Alergia a voto, por Homero Fonseca

Extrema-direita denuncia fraude na votação eletrônica no Brasil. Extrema-direita acusa fraude nas eleições com cédulas impressas dos EUA. E agora José?

Alergia a voto

por Homero Fonseca

Extrema-direita brasileira acusa de fraude (sem provas) qualquer eleição por votação eletrônica.

Extrema-direita americana acusa de fraude (sem prova) a eleição perdida por Trump. Detalhe: em 46 dos 50 estados americanos vigora o sistema de voto impresso.

A extrema-direita brasileira é vassala da americana, fez até passeata de apoio a Trump (ahahahahah) e endossa as denúncias de fraude nos EUA (eleição majoritariamente por voto impresso).

Pequeno raciocínio lógico: a extrema-direita não se importa se o voto é impresso ou eletrônico. Ela é contra o voto.

Para os neandertais políticos, tudo é pretexto para deslegitimar o sistema democrático.

Por trás das acusações de fraude nos dois casos, dos argumentos cavilosos e da ausência de qualquer preocupação com coerência, o que há é um movimento para destruir a democracia.

Trumpistas e bolsonaristas nem de longe estão preocupados em aperfeiçoar qualquer sistema eleitoral. Eles têm é alergia a voto.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  O Debate sobre o que foi a Ditadura Militar no Brasil nas Páginas da Revista Cientifica Tempo Amazônico, por Marcos V. F. Reis

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome