Flávio Dino sinaliza lockdown caso ocupação de UTI chegue a 80%

Governador do Maranhão diz que está preparado para o pior e que possui documento para paralisação total das atividades na região metropolitana de São Luís

Flavio Dino (PC do B), governador do Maranhão. Foto: Reprodução/Wikipedia

Jornal GGN – O Maranhão tem sido um dos estados com melhor gerenciamento da crise do covid-19, mas o governador Flávio Dino (PC do B) ressalta que está preparado para o pior.

“Tenho um decreto pronto de lockdown (fechamento total de atividades) se a ocupação de leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva) chegar a 80%”, disse Dino, em entrevista ao jornal O Estado de São Paulo.

A medida está prevista para ser adotada na região metropolitana de São Luís, que concentra 95% dos casos de coronavírus no Estado. Até o dia 21 de abril, a região registrava 70% de ocupação de seus leitos de UTI e, como forma de atender à demanda, o governo local alugou um hospital de 200 leitos – mas Dino afirmou que está alugando outro hospital e contatando 200 leitos de hospital de campanha.

Os moradores da região metropolitana de São Luís têm restrições brandas de isolamento social: as atividades essenciais estão em funcionamento, enquanto as demais encontram-se paradas. No restante do Estado, a maioria das cidades não registra casos da doença. Neste caso, as restrições de isolamento são adotadas de acordo com a responsabilidade de cada prefeito.

Leia Também
Dino dribla Bolsonaro e Trump comprando respiradores e máscaras da China
Dino ao GGN: Atraso na renda emergencial é para gerar “desespero”

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  GGN Covid Mundo: batido novo recorde diário de casos no mundo

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome