Revista GGN

Assine

STF julgará crime de formação da quadrilha da AP 470

Do Estadão

 
Ministros vão decidir se mantêm punição a crimes cometidos por cinco condenados, entre eles Dirceu e Genoino
 
Felipe Recondo
 
Brasília - O Supremo Tribunal Federal (STF) julga na próxima quinta-feira, 20, os embargos infringentes ao julgamento do mensalão, recursos que podem reverter a condenação de parte dos réus. A depender do resultado, o tribunal poderá, por exemplo, livrar o ex-ministro José Dirceu, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o ex-presidente do PT José Genoino do crime de formação de quadrilha.
 
Caso a Corte mantenha a condenação, a pena atualmente cumprida por alguns dos réus aumentará. Dirceu já cumpre pena pelo crime de corrupção (7 anos e 11 meses), para o qual não cabe mais recurso. Se o STF confirmar a condenação por formação de quadrilha, o ex-ministro terá de cumprir pena de 10 anos e 10 meses. Assim, deixará o regime semiaberto e passará ao regime fechado, sem direito, por exemplo, a trabalho externo.
 
No total, 12 réus entraram com embargos infringentes, solicitados quando um réu recebe ao menos quatro votos pela absolvição em um crime. Na quinta-feira, serão julgados os cinco primeiros, movidos por Dirceu, Genoino, o ex-assessor do PP João Cláudio Genu, a ex-presidente do Banco Rural Kátia Rabello e o ex-vice presidente do Banco Rural José Roberto Salgado.
 
Nessa quinta, 13, ministros do STF rejeitaram os recursos com os quais outros quatro condenados pretendiam garantir o direito a um segundo julgamento.
 

 

Média: 3 (6 votos)
40 comentários

Comentários

Espaço Colaborativo de Comentários

Opções de exibição de comentários

Escolha o modo de exibição que você preferir e clique em "Salvar configurações".
imagem de Jorge Moraes
Jorge Moraes

Uma suposição

Cálculos políticos fazem parte da política. 

Ao que está a indicar o noticiário mais recente, o Ministro Joaquim concorrerá a algum cargo eletivo, possivelmente (mas não certamente) à Presidência da República.

Desta forma - embora não só por isso - a especulação de que o Ministro, no mínimo, vai se tornar um político, e para tanto, necessariamente, irá se filiar a algum partido hábil a concorrer, é mais do que razoável.

Retorno aos cálculos. O ainda Ministro faz seus cálculos a partir de um ponto privilegiado, do "Excelso Pretório", mais do que "nunca dantes em sua história", ativamente político.

Nessa perspectiva, e tendo em conta a iminência do julgamento dos infringentes, imaginemos, suponhamos que o Ministro saiba que o STF, de forma colegiada, vá acolhê-los.

Derrotado, ficaria com pouco clima para prosseguir no Supremo. Então, e aí a tentadora especulação, que tal usar o episódio a seu favor, tentando transformar uma derrota (facilmente atribuível a forças "terríveis" ou algo do gênero) em oportunidade para "prosseguir na luta, etc e tal"?

Claro que isso tudo a partir da lógica que parece nortear as composições eleitorais: enfraquecer ao máximo a candidata a reeleição, via ocupação geográfica de bases dilmistas (presença de candidato nordestino e mineiro em chapas diversas), oferta de "tertius" (Campos + Marina),  preservação de votos conservadores (chapa Aécio) e, com o Ministro (se é que tentará a aventura), via simbolismo meritocrático-justiceiro. 

Enfim, é uma hipótese a mais a explicar a investida aparentemente súbita do problemático e temperamental Joaquim Barbosa em sua entrada na cena eleitoral. E com direito à entrevista na Veja (sinto ter de escrever essas quatro letras) e tudo. 

Seria cômico, não fosse trágico. 

 

Seu voto: Nenhum
imagem de Paulo Figueira
Paulo Figueira

Barbosa declara a revista

Barbosa declara a revista Veja que é hora de sair.
Conforme muitos de nós imaginávamos, Barbosa vai deixar o STF, provavelmente para ser candidato, caso se confirme essa notícia, fica mais explícito ainda que a sua postura estriônica e teatral durante o julgamento da 470 tinha intenções que iam além de fazer justiça ou não, ele seguia um roteiro e encarnava um personagem, tal qual um dia produziram com a alcunha de "caçador de marajás".
Repito, caso seu afastamento se confirme, vai ficando mais claro que a direita está queimando todos os seus cartuchos para evitar mais uma vitótia do PT em outubro.
Preparem-se a guerra será sangrenta.

Seu voto: Nenhum
imagem de Eduardo B
Eduardo B

É a mais notável quadrilha do

É a mais notável quadrilha do mundo, a única que se comunicava por telepatia.

Seu voto: Nenhum
imagem de Jean-Jacques Rousseau
Jean-Jacques Rousseau

Dirceu em regime fechado

Se os embargos infringentes forem rejeitados, então José Dirceu não terá usufruído de seu direito a trabalho externo um só dia no regime semi-aberto. Terá sido preso e não sairia tão cedo. Muita gente poderia achar então que esse seria o motivo da demora na concessão do seu direito. Tenho convicção de que esse tipo de ilação seja completamente errado, afinal os seres humanos são essencialmente bons.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Bizarro

Mas o que o senhorio quer é a prisão perpétua de Dirceu,  mesmo se sabendo que ele não cometeu qualquer crime contra a administração pública. Nada mais que venha da cabeçorra mirabolante de Barbosa e seu pensamento escravocrata, de senhorio, me surpreende.  É claro e evidente que, se Fux antecipou a pauta é pq fizeram as contas e o Barbosa vai faturar alguns votos em suas pretensões eleitorais. Bizarro.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Grato, Spin F

Indignação freada

Somos cheios de amor pelo Brasil, com boas ideias, com sensibilidade social, apoiadores de um Governo bem sucedido e democrático, com vontade de sair na rua para declarar o nosso apoio, de dar o troco ao PIG e ao STF. A gente quer se indignar contra toda esta sequência de arbitrariedades, mas sempre tem alguém do nosso time que compromete e que freia este impulso. A toda hora, alguma pessoa ou político ligado ao Governo ou ao PT parece conspirar (embora involuntariamente, na maioria das vezes) contra todo esse desejo preso nas nossas gargantas. O Gilmar Mendes faz e desfaz, desde sempre. O Barbosa compra AP em Miami e fica por isso mesmo, e etc.

Embora com quadros infinitamente melhores que os opositores – que ainda contam com o apoio do PIG e dos tribunais, o PT e aliados, justamente por causa de não contar com o mesmo apoio desses poderes sem voto, permitem que esses poderes abusem e extrapolem qualquer leve defeito nas nossas fileiras para nos diminuir, para nos frear, sujando rapidamente a nossa luta e fazendo perder força às nossas legitimas reivindicações. A rua foi tomada por meninos sem noção, por “sininhos”, por advogados “gratuitos” infiltrados. O PT deve recuperar forças, levantar a moral e ocupar novamente as ruas.

São muitos os casos de negligencia, senilidade irresponsável de alguns políticos do nosso campo, recente fuga ao exterior, recepção de presentes por parte de empresas privadas, vida pessoal indecorosa, aloprados, ministros fracos ou comprometidos com o establishment, precipitação em declarações, micos diversos (embaixada na Bolívia, por exemplo), e etc., que acho desnecessário aqui citar, pois seria uma lista interminável de pequenas bolinhas de papel que o PIG converte em tijolo, como o “acidente de foguete” acontecido na Bolívia (a BAND defendeu os torcedores do Corinthians), comparado com o “assassinato com foguete” de um jornalista do PIG.

O PT estourou o seu direito de errar, em acordos políticos torpes (Minas Gerais, por exemplo, em todos estes anos recentes), em claudicação perante os poderes sem voto (PIG e STF, principalmente), escolha de ministros fracos, indicação de dirigentes sindicais sem preparo para cargos importantes, e etc. O PT deve reestudar os seus quadros, criar uma auditoria interna (uma corregedoria), e iniciar urgentemente uma temporada de caça aos petistas e aliados que comprometam ou ajudem a dar munição ao PIG, que utiliza isso para frear esta força que está aprisionada na garganta e no coração do povo.

A sensação de rabo preso é assustadora, e nem o PT peita mais, perante as injustiças que cada dia são cometidas. Colocar ao Suplicy a peitar Gilmar deu no que deu, um troco mais insolente que o próprio fato discutido, perante um Senador de pijama, chinelo e aposentado (embora ele ainda não reconheça). Lei de meios (?), o Daniel Dantas (?), o grampo sem áudio (?) e centenas de fatos e mais fatos que deixam a sensação de que o Governo e o PT não possuem argumentos nem força para rebater.

Tem muita gente que deveria aposentar; sair da vida pública e abrir espaço para novas figuras; mais gente como Haddad e outros novos, que acordem o PT adormecido e que façam florescer o melhor de nós e a nossa força. Queremos um PT e um Governo de cara limpa e valente; de punho em alto; que erre pelo desejo de acertar e não por conduta errada. Ainda, chega de concessões por conta de alianças espúrias.

 

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Vai começar tudo de novo. A

Vai começar tudo de novo. A mídia circense pressionando a não mais poder os ministros para condenarem os réus. Agora sai o Joaquim da relatoria e entra o Fux. Sai o diabo e deixa o secretário. Bem... que venham.

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Bastidores

Depois dos julgamentos do "Zeca" e do Lindbergh comprovou-se que quando em plenário o que ocorre é um jogo de cena. Para a televisão. O resultado já foi discutido intra muros e quando o JB percebe que perdeu passa bola para o Lewandovisk para não aparecer "derrotado". "Entonces" no dia se o "Lewa" aparecer presidindo a Seção pode-se "soltar os rojões" (epa...), digo, abrir a água mineral e colocar o KG (conforme sugerido num post mais cedo) na vitrola.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Verdade, sempre que a

Verdade, sempre que a situação não cai bem no video, ele passa a bola para o Lewandowski. Foi assim no dia em que o MST cercou o STF. Dá para imaginar JB informando ao plenário que a sessão tem que ser suspensa pq eles estão correndo risco, em cadeia nacional?

É isso aí mesmo; se  a sessão for presidida pelo Lewandodwski é pq caiu a formação de quadrilha. Se tiver na Africa vai alfinetar a decisão de lá; tipo eu estava fora qdo o plenário "salvou" mensaleiros. Sua imagem deve estar dissociada de qq situação que possa remeter a condescendência com os condenados.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de Jurgen2010
Jurgen2010

Perfeito Cristiana!

Perfeito Cristiana!

Seu voto: Nenhum

Queria ver ele fazer esta

Queria ver ele fazer esta chacota com o Ciro Gomes, Requião ou Fernando Ferro .

Com certeza eles responderiam que caso se faça justiça no julgamento do mensalão tucano, o ministro do supreminho( ex subalterno do FHC) não precisaria se preocupar em ressarcir o erário, o amigão DD assumiria o ressarcimento imediatamente

Seu voto: Nenhum (4 votos)

" A injustiça que se faz a um, é uma ameaça que se faz a todos." - Barão de Montesquieu

 

imagem de Aroeira
Aroeira

Gilmar Mendes: mais um factóide

Gilmar Mendes pede 'vaquinha' para reaver R$ 100 milhões do mensalão

SEVERINO MOTTA
DE BRASÍLIA

 

14/02/2014 13h09

http://www1.folha.uol.com.br/poder/2014/02/1412215-em-carta-a-suplicy-gi...

  

Após receber um ofício do senador Eduardo Suplicy (PT-SP) cobrando explicações sobre as suspeitas levantadas contra as doações para petistas condenados no processo do mensalão, o ministro Gilmar Mendes enviou uma carta ao parlamentar e sugeriu a realização de uma vaquinha para ressarcir "pelo menos parte dos R$ 100 milhões subtraídos dos cofres públicos".

No documento, Mendes diz ter certeza que Suplicy "liderará o ressarcimento ao erário" e comenta que o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares, que conseguiu num único dia arrecadar R$ 600 mil, poderá emprestar sua "expertise" para colaborar na recuperação do dinheiro desviado pelo mensalão.

"Não sou contrário à solidariedade a apenados. Ao contrário, tenho a certeza que Vossa Excelência liderará o ressarcimento ao erário público das vultuosas cifras desviadas (...) Quem sabe o ex-tesoureiro Delúbio Soares com a competência arrecadatória que demonstrou – R$ 600 mil num único dia, verdadeiro e inédito prodígio!– possa emprestar tal expertise", diz trecho da carta.

 Sérgio Lima-28.nov.2013/Folhapress O ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar MendesO ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes

MULTAS

Na carta, o ministro destacou trecho do artigo 5º da Constituição dizendo que "nenhuma pena passará da pessoa do condenado". Para ele, assim como a pena de prisão, a pena de multa é intransferível e restrita ao condenado.

Ou seja, tal como pessoas solidárias aos condenados não podem passar alguns dias por eles na cadeia, também não poderiam pagar as multas impostas pela Justiça. "[A campanha de doações para o pagamento da multa] em última análise sabota e ridiculariza o cumprimento da pena– que a Constituição estabelece como pessoal e intransferível– pelo próprio apenado".

Mendes ainda reclama da falta de transparência no sistema de arrecadações e diz que todos os dados devem ser analisados pelo Ministério Público e pela Receita Federal.

Diz ainda que sites usados para as arrecadações são hospedados no exterior, o que dificultaria ainda mais a fiscalização das "doações moralmente espúrias" e destinadas a "contornar efeitos de decisão judicial". 

 

Seu voto: Nenhum

Quem é esse

Aroeira, esse ai da foto é o Gilmar ou é o João Plenário, estou em dúvida, quem é cópia de quem..rss

O ministro do Supremo Tribunal Federal, Gilmar Mendes

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Grato, Spin F

imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Bom, vamos ver. Se o Suplicy

Bom, vamos ver. Se o Suplicy for mesmo macho vai apresentar agora ofício á mesa diretora do senado para convocar o ministro GM a dar explicações na casa por feito chacota com um Senador.

Seu voto: Nenhum (5 votos)

jovem responde à Gilmar..

um jovem de 25 anos, assitente de Juiz de 1ª Instãncia responde ao Juiz Gilmar Mendes em uma carta elegante e muito bem fundamentada..ele poderia estar nas ruas lutando contra tudo e todos mas preferiu ser proativo..

Home » Conteúdo Livre

Leitor manda carta aberta a Gilmar MendesEnviado por  on 14/02/2014 – 1:46 pm36 comentários

Carta Aberta ao Excelentíssimo Ministro do Supremo Tribunal Federal Sr. Gilmar Ferreira Mendes

Por Victor Hugo de Araujo Barbosa

A notícia “Doações ‘sabotam’ cumprimento de pena, diz Gilmar Mendes a Suplicy” veiculada no Blog do Camarotti (http://g1.globo.com/platb/blog-do-camarotti/) em 14 de fevereiro de 2014, informa que em carta enviada ao Senador Eduardo Suplicy (PT-SP), Vossa Excelência teceu duras críticas aos indivíduos que doaram valores para o pagamento das penas de multas de alguns dos condenados na Ação Penal n. 470, filiados ao Partido dos Trabalhadores.

Através de cópia da missiva que o jornalista teve acesso, percebe-se que em resposta a questionamentos formulados pelo Senador Eduardo Suplicy, Vossa Excelência, sob a justificativa de se pautar pela Constituição Federal e pelo respeito à República, suscitou a aplicação do princípio da responsabilidade pessoal (ou da pessoalidade, ou da intranscendência) da pena, prevista no artigo 5º, inciso XLV, de nossa Carta Constitucional, para questionar a origem, a forma e a destinação dos valores doados aos apenados.

Em seguida, Vossa Excelência passa a demandar esclarecimentos a respeito “do ressarcimento ao erário público das vultosas cifras desviadas”, citando inclusive o nome de um dos réus (Delúbio Soares) de forma pejorativa e irônica.

Por fim, concluindo a carta ao senador petista, Vossa Excelência associa a realização das doações para o pagamento das penas de multa a uma medida que contribui para a impunidade, declarando que elas sabotam e ridicularizam o cumprimento das penas dos réus sentenciados.

Eminente Ministro, por ser Ministro do Supremo Tribunal Federal, era de se esperar maior conhecimento técnico e maior rigor em suas manifestações, sob pena de desinformar os jurisdicionados e, no mínimo, de afrontar nosso direito.

Com toda a certeza Vossa Excelência tem conhecimento do debate jurídico que existe a respeito da constitucionalidade da pena de multa. Em virtude mesmo do dispositivo constitucional citado (artigo 5º, inciso XLV), sabe-se que vigora em nosso ordenamento um valor que se irradia para todas as leis penais, determinando que a pena a ser cumprida nunca deverá passar da pessoa do condenado, isto é, só poderá ser cumprida por este. Tanto é assim que, por exemplo, falecendo o réu, o processo ou a pena são extintas (art. 107, inc. I, do Código Penal), não sendo seus sucessores responsabilizados a pagar a pena de multa.

Ocorre que, em relação à pena de multa, absolutamente nada assegura que será paga pela pessoa exclusiva do condenado.

Como assegurar que o réu pagará de seu próprio bolso a pena de multa? Não há como, o que é uma evidente distorção ao princípio da responsabilidade pessoal.
Luigi Ferrajoli, italiano que lançou as bases do garantismo, raciocinou em sua obra Direito e Razão (p. 334) que “a pena pecuniária é uma pena aberrante sob vários pontos de vista. Sobretudo porque é uma pena impessoal, que qualquer um pode saldar”.
Pensemos na maioria esmagadora dos réus condenados em nosso país, em geral pessoas de poucas posses, sem qualquer perspectiva de quitar suas dívidas junto à Justiça. A quem recorrem? A seus familiares, a seus amigos, ao traficante, ao agiota. Trocam uma pena por outra, muitas vezes. A pena de multa, assim, não raro, passa da pessoa do condenado e estigmatiza aqueles ao seu redor.

Vossa Excelência caçoa da boa-vontade de inúmeras pessoas que por ideologia, por um ideal, por boa-fé, resolveram arcar com esse ônus suportado por pessoas que foram julgadas num rito processual que causa espanto a qualquer jurista mais comedido.
Nenhuma lei impede cidadãos de doarem valores a outro. Não importa se a finalidade é pagar uma pena de multa. Não há lei proibindo esta conduta humana. Logo, como Vossa Excelência sabe, por invocar inclusive o “Império da Lei” em sua missiva, não é proibido aos doadores exercerem seu devido direito.

Que se façam as apurações do manejo dessas doações. Aliás, isso não será problema, ante o clima de desconfiança mccarthiana que Vossa Excelência implantou nas instituições com sua declaração infundada (pois sem lastro probatório algum) a respeito de possível lavagem de dinheiro nas doações.

De qualquer maneira, como exposto, não há qualquer fundamento que Vossa Excelência possa argumentar que impeça um brasileiro inconformado com os rumos do julgamento da AP 470 em doar o quanto achar necessário para o pagamento das penas de multa dos condenados filiados ao PT.

Para penas desproporcionais, já que completamente desvinculadas do critério jurídico para a fixação das penas de multa (condição financeira do réu), os doadores encontraram uma resposta razoável, sacrificando-se para mostrar seu apoio aos condenados.
Eles não sabotam e ridicularizam a Justiça. Eles se comprometem em conferir alguma justiça aos condenados, aquela mesma que faltou e vem faltando aos sentenciados no tratamento que eles recebem de alguns de seus julgadores.

* Victor Hugo de Araujo Barbosa, 25 anos, é assistente de Juiz de Direito (1º grau), envolvido diariamente com a resolução de processos criminais, sem transmissão na TV Justiça.

gilmar_mendes_ri-1

- See more at: http://www.ocafezinho.com/2014/02/14/leitor-manda-carta-aberta-a-gilmar-mendes/#sthash.jlvjsGCd.dpuf

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Muito boa a resposta do

Muito boa a resposta do Victor Hugo. Quando vejo um jovem como ele e de uma sensatez que deveria fazer corar o Gilmar, vejo que nem tudo está perdido, que grande parte da nossa juventude não está só no vandalismo. Qual é o objetivo do Gilmar ao aplicar essa famigerada multa aos réus? Uma multa tão vultuosa que, sabem os ministros, os réus sozinhos não têm como pagar. O objetivo é humilhar, tomar o que lhes resta deixando suas famílias ao relento e com uma dívida impagável? Se esse Senado tivesse vergonha na cara, já teria chamado o Gilmar para se explicar. Toma vergonha Senado, para que pagamos esse bando de covardes?

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Palavras fortes e justas, num

Palavras fortes e justas, num ambiente coorporativista, espero que não atrapalhe sua carreira!

Boa sorte e continue com seu trabalho de seriedade e respeito.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Tudo por um país melhor!

Nossa, fiquei emocionada,

Nossa, fiquei emocionada, parabéns ! O menino Vitor Hugo, de apenas 25 anos, deu uma resposta à altura em nome de todos nós. Pela parte que me toca, obrigada, Vitor Hugo. Parece estar mais preparado para seu juiz do STF que a grande maioria deles lá.

Seu voto: Nenhum (7 votos)

Linda  carta, compartilhei no

Linda  carta, compartilhei no FB e TT. 

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de edson ss.
edson ss.

Sem noção

Fez bem a Marta Suplicy ter separado do Eduardo, que no fundo, considero uma boa pessoa e já votei n vezes. Mas o cara é absolutamente sem noção. Pelo amor de Deus, falar com o Gilmar Dantas e ter qualquer tipo de diálogo com esse senhor seja o mesmo que perguntar ao lobo onde está as galinhas do galinheiro. Santa inocência ou sem nenhuma noção mesmo!!!!

Seu voto: Nenhum (6 votos)

Barbosa ja deve estar na "concentração"

 "o tribunal poderá, por exemplo, livrar o ex-ministro José Dirceu, o ex-tesoureiro do PT Delúbio Soares e o ex-presidente do PT José Genoino do crime de formação de quadrilha."

Eles fazem de proposito, so para ver a reação da malta, brandido pela condenação. Mas se fosse sobre o trensalão tucano de SP...

Agora, acho que Dirceu e os outros têm chances de escapar da condenação por formação de quadrilha. Barbosa, Gilmar e Fux são favas contadas, vamos ver o que nos reservam os outros, como as Ministras, Celso de Mello, Barroso, Zavasck... E sera que o Toffoli vai nos surpreender (no bom sentido!) pelo menos uma vez ? 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Tofolli absolveu todos, muito

Tofolli absolveu todos, muito provavelmente não vai mudar o seu voto.

O problema que vejo é a Lúcia, que deu um voto vergonhoso contra os infringentes.

 

Seu voto: Nenhum (11 votos)

Sei lá... o julgamento dos

Sei lá... o julgamento dos embargos terem entrado em pauta tão rápido talvez indiquem que JB vá sair mesmo do STF em final de março; nesse caso, tudo aponta para uma condenação pq essa é a plataforma eleitoral dele seja para presidente ou senador pelo RJ. Isso mantém o JD trancado e aí, sem direito a trabalhar... Aqui eu paro pq como disse a Analu, vou começar a escrever com o fígado...

Nassif, vc viu que GM repondeu a carta do Suplicy, sugerindo uma vaquinha para pagar o dinheiro desviado do mensalão? É mole? Senador, veja aí se ele não mandou com cópia para os militantes pq a gente quer responder a ele... Ah não, GM! Nem vem que essa vaquinha aí num é nossa, não! A gente paga as multas impostas aos nossos companheiros pelo STF; o desvio que o STF inventou é com V. Excias mesmo. Dividam aí pelos 11 e devolvam aos cofres públicos ou a quem reivindicar esse montante. Na verdade, até agora, ninguém reclamou esse dinheiro ou acusou qq desvio. BB, Visanet, BC, TCU... Ninguém sabe do que se trata. Aliás, o próprio plenário do STF e o MPF, não fizeram a menor questão de saber onde foi parar o tal dinheiro. JB, em plenário chegou mesmo a dizer " ... esse dinheiro acaba parando em contas que nós bem sabemos quais..."; portanto, ministro GM, nada de cobrar da gente um dinheiro que, de acordo com JB, todos os ministros sabem onde está e, pior, ninguém está reclamando, apenas V. Excia. Pergunte a JB quais são as contas, mande oficiar e resolva seu problema. Caso concordássemos em fazer a vaquinha, para onde V. Excia encaminharia o total arrecadado, já que os supostos prejudicados não reclamam qq prejuízo? Mas para não dizer que não queremos colaborar com a Justiça, eu pergunto, o sr. já abriu a conta para receber as doações? Tá em nome de quem? E, uma última coisa, aceita vale-transporte?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Cristiana, podemos dar uma de

Cristiana, podemos dar uma de polyana e pensar que, se foi incluído em pauta tão rápido, e longe das eleições, pode ser um sinal de que os embargos serão aceitos. Se fosse para mnater as condenações, eles levariam mais pra frente, quem sabe ?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Sim, podemos! É uma

Sim, podemos! É uma possibilidade, não é?

Seu voto: Nenhum (1 voto)

A FSP esta semana andou

A FSP esta semana andou repetindo a indevida cobrança por parte do BB. Por mais que saibamos a postura do BB, que alega já constar nos autos que não lhe devem nada, a publicação serviu, vemos agora, para levantar a bola para GM incrementar suas vociferações, tentando desmoralizar nosso ato cívico. É questão de honra para eles desmoralizar a vaquinha que contesta suas decisões e os ridiculariza. Se seguissem minha ideia, de entregar todo esse dinheiro em espécie, de preferência em moedas, o ridículo ficaria maior ainda, já pensou, sacos enormes de dinheiro chegando em Brasília, procendentes do povo, para ser entregue no STF ? Tínhamos que ser espertos como eles.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Poderia ser um comboio de

Poderia ser um comboio de caminhões com o dinheiro pelas estradas, equivalente àquela exibição aérea que fizeram com os presos dia 15 de novembro.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Mas tinha que ser pro

Mas tinha que ser pro Suplicy, esse moleirão. Por que ele não  pergunta pro Gilmar quem vai devolver a grana que ele afanou do TJ da Bahia com aquele cursinho fuleiro dele. Ou quando é que ele vai parar de dar HC pro Daniel Dantas. Ou então onde está o áudio do grampo. 

Seu voto: Nenhum (8 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Faz sentido, Cristiana, pode

Faz sentido, Cristiana, pode estar tudo acertado sim.

Provavelmente a pressão sobre a Carmen Lúcia deve estar arrasadora.

Mas não sei não, posso estar sendo ingenuo, mas não vejo o JB saindo agora do STF e se candidatando a algo.

Se for para presidente ele não tem chances e nem teria partidos minimamente estruturado para participar.

Se for para outro cargo terá muito pouca importância.

Creio eu que ele na presidencia do STF e o GM no TSE, até as eleições, os dois poderam criar muito mais problemas ao Governo e também muito mais factóides.

Ainda acho que o JB sai do STF só depois de deixar a presidência, em Novembro.

Com essa carta, o GM mostra mesmo que não tem limites. É bem capaz dele ainda fazer das suas nos infringentes e também no mensalão do Azeredo.

O Lula e o PT tiveram a chance de acabar com a moral dele, naquele episódeo do encontro com o Jobim. Ambos o processariam por calúnia e paralelamente o senado abriria processo por impeachmant. Tudo articulado. Não sei se seria bom para o País, esse é o problema de pessoas como ele, sem responsabilidade. Mas que daria uma boa briga daria. O Fux seria o próximo. Deixaram para lá, agora é tarde. O cara vai criar das suas enquanto tiver poder para isso.

 

 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de msilve
msilve

Daniel, concordo com voce. Só

Daniel, concordo com voce. Só o fato de todos nós estarmos torcendo pro jb sair, já mostra que o cara vai ficar lá. Não vai deixar a presidencia do STF e continuar a fazer dobradinhas com gm.

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Putz... pior é que é mesmo...

Putz... pior é que é mesmo...

Seu voto: Nenhum

Cristiana, Gilmar Mendes além

Cristiana,

Gilmar Mendes além de boquirroto e muitas coisas mais, o que ele é ficar nessa provocação contra um partido e seus militantes, achando que não sera nunca atingido em seu pedestal. E ai, juridicamente, o que pode ser feito ? Vamos parar de ter medo do STF. Se Gilmar atua como um politico de oposição, então que arque com as consequências.

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Pois é, em tese, ele nem

Pois é, em tese, ele nem deveria participar desse julgamento.

Seu voto: Nenhum (5 votos)
imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Juridicamente apenas, nada

Juridicamente apenas, nada pode ser feito.

Quem poderia ter feito era o Lula e o Jobim. Paralelamente o Senado atuaria e pediria explicações. Ai a coisa poderia ficar ruim para ele. Seria uma devassa. Em seguida, uma devassa nas contas da escolinha. Mas não quiseram fazer. Agora é tarde, por enquanto.

Em uma democracia ninguem tem superpoderes, todos eles, tanto GM  quanto JB tem muitas telhas de vidro, GM muito mais ainda. Mas é preciso alguem de coragem para enfrentar. O Lula começou a engrossar agora com eles. Acho que está prevendo que as eleições não serão fáceis. Está atuando preventivamente. Se precisar provavelmente vai engrossar ainda mais. Quando o Lula fala, as coisas ganham muito peso. Veja que o nem o GM e nem o JB deram um pio sobre as críticas do Lula a eles. Imagine o Lula exortando, publicamente, o senado a solicitar abertura de processo ou solitação de prestação de contas de algum ministro do STF ? Aposto que iriam se preocupar. Geralmente quando falamos mais grosso com um covarde ele recua.

Seu voto: Nenhum (2 votos)

O Lula e o PT que se

O Lula e o PT que se cuidem.

O "GILMAU' vai presidir o TSE, a caneta dele pode tudo.....!

Campanha eleitoral antecipada vai dar cadeia.

Seu voto: Nenhum (1 voto)

Celso

imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Vai não, é o Toffoli, até

Vai não, é o Toffoli, até onde eu sei. 

Seu voto: Nenhum

"Agora que a batata começou a

"Agora que a batata começou a assar pro senhor, quer mudar o pedido?" - Zé Garson

Seu voto: Nenhum (2 votos)

Hélio Jorge Cordeiro

imagem de DanielQuireza
DanielQuireza

Evidentemente que Fux vai

Evidentemente que Fux vai matar no peito e condenar a todos.

Celso de Melo talvez mude de ideia em algum caso e quem sabe, pode até absolver alguem.

Da mesma maneira, Carmén Lúcia, que deve estar sendo precionada  de todas as formas para que mude seu voto com relação a quadrilha.

As grandes incógnitas serão Barroso e Zavascki. A tendência é que absolvam - visto que notoriamente não existem provas concretas contra grande parte dos réus, sobretudo em relação a quadrilha e lavagem - e dependendo da fundamentação dos votos que fizerem, podem vir até a influenciar alguns colegas.

Os demais, muito provavelmente, repetirão os votos da primeira fase.

Ou seja, creio haver grandes chances de absolvição, mas sem dúvida, vão tentar todo tipo de jogadas e pressões para "reverter" esse resultado.

Seu voto: Nenhum (1 voto)
imagem de KURK
KURK

http://www.blogdacidadania.co

http://www.blogdacidadania.com.br/2014/02/gilmar-mendes-o-caluniou-e-a-m...

Seu voto: Nenhum (2 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

Pra que? Ja existem duvidas

Pra que?

Ja existem duvidas quanto aos resultados do julgamento?

Seu voto: Nenhum (3 votos)

Muitas dúvidas. Certeza,

Muitas dúvidas. Certeza, nenhuma. Esperança, alguma sim. Porque a construção gigantesca, megalomaníaca, direta na terra, sem fundações, deveria ruir, não tem sustentação. No entanto, há um exército de pessoas a escorar o prédio já com as colunas trincadas e envergadas. Alguns os estão escorando com seu próprio corpo. Mas, a Torre de Pizza nunca caiu, não sabemos. 

Seu voto: Nenhum (3 votos)
imagem de Ivan de Union
Ivan de Union

"Certeza, nenhuma": Entre

"Certeza, nenhuma":

Entre outras das minhas certezas graniticas:  o judiciario vai mentir de novo.

Seu voto: Nenhum

indubitavelmente

Você tem alguma dúvida disso, Ivan?

Seu voto: Nenhum (4 votos)

Tem o certo. Tem o errado. E tem todo o resto. (Cazuza)

Comentar

O conteúdo deste campo é privado e não será exibido ao público.
CAPTCHA
Esta questão é para testar se você é um visitante humano e impedir submissões automatizadas por spam.