Agrotóxicos, interesses do mercado e as empresas de tecnologia

Pesquisadora indiana Vandana Shiva e sua atuação social em defesa da democracia, da justiça social e do meio ambiente mostra a relação três fatores

Enviado por Cristiane Vieira

Porque precisamos de conhecimento e informação, como educação permanente para a cidadania, para entender em que mundo estamos vagueando sonâmbulo/as:

Vídeos (1 a 4) de reportagem do canal TV Brasil, no programa Caminhos da reportagem, postados em 24/11/2011.

Da ativista e pesquisadora indiana Vandana Shiva, autora do livro “Oneness v. the 1%” (O uno/a unidade versus o um por cento, em tradução livre) – do qual, com o colapso do mercado editorial brasileiro, provavelmente não teremos uma tradução em breve –, que trata, em outros assuntos, das relações entre as grandes corporações bioquímicas produtoras de venenos agrícolas e ambientais (agrotóxicos e sementes geneticamente modificadas), o mercado financeiro e as empresas de tecnologia – a hipervigilância não é a única nem a maior ameaça das Big Techs:

Post deste GGN, de 2014, sobre seu livro “Monoculturas da mente” [aqui], entrevistas (5 e 6) e palestra na ONU (7) sobre suas ideias, seu trabalho de divulgação científica e sua atuação social em defesa da democracia, da justiça social e do meio ambiente.

(1) TV Brasil – Agrotóxicos no Brasil (1/4) – Caminhos da Reportagem

(2) TV Brasil – Agrotóxicos no Brasil (2/4) – Caminhos da Reportagem

(3) TV Brasil – Agrotóxicos no Brasil (3/4) – Caminhos da Reportagem

(4) TV Brasil – Agrotóxicos no Brasil (4/4) – Caminhos da Reportagem

(5) RT America – ON CONTACT – The fight for life v. Monsanto/Bayer AG (postado em 30/03/2019)

Leia também:  Suspeita de uso excessivo de agrotóxico põe em xeque a 'sustentável' Açaí Amazonas, por Fábio Zuker

(6) Canal Ziller Alefh – Depoimento de Vandana Shiva O tempo e o modo – [RTP 2012] (postado em 28/04/2013)

(7) Oneness vs. The 1%: #VandanaShiva at the United Nations Office at Geneva (postado em 14/03/2019)

Precisamos de uma conferência com Edward Snowden, Shoshana Zuboff, Vandana Shiva e Noam Chomsky para montar o panorama dos perigos à democracia, à paz e à justiça ambiental representados pelo capitalismo tecno-biopirata praticado pelas pessoas e empresas mais ricas do mundo, os mais cínicos e sádicos terroristas destes tempos.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

1 comentário

  1. Realmente deve ter muitas empresas que ganhao por tras de tanto agrotoxico mesmo com serteza eles conseguem fabriga produto que voce pasa nas pranta uma veis por meis e ja controla as pragas e doencas nas prantas,mais eles fazem pra gente ficar pasando um monte de produto e toda
    semana ou ate mais de uma veis na cemana pra eles faturarem mais com produto e nois produtores se envenenando no campro e voceis consumidores comendo produto envenenado.mais se nao arumar outro jeito fazer o que em felismente oge se quizer produzir ta sendo de baixo de agrotoxico

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome