Revista GGN

Assine

Elza Soares

Façamos, por Chico Buarque e Elza Soares

O ótimo vídeo é uma idealização de Márion Strecker, desenhos de Angeli e direção de Mara Gama. A animação e edição é de Geórgia Costa Araújo.

Leia mais »

Média: 5 (8 votos)

Mais um sete de setembro e o orgulho nacional na lata de lixo

A triste rotina em nossas comunidades periféricas :
 
Acender as Velas - Zé Kéti
 
Média: 4 (4 votos)

A cigarra, Elza Soares

Ref. ao post “Mulher tem que gemer só nas horas boas”, diz Elza Soares

Enviado por Ivan de Union

A música mencionada é "A Cigarra".  Não sabia que Elza já tinha composto música, mas essa é particularmente adequada a uma bateria da pesada.

Leia mais »

Média: 5 (3 votos)

Ilú Obá De Min homenageia Elza Soares no carnaval de SP

Jornal GGN - A cantora Elza Soares será homenageada no carnaval 2016. Em 5 de fevereiro, às 20h, ela abre a folia para o Bloco Afro, com show na Praça da República. Depois, às 21h, o bloco sai em direção a Praça das Artes e Elza deve acompanha-los por pelo menos um trecho.

O Bloco Afro Ilú Obá De Min tem características próprias: é proposto apenas por mulheres, que dançam e cantam versões das músicas dos terreiros de Candomblé, em yorubá (idioma ancestral africano). Mais do que um bloco de carnaval, é uma celebração de diversas manifestações da cultura afro-brasileira e africana.

Leia mais »

Média: 4.5 (8 votos)

Elza Soares, brasileira, negra e feminista

Enviado por Gilson As

Da Revista Capitolina

 
Aria Rita

 

Considerada “a melhor cantora do milênio” pela BBC, descrita como “uma mistura explosiva de Tina Turner e Celia Cruz” pela Time Out, e conhecida no mundo todo como A Rainha do Samba. Nascida na favela da Moça Bonita, passava a infância “rodando pião e brigando com os meninos”. Casou pela primeira vez aos 12 anos, teve seu primeiro filho aos 13, ficou viúva aos 21, e se tornou sensação internacional aos 30. Elza Soares não é apenas um ícone como artista, é também um ícone como pessoa, e um exemplo de superação. A vida não deu trégua pra essa mulher: teve que ser forte pra lidar com inúmeras dificuldades, e ainda assim, nunca deixou de subir no palco com um belo sorriso no rosto e contagiar a plateia com a alegria do samba.

Leia mais »
Média: 4 (8 votos)

Elza Soares, A Carne (Negra)

Enviado por GalieloGalilei

Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

Elza Soares, chacina de menores e o racismo no Brasil

Enviado por Vânia
 
 
 
 
 
'Poderia ter sido eu', diz Elza Soares sobre chacina de Costa Barros
 
Por Luís Barrucho
 
"A carne mais barata do mercado é a carne negra". Foi cantando o refrão da canção A Carne a plenos pulmões que a cantora Elza Soares desabafou, há cerca de três semanas, sobre o caso dos cinco jovens assassinados por policiais militares em Costa Barros, no Rio de Janeiro. O vídeo da apresentação se espalhou nas redes sociais.
 
"Até quanto negros serão mortos nesse país?", pergunta ela, em entrevista, à BBC Brasil. "Negro é gente. Precisamos de uma vacina contra essa doença incurável chamada racismo", vaticina.
 
"Se não tivesse tido oportunidade, poderia ser eu no lugar daqueles meninos", acrescenta.

Leia mais »

Média: 5 (3 votos)

Elza Soares e Wilson das Neves, com Palhaçada

Enviado por mcn

Palhaçada
De Luiz Reis e Haroldo Barbosa

Cara de palhaço
Pinta de palhaço
Roupa de palhaço
Foi este o meu amargo fim
Cara de gaiato
Pinta de gaiato
Roupa de gaiato
Foi o que eu arranjei pra mim

Leia mais »
Média: 5 (2 votos)

Mulher do Fim do Mundo, o novo álbum de Elza Soares

Enviado por Jair Fonseca

Elza Soares, do alto de seus quase 80 anos, lançou o melhor álbum de 2015: Mulher do fim de mundo

Leia mais »

Média: 5 (3 votos)

Elza Soares canta O Neguinho e a Senhorinha, em 1965

Enviado por Jair Fonseca

Elza Soares, há 50 anos, canta "O neguinho e a senhorita", de Noel Rosa de Oliveira (não confundir com o outro), no filme de Mazzaropi, O puritano da Rua Augusta. Não é que o filme tem a ver com o golpe de 64?

Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

E como diz Elza Soares: "tem que beijar a lona pra vencer a luta"

Enviado por JNS

E como diz Elza Soares: "tem que beijar a lona pra vencer a luta"

"Elza, 'moderna, com diversidade de repertório, a mulata assanhada reaparece, forte e lírica, com feridas curadas, e com direito a cantar tudo que quiser', encarna uma história de ressurgimentos e recomeço" - Texto lido na abertura do programa Roda Viva, exibido em setembro de 2002.

Leia mais »
Média: 5 (2 votos)

A poderosa Elza Soares

Enviado por Jns
Média: 3.7 (3 votos)

A Copa que não comemorei, por Elza Soares

Da Folha

 
ELZA SOARES

Além de ter sido um período muito difícil para o Brasil, a ditadura militar foi quando tive minha casa metralhada. Estávamos todos lá: eu, Garrincha e meus filhos. Os caras entraram, metralharam tudo e nunca soube o motivo.

Era 1970, já tínhamos recebido telefonemas e cartas anônimas, nos sentíamos ameaçados e deixamos o país. Acredito que fizeram isso por conta do Garrincha, mas também por mim, pois eu era muito inflamada e então, como ainda hoje, de falar o que penso. Eu andava muito com o Geraldo Vandré e devem ter pensado que eu estava envolvida com política. Mas eu sou uma operária da música, e qual é o operário que não se revolta?

Fomos para Roma, e lá o Garrincha, que não tinha sido convocado para aquela Copa, estava em desespero por não estar jogando e por não ter onde morar. Estávamos num hotel, vendo o Brasil ser campeão. Foi quando o Juca Chaves foi comemorar na Piazza Navona, onde fica a embaixada brasileira.

Estávamos trancados dentro de um apartamento, e o Garrincha queria sair de qualquer maneira: queria participar da festa, mas ao mesmo tempo estava altamente deprimido. Ele perdeu a casa, teve de deixar o país e não sabíamos como voltar.

Leia mais »
Média: 5 (8 votos)

Elza Soares e Emicida se encontram no Compacto

Do Blog da Petrobras

Em mais um encontro diferente promovido pelo Compacto, o videocast de música da Petrobras, o MC Emicida, um dos nomes mais respeitados do rap nacional, se reúne  à cantora Elza Soares para um dueto histórico.

Emocionados, eles cantam de mãos dadas uma versão de  “Quero Ver Quarta-Feira”, composição de Emicida. Confira!