A grande mentira da ineficiência das estatais, por Andre Motta Araujo

O Brasil moderno foi construído pelas ESTATAIS E NÃO PELO MERCADO, as estatais representaram o Estado Nacional, uma visão de Pais, um projeto de desenvolvimento.

A grande mentira da ineficiência das estatais

por Andre Motta Araujo

A operação Lava Jato em aliança política com o neoliberalismo de mercado inventou a lenda da ineficiência das estatais brasileiras. É lenda, eis porque:

  1. A estatal ELETROBRAS construiu o MAIOR PARQUE GERADOR DO MUNDO, 164 usinas gerando 42.000 MW mais 58.000 km de linhas de transmissão que correspondem a 57% do total nacional, o maior conjunto de geração e transmissão na mesma companhia. Tudo foi construído por uma EMPRESA ESTATAL, sem monopólio no setor, companhias privadas poderiam construir e não construíram nada, sem estatal o Brasil estaria apagado.

2.A estatal PETROBRAS partiu do zero e chegou a ser a 7ª companhia de petróleo do mundo, hoje não mais porque está sendo vendida aos pedaços pelos neoliberais. Essa companhia construiu 11 refinarias, chegou a ter 187 navios, montou enorme malha de oleodutos e gasodutos, a maior companhia petroquímica da América Latina, a 3ª maior rede de distribuição mundial, hoje vendida e DESCOBRIU O PRÉ-SAL, onde a ineficiência?

3.O estatal BANCO DO BRASIL tornou-se um dos vinte maiores bancos do planeta em 1990, até ser abatido pela primeira leva dos neoliberais cariocas do governo FHC, que tudo fizeram para diminuir o grande banco e deixar espaço para os bancos privados. O BANCO DO BRASIL foi a locomotiva da economia brasileira no período 1950-1080, quando o Brasil foi o País que mais cresceu no mundo, uma instituição com forte espírito de corpo, funcionalismo de escol, uma verdadeira escola de boas práticas e solidez funcional, com presença em todo o País e alto padrão de eficiência.

Leia também:  Mídia ignora participação dos EUA no caso Lula e continua "campanha de difamação"

[O GGN prepara uma série no YouTube que vai mostrar a interferência dos EUA na Lava Jato. Quer apoiar o projeto pelo interesse público? Clique aqui]

4.Além das estatais federais importantes e fundamentais, outras no nível estadual foram histórias de sucesso como a CESP, que construiu algumas das maiores hidroelétricas do mundo, como Porto Primavera com um lago que mais que o dobro de Itaipu (2.250 km2) , mais Ilha Solteira, Jupiá, Paraibuna, estatais os metrôs de S.Paulo, Rio e de mais seis capitais, a SABESP, maior empresa de águas do mundo, até hoje estatal mas no caminho da degola.

  1. Na história da economia brasileira os GRANDES SALTOS TECNOLÓGICOS se deram pelas estatais, a partir da SIDERURGIA em 1944, com a criação da CSN-Companhia Siderúrgica Nacional, a primeira das siderúrgicas estatais, depois vieram a USIMINAS, a COSIPA e em ações especiais a ACESITA, todas estatais. Na indústria aeronáutica a EMBRAER, estatal na sua concepção, início e desenvolvimento, a EMBRATEL que uniu o Brasil em rede de telecomunicações. Onde estavam os privados que adoram comprar a obra feita, depois que o Estado teve a iniciativa e assumiu todos os riscos?

FORAM GRANDES EMPRESAS QUE CONSTRUÍRAM A BASE de infraestrutura do Brasil, hoje demonizadas como ineficientes, quando historicamente foram fundamentais para o País, formando ótimos técnicos e dirigentes. O Brasil está jogando fora toda uma cultura de Estado que o mercado jamais irá repetir, basta ver o que se tornou a VALE privatizada, uma empresa que na ânsia exclusiva de interesse financeiro sacrificou mais de 350 vidas.

