Sessão das Dez – O Telefone

Sugerido por Edivaldo D

 

O Telefone

 

Conspiração, espionagem, terrorismo

Considero o único filme bom de Charles Bronson. Mundanças na política do poder central na antiga União Soviètica resulta na liquidação da linha dura da KGB, um destes porém consegui escapar para os EUA e lá ele aciona uma série de ataques usando pessoas que foram treinadas por hipnose como agentes suicidas. Bronson é o agente soviético enviado aos EUA deter o extremista antes que haja uma guerra.

 

Os agentes suicidas são pessoas bem normais que são acionadas por uma frase que lhes é dita por telefone… “… promessas devem ser cumpridas, é preciso percorrer milhas antes de dormir.”

 

http://youtu.be/-NMgMcnqKhM

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Assine e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Assine agora

Leia também:  Série dinamarquesa 'Borgen' desmonta a bomba semiótica de gênero, por Wilson Ferreira

5 comentários

  1. Sinistro esse filme

    Gostei quando assisti, na guerra fria usaram mesmo a hipnose para se cometer atentados ou apenas ficção?

    Sei que muitos médiuns trabalharam para a CIA e KGB.

    Já ouvi falar que o assassino do irmão do Kennedy (Robert) estava sobre o efeito dessa técnica, existe outros casos sem confirmação.

    • “Sei que muitos médiuns

      “Sei que muitos médiuns trabalharam para a CIA e KGB”:

      Muito mais provavelmente, foram gigolados igual Ivan Moraes foi.

    • Ah, e muito mais

      Ah, e muito mais provavelmente ainda, foram gigolados igual Ivan Moraes continua sendo gigolado ate hoje.

  2. Só esse?… acho que não!

    Charles Bronson atuou em outros excelentes filmes:

    Era uma vez no oeste (1968)

    Fugindo do Inferno (1963)

    Os doze condenados (1967)

    Sete homens e um destino (1960)

    O passageiro da Chuva (1970)

    Não sejamos injustos com o trabalho de Bronson…

  3. MKULTRA Russo?

    Que eu saiba esse projeto de controle mental foi feito pela CIA (com o uso de LSD), não sabia que os Russos tinham seu próprio MK. Mas esse filme bebe em um clássico do Frankenheimer – Sob o Domínio do Mal.

     

     

     

Deixe uma mensagem

Por favor digite seu comentário
Por favor digite seu nome