A melhoria relativa no emprego e a queda na renda, por Luis Nassif

Houve queda no rendimento de todas as categorias profissionais, com exceção apenas da construção civil..

Foto: José Cruz/Agência Brasil

Houve uma pequena melhora no emprego, mas longe de reduzir a tragédia brasileira.

A População Economicamente Ativa (PEA) cresceu 1,6 milhão. São as pessoas em idade de trabalho. Já a Força de Trabalho cresceu 4,9 milhões, um crescimento de 2,3%.

O bom dado é o aumento de 4%, ou 8 milhões, na FT empregada. E uma redução de 3,2%, ou 6,6 milhões na soma de Desocupados mais Fora da FT.

Mesmo assim, esses dois contingentes – Desocupados e Fora da FT – equivalem a 72,2% do contingente da FT. E a 44,8% da PEA.

No aumento do emprego, o setor de maior crescimento foi o de Comércio, Recuperação de Veículos Automotores e Motocicletas, com mais 2 milhões, certamente impulsionado pelas plataformas de entregas.

Depois, foi Alojamento e Alimentação, com 1,3 milhão, um dos mais afetados pela fase anterior, de isolamento.

Mesmo a Indústria conseguiu recolocar 931 mil trabalhadores.

Houve queda no rendimento de todas as categorias profissionais, com exceção apenas da construção civil..

Em relação ao mesmo período do ano passado, houve uma queda de 8,6% no rendimento médio total, que caiu de R$ 2,789,00 para R$ 2.548,00. Aliás, mostrando uma queda continuada. De 2017 para cá a queda chegou a 5,2%.

2 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

André Tonon

- 2022-05-02 12:07:03

Nassif, querido. Seria bacana os textos serem mais informativos e com dados reservados para leitores mais informados/interessados. Um texto com tabelas complexas para se ler afasta o leitor com pouca familiaridade com números. Como vc é um analista, seria bacana que a análise dos dados, de forma para o "povão" entender deveria vir primeiro. Os dados podem ser esmiuçados da página 2 pra baixo. Uma coisa que não achei é sobre a queda do rendimento. Foi causada pela inflação? Foi causada por contratações com salários mais baixos? Qual é a renda média dos empregados na iniciativa privada? Qual é a renda média nas regiões do país, cidades grandes, médias e pequenas? Forte abraço

José eu pontooo Marcelo.

- 2022-05-02 10:36:33

Nassif toca no ponto crucial, vão manipular os dados na campanha,se não houvesse dados positivos a eles mesmo assim fabricariam,isso ocorrerá na internet tb, vão criar uma espécie de realidade virtual através de vídeos milimetricamente direcionados as pessoas como na campanha nazista contra Lula/Dilma e PT no golpe mas bem turbinado,a luta será REALIDADE X ILUSÃO OU MENTIRA X VERDADE, próximo às eleições vão estimular as decisões das pessoas na base da emoção com desinformação em massa, necessário é ESTIMULAR JÁ a base crítica das pessoas apoiado na realidade física e não no q ouvem e ou vêem na internet e tvs,na propaganda partidária precisa pôr as pessoas falando suas experiências em uma cadeira e o presidente em outra cadeira só ouvindo e dando a sua clássica passada mãos na barba e só matutando,obrigado ggn a atenção,vlw !!!

Você pode fazer o Jornal GGN ser cada vez melhor.

Apoie e faça parte desta caminhada para que ele se torne um veículo cada vez mais respeitado e forte.

Seja um apoiador