Leia também:  Apesar dos assassinos de Marielle Franco, a democracia pode ser ressuscitada, por Álvaro Miranda

O Brasil moderno foi construído pelas ESTATAIS E NÃO PELO MERCADO, as estatais representaram o Estado Nacional, uma visão de Pais, um projeto de desenvolvimento. Por outro lado, quem disse que empresas privadas são sempre boas para o País? Quantos projetos ruins, quantos negócios mal feitos de empresas privadas deram grande prejuízo ao Brasil? As altas jogadas telefônicas da BRASIL TELECOM, da TELEMAR, depois OI, o grupo OGX de Eike Batista, prédios que caem, cervejarias que sonegam, linhas aéreas que vão à falência deixando passageiros no aeroporto. Aliás, falando em aeroportos, dois grandes privatizados em situação pré-falimentar, Viracopos e Guarulhos. Há pouco tempo os bancos VOTORANTIM E PAN AMERICANO tiveram que ser salvos pelo Estado, assim como no passado 243 bancos privados resgatados pelo Estado, com dinheiro público. Então NÃO É SÓ A ESTATAL que pode causar prejuízo ao Estado, as empresas privadas também e aí não se vê muito choro dos “neoliberais de mercado”. Quando as coisas dão errado, o sacrossanto mercado apela para o demonizado Estado.

A campanha contra as estatais é um aríete de abrir espaço para os grandes negócios das privatizações. No lugar das estatais, que mesmo com seus defeitos representam os interesses de toda a população brasileira, entraram grupos que buscam exclusivamente lucros a curto prazo, o mais curto possível. E no atual contexto, isso significa que os compradores serão fundos especulativos e não empresas operacionais dos setores. Esses fundos mundialmente se dedicam a retalhar as empresas e as venderem em pedaços, como já está sendo feito pelos atuais privatistas da PETROBRAS, perdendo o País grandes estruturas integradas, muitos empregos, capacidade de pesquisa e de expressão civilizatória e jogando no lixo o interesse nacional.

Leia também:  A queda de Evo Morales na Bolívia e os liberais, por Erick Kayser

O POBRE DE DIREITA

É impressionante a ignorância de grande parte dos apoiadores da privatização, muitos deles pobres que alegremente incensam especuladores e banqueiros, batem palmas para o esquartejamento da PETROBRAS em benefício de bilionários, tudo o que em nada vai beneficiar os pobres do Brasil. Vão empobrecer mais ainda com o fim da PETROBRAS, da ELETROBRAS, dos CORREIOS, da CASA DA MOEDA, estão vendendo o fogão, a geladeira, o sofá, a cama de casal para torrar no Carnaval, vendendo por dois tostões o patrimônio do povo brasileiro e depois virá o que?

AMA

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

13 comentários

  1. Infelizmente, a grande maioria da populsação não tem acesso ă essas informações.
    E os nossos representantes, na Câmara e no Senado, não estão pensando no futuro do Brasil.
    Enquanto continuam nessa briga de esquerda e direita, o Brasil padece.
    Tá difícil. … Saudades do meu Brasil..

    6
    3
  2. Caro André

    Sendo envenenado 24 horas por dia, durante anos, por mentiras que nossa mídia porca, corrupta e venal vomita na sua orelha, a população ia acabar elegendo um bandido como esse cidadão que “assenta” na cadeira de presidente. E parece só haver milicos (que querem entubar uma grana) hoje em dia, porque os militares (aqueles que têm orgulho de serem NACIONALISTAS e defender as empresas, povo e território brasileiros) parecem ter todos passado à reserva

    10
    2
  3. Tenho quase 70 anos (falta pouco) trabalhei na CPFL e CESP durante 20 anos. Modelos de eficiência. CPFL era exemplo de empresa distribuidora e a CESP de Geração e Construção.
    Em 1993, 1994, 1995 a mídia criminosa encetou uma campanha para desmoralização das empresas estatais, o mesmo discurso, a mesma ladainha.
    Como resultado o setor elétrico foi entregue, repito entregue, a empresas muito ínclitas como por exemplo a Enron.
    O que era um simples departamento na CESP de outrora, virou empresa com sede na Berrini, Diretores com carros blindados, bônus milionários e, o que é mais importante: investimento ZERO no sistema. A DUKE Energy, por exemplo, sentou em cima das usinas do Paranapanema durante 10 anos, não fez nada, absolutamente nada e, recentemente vendeu à CTG – estatal chinesa. Nosso país não precisa de inimigos externos, os internos dão conta de destruí-lo.
    É uma farsa nojenta.

    11
    2
  4. “e depois virá o que?”
    Depois se repetirá o ciclo.
    Povo pobre, trabalhando para criar as riquezas que não pode usufruir, vivendo somente para trabalhar e bendizendo o mínimo que lhe sobra pra viver, até que o ciclo de riqueza que ele produz se feche, os donos recolham o produto de seu trabalho e ele volte a ser espoliado.
    Repare que somos gado que produz derivados, se reproduz e pasta à espera de tosquia ou abate.

    6
    2
  5. Bipolaridade Esquerdopata não tem cura mesmo !!! Quando Paulo Maluf privatizou a CMTC (Ônibus da cidade de São Paulo), mantendo por anos o preço da tarifa, aumentando o número de ônibus, de Motoristas e Cobradores. E ainda recebendo por isto, quase foi iniciada uma guerra pelos Aloprados Esquerdopatas. Isto não é possível !!!!! Então temos a chegada de PSDB e PT ao Governo Federal. “Privatiza que melhora”. Olha os serviços na Europa e EUA, propagandeava o repórter Canutto na RGT. Mirian Leitão acusando de ineficiência e atraso todos dias, a FIESP. Não se comparam a eficiência internacional que chegará com as PRIVATARIAS. A oxigenação e concorrência com a chegada dos Bancos Internacionais !!! Destruir Grupo X, Odebrecht, JBS, BRF, Queiroz Galvão,…em ANTICAPITALISMO DE ESTADO, vocês acham que é novidade? Já esqueceram de como bateram palmas para o ‘Príncipe’ FHC e o ‘Mago’ Pedro Malan? Quem produziu este resultado em quase 3 décadas? Somos a Pátria da Surrealidade !!! Quem precisa de EMPREGOS? EMPREGOS aonde, sem EMPRESAS? Pobre país rico. Mas de muito fácil explicação.

    3
    6
  6. A alienação já tomou conta da cabeça do povo.
    Conversei com uma gerente do BB que me disse que “o Lula quebrou a Petrobrás”. Na CAIXA, os funcionários votaram no Bozo. Perguntei para um gerente de lá se ele não temia a privatização. “Não”. Foi a resposta. Outro me disse que “o Dória é um bom político”.
    Pois bem, a energia vai ficar mais cara, bem como o gás, a água, os correios, os empréstimos, financiamentos. A transferência da renda do pobre para o rico.
    Como desgraça pouca é bobagem, acho que as milícias e o PCC serão mais bem equipados. Acho que a CIA será responsável por parte disto.
    O império americano está montando uma base na tríplice fronteira. O aqüífero Guarani é deles. De lá, eles controlaram Itaipu. Podem parar o Brasil sem dar um tiro. Lembro que a Bolívia anterior a Evo tinha privatizado até “a água da chuva”, sem ironia ou metáfora. Sim, a água da chuva!
    Surgirão outras milícias no sul.
    A CIA tem um orçamento de 220 bilhões de dólares. Prá que? Guerra híbrida.
    Caminhamos para ser uma grande Líbia?
    Em alguns momentos acho que sim,pois este país é muito rico e para roubar ele totalmente vai ser preciso muita desgraça.
    A culpa?
    Primeiro da grande mídia, e hoje acompanhada por milhares de outros meios de comunicação.
    Depois, os militares, com suas cabeças ocas.
    Por último, o pé rapado de direita.
    Dificilmente o Bozo vai. Os milicos estão com ele. Se cair, o “projeto” continua.
    Com todas as “barbaridades” que a vaza jato já mostrou, tanto o Ministro da justiça, o Conge, como o podre do dalagnhol e seus procuradores ladrões continuam. A máfia a jato continua.
    Eu só me preparo para isso tudo.
    Resistir deixou de ser lutar, passou a ser saber e esperar. E, infelizmente, esperar pelo pior.
    Deixarei para os meus netos uma terra bem arrasada.

  7. + comentários

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome