Revista GGN

Assine
imagem de JB Costa
Formação Administrador de Empresas

CONTEÚDOS DO USUÁRIO

Postagens

Sobre farsas e farsantes, por JB Costa

Por JB Costa

De farsa em farsa este país de políticos e agentes públicos farsantes assiste mais uma tragédia em forma de farsa(ou uma farsa em forma de tragédia?)

Farsa grotesca porque inexiste previsão legal que a ampare e, farsa das farsas das farsas(até o infinito),  quando denomina de "julgamento" um evento em que todos os "juízes" de antemão já inocentaram, mas e principalmente, condenaram a ré. Mais ou menos como escovar os dentes antes das refeições e morrer antes de nascer. Filosoficamente, o efeito antes da causa; no linguajar popular "o carro puxando os bois". 

Pergunta-se: quanto custará ao mirrado, suado, dinheiro dos contribuintes esse "espetáculo"? Já não bastou a pantomima da Câmara dos Deputados, hoje já incluída não só no anedotário nacional, mas de todo o planeta? Por que nos submeter à discurseira demagógica e vazia dos ditos "pais da Pátria"(mais para "padrastos")? 

Leia mais »

Média: 4.3 (11 votos)

Como matemático inventou há mais de 150 anos a fórmula das b

Como matemático inventou há mais de 150 anos a fórmula das buscas no Google

 

 

 

Cada vez que você faz uma busca simples no Google ou em qualquer outro buscador informático, entre os mecanismos de programação que permitem encontrar o que procura há princípios de lógica que foram concebidos há mais de 150 anos.

Foi o matemático britânico George Boole (1815-1864) que inventou um sistema de álgebra que é chave para a programação de hoje.

Boole foi homenageado nesta segunda-feira, no 200º aniversário de seu nascimento, com um Google Doodle, uma versão modificada do logotipo na página da empresa.

O logotipo animado ilustra as chamadas portas lógicas, que são usadas em computação e derivam de funções booleanas. Leia mais »

Média: 5 (2 votos)

Introdução à Filosofia Científica

Introdução à Filosofia Científica

Por Douglas Rodrigues Aguiar de Oliveira -

jul 5, 2015

 

 

  

Imagem do curso de Filosofia e Linguagem Moderna da Universidade de Oxford.

Por Mario Bunge
Publicado no Cien Ideas

Sabe-se que, há um par de séculos, não havia distinção entre filosofia e ciência. Os filósofos do Contra-iluminismo, em particular Hegel, Schelling e Fichte, foram os primeiros a erguer uma parede entre ambos os campos. Mesmo assim, nem todos seguiram. Por exemplo, o filósofo e matemático Bernhard Bolzano se inspirou no grande matemático e filósofo racionalista Leibniz, ao invés dos românticos. Leia mais »

Média: 3 (2 votos)

O tenebroso caso do chocolate do Delegado

Zeladora é autuada por furto em RR ao comer chocolate de delegado da PFZeladora que trabalha na Polícia Federal foi flagrada em sala por câmeras.
Delegado entendeu que mulher cometeu furto ao comer chocolate dele. Leia mais »

Sem votos

"Como é possível"?

Ao longo da história, o processo civilizatório, salvo alguns retrocessos aqui e ali, tem vencido. Em especial após o que os historiadores apropriadamente chamaram de "Iluminismo". 
Mas a luta não foi e nem continua fácil. Leia mais »

Sem votos

As manifestações e a alta do dólar

ECONOMIA 17/08/2015

Queixa unânime durante protesto em Fortaleza: a alta do dólar

http://imgs.opovo.com.br/imgs/autores/PaulaLima.jpgPaula Lima[email protected]

Leia mais »

Sem votos

Há 90 anos, o julgamento da Teoria da Evolução nos EUA

Enviado por JB Costa
 
Da Carta Capital
 
 
por Nirlando Beirão
 
Começava, 90 anos atrás, o tribunal da intolerância, com Darwin no banco de réus. A América mudou alguma coisa?
 
Bettmann/Corbis

Clarence-Darrow

Em Dayton, Darrow tenta disseminar a virtude da dúvida

Dayton, Tennessee, era, 90 anos atrás, um povoado de 1,8 mil almas fervorosamente assistidas por nove igrejas e um punhado de iracundos pregadores dispostos a irrigar seu rebanho com a crença de uma superioridade moral baseada na adesão incondicional à Palavra de Deus. 

Espreguiçando-se “num vale sorridente”, como anotou H. L. Mencken, Dayton trazia em si aquele charme rural, aprazível, que disfarçava uma estufa de superstições, preconceitos e hipocrisia capaz de explodir em ódio contra quem quer que rejeite a autoridade literal da Bíblia e de seus porta-vozes. Um vilarejo, observou Mencken, no qual não havia salão de dança ou de jogo e onde o esporte mais praticado era o rezar. “A oração tem o poder de realizar muita coisa”, ironizou Mencken. “Pode curar diabetes, encontrar carteiras perdidas e proteger as esposas das agressões dos maridos.”

Leia mais »
Média: 4.6 (11 votos)

Cearense entra para o “hall da fama” de universidade america

Sugerido por JB Costa

Cearense entra para o “hall da fama” de universidade americana

Da Tribuna do Ceará

Estudar fora do Brasil é o desejo de muitos estudantes brasileiros. Estudar nos Estados Unidos, país famoso por ter as melhores universidades do mundo, e ainda mais com direito a uma bolsa, é quase um sonho. Um jovem cearense de Bela Cruz, a 242 km de Fortaleza, conseguiu essa chance. E mais, entrou para o hall da fama de famosa universidade americana.

Manoel Felipe de Sousa, 24 anos, é aluno do 6º  semestre do curso de Física do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE) do Campus de Acaraú, localizado na região Norte do estado. Em 2012, o jovem participou de uma seleção para intercâmbio promovido pelo programa do governo federal Ciências Sem Fronteiras. Fez a prova para entrar em 2013 e passou. Permaneceu por 1 ano e 4 meses na Western Illinois University, em Macombs, estado de Illinois, no oeste dos EUA. Lá, devido ao ótimo desempenho, entrou para a Dean’s List, a chamada lista do reitor que contempla os melhores alunos da universidade.

Leia mais »

Média: 4.7 (10 votos)

"Número Zero", romance de Umberto Eco retrata uso do jornalismo por magnatas

Sugerido por JB Costa

Umberto Eco: "A internet pode tomar o lugar do mau jornalismo"

Do El País

Umberto Eco tem na entrada de sua casa em Milão, antes de sua montanha de livros, o jornal de seu povoado (Alessandria, no Piemonte), que recebe diariamente. Quando pedimos fotos de sua juventude foi a um computador, que é o centro borgiano de seu Aleph particular, seu escritório, e encontrou as fotos que o levam ao princípio de sua vida, quando era um bebê de fraldas. Faz tudo com eficiência e bom humor, e rapidamente; tem na boca, quase sempre, um charuto apagado com o qual, com certeza, foge do charuto. Tem uma inteligência direta, não foge de nada, nem dá voltas. Acostumado a escolher as palavras, as diz como se viessem de um exercício intelectual que tem seu reflexo nos corredores superlotados dessa casa que se parece com o paraíso dos livros.

Leia mais »

Média: 5 (4 votos)

"Homenagem" do O Globo e de Chico Caruso ao "Dia da Mulher".

Média: 5 (2 votos)

Presença de médicos muda a realidade da saúde

Presença de médicos muda realidade da saúde

Um ano atrás, os primeiros profissionais do programa Mais Médicos chegavam a Reriutaba. Hoje, sete cubanos trabalham no Município. Em todo o Estado, 1.008 médicos atuam pelo programa federal

FOTO: FÁBIO LIMA

Isidro Rosales Castro e Wesley um ano atrás e agora. A pedido do O POVO, a cena foi refeita. A família é uma das acompanhadas pelo médico cubano em Reriutaba

Mariana Lazari

ENVIADA A RERIUTABA

[email protected]

Mudanças dependem de tempo. Na saúde, para uma transformação mínima, só um ano pode não ser o suficiente. Porém, em Reriutaba, cidade a 309 km de Fortaleza, 12 meses conseguiram trazer à tona um ambiente de mais cuidado, mais atenção, mais cidadania. Esse é o período de atuação, no município, dos primeiros profissionais pertencentes ao programa federal Mais Médicos.

  Leia mais »

Média: 4 (3 votos)

O tema corrupção nas campanhas políticas

Corrupção não é da seara da Política, mas da Polícia. 

Apesar dos registros históricos apontarem a discussão desse tópico em campanhas pretéritas, foi somente a partir do pleito de 2002 que se tornou uma obsessão; quase um monopólio. As razões? Talvez a principal pelo exaurimento de propostas ou diretrizes alternativas face à verossimilhança de modelos que foram, e continuam sendo apresentados e executados, pela duas principais vertentes políticas que se alternam no Poder desde 1994. 

Entretanto, foi a partir de 2005, quando da irrompimento do chamado escândalo do mensalão, que a exploração política alcança o paroxismo. Para contrapor os feitos e avanços dos governos petistas, opositores (lato sensu) instrumentalizaram de tal maneira o tema ao ponto de ficarem eles mesmos reféns em termos de discurso político.  Leia mais »

Média: 3 (2 votos)

Dia dos Pais, por JB Costa

Convencionou-se dedicar-se um dia do calendário ao PAIS, ou genitores. A razão, não sei. Talvez para emular o Dia das Mães e assim evitar eventuais despeitos intra-lar. Mas isso é secundário. O que importa é que nesse domingo pais e filho(a)s se aproximam, se beijam e trocam as juras de amor filial e paternal. Restaurantes cheios e as lojas super lotadas de ávidos compradores fazem, em contrapartida, o lado menos telúrico da festa. 

Acode-me agora uma dúvida: será que esse costume é só aqui no ocidente? Os povos do oriente também guardam um dia especial para homenagearem genitores? Não encontrei fontes para pesquisas. Entretanto, isso é de somenos importância para a elaboração desse texto cujo ânimo é apenas instrumentalizar como mote a efeméride para reflexão lá não muito, digamos, efusivas. Sem mais delongas: para por o dedo na ferida da hipocrisia e alienação dos seres humanos. 

Como pai de três filhos adorados gostaria de ganhar hoje menos beijos e presentes e mais o compromisso deles de que darão os seus quinhões de esforços para fazer deste mundo um lugar mais digno. Quero que me vejam não só pai provedor, pai amigo, pai companheiro, pai parceiro.......Não. Minha aspiração é que me sintam como o "pai" de todos os "filhos" desse planeta. Um "pai" universal no qual o  amor e devoção passe daqueles que são herdeiros dos seus genes e alcance toda a humanidade. Em especial aquela que padece o sofrimento indizível de perder filhos fora do processo natural.

Leia mais »

Média: 4.5 (14 votos)

Edir Macedo valerá uma missa?

Um dos destaques jornalísticos da semana passada foi a participação da presidenta da República, Chefe de Governo e do Estado brasileiro, senhora Dilma Rouseff, a um evento de cunho religioso e privado. A pergunta que muitos brasileiros fizeram é: seria lícito e aconselhável tal iniciativa? Sua excelência por acaso não amesquinhou a dignidade do cargo ao misturar seus interesses políticos-eleitoreiros com os da Nação? 

A efeméride em destaque foi a inauguração de um suntuoso Templo religioso construído para o gáudio do chamado "bispo" Edir Macedo, chefe da denominação protestante-pentecostal Igreja Universal do Reino de Deus. Pode-se dispensar comentários acerca da extravância em si e a peculiar maneira de tratar o "sagrado" por essa "igreja" e focar apenas no gesto da senhora Dilma.

Henrique de Navarra, aspirante ao trono francês lá pelo final do século XVI, pronunciou a frase que passaria a ser uma referência quando o tema é a busca(ou manutenção) do Poder a qualquer custo. Sabedor que pela sua orientação protestante jamais o povo francês o aceitaria como rei, converteu-se ao catolicismo e sem pejo bradou a quem interessasse:  Leia mais »

Média: 2 (1 voto)

O direito do paciente nas doenças terminais

Enviado por JB Costa

Do iG

Testamento vital permite a paciente tomar as rédeas da própria morte

Recente no Brasil, documento garante que pessoa saudável registre procedimentos aos quais não quer ser submetida em caso de doença terminal; ato não tem relação com eutanásia
 
Uma idade marca a vida da psicanalista Marion Vera Dayan. Tanto o pai quanto o avô paterno morreram aos 68, exatamente a idade que ela tem atualmente. Os dois tiveram uma doença metabólica que resulta em pré-diabetes, colesterol no limite e pressão alta. Marion sofre do mesmo mal. Na dúvida se faz parte de uma espécia de "clube dos 27" [idade em que morreram vários astros do rock como Jimi Hendrix e Amy Winehouse ], ela decidiu tomar as rédeas da própria morte.
 
Neste ano, após conversar com o seu médico e um advogado, Marion fez seu testamento vital. No documento, registrado em cartório, ela descreve quais tratamentos aceita e quais não deseja receber quando estiver diante de um diagnóstico de doença terminal e impossibilitada de manifestar sua vontade. "Não quero, de forma alguma, ficar como se estivesse vegetando".

Leia mais »

Média: 4.4 (9 votos)

Vídeos

A verdade sobre o BNDES

Metáfora da caixa de bombom

Enviado por JB Costa

Leia mais »

No limite da Razão

Precursor do rolezinho

Só faltou o professor Hariovaldo

Não se faz mais Direita como antigamente. Desses quatro aí só o entrevistador escapa em termos de mediocricidade, falta de senso e ignorância.

Outra coisa: por que só deu voz a Direita? Observem a imensa contradição: excelsam a Direita como afinada com a democracia e negam voz "ao outro lado". 

Nelson Rodrigues, Gustavfo Corção, Roberto Campos, José Guilherme Merquior, dentre outros, devem ter dado cambalhotas no túmulo.

A vergonha da TV brasileira

Documentário inglês retratanto as baixarias da TV brasileira.

Dia da Independência-Hino Nacional Brasileiro

Timidez

Súplica cearense

Documentos

Sem colaborações até o momento.

Áudio

Sem colaborações até o momento.