Protejam o Padre Júlio Lancellotti

Desta vez, um candidato na cidade de São Paulo colocou a vida do padre em risco incitando seus seguidores contra ele. 

Jornal GGN – Novamente o mesmo problema sério: o Padre Júlio Lancellotti sofre ameaças. Desta vez, um candidato na cidade de São Paulo colocou a vida do padre em risco incitando seus seguidores contra ele.

Diante deste novo quadro de ameaças à vida do padre, foi criado um abaixo assinado para que o poder público tome providências para a apuração das ameaças contra ele bem como para proteção de sua vida. O apoio é feito através do site Change.

Padre Júlio Lancellotti tem um trabalho admirável junto aos despossuídos. Está na luta há décadas para proteção e recuperação de pessoas que perderam o rumo e a crença na vida. Por isso mesmo é vítima de propagadores de ódio, que veem no seu trabalho abnegado um alvo fácil para suas investidas contra a cidadania.

Leia o manifesto a seguir.

Nós, abaixo assinados, cidadãs e cidadãos brasileiras e de outras nacionalidades, engajados em movimentos sociais e populares, defensores do respeito à dignidade humana e, acima de tudo, do respeito à vida, ao mesmo tempo em que nos solidarizamos com o Padre Júlio Lancellotti pelas ameaças que vem sofrendo, exigimos das autoridades competentes as garantias necessárias à integridade física dele, daqueles que o auxiliam e dos que por ele são assistidos.

Exigimos ainda a completa apuração e consequente identificação não apenas dos autores das ameaças e insinuações maldosas que lhes são dirigidas, como também dos possíveis mandantes de tais fatos e dos reais motivos que se escondem atrás de tais ameaças.

Lembramos que uma sociedade democrática precisa respeitar acima de tudo as diferenças entre seus membros, não sendo possível admitir gestos que se caracterizam como de verdadeiros jagunços ou mesmo de milicianos, normalmente alimentados por posições fascistas e intolerantes.

Para assinar clique aqui.

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Desigualdade nas regiões metropolitanas do país cresce durante a pandemia

3 comentários

  1. O candidato é um daqueles sem proposta, que curiosamente foi eleito parlamentar estadual sem ter propostas.
    Seguindo na vagabundagem que lhe é peculiar, tem tomado pau nos debates o que mostra, além de tudo, completa ignorância.
    Se é ignorante o suficiente para não ser prefeito, o é para parlamentar. Onde também demonstrou sua inépcia.
    Como não tem proposta, apela para a estratégia de comunicação, similar ao apito de cães em resposta condicionada.

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome