fbpx
domingo, outubro 25, 2020
  • Carregando...
    Início A Grande Crise Entidades criam a Rede Nacional de Combate à Desinformação

    Entidades criam a Rede Nacional de Combate à Desinformação

    A rede vai oferecer conteúdos de educação midiática, monitoramento de fake news, jornalismo de fact-checking e debunking, bem como ações de comunicação proativa levando informação precisa e necessária para a sociedade.

    do objETHOS

    Entidades criam a Rede Nacional de Combate à Desinformação

    Um conjunto de pesquisadores, jornalistas, observatórios de mídia, agências de checagem e movimentos sociais lançam amanhã, 24, a Rede Nacional de Combate à Desinformação (RNCD), um empreendimento com mais de 30 aliados para enfrentar fake news, campanhas mentirosas e discursos fraudulentos.

    Idealizada pela professora Ana Regina Rêgo na Universidade Federal do Piauí (UFPI) como uma aliança regional, em poucos meses, a RNDC se tornou um projeto nacional com foco amplo, que vai da pandemia da COVID-19, passa pela política e pelo ambiente religioso e chega aos direitos humanos com ataques à integridade das pessoas LGBT, mulheres, negros, indígenas, dentre outros.

    Baseada numa plataforma digital, a rede vai oferecer conteúdos de educação midiática, monitoramento de fake news, jornalismo de fact-checking e debunking, bem como ações de comunicação proativa levando informação precisa e necessária para a sociedade.

    A RNCD surge num cenário em que 62% dos brasileiros não sabe discernir informação de desinformação, por exemplo, e num momento estratégico: em meio a uma pandemia, quando dados incorretos e irresponsáveis podem causar danos irreversíveis a pessoas e organizações.

    O lançamento da rede vai se dar pelo canal da RNCD no YouTube, a partir das 19 horas, com palestra do professor Eugênio Bucci (USP), autor também do livro Existe democracia sem verdade factual?

    O objETHOS é entusiasta da RNDC e um dos seus integrantes.

    Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

    Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

    Assine agora

    Leia também:  A Tecnologia 5G da HUAWEI é uma ameaça para o Brasil?

    Deixe uma mensagem

    Por favor digite seu comentário
    Por favor digite seu nome