A desfaçatez de Temer, por Dilma Rousseff

Ao defender a permanência de Bolsonaro, artífice do golpe de 2016 revela cara de pau e despudor

A desfaçatez de Temer

por Dilma Rousseff

Uma elite oligárquica que não tem limites para realizar seus interesses – de milícias assassinas ao próprio governo Bolsonaro – produz, também, a desfaçatez ou, em termos populares, a cara de pau, a falta de vergonha na cara.

Michel Temer, um dos artífices do golpe, e do impeachment fraudulento, porque sem crime de responsabilidade, com inegável despudor diz que “o impeachment não pode virar moda” e, por isso, Bolsonaro deve ficar.

É o mesmo personagem de seguidos sincericídios nos quais reconheceu que houve golpe em 2016 e, com a mesma desfaçatez de agora, diz que “não queria e não participou”.

Mas a diferença é que, agora, os pedidos de impeachment contra Bolsonaro não têm a marca e o caráter golpistas, já que se lastreiam em crimes de responsabilidade reais.

DILMA ROUSSEFF

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

3 comentários

  1. ò
    Óleo de peroba é pouco para a cara-de-pau do Bozo. Incluem-se aí uma clava de carvalho e uma penca de cabeças de alho para liquidar com o vampiro. É muita desfaçatez! Falando no próprio, como é que estão os inquéritos de investigação dos prováveis crimes do Temer, Porto de Santos, propinas, etc.???

  2. Parabens Dilma pela mensagem

    Acredito que infelizmente o canalha do vampiro não dara importancia

    Fascistas só entendem uma linguagem e só chamando-os do que verdadeiramente são, vão se recolher aos esgotos de onde não deviam ter saído

    Esse canalha, crápula, bandido, criminoso e ladrão deve ser tratado assim

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome