O knockout moral sobre a imprensa, oposição e Gurgel

Demóstenes, Perillo, Gurgel, Policarpo e Veja: acuados nas cordas pelos graves fatos que se tornam públicos,  apenas  O Globo e Folha de São Paulo não enxergam o knockout moral deste grupo, do qual também fazem parte
 
 
 
A oposição míngua e o DEM caminha para a extinção, algumas raposas mais espertas, exibindo lastro pedigree da Arena e PFL, já migraram para o PSD, e de lá, devem continuar exercendo seus posicionamentos mais conservadores e atrasados na política brasileira.
 
Demóstenes Torres, Marconi Perillo, Leréia, Stepan Necerssian, Roberto Gurgel e Policarpo Júnior unem, no mesmo canto do ringue, acuados pelas revelações das investigaçoes da Polícia Federal: o DEM, PSDB, PPS, Imprensa e Ministério Público.
Todos envolvidos no escândalo do esquema multi milionário do bicheiro Carlinhos Cachoeira.
Todos operando para fornecer “provas” contra adversários e penetrar no poder público em busca de favorecimento dos negócios do contraventor.

Em troca de que?

Os políticos tiveram campanhas abastecidas pelo dinheiro de ilícitos que ajudaram a promover.
A imprensa se promoveu e promoveu os políticos envolvidos, baseados no discurso da ética e dos bons costumes na política,com o nítido intuito de eleger parlamentares e mandatários do executivo que mantivessem o esquema funcionando a todo vapor.
Vendeu mais exemplares denunciando em favor do grupo político-midiático.
A imprensa, da mesma forma, ludibriou a sociedade…
 
 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Apoie agora

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome