…Lula, aceita um conselho?…

    …Lula, aceita um conselho?…
    .
    Primeira parte – Uma introdução necessária. –
    .
    Começo esse artigo, que promete polêmicas acirradas, o que quase me fez desistir de escrevê-lo, com um fato que vivenciei no antigo blog do Nassif, o “Advivo”, em fim de 2009 ou nos primeiros meses de 2010, não me recordo com exatidão.
    .
    Por volta de 2008 a 2010 participei bastante em meu blog pessoal lá mantido, escrevendo meus textos e participando de conversas animadas com alguns participantes do blog, lembro muito do Arkx e da Anarquista Lúcida naquele tempo.
    Era início de 2010 e não lembro agora se Dilma já havia sido lançada como a escolhida por Lula para sucedê-lo, ou se isso ainda era uma “especulação”, já que outros nomes eram ventilados, entre eles o meu preferido na ocasião, Ciro Gomes, a quem, em minha opinião, Lula devia muito de sua permanência no governo na crise do “mensalão”, quando houve um curto período em que “se sentia no ar” a possibilidade bem real de uma tentativa de impeachment, abortada, quem diria, por FHC e sua sentença perversa, algo do tipo: “Não, não é preciso, deixemos o porco sangrar até 2006…” – quando, em sua avaliação, um Lula de popularidade devastada perderia a eleição para o candidato tucano – Alckmin. Ninguém foi às ruas segurar a horda golpista com a coragem e o destemor de Ciro Gomes, defendendo Lula e sua permanência no poder. Daí o meu susto inicial pela escolha de Dilma Roussef, e o artigo que escrevi naquela ocasião, com críticas duras a Lula (a quem eu já devotava imensos respeito e admiração por tudo o que tinha nos dado de sonhos e realizações e pelo patamar que havia elevado o Brasil, finalmente um país respeitado e até celebrado em todo o mundo…), e adjetivos que reconheço, como “fraco” e outros mais pejorativos, inclusive citando meu desejo e não votar em Dilma, diante de minha visão do erro tremendo que representava essa escolha.
    .
    Meu ponto básico (e digo isso sem querer parecer um “gênio”, errei quase tudo o que previ para o meu país…) era que Dilma, digna, honesta, séria e competente, era TUDO, MENOS UMA POLÍTICA EM SUA ESSÊNCIA, e que, pela falta dessa capacidade – “a arte da política” – e um tanto de honestidade carregada de ausência de malícia, MAIS CEDO OU MAIS TARDE SERIA DEVORADA PELAS RAPOSAS DO NOSSO CONGRESSO, levando o país a uma crise de governabilidade, o que eu realmente acreditava que iria ocorrer, “por mera intuição”, essa é a verdade.
    .
    Fui massacrado por dezenas de companheiros do blog, chamado de “burro”, “traíra” e outras coisas, e defendido apenas pelo Arkx e a Anarquista Lúcida, que me acompanhavam mais de perto – eu era dos mais desconhecidos do blog… – e que afirmaram a todos que eu era sim, “de esquerda”, e que já escrevera (o que era verdade…) dezenas e dezenas de textos defendendo os dois governos Lula, expresso por ele toda a minha admiração, e reconhecido todos os seus feitos sociais, econômicos, políticos e quanto à soberania do Brasil, que, pelas mãos de Lula atingiu seu auge.
    .
    A “ira” durou dois dias, logo me desculpei e passei a defender com vigor a campanha de Dilma, é claro, o outro lado representava o retrocesso abominável de Alckmin.
    .
    Durante todo o primeiro mandato de Dilma, “sumi da política”, do blog, envolvi-me mais com o mundo das artes, exceto em 2013, quando percebi o perigo das manifestações do “Gigante acordou!” e os primeiros sinais de perigo à nossa democracia acenderam, confirmado pela eleição odiosa de 2014, já com o país totalmente mergulhado no ÓDIO plantado acima de tudo pela Veja, e logo seguido por Folha, Estadão e a Globo, a operação Lava jato já tendo “um jovem e destemido juiz do Paraná” sendo tornado o herói de nossas classes médias, a capa da Veja um dia antes da eleição e logo depois o hoje famoso discurso de Aécio, do “tornaremos esse governo inviável desde o seu primeiro dia”… O resto, para tristeza e dor profundas de qualquer brasileiro lúcido, nós já sabemos, não é mais “futuro improvável”, mas um tempo presente que nos atirou no mais fétido, maligno e profundo pântano de incivilidades, perversões, insanidades, quebra de direitos os mais diversos, que nosso país já experimentou em toda a sua História. “Inferno” ou “Hospício bestial” são quase termos suaves para descrevermos o que passamos pelas mãos de Moro, Janot, STF, grande mídia, Forças Armadas e no seio de nossos próprios amigos e familiares da enferma e fanática classe média brasileira…
    .
    Hoje, repito a “estratégia suicida” de escrever um artigo, mais intuitivo do que racional, muito semelhante àquele que escrevi há dez anos, com a diferença que este, atrevo-me a dirigir especificamente ao líder político que mais terei amado, respeitado e admirado, dentre todos os que a vida me concedeu conhecer: Luís Inácio Lula da Silva, o Lula!
    .
    Segunda Parte – A ousadia do conselho de um brasileiro amador em textos jornalísticos e na política, a Lula.
    .
    Prezado Lula,

    Começo essa carta-aberta-conselho, registrando mais uma vez minha admiração e respeito por você. Acima de qualquer outro de seus feitos, elejo um como a fonte de meu apreço: o senhor PROVOU que tudo o que sonhávamos há séculos, mas mal acreditávamos, pois parecia-nos mais utopia do que sonho plausível, O SENHOR MOSTROU QUE ERA E É POSSÍVEL! Queria tanto que o senhor e os militantes enxergassem que esse é o seu MAIOR LEGADO, superior a qualquer outro. Explico: Temer, Bolsonaro, e antes deles, Globo, Moro e os procuradores da Lava Jato, além do nosso Judiciário indigno, aos poucos, destruíram de modo covarde, cruel, tudo o que o senhor e a presidente Dilma plantaram no sentido de TRANSFORMAR A REALIDADE DA VIDA DE DEZENAS DE MILHÕES DE BRASILEIROS!
    .
    Ah, não foi pouco isso! Quanto lhe devemos, e a cada deputado, senador, governador, ministro, militante, ligados ao PT e a alguns de seus aliados. Cabe aqui, com sobras, a palavra GRATIDÃO! Muito obrigado, em nome de cada brasileiro que recebeu energia elétrica, crédito bancário, emprego, salários maiores, FIES, PROUNI, Mais médicos, Bolsa família espalhada por todos os recantos desse país, a criação de Universidades e Escolas Técnicas, habitações a preços módicos aos trabalhadores, enfim, qual o tamanho de nossa dívida com o senhor…?
    .
    Mas uma coisa eles, nossos oligarcas, os verdadeiros donos da “CASA GRANDE”, conseguiram, além de praticamente destruírem grande parte do que o senhor construiu: ELES NOS TROUXERAM A HERANÇA DO NOJO E DO ÓDIO, CONTRA O SENHOR, SUA FAMÍLA E SEU PARTIDO! E não há nada que o senhor possa fazer a respeito disso, por mais que seja seu direito de lutar por justiça, sendo parte disso, um reconhecimento de sua honestidade e competência nos governos que liderou.
    Isso, contudo, NÃO ACONTECERÁ NESSA GERAÇÃO, talvez nem na próxima….
    O trabalho MALIGNO de inoculação nos brasileiros desse nojo e ódio que falo nesse artigo, foi executado por mestres no assunto! A parcela de nossas elites e classes médias, e mesmo entre os mais pobres, que hoje o detesta e vê como “o chefe da quadrilha petralha”, esses brasileiros morrerão em seus preconceitos, fanatismo, ignorância e falta de cognição com a realidade de quem o senhor é, e de tudo o que realizou… É trágico reconhecermos isso, mas é assim, tornou-se uma DOENÇA PSICOSSOCIAL, basta vermos a facilidade com que celebraram sua condenação em um dos processos jurídicos mais toscos, absurdos, injustos, da História do Direito mundial em todos os tempos. Siga lutando contra isso, eu faria o mesmo, mas pense um pouco também no país que o senhor tanto amou e tanto ama, e SEJA PRAGMÁTICO E INTELIGENTE, como pragmática e inteligente é a direita perversa do nosso país!
    .
    O senhor, Dilma, e grande parte da esquerda falharam ao não perceber que “a serpente estava apenas adormecida”, fingindo aceitar a democracia e o ambiente político de diálogo que sempre foi a marca de seus governos e da presidente Dilma. Mas o senhor teve amostras graves da sordidez dessa gente, no julgamento do “mensalão” pelo STF em 2012, como anteriormente, no episódio do “grampo sem áudio”, na farsa perpetrada por Demóstenes Torres e Gilmar Mendes, o escarcéu da mídia, e as pressões, que o fizeram demitir o signo e sério diretor-geral da Polícia Federal, Paulo Lacerda.
    .
    Depois, tivemos as quase inacreditáveis escolhas do senhor e Dilma, dos Procuradores-Gerais da República, instituindo uma INEXPLICÁVEL “lei não escrita”, de empossar no cargo o mais votado pela corporação dos procuradores federais, acreditando, de modo ingênuo, que estes se portariam de um modo “minimamente digno, profissional e imparcial”, o que custou, de certo modo, parcialmente que seja, o nascimento da Lava Jato, a pavimentação do movimento midiático que levou o país ao ódio e nojo do senhor e o PT, e no clímax de todo o horror, as omissões do STF, o impeachment, seus julgamentos e, finalmente, sua prisão. Sei que foi “de boa fé”, é provável que qualquer um de nós cometêssemos os mesmos erros, o caso é “que o Brasil não era digno, justo, democrático, civilizado, e até humano”, como o senhor achou que éramos… A besta e a serpente do fascismo mais covarde e abjeto, estavam apenas “se fazendo de mortos, afinal”…
    .
    Hoje, dez anos depois, esse brasileiro comum, entrando na terceira idade, servidor público de nível médio, como fez há dez anos, escreve um de seus “textos amadorísticos”, dessa vez, atrevendo-se a transformá-lo nisso que chamo de “carta-conselho” ao senhor.
    .
    Seja pragmático, frio, calculista, ardiloso, como são estes, que o odeiam e ao povo brasileiro a quem o senhor tanto ama e por quem tanto fez…
    Lula, eles AINDA NÃO DESTRUÍRAM TODO O SEU LEGADO, suas heranças, seus sonhos plantados, mas estão perto de concluir sua tarefa nefasta!
    NÃO DÊ MURRO EM PONTA DE FACA, tentando reconquistar o respeito ou “o senso de justiça” de elites e classes médias que estão totalmente tomados de preconceitos, fanatismo, ódio e nojo, pelo Senhor acima de tudo, mas também por sua família (sim, a doença dessa parcela da sociedade chega a esse nível!), seu partido, e de certo modo, extensivo à esquerda em geral. A manipulação perversa, o massacre diário da Globo, da Veja, da Folha, do Estadão, provocou esse estado de enfermidade social que nos assola e humilha enquanto nação minimamente civilizada. Precisamos ABORTAR esse processo na raiz, ele nos trouxe a Bolsonaro e à essa DANTESCA situação que vivemos hoje, certamente desprezados em e por todo o mundo… Estivemos A UM PASSO de nos tornarmos irreversivelmente democráticos, ricos, soberanos, Casa Grande e Senzala “fazendo as pazes”, numa conciliação que marcaria a História da humanidade, mas eles estragaram tudo, tudo…
    .
    Mais uma vez trago o nome que achava o mais indicado em 2010, e sigo achando o mesmo para 2020: Ciro Gomes!
    .
    Ah, antes de defender essa premissa, permita-me dizer, presidente Lula, que sobre Ciro escrevi um artigo aqui no meu blog no GGN, intitulado algo parecido como: “Tampe o seu nariz, mas vote em Ciro Gomes!”… – revoltado que estava (e, sim, ainda me sinto indignado com a baixeza moral de Ciro Gomes em relação ao senhor, em defendê-lo “com uma mão” – quando diz que o senhor é inocente dos “crimes” específicos de que o acusam, mas o agride “com a outra mão”, de “crimes” que o senhor teria cometido, provavelmente se referindo a indicações que o senhor fez de ministros ou outros cargos, de pessoas que eram conhecidas como “prováveis corruptas” – como se, antes do senhor, TODOS os outros ex-presidentes não tivessem corrido esse risco, diante de indicações de Partidos políticos quase que totalmente corrompidos, como é o caso do PMDB…) com o meu candidato à Presidência, pelo modo covarde que o atacou e ao PT em várias ocasiões.
    .
    “Mas que conselho tolo é esse, – pode o senhor me perguntar… – que eu apoie um nome fora do PT e de uma pessoa que se tornou INDIGESTA à quase totalidade do meu Partido?!?”

    E eu lhe responderia, “por pura intuição” mas também por um raciocínio lógico, que também por sabermos (creio que o senhor concorde com isso…) ambos, que CIRO GOMES É HOJE, A MENTE MAIS BRILHANTE E O MAIOR CONHECEDOR EM DETALHES E PROFUNDIDADE, DOS PROBLEMAS BRASILEIROS E AS SOLUÇÕES OUSADAS NECESSÁRIAS PARA SAIRMOS DO LODAÇAL A TODOS IMPOSTO PELA DIREITA BRASILEIRA!
    .
    Vou além, presidente Lula… é injusto e perverso o que lhe fizeram, à querida Dona Marisa, admirada por todos nós, a seus filhos, a seu partido, ao Brasil? Sim! Tudo foi e é algo “kafkaniano”, maligno, sórdido, um dos capítulos mais hediondos da História Mundial, no sentido da DESTRUIÇÃO DE UM SONHO QUE ESTAVA VIRANDO REALIDADE”.
    .
    Mas aí entra o PRAGMATISMO CALCULISTA, tão afeito à direita, que a esquerda brasileira NUNCA SOUBE PRATICAR: Poderá o senhor e o PT “dobrarem nas mentes e corações do antipetistas as sementes de nojo e ódio contra o senhor e o partido pela mídia e retroalimentado entre esses brasileiros em suas rodinhas sociais?”
    E, a única resposta realística a essa pergunta, é um ABSOLUTO NÃO!
    .
    Essa batalha, sinto muito, o senhor e o PT já perderam, eles venceram esse capítulo ordinário canalha, mesquinho…
    SACRIFIQUE SE JUSTÍSSIMO DIREITO A UMA REPARAÇÃO AINDA EM VIDA, pela reparação garantida da História. Ciente da honra, do privilégio, que seus filhos e netos terão o orgulho e a alegria de verem em poucas décadas, a História sendo escrita lhe fazendo a justiça que seu país, digno e civilizado fosse, democrático fosse, justo fosse, nção tomado de doenças éticas e de fanatismo fosse, lhe faria hoje.
    .
    Lula, deixe que Ciro Gomes peite essas oligarquias cegas, mesquinhas, indiferentes aos nossos pobres, miseráveis de alma! Ah, ele talvez não te defenda como você merece, nós que o admiramos, amamos e respeitamos, FAREMOS ISSO NO LUGAR DELE! Mas é FATO, que não há brasileiro vivo hoje, com O DESTEMOR com que Ciro enfrentará Globo, Moro, Militares, Bolsonaro, privatistas traidores como os tucanos e o tal de “Partido Novo”, a escória toda, que jamais perderá um segundo de suas vidas pensando nos nossos pobres e miseráveis…
    Deixe Ciro Gomes e seu jeito meio doido, mas com a mente REPLETA DE DADOS REAIS SOBRE OS PROBLEMAS DO BRASIL, tente implementar as brilhantes soluções por ele propostas, que o PT o apoie em tudo o que for digno para o Brasil, e seja oposição, se e quando necessário, diga o que ele disser, faça o que ele fizer, em seu momento tosco de rancor e atitudes e falas indignas, contra o senhor e seu partido.
    .
    Deixe que ele termine o que o senhor começou, E NÃO PÔDE TERMINAR, ASSIM COMO A PRESIDENTE DILMA, pelo “excessivo e ingênuo republicanismo de vocês”, e por seu espírito, querido Lula, totalmente voltado para a conciliação, quando, hoje finalmente aprendemos, não há conciliação possível entre pessoas civilizadas e abertas ao diálogo verdadeiro, e as bestas feras fascistas existentes em nossas oligarquias.
    .
    Se o senhor insistir em manter o PT no “centro das atenções” e do protagonismo político, pode ser, não sei com certeza absoluta, que ESTEJA FAZENDO EXATAMENTE O QUE OS SÓRDIDOS DESEJAM QUE O SENHOR FAÇA…”
    .
    Talvez, “diminuir de tamanho e protagonismo” e apoiar o candidato que mais o feriu de modo tão leviano e doloroso, seja O MODO DE DERROTAR AQUELES QUE O DESTRUÍRAM E AOS SEUS SONHOS MAIS CAROS….
    .
    Deixe que a História lhe conceda o que os brasileiros, hoje, não lhe concederão: justiça e reparação!
    E tenha o gosto de derrotá-los por um caminho que eles jamais esperarão do senhor nem do seu partido.
    .
    Fora do ambiente de ódio, fora do “Fla X Flu” que a Globo incentivará nos próximos dois anos (“Nem PT nem Bolsonaro, vamos de Moro, que denunciou a corrupção de ambos!…” – sic…), apresentando um candidato que fuja a esse sofisma hipócrita da Globo, Ciro Gomes pode, tendo como vice um nome novo como Flávio Dino, com seu apoio e a militância de toda a esquerda, derrotar o ser ordinário que massacrou ao senhor, ao PT, à presidente Dilma e aos nossos sonhos, o candidato dos sonhos da Globo e de nossas oligarquias: Sérgio Moro! Será ele o inimigo a ser batido.
    .
    Nos ajude a derrotar esse farsante!
    .
    Um abraço, presidente Lula,

    Eduardo Ramos.