Coronavírus: Novartis testa eficácia de hidroxicloroquina

Medicação já é utilizada no tratamento contra a malária; empresa espera ter dados sobre eficácia contra covid-19 até junho

Foto: Reprodução

Jornal GGN – A empresa farmacêutica Novartis anunciou na última segunda-feira que iniciará testes com a hidroxicloroquina em um estudo randomizado para verificar se o medicamento (usado com sucesso no tratamento contra a malária) é realmente eficaz contra o Covid-19.

Segundo informações da agência de notícias Reuters, a empresa espera ter informações a respeito do medicamento até o mês de junho.

Tanto o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como o presidente brasileiro Jair Bolsonaro tem apresentado o medicamento como um tratamento “revolucionário” para doenças respiratórias altamente contagiosas, e a Food and Drug Administration (FDA) autorizou a aplicação da hidroxicloroquina em casos de Covid-19 em caráter experimental, mas ainda não existem provas científicas concretas sobre sua eficácia.

Além disso, existe o temor de que a defesa da hidroxicloroquina no tratamento tenha ofuscado alguns de seus efeitos colaterais, como problemas cardíacos e a perda da visão.

Atualmente, não existem medicamentos ou vacinas aprovados especificamente para o combate ao Covid-19.

 

Leia Também
Metodologia americana ajudará a estimar o número de mortes provocadas por Bolsonaro com coronavirus
EUA vão gastar em testes contra COVID-19 o que o Brasil gasta com Saúde em 2020

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  ONU pede que Brasil suspenda despejos durante pandemia

2 comentários

  1. Tempos depois de todo o estressante disse me disse, da casa invadida e toda revirada é que aparece um chaveiro pra tentar trancar a porta.

  2. A maior parte dos pacientes tratados pelos médicos charlatães bolsonaro trump com cloroquina, saíram dos hospitais para…..

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome