderá ser candidato ao governo do DF em apoio a Aécio Neves

Pai de execução das penas de Genoíno foi secretário de José Roberto Arruda, aquele do Mensalão do DEM. Em 2014 RR poderá ser candidato a governador em apoio a  Aécio Neves. Uma dúvida: Com Joaquim Barbosa na mesma chapa?

ELEIÇÕES 2014 - EM GESTAÇÃO A CHAPA 'RR' - AGUARDEM    RR promete dar trabalho aos adversários, principalmente nos debates
Circula nos bastidores da política brasiliense, a informação de que integrantes do PSDB tem conversado com o grupo rorizista. Historicamente, PSDB e Roriz caminharam juntos por muito tempo e foram vitoriosos, como por exemplo, em 2002 quando Roriz ganhou a reeleição tendo como vice a tucana Maria de Lourdes Abadia. 

A ideia é não desprezar os votos do rorizismo – cerca de 30% do eleitorado do DF – e lançar uma chapa ao GDF contendo nome e sobrenome, além da experiência jurídica e parlamentar de seus protagonistas.   Está em gestação a chapaRaimundo Ribeiro PSDB/DF (foto) e Liliane Roriz (foto), que atualmente está no PSD. Se depender dos debates, o advogado e suplente de deputado distrital promete dar muito trabalho aos adversários em 2014 na corrida ao Buriti. 

E caso Liliane não queira ser vice de Ribeiro, este já teria um outro nome na manga, do seguimento evangélico, que também representa 35% da população do DF. Raimundo Ribeiro será candidato a governador pelo PSDB e fará campanha para Aécio Neves, que será candidato a Presidente da República.
Fonte: Publicado porDonny Silva

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

imagem de Fiódor Andrade
Fiódor Andrade

E no facebook comemora a refundação da Republica Barbosiana

No facebook, não está no perfil pessoal, mas sim no do programa Tribuna Livre, ele comemora a "Refundação da República" neste quinze de novembro:

Tribuna LivreOntemA REPÚBLICA RENASCE

Na madrugado de 15 de novembro de 1889, históricos patriotas civis e militares liderados pelo Marechal Deodoro da Fonseca proclamaram a república brasileira;

A história nos ensina que a queda do império se deu principalmente em razão da crise econômica aliada ao desprezo pela área militar e pela ausência de políticas públicas voltadas para as classes menos favorecidas;

No 15 de novembro deste ano, o Poder Judiciário dá inicio ao renascimento dessa república ao mandar prá cadeia um grupo de facínoras que, valendo-se do regime Democrático, assumem o poder, institucionalizam o MENSALÃO DO PT, corrompem o Legislativo, aparelham criminosamente a máquina administrativa, contaminam os órgãos de controle Social, se transformam em gigolôs de sindicatos, cafetinas de movimentos sociais, e assim prostituiram os valores éticos e morais que inspiraram a proclamação da república naquela distante madrugada;

Na coragem de um negro nascido de uma humilde classe social, a nação brasileira reencontra sua vocação para a grandeza descrita no seu glorioso hino;

É necessário que esse gesto encontre ressonância junto a todos os brasileiros que ousam sonhar com uma nação decente em que as instituições públicas, aí incluídas os órgãos públicos, o Judiciário, o Legislativo, o Executivo, o MP, a AGU, a Polícia, sejam instrumentos de serviço à nação e não a um partido político;

Feito isso, não seremos mais obrigados a presenciar cenas patéticas como as que foram mostradas pelos veículos de comunicação onde saqueadores dos cofres públicos, corruptos julgados e condenados pela suprema Corte foram saudados por grupelhos constituídos de alienados como se fossem heróis;

Nunca foram heróis, mas ao contrário, mataram e roubaram tentando implantar um regime totalitário; como não conseguiram através da luta armada, vestiram a pele de cordeiro, fingiram-se de democratas e prostituiram a república;

Mas felizmente, não conseguiram aparelhar todo o Judiciário, e encontraram no seu Presidente e alguns outros poucos ministros a coragem necessária para repelir a institucionalização da corrupção e impedir a garantia da impunidade.

Viva a República.



Raimundo Ribeiro

AdvogadoCurtir ·  · 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Gão
Gão

Péssimos atores

É esse tipo de ataque tosco que fortalece o PT, só falta escreverem 171 na testa.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Últimas notícias sobre o pessoal do Mensalão do DEM

Arruda está solto, seu processo foi desmembrado e deve concorrer ao cargo de deputado federal em 2014 na mesma chapa dessa turma de Raimundo Ribeiro e cia

http://blogs.maiscomunidade.com/blogdocallado/tag/arruda/

Desmembrada ação penal da Caixa de Pandora

José Roberto Arruda, ex-governador do Distrito Federal, não será mais julgado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) na ação penal que analisa o suposto esquema de corrupção apontado pela operação Caixa de Pandora. A Corte Especial do STJ decidiu nesta quarta-feira (5) desmembrar o processo.

Dos 37 denunciados na ação penal, o STJ julgará apenas a denúncia contra Domingos Lamoglia de Sales Dias. Ele é conselheiro do Tribunal de Contas do DF, cargo que atrai a competência da Corte Superior por prerrogativa de função.

Por unanimidade de votos, a Corte Especial acolheu questão de ordem apresentada pelo relator da ação penal, ministro Arnaldo Esteves Lima, propondo o desmembramento. De acordo com o artigo 80 do Código de Processo Penal, essa separação do processo é facultativa e justificada quando o órgão julgador reconhece motivo relevante.

O relator apontou o elevado número de acusados e a complexidade do caso como “limites intransponíveis para a razoável duração do processo, além da eficiência”, que são princípios constitucionais. Além do grande número de envolvidos, os autos têm 38 volumes e 323 apensos. Só a fase inquisitorial durou mais de três anos.

Evitar a prescrição

“No caso, a manutenção da unidade do processo tem se mostrado contraproducente e contrária à racionalização dos trabalhos, ofendendo o princípio constitucional da razoável duração do processo, cujo preceito foi alçado à categoria de direito fundamental pela Emenda Constitucional 45”, afirmou o relator no voto.

Ainda segundo o ministro, o trâmite célere do processo criminal é dever do Ministério Público, dos advogados e do Poder Judiciário, e direito dos acusados. Além disso, ressaltou que incumbe aos agentes estatais empreender todos os esforços para evitar a prescrição penal, “primando-se pela ocorrência de um julgamento justo na essência e no tempo”.

Arnaldo Esteves Lima destacou que o simples fato de haver denúncia pela prática do crime de formação de quadrilha não impede o desmembramento, conforme já decidiu o Supremo Tribunal Federal.

Com o desmembramento, cópia integral do processo será encaminhada para distribuição a uma das varas criminais da Justiça do Distrito Federal, onde todos os demais acusados sem foro especial serão julgados.

 

Arruda e Roriz disputam espólio tucano no DF:

 

Por Leonardo Mota Neto – A disputa de poder entre Aécio Neves e José Serra pelo comando do PSDB nacional tende a reverberar em escala regional no DF, onde grupos ligados a cada corrente se digladiam, o que levou à intervenção na Executiva local, determinada pela Executiva Nacional, cabendo ao ex-ministro Eduardo Jorge o papel de interventor.

O procedimento foi determinado pela sentença de condenação, com prisão em regime semiaberto, lavrada ontem (ainda sob a possibilidade de recurso) do presidente do PSDB/DF, Márcio Machado, que integra o do grupo da ex-governadora Maria de Lurdes Abadia, que por sua vez é ligadíssima ao ex-candidato José Serra.

Dentro de uma semana haverá eleições para a presidência do PSDB de Brasília, e o candidato de Abadia Machado é Jaime Alarcão.

Do outro lado da rua, está o “grupo aecista”, que, dominando o diretório nacional, determinou a intervenção no diretório local através do ex-ministro Eduardo Jorge.

Pode não haver tempo útil para o habilidoso ex-secretário-geral da Presidência no governo FHC para reverter a tendência de vitória do grupo serrista em Brasília. Mas Eduardo Jorge tem claramente esta missão, ele que foi o responsável na época da reeleição de FHC, de aproximá-lo do então governador do Joaquim Roriz.

É aqui que surgem na linha do horizonte especulações sobre a necessidade da campanha de Aécio ter no Distrito Federal uma âncora profunda, com um palanque vencedor, através de um diretório fiel ao aecismo.

E mais: com um candidato a governador próprio, ou apoiado por Aécio, populista e com cheiro de vitória. Daí se explica a presença de próceres do PSDB – ala “aecista” – na missa de Liliane Roriz, filha do mais populista de todos, e dono do maior patrimônio de votos do DF, Joaquim Roriz.

Nunca é demais lembrar que o verdadeiro confronto no PSDB loca e entre Maria de Lurdes Abadia e José Roberto Arruda. Este último ainda se encontra palmilhando o pedregoso terreno judicial da Operação Caixa de Pandora, mas continua endeusado eleitoralmente no DF.

Se candidato em 2014 a qualquer cargo eletivo – já que não houve ainda denúncia formal de seu processo – Arruda ou se elegeria facilmente, ou se apoiasse um outro candidato, junto com Roriz, aquele seria quase imbatível.

Aécio,mineiro como Arruda, cogita esse palanque populista para sair do DF como mais votado. Precisa, primeiro, expulsar o serrismo do jogo, com Abadia, Márcio Machado, Raimundo Ribeiro e seu grupo no PSDB local. E colocar Roriz e Arruda nele.

 Arruda já teria partido e pode disputar o GDF em 2014http://blogs.maiscomunidade.com/blogdocallado/wp-content/themes/inove/im...); height: 16px; line-height: 16px; display: block; font-size: 11px; float: left; background-position: 0px -48px; background-repeat: no-repeat no-repeat;">15 de março, 2013http://blogs.maiscomunidade.com/blogdocallado/wp-content/themes/inove/im...); height: 16px; line-height: 16px; display: block; font-size: 11px; float: left; background-position: 0px -96px; background-repeat: no-repeat no-repeat;">1 comentário  

flavia-arruda-1

Apesar de todos os problemas que enfrenta na Justiça, o ex-governador do DF, José Roberto Arruda, já teria tomado uma decisão: será candidato ao GDF nas eleições de 2014. Pessoas que conversaram com Arruda durante umas das inúmeras reuniões que vem fazendo com aliados políticos em Brasília garantem que ele está bem disposto a enfrentar mais “um desafio político”.

A questão partidária – Arruda está sem partido -, segundo alguns aliados, já está resolvida. Só que não revelam qual partido decidiu aceitar a filiação do ex-governador. Ainda segundo alguns aliados, na pior das hipóteses, o ex-governador poderia disputar uma vaga de deputado federal para alavancar

 

- See more at: http://blogs.maiscomunidade.com/blogdocallado/tag/arruda/#sthash.zJECDa8c.dpuf

Seu voto: Nenhum

 

...spin

 

 

Da turma do Mensalão do DEM- II


Podres! Que elite das mais perversas e, ao mesmo tempo, uma das mais cínicas, ignorantes  e debochadas do mundo e tudo sob proteção do Judiciário que, como sabemos, nunca incomoda esses ratos e ratazanas

 

José Roberto Arruda,
governador do Distrito Federal


Raimundo Ribeiro,
Sec Justiça de Direitos Humanos e Cidadania
do Distrito Federal
Osório Adriano, presidente do DEM,
Distrito Federal

 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

 

...spin

 

 

imagem de Zanchetta
Zanchetta

Mais esta:   ou esta:   

Mais esta:

 

ou esta: 

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de Flavius Augustus
Flavius Augustus

Acabou a farra, né,

Acabou a farra, né, Nassif?

Furar a fila de visita já era... 

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Claro que eu não vi o vídeo.

Claro que eu não vi o vídeo. Mas o JB com certeza sim...

JB definitivamente levou o STF para o fundo do poço. Virou uma zona.

Seu voto: Nenhum (8 votos)

Que podridão ver esse video, que nojo, que horror

Veja só quem está debochando contra os petistas! MPDFT Pede Afastamento de Deputados e Suplentes Suspeitos de Corrupçãohttp://www.nosrevista.com.br/wp-content/themes/nosrevista_2/images/i_aut...); background-position: 0px 1px; background-repeat: no-repeat no-repeat;">Publicado por em 10 de maio, 2010 
   

 

No total, são 26 políticos que o Ministério Público do Distrito Federal solicitou afastamento do processo de votação na Câmara Legislativa dos envolvidos no esquema de corrupção da Caixa de Pandora.

Por Redação

O Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT), depois que estourou na mídia o escândalo de corrupção chamado Operação Caixa de Pandora, ampliou a lista de políticos que deverão ser considerados suspeitos para tratar da autorização para abertura de processos contra o governador afastado, preso e, agora, cassado pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) José Roberto Arruda (sem partido).

Em ação civil pública protocolada na 7ª Vara de Fazenda Pública do DF, cinco promotores de Justiça pedem que 10 deputados distritais e 16 suplentes sejam impedidos de participar da sessão em que será tratada a licença para instauração de ação penal contra Arruda no Superior Tribunal de Justiça (STJ).

Nomes Novos

Além dos deputados Aylton Gomes (PRP), Benedito Domingos (PP), Benício Tavares (PMDB), Eurides Brito (PMDB), Rogério Ulysses (sem partido) e Rôney Nemer (PMDB), que estavam impedidos de participar da votação dos pedidos de impeachment, o Ministério Público pede a exclusão de outros distritais.

São eles: distritais Raimundo Ribeiro (PSDB), Batista das Cooperativas (PRP), Milton Barbosa (PSDB) e Jaqueline Roriz (PSDB) das sessões relacionadas à licença prévia para processar Arruda.

Suplentes deverão ocupar o lugar, mas o MP listou substitutos que também considera suspeitos. São 16 políticos, entre os quais Pedro do Ovo (PRP), que deverá assumir no lugar de Wilson Lima (PR), governador em exercício, e Geraldo Naves (sem partido), preso na Papuda, que ganhou o direito de assumir o mandato com a renúncia de Júnior Brunelli (PSC).


Arruda e deputados distritais flagrados no vídeo da corrupção.

Os novos nomes constam de listas de documentos apreendidos na casa do conselheiro Domingos Lamoglia, do Tribunal de Contas do DF, e na do ex-presidente da Câmara Legislativa Leonardo Prudente (sem partido).

Vários aparecem com iniciais e foram identificados em novo depoimento prestado por Durval Barbosa, colaborador da Operação Caixa de Pandora, ao MPDFT na última quinta-feira.

Suplentes Suspeitos

Entre os suplentes considerados suspeitos estão: Mônica Nóbrega (DEM), Ricardo Noronha (DEM), Roberto Lucena (PMDB), Odilon Aires (PMDB), Aires Costa (PSC).

Também constam da lista os nomes de Lunardi (DEM), Valter do P Sul (DEM), Antonio Alves (DEM), Marcelo Toledo (PSL), Adélia Frejat (DEM), Pastora Keila (DEM), Francisco Crizanto (DEM) e Eliovaldo José Ferreira (DEM).

O STJ pediu autorização da Câmara para instaurar duas ações contra Arruda. Em uma, o governador é acusado de falsificar recibos para justificar o recebimento de dinheiro das mãos de Durval.

Na outra, a Procuradoria-Geral da República acusa Arruda de tentar subornar o jornalista Edson Sombra, considerado testemunha-chave nas investigações da Caixa de Pandora.

De acordo com a Lei Orgânica do DF, o STJ depende da aprovação de dois terços dos distritais para iniciar processo penal contra o governador.

Jaqueline Roriz (PMN) e Milton Barbosa (PSDB) sustentam que seus nomes aparecem numa lista na qual são discutidos cargos para indicações na estrutura da Câmara Legislativa.

Apreensão

O documento foi apreendido na casa de Prudente e teria sido elaborado, segundo Barbosa, pelo ex-secretário-geral da Mesa Diretora da Câmara Gustavo Marques.

