Japão considera pedir para empresas aumentarem salários em 2016

Jornal GGN – O governo do primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, considera pedir para as empresas do país um aumento de salários em um momento de estagnação econômica ocasionada pelos baixos gastos dos consumidores.

O governo já teria convencido várias companhias a elevar os ganhos dos trabalhadores em uma série de reuniões com sindicatos e representantes empresariais. Nesta semana, dados mostraram contração da economia japonesa no segundo trimestre, com queda das exportações e dos gastos dos consumidores.

Da Reuters
 
Japão avalia pedir que empresas aumentem salários em 2016, dizem fontes
 
TÓQUIO (Reuters) – O governo do Japão está considerando pressionar empresas a elevar salários novamente em um momento de estagnação econômica devido a gastos fracos dos consumidores, disseram várias fontes do governo.

O governo do primeiro-ministro japonês, Shinzo Abe, já convenceu várias importantes companhias a aumentar salários nos últimos dois anos com uma série de reuniões com lobbies empresariais e sindicatos.

Crescem as vozes no governo a favor de usar a mesma tática para as negociações salariais do ano que vem, disseram as fontes, após dados mostrarem nesta semana que a economia contraiu no segundo trimestre, com queda das exportações e retração dos gastos dos consumidores.

Abe assumiu o governo no fim de 2012 com a promessa de dar fim a décadas de deflação e mazelas econômicas com reformas estruturais e afrouxamento monetário, mas consumidores têm adotado cautela e a inflação estagnou.

Os pedidos anteriores do governo elevaram os salários nas maiores empresas do Japão, mas isso até agora não se disseminou pela economia.

A estratégia também atraiu críticas de que o governo está intervindo excessivamente no setor privado.

 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

1 Comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Emilia Silva

- 2015-08-18 18:43:37

Minha percepção diz que o

Minha percepção diz que o consumismo selvagem chegou no pico e agora começou a declinar. No Japão, no Brasil e no mundo.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador