Bolsonaro ignora crítica da Mangueira no carnaval 2020 e chama de “desacato a religiões”

"Favela, pega a visão / Não tem futuro sem partilha / Nem Messias de arma na mão", dizia trecho do samba-enredo

Foto: Reprodução Redes

Jornal GGN – Jair Bolsonaro evita admitir que o carnaval 2020 trouxe samba-enredos repletos de críticas ao governo. Após a Mangueira apresentar Jesus como negro, mulher e LGBT+, tratar da violência policial e mencionar “nem Messias de arma na mão”, em referência ao mandatário, em transmissão ao vivo pelas redes sociais, Bolsonaro negou que tivesse relação direta com ele.

Não deixou de criticar a escola de samba, que se apresentou no domingo, afirmando que a Mangueira “desacatou as religiões”, com “Cristo levando uma batida policial”. Mas que o jornal Folha de S.Paulo é que teria “buscado” algo para o “atingir”:

“A Folha de S. Paulo foi buscar hoje uma imagem de Carnaval do Rio, uma imagem de uma escola de samba desacatando as religiões, Cristo levando uma batida policial, faz uma vinculação comigo. Foi buscar uma imagem do Rio para me atingir”, disse o mandatário, nesta terça de carnaval.

Um dos trechos do samba-enredo da Rio Mangueira foi uma crítica direta ao presidente: “Favela, pega a visão/ Não tem futuro sem partilha/nem Messias de arma na mão”. Durante a transmissão da escola, ao vivo, a Globo omitiu o trecho e ignorou o uso do sobrenome do presidente.

Já o ministro da Secretaria de Governo, Luiz Eduardo Ramos, criticou diretamente a escola de samba, em suas redes sociais: “Sou defensor da liberdade de expressão , valor importante na Democracia !! Mas como Cristão não creio ser razoável usar a figura de Jesus, filho de Deus da forma que a escola de samba Mangueira fez !! Independente dos que acreditam ou não, respeitem os Católicos e Cristãos !!”, escreveu.

 

12 comentários

  1. Hoje morreu o irmão do Criminoso que é Patrono desta Escola de Samba? Ou é apenas outro Criminoso qualquer que exerce outro tipo de função? Seja o que for, Escolas de Samba atreladas ao Crime Organizado e Lavagem de Dinheiro na cidade e estado do Rio de Janeiro. Não é esta Escola de Samba, onde Traficantes tinham uma rota de fuga e esconderijo para fugir das Operações Policiais? Sumiram com seu Diretor que não saia do ‘Show da Xuxa’, nem dos Programas da Rede Globo de Televisão. Quanta coincidência?!! Aliás, falando em Criminalidade, igual ao criminosos monopólios que esta Emissora exerce sobre o Futebol Brasileiro também o faz quanto ao Carnaval. Interessante como a Criminalidade está tão interligada com Escolas de Samba e esta Ditadora Monopolista. Será que aí reside tanta critica contra o atual Governo? Sem Dinheiro Público, nem Lavagem de Dinheiro para que serve o Monopólio Criminoso? Pobre país rico. Mas de muito fácil explicação.

    2
    2
  2. Gostei de ver o Marcelo Adnet na São Clemente imitando o Bozo fazendo fake flexões. Foi hilariante.
    Busquem no you tube: “adnet são clemente flexões”

  3. Este cara sabe que Deus é utilizado apenas para dar lucro a alguns CEOs da religião, senão levaria a sério o inferno.

    • Outra coisa, um papo para desinformados; Mangueira é uma das raras escolas de samba que nunca teve “patronos”.

  4. Que religiões se sentirão desacatadas: A CATÓLICA, a Judaica,a Mulcumana, A indu,a Budista, a umbandista; OU AS IGREJAS desses pastores apoiadores do Bolsonaro, que prometem milagres e nunca os entregam? – UM DOS CRISTOS DO DESFILE DA MANGUEIRA ERA UM PASTOR. “”SERÁ QUE SE ESSES PASTORES: EDIR MACEDO, RR SOARES, SILAS MALAFAIA, WALDEMIRO SANTIAGO E ETC, JA TIVESSEM ARRUMADO UM JEITO DE GANHAR DINHEIRO COM O CARNAVAL, ELES SERIAM CONTRA?””

  5. Usar a verba do auxílio para comer gente e dizer que a jornalista queria dar o furo equivalem a acatar todas as religiões

  6. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome