Revista GGN

Assine

Processo contra Lula com base na delação de Delcídio entra na reta final

Jornal GGN - A ação penal em que Lula é acusado de ser mentor de um plano para comprar o silêncio do delator Nestor Cerveró, ex-diretor da Petrobras, está prestes a entrar na reta final. Segundo informações de Época, na segunda (7), o juiz Vallisney Oliveira, da 10ª Vara Federal de Brasília, definiu as últimas providências e, em breve, deve abrir prazo para que o Ministério Público Federal apresente as alegações finais.

"Em seguida, será a vez de os réus apresentarem os últimos argumentos contra as acusações. É a fase que antecede a sentença", adicionou o jornalista Marcelo Rocha.

Nesse processo, Lula virou o principal réu após Delcídio do Amaral dizer aos procuradores que o ex-presidente teria ordenado a compra de Cerveró para proteger o pecuarista José Carlos Bumlai. A afirmação do senador cassado se deu após ele ser preso e decidir fazer um acordo de delação premiada.

A defesa de Lula afirma que, ao longo do processo, ficou claro que Delcídio atribuiu a Lula a culpa por um plano que ele próprio teria deflagrado sozinho. Delcídio conhecia Cerveró desde os anos FHC. Os dois atuaram juntos na Petrobras e há depoimentos de Cerveró à Lava Jato revelando como Delcídio abriu as portas da estatal para enriquecer ilicitamente.

No mês passado, o procurador Ivan Marx, que cuida desse e outro processo contra Lula em Brasília, admitiu que a Lava Jato fechou uma delação com Delcídio sem ter provas do que ele afirmou. O membro do Ministério Público chegou a defender a revisão do acordo para que o colaborador perca alguns benefícios. É um indicativo de que o MPF pode pedir a absolvição do ex-presidente petista por falta de provas.

 

Média: 2.3 (6 votos)
6 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Somebody
Somebody

Um acréscimo: O "juíz" Moro

Um acréscimo: O "juíz" Moro acabou de determinar que ele é quem decide o direito à propriedade de um imóvel, não importando quem seja o real proprietário registrado em cartório como deve ser. E os outros patéticos juízes da patética "justiça brasileira" parecem não ver ou não entender como eles estão ferindo de morte o direito à propriedade ao endossarem a palhaçada criada por Moro.

https://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/agencia-estado/2017/08/08/j...

Fiquem atentos, vocês no Brasil não têm mais direito à propriedade segundo a ridícula justiça Brasileira.

Seu voto: Nenhum

Moro,o Obtuso

A Justiça brasileira está uma vergonha. Em qualquer praça em frente de Tribunais do Brasil você compra votos de desembargadores (vide Florianópolis).

O Moro está criando uma Justiça só para ele junto com um silente STF.

E agora a desmoralização do STF com os sorteios de processos.

O processo do ladrão Aécio cair no colo do Gilmar Jagunceiro???!!!!! Paaaraaaaa tudo!!!!!!!!

Quem acredita no STF???????

 

Seu voto: Nenhum
imagem de John J.
John J.

O NOME É: PSDB ou QUADRILHA TUCANALHA?

O PSDB, também conhecido como QUADRILHA TUCANALHA que desde 1980 rouba o brasil e nunca nenhum desses bandidos foi punido porque são protegidos por outra quadrilha, que a Dra. Eliana Calmon chamou de BANDIDOS DE TOGAS, confessou em sua propaganda política na TV que NUNCA PENSOU NO BRASIL e que agora é hora de pensar. ELES SÓ ROUBARAM O BRASIL DESDE QUE EXITEM COMO QUADRILHA DE POLÍTICOS. https://www.youtube.com/watch?v=wHKIErwmG-4 https://www.youtube.com/watch?list=PLWOdS62CKLoJAg3Pl4drK7FqumJiwnAd2&v=3jw7D8YHJuE

Seu voto: Nenhum

Absolvição? Falta de provas?

Absolvição? Falta de provas? Que provas? Para processar e prender o sujeito o caminho já foi aberto pelo juiz moralista de Curitiba!

Duvideodó se não haverá condenação!!

Seu voto: Nenhum (2 votos)

"Não tenho prova cabal contra Dirceu - mas vou condená-

imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Com provas zero...

Com provas zero...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Heloísa Coellho
Heloísa Coellho

Revisão Normativa Necessária

Com certeza, é chegada a hora de Professores de Direito Penal atualizarem a Lei que trata das ORCRIM. Já são inúmeras as delações sem prova a mostrar que os delatores ficam muito vulneráveis, para conseguir a liberdade a qualquer custo, se adequando às preferências político partidárias ou pessoais dos aparelhos de repressão do Estado, de uma maneira desproporcional.

A delação premiada não funciona nos EUA, como ensina John Grisham em "O Inocente", no Brasil virou uma panaceia.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.