Líder comunitário do Santa Marta tem casa invadida por PM

"Essa é a realidade do morador de favela, ainda tive que ficar ouvindo questionamentos sobre o que eu faço da minha vida, sendo que eles que invadiram a minha casa."

O líder comunitário e fotógrafo Tandy Firmino teve sua casa no Santa Marta arrombada e invadida por Por PMs na manhã de hoje,11. Tandy, que estava dormindo, afirma ainda que “recebeu uma dura” por estar dormindo e não ter ouvido os policiais batendo a sua porta às 6h da manhã. “Essa é a realidade do morador de favela, ainda tive que ficar ouvindo questionamentos sobre o que eu faço da minha vida, sendo que eles que invadiram a minha casa. Eu sou trabalhador, estou de férias do meu trabalho e é isso que eu enfrento com a minha filha, que está assustada. Se você é preto, pobre e favelado, esta é a sua realidade”, desabafou Tandy, que junto com seu irmão Thiago, vem higienizando toda a favela desde março do ano passado, como é possível ver nas fotos de Vanessa Ataliba.

Continue lendo no Portal Favelas.

Redação

3 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

  1. Até instituições outrora orgulho da população contem irresponsáveis que, apoiados pelos desmandos da famiglia, se acham acima da lei e da ordem.
    https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2021/01/11/mulher-de-bombeiro-preso-por-matar-ciclista-atropelado-disse-a-policia-que-ficou-paraplegica-em-acidente-causado-por-marido.ghtml

    Por que este assassino estava livre?
    Segundo depoimento de sua esposa, também alcoolizado, já havia causado acidente que a tornou paraplégica. A mãe de seus filhos, a quem mais tarde este sujeito humilhou e ameaçou de morte.
    Outra coisa que nunca entendi. A corporação dos bombeiros sempre foi respeitada e venerada nas comunidades, bombeiro andava fardado nos onibus, entao por qual razão a famiglia sempre insistiu em arma-los?

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador