Revista GGN

Assine

bancos brasileiros

Itaú se torna maior banco do país, superando o Banco do Brasil em ativos

 
Jornal GGN - O Itaú Unibanco atingiu um total de R$ 1,425 trilhão em ativos em dezembro do ano passado, superando o Banco do Brasil em R$ 4 bilhões e se tornando a maior instituição financeira do país. 
 
O banco das famílias Setubal e Moreira Salles já havia chegado a esse posto em 2008, quando houve a fusão com o Unibanco. A liderança durou pouco tempo, já que logo depois o Banco do Brasil comprou metade do banco Votorantim, assumindo novamente o primeiro posto. 
 
A perda da liderança do BB ocorre após a instituição anunciar uma forte queda em seus lucros no final do ano passado, influenciada pelas despesas com o plano de aposentadoria incentivada, redução nas concessões de crédito e crescimento das reservas contra eventuais calotes.

Leia mais »

Média: 1 (3 votos)

Mesmo com recessão, bancos brasileiros continuam lucrando

No total, os quatro maiores bancos brasileiros tiveram um lucro de R$ 48,7 bilhões, o equivalente a 43% do lucro somado das 100 maiores empresas brasileiras

Jornal GGN - Mesmo com a crise econômica, os balanços financeiros dos bancos mostram números que vão na contramão da recessão. O Itaú teve lucro de R$ 23,3 bihões em 2015, um crescimento de 15,5% em comparação com 2014. Em seguida, aparece o Bradesco, com lucro de R$ 17,1 bilhões (crescimento de 14%), o Banco do Brasil, com R$ 14,4 bilhões (aumento de 28%), e o Santader, com R$ 6,62 bilhões de lucro e aumento de 13,20% em relação a 2014. 

No total, os quatro maiores bancos brasileiros tiveram um lucro de R$ 48,7 bilhões, o equivalente a 43% do lucro somado das 100 maiores empresas brasileiras. Em contrapartida, empresas como a Vale não tiveram resultado positivo, registrando perdas de R$ 44 bilhões.

Enviado por Paulo F.

Do Jornal Brasil

Num momento em que os números da economia brasileira remetem a tempos sombrios de falta de crescimento e de empresas no vermelho; num momento em que as taxas de desemprego sobem e que o temor do colapso financeiro apavora famílias, a divulgação dos balanços financeiros dos bancos anda na contramão da realidade dos brasileiros, numa matemática aparentemente sem sentido, mas que no fundo retrata a realidade cruel do mercado.

O Banco do Brasil fechou 2015 com um lucro de R$ 14,4 bilhões (aumento de 28% em relação a 2014). O Itaú teve lucro de R$ 23,3 bilhões (aumento de 15,5% com relação a 2014). O Bradesco teve lucro de R$ 17,1 bilhões (aumento de 14% em relação a 2014). O Santander teve lucro de R$ 6,62 bilhões (aumento de 13,20% em relação a 2014).

Leia mais »
Média: 3.4 (5 votos)