Coronavírus: Já são 2.906 mortes no Brasil

Os estados que notificam mais mortes são São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará e Amazonas.

Jornal GGN – O número de vítimas da pandemia de coronavírus Covid-19 aumentou. Agora são 2.906 mortes, segundo divulgado pelo Ministério da Saúde. No dia anterior, 21, o número de vítimas chegava a 2.741 mortes. O número de infectados, ou pelo menos os testados até agora, chega a 45.757, contra 43.079 no dia anterior.

Segundo o balanço do Ministério, são 165 mortes em 24 horas, um crescimento de 6%. O número de casos, por seu turno, subiu 6,2%, com mais 2.678 infectados de terça para quarta.

Os estados que notificam mais mortes são São Paulo, Rio de Janeiro, Pernambuco, Ceará e Amazonas.

São Paulo já tem 15.914 casos, seguido do Rio com 5.552, Ceará com 3.910, Pernambuco com 3.298 e Amazonas com 2.479.

E São Paulo também carrega a triste marca de liderança em número de mortes, com 1.134. Rio em seguida, com490 e depois Pernambuco com 287, Ceará com 233 e Amazonas com 207.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Com Trump, sobreviventes ao coronavírus podem perder seguro de saúde

2 comentários

  1. Segundo Teich, o número de mortos não é explosivo e, por isso, ele já tá planejando o fim da quarentena.

    Ele se junta àquele empresário que disse que iam morrer APENAS 5 ou 7 mil idosos, número que não justifica a quarentena.

    Nessa terra de gigantes, que trocam vidas por diamantes, a juventude é uma banda numa propaganda de refrigerante

  2. As maiores taxas de letalidade são européias,com a Bélgica liderando (~14%) e mais seis (Reno Unido, Itália, Holanda, França, Suécia e Espanha, nesta ordem), todos acima de 10% até acima de 13%.
    Na nossa frente ainda temos Indonésia, México e Filipinas.
    Em n° de mortes, saem estes três e entram USA, Irã, China e Alemanha. O primeiro liderando e os dois últimos com baixa letalidade.
    Em n° casos, entram Turquia e Russia, ambos com baixa letalidade.
    Curiosa coincidência, entre os 50 principais países do mundo na lista (~210 países), o braZil já é o 11° em casos (>45 mil), n° de mortes (~3 mil) e taxa de letalidade (6,4%).
    Imagine-se se não houvesse quarentena e subnotificação?
    É a nossa gripezinha!

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome