Interiorização do Desenvolvimento III

Programas sociais e pólos tecnológicos impulsionam interiorização

Palestrantes avaliam avanços nas políticas sociais e de incentivo ao desenvolvimento tecnológico

Por Bruno de Pierro
Do Brasilianas.org 

O último painel do 02º Fórum de Debates Brasilianas.org sobre Interiorização do Desenvolvimento ficou a cargo do chefe do Departamento Regional no Nordeste do BNDES, Paulo Ferraz Guimarães, e do coordenador do programa de Fornecedores da Federação das Indústrias do Estado do Pará, David Leal.

Conforme afirmou Guimarães, o reforço a uma instituição como a Superintendência do Desenvolvimento do Nordeste (SUDENE) pode trazer a oportunidade de integração, para coordenar projetos e iniciativas de impacto regional, compromisso empresarial e mobilização do setor publico e integração de recursos financeiros.

Além disso, Guimarães mencionou a importância de programas sociais. Mais de 50% do Bolsa Família, por exemplo, são distribuídos no Nordeste, onde 50% da população ganha até um salário mínimo, de acordo com o PNAD. “O emprego formal apresentou maior taxa de crescimento no país. Existe sincronia saudável entre o programa social, pois é um programa que resgata”, explicou.

Leal, do Pará, mostrou resultados de pesquisas que comprovam os avanços no estado. Citou o município de Marabá, segunda colocada em estudo do DIEESE, em termos de crescimento e investimentos. O pólo de Belém, outro exemplo, tem investimentos até 2014 na ordem de US$ 10 bilhões, sendo US$ 9 bilhões do setor privado, responsável por 89% dos investimentos na região.

O coordenador ainda falou sobre o Programa Navega Pará, que interliga o estado por meio da Internet; os Parques Tecnológicos que serão construídos em Marabá, Belém e Santarém; e sobre o Norte Competitivo, planejamento estratégico de infraestrutura de transporte e logística da região Norte. Ainda assim, avalia Leal, é preciso aprimoramento dos incentivos fiscais e elaboração de um planejamento estratégico integrado para o Pará. 

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  José Luiz Oreiro fala do legado de Jaime Ros

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome