Revista GGN

Assine

destruição de arquivos

PL da ‘queima de arquivo’ é aprovada no Senado

Senado Federal
 
Foto: Edilson Rodrigues/Agência Senado
 
Jornal GGN - Na semana passada, o Senado Federal aprovou o PLS 146/2007, que permite que documentos originais sejam destruídos após serem digitalizados. O projeto foi criticado por historiadores e arquivistas, que dizem que ele vai favorecer a destruição de provas e de documentos históricos. 
 
Para Challey Luz, especialista em informação digital e professor da Fundação Escola de Sociologia e Política de São Paulo, o PL atenta contra a segurança jurídica e a memória do país. O projeto permite que os documentos, após digitalização, sejam "eliminados por incineração, destruição mecânica ou por outro processo adequado que assegure a sua desintegração”.
 
“Isto é um ataque e um atentado ao patrimônio documental brasileiro, pois sabemos que a digitalização gera um Representante Digital que nunca será igual ao documento original por motivos diplomáticos e de garantia histórica e da verdade”, diz o professor. 

Leia mais »

Média: 1.7 (7 votos)