A jornalista Mônica Nóbrega afirma que nunca recebeu nenhuma benesse ou dinheiro do governo Arruda. Batista das Cooperativas (PRP) disse que faria um pronunciamento sobre o caso apenas hoje.

http://www.nosrevista.com.br/2010/05/10/mpdft-pede-afastamento-de-deputados-e-suplentes-suspeitos-de-corrupcao/

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

Ele é da turma do Mensalão do DEM

Eleito na chapa de José Roberto Arruda(DEM-D), Raimundo Ribeiro foi secretário de Justiça do governo Arruda por 18 meses. Ele é do bloco da "etica" Jaqueleine Roriz, enfim, o Barbosaão escancarou geral esse julgamento político do começo ao fim, inclusive neste momento de execução das penas:10/12/2009 - 17h44Tucano assume corregedoria que irá analisar processos contra deputados distritais


Os processos podem resultar em cassação. Ribeiro foi lançado como nome de consenso entre governo e oposição.

 

MÁRCIO FALCÃO
da Folha Online, em Brasília

 

Com 14 votos a favor e sete abstenções, a Câmara Legislativa do Distrito Federal escolheu como corregedor substituto nesta quinta-feira o deputado distrital Raimundo Ribeiro (PSDB). Ex-secretário de Justiça do governo José Roberto Arruda (DEM), ele será responsável por avaliar se os processos por quebra de decoro parlamentar contra oito distritais acusados de participação no suposto esquema de arrecadação e pagamento de propina serão encaminhados à Comissão de Ética da Casa.

Durante a votação, sete dos oito investigados optaram por não votar. Ribeiro afirmou que ainda não tem conhecimento das representações contra os colegas, mas disse que é preciso investigar os parlamentares individualmente.

"Cada caso é um caso. Não se julga por atacado nem se relata por atacado. Temos que relatar caso a caso até porque me parece que cada caso tem sua especificidade", disse.

Ribeiro substitui o deputado Junior Brunelli (PSC) que é acusado de envolvimento no chamado mensalão do DEM. Brunelli se licenciou do cargo após ter sido flagrado em um dos vídeos gravados pelo ex-secretário de Relações Institucionais, Durval Barbosa, ex-secretário de Arruda que denunciou o suposto esquema de desvio de verbas públicas e arrecadação de propina de empresas.

No vídeo, Brunelli e demais deputados oram após dividir o dinheiro da propina. Todos os oito parlamentares investigados devem ser alvo de uma representação por quebra de decoro parlamentar na corregedoria da Casa e, posteriormente, na Comissão de Ética.

Além de Brunelli, devem ser investigados o presidente licenciado da Câmara Legislativa, Leonardo Prudente (DEM), a líder do governo, Eurides Britto (PMDB), o presidente da CCJ (Comissão de Constituição e Justiça), Rogério Ulysses (PSB), Benício Tavares (PMDB), Pedro do Ovo (PRP), Benedito Domingos (PP), e Roney Nemer (PMDB).

  

Seu voto: Nenhum (1 voto)

 

...spin

 

 

Além do pai, tem também as

Além do pai, tem também as posições da mãe.  Verdadeira metralhora giratória. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)

Não dá para assistir, é

Não dá para assistir, é preciso muito "estomago" para isso............uma lastima, percebendo-se claramente qual é a intenção do Ministro J.Barbosa. Só pode estar procurando pretexto para renunciar,pois a desmoralização está em efervescência. 

Seu voto: Nenhum (6 votos)
imagem de Mário SF Alves
Mário SF Alves

Não sei se pretexto, mas que

Não sei se pretexto, mas que ele tem de sair de lá rapidinho, tem. O tempo corre contra ele. Quanto mais tempo ele ficar por lá sem que haja nova espetacularização midiática e mesmo "critério"  em novos julgamentos que agora, sim, terá de ser contra os verdadeiros corruptos, mais e mais a desmoralização do STF se intensificará. Ele tem de sair de lá. Sendo ou não sendo candidato.

____________________________________

A direita liberou forças que talvez não consiga mais conter. Conduziram-se como aprendizes de feiticeiro. Todos eles, a direita, a mídia que lhe serve de caixa de ressonância e o STF.

_______________________________________________

Sabem que o neoliberalismo, no qual apostaram todas as fichas, está sendo heroicamente contido no Brasil. Mais um passo em falso e seus pescoços estarão a um milímetro da guilhotina.

Seu voto: Nenhum

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.