Revista GGN

Assine
imagem de Edison Brito
Profissão Profissional da Navagação Aérea
Formação Superior Engenharia

CONTEÚDOS DO USUÁRIO

Postagens

Por que a mídia deu destaque à quantidade de votos brancos, nulos e abstenções?

Brancos, nulos e abstenção voltaram a ganhar as eleições.

“Em escala nacional, as abstenções foram de 17,5% , apenas 1% maiores que os 16,41% das eleições municipais anteriores, de 2012. E menores que os 20% das eleições estaduais e federais de 2014…O que talvez – e só talvez – mereça análise são os votos nulos e brancos, assim mesmo aqui e ali. São Paulo, por exemplo, onde tanto se fala nesta explosão, teve 1. 155 mil votos nulos e em branco, contra 891,7 mil em 2012.

Naquele ano, abstenções, brancos e nulos – 2,4 milhões – também superaram com folga os votos de José Serra (1,88 milhão) e Fernando Haddad (1,77 milhão)” segundo Fernando Brito do site tijolaco.com.br.

A mídia amplificou essa informação. Oras! Se a mídia, leia-se Globo, deu importância é porque desses dados algo pode ser extraído a favor dessa canalha.

O Temer destaca, com esses números, que o povo pede por reformas políticas. Estupidez. Desde 2013 sabe-se que o país precisa de reforma politica. A Dilma quis fazer, Foi impedida por essa gente golpista.

Os PSDBistas há muito tempo discutem a obrigatoriedade do voto.

Imaginemos se o voto fosse facultativo. Leia mais »

Sem votos

Aos poucos as turvas águas do golpismo vão se clareando.

Aos poucos as turvas águas do golpismo vão se clareando. E os golpista vão aparecendo nas suas formas e funções.

O moleque Aécio Neves sabotou o governo Dilma desde o primeiro dia após sua derrota. Um carrapato, juntou o que há de pior no congresso, e solapou qualquer tentativa do governo de se estabilizar e governar. Canalha! Canalha! Canalha!

O mafioso Eduardo Cunha chantageou Dilma. Se os deputados do PT não votassem a favor do arquivamento do processo que pedia sua cassação aceitaria pedido de impeachment. Corrupto! Corrupto! Corrupto!

O decrépito Fernando Henrique Cardoso escudado na sua falsa áurea de intelectual incentivou obscuros personagens a apoiarem o golpe de estado. Com seus inflados artigos mordia e assoprava.

PSDB. O que um dia foi uma tentativa de social democracia transformou num partido fascista. Suas principais lideranças afirmaram: vamos fazer Dilma Sangrar. Sem compromisso com o Brasil ou com o povo brasileiro.

PMDB. Partido fisiologista. Se tem governo, sou a favor. Assumiu a presidência por tabela três vezes com Sarney, Itamar e agora com o golpista Michel Temer. Derrubando Dilma extrapolou na calhordice. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Para o juiz Rafael Rihan os procuradores da lava jato afrontaram o poder judiciário

Foi lastimável e miseravelmente baixa a entrevista coletiva dada pelo procurador com nome de xarope. Um fundamentalista destilando seu ódio messiânico contra Lula e o PT. Sem provas, mas com convicção acusou o ex-presidente de ser o maior ladrão que este mundo produziu.

O ódio lhe cega. A estupidez lhe torna um ser abjeto.

Reproduzo abaixo o que disse o juiz Rafael Amorim.

RAFAEL RIHAN PINHEIRO AMORIM Juiz Federal 3a Vara Federal de São João de Meriti.

Tem página aberta no facebook, onde publicou o seguinte texto.”:
—-

Com profundo espanto, tomei conhecimento da entrevista coletiva convocada pelos membros do Ministério Público Federal que integram a chamada força-tarefa da operação Lava-Jato, para divulgarem a denúncia que ofereceram contra o ex-Presidente Lula e outros.

Na qualidade de juiz federal, não posso me furtar de dizer que considero esse tipo de iniciativa de espetacularização do processo uma verdadeira afronta ao Poder Judiciário, pois a intenção de quem a promove não é outra senão, através do clamor público, pressionar o juiz da causa a decidir contrariamente aos acusados. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Não tenho provas, mas tenho convicção: já estamos vivendo num estado de exceção.

Venhamos e convenhamos, a apresentação dos procuradores do MPF, feita ontem, foi bem chinfrim. Tanto pelo modo da apresentação, quanto pelo conteúdo. Elaborada em Power Point. Mostraram bolinhas, quadradinhos, setas, caminhão e homenzinhos. Erros de grafia, “govenabilidade”. Mal conduzida, o responsável pela troca do slides se perdia, avançava e recuava à revelia. A caneta laser falhando. As cores mal escolhidas. De um primarismo de dar dó. O objetivo da apresentação “mamãe, terminei!” era mostrar porque Lula foi indiciado. No início: somos apartidário, apolítico, não estamos julgando o Lula pelo fato de ser presidente. Nós nos atemos apenas a tecnicidade. Aí começou as porradas em cima do Lula e do PT. Ou por maldade, ou por ignorância mesmo desfilou a falta do conhecimento de “como roda a roda” do sistema político atual. A necessidade de conchavos, os acertos, as trocas de apoio, a distribuição de cargos. E como tudo era mais do mesmo, voltaram outra vez ao Triplex do Guarujá. Não tinham documentos para provar que era do Lula, mas, segundo o procurador, era por isso que era do Lula. Ele, como “general do petrolão”, ocultava a propriedade. Leia mais »

Imagens

Média: 5 (1 voto)

Deram o golpe. E agora? Agora é com a gente! Vamos Lutar! Sem trégua, sem dó!

Farsa consumada.

O golpe dado.

Pergunto: e agora?

Respondo: e agora?! Agora é com a gente!

Os canalhas bateram forte! Sem dó!

E digo uma coisa: doeu. E como doeu!

Dor igual só senti quando perdi minha mãe…

Mas no fundo, é como se fosse a morte de uma mãe.

De uma boa mãe.

Daquelas que dão carinho. Te escutam.

Te protegem. E não distingue um filho do outro.

De uma mãe chamada Democracia.

Então, fiquemos de luto! Vestidos de preto e tudo!

Com direito a ataúde, coroas de flores, castiçais e velas.

Vamos chorar!

Se puder, chore muito. Mas muito mesmo! Grite até!

É tempo de tempo de chorar.

É tempo de tristeza.

Vamos sentir raiva, espanto, desespero!

Indagar ao divino: por que Deus? Por que você deixou isto acontecer?

Ela era tão boa! Tão cheia de vida!

Olhe várias vezes o caixão. Veja a democracia nela deitada.

Acaricie seu rosto.

Delicadamente a beije!

Curta o luto o quanto quiser!

Um dia, uma hora, uma semana.

Não tem problema.

Cada um com seu tempo.

Expurgue todos os sentimentos que te travam.

Enxugue os olhos. E se anime!

Pois a vida precisa de você! De nós! Leia mais »

Sem votos

Dilma será lembrada como guerreira. E nós? Como desejamos ser lembrados?

A defesa que Dilma Rousseff apresentou ontem no senado é um daqueles dias que entrarão para história.

A começar pelo seu discurso. Completo, forte, denso, abrangente e corajoso.

Abordou sua trajetória política. Desde a juventude até os dias de hoje. Lembrou do combate à ditadura e as injustiças. A prisão, a tortura e os assassinatos que presenciou. Disse não esperar que depois de tantos anos tivesse novamente que se defender num tribunal. E mais uma vez se sentindo vítima de uma injustiça.

Não teve receio de usar a palavra golpe. Temida pelos golpistas. Explicou porque chama de golpe de estado.

Citou os autos. Afirmou peremptoriamente que não cometeu crime de responsabilidade. Não desrespeitou o senado. Os créditos suplementares foram aprovados. O plano Safra não é de responsabilidade da presidenta implementar e sim do ministério. Que todos seus atos foram transparentes e abalizados por órgãos competentes.

Após 40 minutos de discurso encerrou, sobre aplausos.

E começou então a sessão de questionamentos. 47 senadores inscritos.

Não deixou nenhuma pergunta sem resposta. Todas ditas com clareza e firmeza. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Golpismo derrotado, se faz urgente convocar uma assembleia constituinte.

Quem são os comandantes desse golpe?

Não é possível ser o Temer. Sua capacidade se limita ao lar. Não tem estrutura, postura, capacidade, eloquência. É um traidor. Não sabe o que quer. Aquele programa “Pinguela para o futuro” se resume a um pacote de maldades contra o povo.

Se pudéssemos levar as ideias contidas neste programa e apresenta-las a um escravo do século XIX e disséssemos: escravo! Você prefere viver debaixo do pacote do Temer ou das leis da escravatura? Tenho certeza que o cativo escolheria a escravatura.

Não acho muito menos que Gilmar Mendes seja um conspirador. O ministro tem ódio ao Lula e ao PT não é de hoje. É desde sempre. Ele está mais preocupado em proteger seus apaniguados do que dar um golpe de estado.

Aécio Neves? Este tão pouco. Um moleque. Um bon-vivant. Um garotão de praia. Mimado, ganhou de bandeja todos seus cargos. Quando adolescente antevia como futuro inevitável a vida pública. Alguém já lhe perguntou se realmente queria ser um político? O cara não tem cacoete. Se tivessem avisado que dava um trabalho danado, creio que ele rejeitaria tais honrarias. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Se o golpe passar, é o fim de um país chamado Brasil!

O que nós brasileiro estamos vivendo não é uma tragédia, não é uma farsa. É uma realidade!

Estamos prestes a entregar o comando de um dos maiores países do mundo a um bando de bandidos.

Gente sem moral! Sem dignidade! Sem pudor!

Acostumados que são a roubar, não querem ver o covil destruído. Querem continuar roubando. E se puder cada vez mais.

Não adianta academicismos ou legue-legues.

Nunca o estrangeiro vai entender o que aconteceu por estas paragens. Nunca!

Eles sempre levarão suas análises para o lado político. Não adianta!

Michel temer é bandido.

Eduardo Cunha é bandido.

Aécio Neves é bandido.

Aloysio Nunes é bandido.

Renan Calheiros é bandido.

José Serra é bandido.

FHC é Bandido.

E muitos outros.

Isto aqui, senhores estrangeiros, é comandado por uma súcia de marginais.

Nós somos o país que teve a escravidão como sua base econômica por quase meio milênio.

Nós somos o país que não tem povo.

Nós somos o país que sulistas odeiam nordestinos. Não é piada, é ódio mesmo!

É uma coisa abjeta! Leia mais »

Sem votos

Indiciamento do Lula e dona Marisa tem um objetivo: garantir o golpe!

O Lula e dona Marisa foram indiciados por recebimento ilícito de 1 milhão e meio de reais. Foi este valor que a OAS gastou na reforma do tríplex do Lula, que não é do Lula.

Aí o advogado do Lula disse que a PF partiu de uma primícia falsa: o tríplex é do Lula. O resto do inquérito seria um blábláblá inconsequente, já que parte de uma mentira.

A lógica da polícia é a seguinte: o Lula é culpado, agora vamos achar o crime!

O tríplex, que a PF já disse que não é do Lula, e agora, volta atrás, e afirma que é do Lula e portanto, o dinheiro gasto no apartamento foi o Lula que pediu em troca de contrato com o Petrobrás serve de base para o indiciamento do casal. Ufa!! Que bagunça!

Bom, o triplex está no nome da OAS. Registrado em cartório no nome da OAS. Lula não pagou e não levou o apartamento. Teve intenção de compra, mas desistiu.

Inclusive, naqueles grampos, o Lula diz que não é dele a porra do apartamento.

Essa estória cansa a beleza de qualquer um!

É muita maldade e/ou muita incompetência dessas “otoridades”.

Bem, os delegados e procuradores trabalham a favor do golpe. Isso é notório. Leia mais »

Sem votos

Se o golpe de 64 foi pela força, este golpe é pela vigarice.

Nós não podemos perder o foco: o Brasil está prestes a ser tomado de assalto por bandidos das mais diversas áreas. Em definitivo! Michel Temer, Cunha, Fernando Henrique Cardoso, Aécio Neves, Aloysio Nunes, Agripino Maia, Magno Malta, José Serra, Anastasia, Geraldo Alckmin, Jucá, Kassab, Cássio Cunha, Álvaro Dias et caterva. Em 64 os golpistas militares não eram acusados de ladroagem. E mesmo que fossem a população não saberia. Pois, tal como é hoje, a mídia manipulava a informação a favor do golpismo. Atualmente, graças à internet, sabemos do podre desses personagens golpistas. Cada um deles tem interesse particular. A maioria é se proteger. Evitar a prisão. Esses quadrilheiros fizerem acordos com empresários, banqueiros e grandes investidores. Eles impõem um programa neoliberal e em contrapartida ganham apoio dessas forças. O pacote de projetos contra 99% da população que tramita neste congresso é de uma crueldade sem precedentes. Comparável aos tempos da escravidão. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Agora que a Globo encheu o rabo de dinheiro com as Olimpíadas voltará a praticar o esporte que mais gosta e incentiva: o de calu

Agora que a Globo encheu o rabo de dinheiro com as Olimpíadas voltará a praticar o esporte que mais gosta e incentiva: o de caluniar o ex-presidente Lula, a presidenta afastada e o PT.

Por outro lado, a imprensa golpista pode novamente manipular e enganar o povo que construiu um sucesso.

Pode derrubar a autoestima do brasileiro.

Pode mostrar e ampliar o que não deu certo.

A câmera despencando. O banheiro entupido. O asfalto que derrubou a ciclista.

A indelicadeza das vaias contra os golpistas.

Pode detonar a lagoa Rodrigo de Freitas.

As águas da baia de Guanabara que iriam derreter cascos dos barcos.

Falar dos investimentos que dariam para construir tantas escolas, creches, casas e etc.

Pode dar voz a um mentiroso, o nadador bêbado americano.

Pode endeusar Tóquio. Elogiar o japonês. Povo educado, disciplinado, limpinho, cheirosinho. Diferente de brasileiro. O eterno jeca-tatu.

Pode colocar colunista a falar mal do encerramento. Estava uma confusão, por isso ao Globo se perdeu, não é mesmo Nelson Mota?

Pode esconder as vaias, os inúmeros “Fora Temer”. O papel ridículo do Serra, mais um, diga-se de passagem. Leia mais »

Sem votos

Obrigado Lula! Obrigado Dilma! As olimpíadas foram um sucesso!

Sem a dedicação, o esforço e a boa-vontade de vocês dois o país não teria condições de realizar um evento dessa magnitude. O maior do mundo!

Lula, fomos escolhidos porque passávamos por bom momento econômico, mas este não foi o único motivo.

Concorríamos com cidades do porte de Tóquio, Madri, Chicago. Maiores e bem mais ricas.

Vencemos porque tínhamos algo a mais. E sabe qual foi este algo a mais? Foi a sua figura!

Lula você fez a diferença.

A escolha do Rio foi o reconhecimento mundial à sua capacidade de conduzir o país, à sua luta pelo fim da injustiça social, a oportunidade que deu a milhares de estudarem, de sonharem com dias melhores.

E, principalmente, você tirou milhões da linha da pobreza absoluta.

Os programas sociais que implementou são referências à outros países. Não é pouca coisa não!

Só um grande estadista teria capacidade e talento pra tanto.

Parabéns Lula!

E Dilma, se não fosse sua capacidade de organização, a sua vontade política nenhuma das obras necessárias às Olímpiadas sairia do papel.

Você colocou o coração na realização deste evento, deu todas as garantias. Azeitou as engrenagens e tudo funcionou às mil maravilhas. Leia mais »

Imagens

Média: 5 (1 voto)

O povo brasileiro não merece esse destino! Governadores legalistas apareçam! Lutem!

Não conheço todos os meandros da política.

Não sei o que os bastidores nos reservam, mas sei que nesses momentos de ameaça ao estado de direito as pessoa dignas devem ter coragem e força para lutar contra criminosos golpistas. A democracia tem que falar mais alto. Leia mais »

Sem votos

Fernando Haddad, o que menos precisamos agora é de pessoas medrosas, de baba-ovos.

Fernando Haddad, existe uma pessoa meio doente?

Fernando Haddad, existe uma mulher ligeiramente grávida?

Fernando Haddad, existe um cara meio canalha?

Fernando Haddad, existe um meio golpe?

Fernando Haddad, se o golpe é uma palavra um tanto quanto dura, como devemos falar? Putaria, vigarice, patifaria, canalhice, banditismo?

Ou, usando o “tucanês”: movimento parlamentar/jurídico/midiático usando de suas prerrogativas políticas/constitucionais/informacionais tenta destituir do poder uma presidenta eleita democraticamente, mas que não tem afinidade institucional com as forças oposicionistas? Pode ser assim?

Aí não fere os ouvidos sensíveis do Temer, do Cunha, do Aécio, do FHC, do Bolsonaro, do Feliciano e de outros calhordas. Homens sabidamente “finos”, de “classe”.

Sem hipocrisia, por favor.

Fernando Haddad, se não tem coragem de falar o que está acontecendo, por favor, se abstenha de falar.

A mídia hegemônica já fala por você e por vários outros alienados.

O que menos precisamos agora é medrosas, de baba-ovos.

O momento exige pessoas de fibra, de posicionamento.

Fernando Haddad, tem muita gente gritando que é um golpe. E apanhando. Leia mais »

Imagens

Sem votos

A mídia criou e semeou o ódio. Não deixou espaço para reconciliação. E nem era a ideia. E agora?

Usando uma máxima do mundo empresarial: um negócio só é bom, quando é bom para os dois lados.

Se pegarmos esse ensinamento e adaptarmos ao momento atual político veremos que não há condições para um acordo. As portas se fecharam.

Se a Dilma Rousseff sair, a parte que a defende não aceitará. Se ela for reconduzida ao cargo, a outra banda da população também não aceitará.

Esta é a grande questão.

A mídia criou e semeou o ódio. Não deixou espaço para reconciliação. E nem era a ideia.

E agora chegou o momento de colhermos o que a Globo, Aécio, FHC, corruptos, canalhas em geral e outros inconsequentes plantaram.

O ódio de alguma forma tem que ser expurgado.

Ele está latejante. Pronto a explodir.

Guerra?

Talvez uma guerra civil seja o cenário mais plausível. Compreensível, quando os outros meios falharam.

Nos embates há uma descarga da raiva. Mortes, dor, sofrimento, destruição e o cansaço pelas longas batalhas apontam caminhos.

Se houver um equilíbrio de forças a saída é a negociação. Se não, haverá massacre e submissão.

Karl von Clausewitz (1780-1831) definiu a guerra como a “continuação da política por outros meios”. Leia mais »

Imagens

Sem votos

Fotos

Sem colaborações até o momento.

Vídeos

Sem colaborações até o momento.

Documentos

Sem colaborações até o momento.

Áudio

Sem colaborações até o momento.